Guia de Ushuaia: informações e dicas sobre a maravilhosa cidade do fim do mundo!

Por Camille Panzera

Vez ou outra chamamos de “fim do mundo” aquele lugar distante ou que não desperta o interesse das pessoas, mas a verdade é que Ushuaia, conhecida como a cidade do fim do mundo, não faz jus ao uso popular da expressão. Ushuaia é a cidade mais austral do mundo, a mais próxima do continente antártico e por isso recebeu o curioso apelido. Pelo contrário, a cidade tem tanto a oferecer que cada vez atrai mais brasileiros e é a mais nova integrante do Guia de Destinos do MD!

No extremo sul da Argentina, a cerca de 3 mil km de Buenos Aires ou apenas mil km da península antártica, Ushuaia é um destino propício pra curtir lindas paisagens naturais, aproveitar da gastronomia e dos vinhos, e ver um pouco de neve. Conhecida por ter a temporada de neve mais longa do hemisfério sul, a região é perfeita para se aventurar nos esportes gelados.
Há quem pense que Ushuaia não tem muitos atrativos para além do esqui e snowboard, mas há, sim, muita coisa para fazer, principalmente passeios. Durante todo o ano o local recebe turistas, ainda mais no verão, que é considerado o período de alta temporada, porque o frio não é tão forte e as atividades ao ar livre tornam-se mais agradáveis. 

dicas-ushuaia

Ushuaia é relativamente nova, tem pouco mais de 100 anos e possui pouco mais 50 mil habitantes. O local passou a ser colonizado e se desenvolveu com a implementação de um presídio, que hoje em dia está desativado. Conhecer o antigo presídio de Ushuaia e o Museu Marítimo, além de fazer um passeio no Trem do Fim do Mundo, são ótimas oportunidades para se inteirar sobre a história do lugar, que, apesar de recente, é muito interessante.

Localizada entre o Canal de Beagle e a Cordilheira dos Andes, que por si só já chamam a atenção pelo cenário encantador, Ushuaia é ideal para curtir a natureza e ao mesmo tempo ter um gostinho de como é uma viagem à Antártica. Quando na cidade, não dá para perder um passeio de barco pelo canal, com direito à vista de ilhas com pássaros e leões marinhos, além de uma parada para fotos no Farol Les Eclaireus, algumas vezes confundido com o “Farol do Fim do Mundo”, embora este título seja, na verdade, do farol da Isla de Los Estados.

A cidade está cercada por muitos bosques e próxima a lagos de cores lindas, principalmente o lago Esmeralda. Quem tiver tempo disponível não pode deixar de fazer um passeio de 4×4 entre os lagos Fagnano e Escondido, que revelam paisagens naturais espetaculares e tranquilas, ótimas para curtir um dia junto à natureza. Fazer um passeio, seja de carro ou a pé, no Parque Nacional Tierra del Fuego também são programas que não devem faltar em nenhum roteiro – é nesse parque que termina a Ruta 3, que faz parte do sistema de rodovias Panamericanas, que se inicia no Alasca e termina na Baía Lapataia, a mais de 17 mil km de seu ponto de início.

Ushuaia é um bom destino para compras; como está livre de impostos, os preços podem ser vantajosos quando comparados aos do Brasil. Por lá você encontra desde freeshop a lojas de lembranças, cervejas artesanais, além de muitas lojas de marcas esportivas e lojas de roupas de frio e neve, indicadas para quem não consegue encontrar em sua cidade roupas para enfrentar o frio que faz no sul da Argentina.

ushuaia-guia

A culinária, rica em peixes e frutos do mar, é outro ponto positivo a se ressaltar no lugar. Come-se muito bem em Ushuaia! Um prato tradicional nos restaurantes é a centolla, o famoso caranguejo gigante, e a merluza-negra, que desmancha na boca. As saborosas carnes que figuram nos cardápios do país também têm seu espaço nessa parte do mundo, mas o cordeiro patagônico – carne super macia quando bem preparada – é que chama a atenção quando o assunto é carne. Para a sobremesa nunca falta um doce de leite, é claro!

Para conferir maiores detalhes sobre nossas dicas de Ushuaia, leia nosso guia na íntegra. Nele você pode encontrar informações sobre como chegar, quando ir, onde ficar, transportes e outras dicas. Leia também sobre o que fazer em Ushuaia, onde comer, passeios, pontos turísticoscompras e sua vida noturna.