United vai cobrar taxa pelo uso do compartimento de bagagens da cabine!

Leonardo Cassol 6 · dezembro · 2016

Essa polêmica notícia não seria tão surpreendente se tivesse sido anunciada por uma companhia ultra low cost. Mas ela veio de uma das maiores empresas aéreas do mundo. A United Airlines informou hoje que, além de cobrar pelas bagagens despachadas, como já ocorre há alguns anos nos voos domésticos dentro dos Estados Unidos, pretende iniciar a cobrança pelo uso do compartimento de bagagens dentro na cabine, aquele mesmo que fica em cima das poltronas.

A cobrança vai ocorrer para os passageiros que adquirirem a tarifa econômica básica. Ou seja, os bilhetes com aquela tarifa mais baratinha, além de não darem direito a reserva de assentos, despacho de bagagens e serviço de bordo, também não vão permitir a utilização do compartimento de bagagens. As tarifas mais caras continuarão oferecendo esses serviços.

Com a nova medida, a única alternativa para não pagar um adicional será levar no voo levar apenas uma bolsa ou uma mochila que caiba embaixo do assento. O valor da taxa ainda não foi definido, mas deve ser inferior aos 25 dólares cobrado pela primeira mala despachada.

avaliacao-united-777

A expectativa é que a nova taxa gere 1 bilhão de dólares em receita adicional até 2020 e permita a companhia oferecer tarifas mais baixas para competir com as concorrentes low costs, como Frontier e Spirit, por exemplo.

O pioneirismo da United naturalmente gerou uma reação bem negativa dos usuários, levando a discussão inclusive para o Senado norte-americano.

Se a moda pega, num futuro próximo essa política pode ser implementada pelas concorrentes e importada por outros países, inclusive o Brasil, que deve anunciar na semana que vem o fim da franquia de bagagens despachadas para voos domésticos, entre outras medidas, conforme antecipamos hoje.

O site da United ainda não indica a restrição da bagagem de mão. Provavelmente a medida, quando implantada, vai valer para bilhetes adquiridos após o anúncio oficial.

E você, o que achou dessa nova medida? Comente e participe.

Com informações da rede ABC.

Publicado por

Leonardo Cassol

Editor

  • Ernesto Lippmann

    É a tendencia para evitar as comparações em sites de busca de preços. Passagens cada vez mais “baratas”, e mais cheias de extras, se tornando no fundo, mais caras que as que pagavamos.

  • Diogo Avila

    Cobrar por mala despachada já acho sacanagem dependendo do trecho. Agora por mala de bordo é o fim!

  • José Eduardo

    O próximo passo é cobrar se o passageiro estiver usando mais de uma peça de roupa.
    Veremos.

    • brunofranca

      Depois incluirão banheiro só para passagens mais caras ou clientes platinun.

    • FabioPalmeiras

      O mundo está ficando cada vez pior…. mas parece que as pessoas gostam disso. O Brasil e os brasileiros que o digam…. 2016 revelou que o brasileiro (e por que não o americano também) gosta mesmo é de pagar pau pra milionário e capitalista/rentista. Quanto mais caro e mais explorado, melhor…

      • Emmanuel Kalispera

        Aqui no Brasil temos a figura bisonha do pobre de direita, também conhecido, como capitalista sem capital!!

        • Ligia

          Existe pobre de direita no mundo todo! Depois que o muro caiu e mostrou a cara feiosa do socialismo, que torna todos (menos os camaradas) ainda mais miseráveis, ser de direita deixou de ser uma questão de classe social e passou a ser questão de esclarecimento – para não dizer de inteligência!

  • Guilherme Zanutin

    É o fim do mundo! Não duvido nada se a LATAM for a próxima com essa ideia brilhante.

  • Diego Santos

    Em breve se pagará para respirar na cabine. Quem não quiser que leve seu oxigênio.

    • André

      Mas quem quiser levar seu próprio oxigênio terá que pagar rolha.

  • Questionador

    Como vão controlar a tarifa que a pessoa comprou quando tiverem colocando coisas nos compartimentos? O que impede alguém de no meio do voo colocar sem ninguém ver? Vão jogar a pessoa pela janela do avião?

    • Ricardo

      por certo na checagem para a entrada da aeronave, e como há limite de quantidade por pessoa nem dará para uma pessoa passar com as coisas na outra na checagem…

    • Deve ser no embarque, como fazem as low costs. Mais de um volume ou volume que não tenha as dimensões, só embarca se pagar.

      • Carolina

        Mas Leo, se eu estou com uma mochila que cabe embaixo da poltrona da frente, coloco de fato lá e no meio do voo coloco pra cima, após tirar algo dela, por exemplo? Não digo nem por “sacanagem”, mas às vezes por costume mesmo… acho que foi essa a dúvida do colega.

  • Anonimo1115

    Achei a decisão excelente! As pessoas têm que aprender a viajar leve. Já fui para vários lugares do mundo, para ficar 40 dias, com roupas de frio, levando apenas 10 kg. Tem gente que leva 20 kg dentro do avião fora uns 60 kgs despachado. Parece que estão de mudança. Assim, não sobra espaço nem para minha bolsa de mão dentro da cabine.

    • Thiago Castro

      vossa senhoria está de sacanagem, só pode! Regular o bagageiro da cabine não tem nada a ver com viajar leve!!!

    • Claudia Baum Boeira

      eu viajo somente com bagagem de mão, mas a minha excede 5 kg e não cabe embaixo do banco.

    • Carolina

      Concordo em gênero, número e grau! Brasileiro e sua mania de 2x32kg…

      • Bruno Santos

        Qual é o problema, senhora? 2×32, ou seja, malas despachadas, no que te prejudica?
        Agora se vc reclamar daquelas acima de 5 no bagageiro interno, concordo com V. Sa..
        O problema é que as pessoas se julgam melhores que as outras por coisas irrisórias. Exemplo: um simples fato de não ter a necessidade de carregar tanta barragem, já da o direito de falar com desprezo dos outros que possuem tal necessidade.

    • Bruno Santos

      O Senhor é um fanfarrão!!! Uma coisa é achar ruim pessoas folgadas que ocupam o seu compartimento interno e de outros passageiros, o que deveria ser verificado e corrigido pelas cias; Outra coisa é aprovar “achar a decisão excelente” uma medida que veio para lesar ainda mais os consumidores.

  • FabioPalmeiras

    Prefiro mil vezes a Delta.

    • Fábio

      Nunca voei de delta, mas já ouvi péssimos relatos. Não sei oq achar dessa empresa

      • Ricardo

        Acho a Delta a melhor entre as americanas (o que não é grande coisa), e depois a AA.

        • Fábio

          Já voei de AA para NY e tive uma ótima experiência, muito embora também tenha lido péssimos relatos de outros viajantes. AA pra mim continua uma incognita

    • Nossa, Delta é maravilhosa. Nunca tive nenhum problema. Voos sempre pontuais, conformáveis, atendentes super dedicados e sempre tem um que fala português. Só o que me irrita são aquele aviões medievais que eles usam para fazer conexão. Dá medo.

  • Manu_Floripa

    mas gente, que mesquinharia. Até acho que o povo passa um pouco com as malas de mão mesmo. Mas cobrar por elas agora?

  • Não dá ideia… kkk

    • Valdemir Oliveira

      Leo sabe q essa ideia é interessante…pras companhias aéreas.. claro

      • JCS

        Mas isso já está sendo cogitado. Li por esses dias uma matéria que dizia, que as companhias aéreas estão pensando em cobrar a passagem proporcional ao peso do passageiro.

  • Andre

    Tive um comentário censurado. Estranho, não tem palavrões, porque isso ocorreu ?

    • Emmanuel Kalispera

      Sistema é automático, depende de palavras etc.

  • Flavio Marko

    Acredito que se as companhias nacionais adotarem está medida vai reduzir ainda mais a procura por vôos. Todos sabem que no Brasil as medidas para economia de empresas raramente reduzem preços. E que viaja, por exemplo de férias, sem bagagem?

  • gabriela eller

    Eu nunca marco assento na United (mesmo qdo está disponível a marcação) pq realmente cerca de 50% dos assentos tem aquele espaço extra pras pernas e como pouca gente paga por eles, acaba que os assentos que “sobram” são justamente estes. Não me importo de ficar sabendo meu assento na hora do vôo se no fim vou pegar um assento melhor.

    • Fábio

      O problema é que tenho quase 2 metros e tenho preferência por corredor. Já tentei nos 2 tipos de assento da United e não senti diferença entre eles.

  • Ulisses Souza

    Na bucha!!!!!

  • Renan Gleyson

    kkkkkkkk mitou!

  • Antonio Silva

    Valei-me Nossa Senhora…kkkk

  • ChargerBR

    Passagens mais baratas e que com os extras ficam muito mais caras, genial né? Isso tudo para fortalecer o bolso do acionista e concorrer com a Low Cost… Se é assim vou de low cost, inclusive o tratamento é muito melhor nelas.

  • Valdemir Oliveira

    BOOOAAA!

  • Tathiane Oliveira

    Péssima notícia!!!! Logo logo só os ricos poderão se locomover de avião, como era num passado próximo. ?

  • Claudia Baum Boeira

    Já tem… a Hawaiian… porque o povo local é muito gordo…. e ainda se ofenderam com o desenho da Disney.

  • Claudia Baum Boeira

    verdade… o preço da bagagem (1 mochila grande) é o mesmo que o preço da passagem… desisti de viajar longas distâncias dentro dos EUA por causa disto, não vale a pena.

  • Carolina

    E aí vão colocar um crachá de “heavy” no passageiro kkkkk

  • Joao Victor Reis

    Eu concordo… minha última viagem aos EUA eu vi a situação q foi, em mais de um voo, o embarque, e a necessidade de fazer check in das malas porque as pesssoas abarrotavam os bagageiros com itens absurdos… então se isso baixar o valor da tarifa, eu apoio..

    • Bruno Santos

      Vai sim, vai baixar! Fica esperando…

  • Elaine Wenz Saisse

    e o ar, eles vão cobrar também? Vai precisar de moedinha pra abrir a porta do banheiro? a gente daqui a pouco vai viajar em pé se segurando em um caninho igual a ônibus?