TAM e LAN anunciam novos voos internacionais: Cancún, Barcelona e Toronto entre os novos destinos!

Denis Carvalho 22 · setembro · 2014

O Grupo LATAM Airlines, formado pelas companhias TAM e LAN, anunciou hoje os novos voos internacionais planejados para 2015. A TAM pretende criar voos diretos entre São Paulo e Cancún (México), ainda em 2014, e entre São Paulo e Barcelona (Espanha) para a alta temporada, em meados do ano que vem.

A empresa também espera lançar, no primeiro semestre de 2015, um novo voo para Toronto (Canadá) a partir de São Paulo, com escala em Nova York. Estão previstos, adicionalmente, um reforço nas rotas entre o Brasil e os EUA, com a criação do voo Brasília-Orlando, projetado para o terceiro trimestre do próximo ano, e mais frequências nos voos Brasília-Miami e São Paulo-Miami. 

A empresa intensificará o uso de aeronaves Boeing B767 — com assentos full flat, com inclinação de 180º, na Classe Executiva. Outra novidade será um “aprimoramento” na configuração interna do Boeing B777-300 ER, que segundo a companhia trará mais conforto para o passageiro, mas nào foram revelados detalhes. Até o fim de 2015, a empresa ainda deve ser a primeira das Américas a receber o novíssimo Airbus A350.

Europa

A expectativa da criação de um voo direto para Barcelona é para atender a demanda dos passageiros que viajam para a Espanha. A TAM já opera voos diretos de São Paulo para Madri, e a chegada à segunda maior cidade espanhola vai permitir que mais brasileiros visitem o país.

Com o objetivo de fortalecer a conectividade do continente sul-americano e aprimorar a experiência de voo dos nossos passageiros, a rota para Milão, que hoje é feita pela TAM, passará a ser operada pela LAN, em voo diário realizado com os novos Boeing B787. A previsão é de que a mudança se dará no quarto trimestre de 2015. O voo partirá de Santiago do Chile com destino à cidade italiana e fará escala em São Paulo.

América no Norte

Para a América do Norte, além da expectativa da chegada a Toronto e da criação do novo voo Brasília-Orlando, as previsões são de que a rota São Paulo-Miami passará a contar com frequências adicionais no segundo semestre do próximo ano. Já o voo Brasília-Miami deverá ter sete frequências semanais no terceiro trimestre de 2015.

Na LAN, está previsto o aumento de 10 para 14 frequências semanais na rota Santiago-Miami, que serão implementadas ao longo de 2015. A companhia prevê a ampliação do uso dos Boeing B787, em suas versões Boeing B787-8 e Boeing B787-9.

Publicado por

Denis Carvalho

Editor chefe

  • Hugo Balieiro

    Vejo novos voos com promoções chegando rs

  • lheu

    voo para sp-toronto via NYC será um tiro no pé. Além da concorrência ter voos direto, há a necessidade de ter o visto americano e o canadense.

    • Marcos Reis

      Concordo e inclusive comentei exatamente isso… Além de ter a Air Canadá fazendo direto, tem outras empresas já fazendo via EUA com preços menores dos que serão praticados pela TAM.

      • Exemplo clássico é a Copa Airlines, que além de ter vôos com apenas 1 escala a partir de várias cidades brasileiras, costuma ter preços e promoções interessantes para Toronto.
        E para isto, necessitando apenas do visto canadense.

        • jorge moraes

          A Copa não faz escala no Panamá, faz Conexão, ou seja troca de aeronvave. A Tam fará escala em NY, ou seja o pax não vai descer do avião e portanto não há necessidade de visto Americano.

          • lheu

            quanto a Copa esté certo. quanto a tam incorreto. Todos os passageiros com conexão intl ou escala nos Estados Unidos precisam de passar pelos procedimentos de alfândega. brasileiros precisam de visto válido.

          • Leandro Smith

            Isso não é verdade. Independentemente de ser conexão ou escala nos EUA, é necessário que o passageiro tenha o visto americano sim

          • Adonis Interessante

            Verdade, nos EUA não existe essa de não descer do avião, todo mundo tem que sair e fazer imigração.

            Exemplo é o vôo de Tóquio-Dallas-São Paulo.

          • Na verdade quis dizer conexão, e foi um lapso ter escrito escala.
            E ao contrário do que disseste Sr. Jorge, é obrigatório visto dos EUA válido, mesmo em um escala. E na escala, todos os passageiros são obrigados a desembarcar e passar pela imigração americana, para então reembarcar. Um exemplo de como isto funciona é a Korean Air e seu vôo para Seul com escala em Los Angeles.
            De qualquer forma, dependendo de que parte do Brasil estás, o vôo da Copa tende a ser mais confortável pois além de não necessitar visto dos EUA, a conexão costuma ser curta no Panamá.

          • edu

            nao interessa se e conexao ou escala, pisou no territorio americano precisa de visto USA….

    • Alvaro

      Ilheu, mesmo com escala apenas nos EUA, é preciso de visto ? Ou apenas conexão ?Abs,

      • lheu

        sim. visto válido. turista ou trânsito (que nem sei se existe mais)

        • jorge moraes

          Insisto não precisa visto nenhum.

          • Dani

            Jorge, não seja teimoso, precisa sim. E mesmo se não precisasse pelo fato de ser apenas escala e não descer do avião, acontece qualquer problema e tem que trocar de aeronave, você será impedido de seguir viagem e será deportado caso não tenha o visto.

          • jorge moraes

            Então., vamos pedir a intermediação do MD pra esclarecer esta dúvida. MD há ou não necessidade de visto para o pax que faz apenas escala em N. York?

          • lheu

            incorreto. por que não pesquisa antes de postar?

            http://portuguese.brazil.usembassy.gov/pt/nivfaq.html#transit

        • Alvaro

          Opa, obrigado pela resposta Ilheu /

          • Fernando

            Álvaro, no próprio link que o Ilheu passou menciona a obrigatoriedade do visto no item 2!!!

          • Fernando

            O Ilheu esta corretissimo, veja o item 2.

  • Marcos Reis

    Se a TAM não ficar esperta, a Azul pega as rotas dela fácil fácil… Esperamos bons preços nas rotas novas, somente não gostei da rota Toronto com escala em NYC ainda assim obrigatório o visto americano e isso não facilitará nada pra quem quer ir Canadá sem passar pelos EUA, inclusive existem outras cias que já fazem essa rota inclusive com preços bem melhores dos que serão praticados pela TAM. Vamos esperar!

    • Gurgel

      Desculpe, mas ñ é necessário o visto. Há a obrigatoriedade do desembarque por questões técnicas e neste os PAX ficam em uma área de trânsito (alguém já viu o filme TERMINAL com Tom Hanks?). Situação idêntica a q ocorria na extinta rota São Paulo – Tóquio, que tinha a escala técnica em LAX. Espero ter contribuído.

      • Errado, escala nos EUA necessita visto e procedimentos de imigração.

      • Pedro Mello

        o filme o terminal é a história de um iraniano no aeroporto Charles de Gaulle em Paris. O nome do cara verdadeiro é Merhan Karimi Nasseri.

        Nos estados unidos não existe área internacional.
        O avião desceu, todos tem que sair fazer imigração e alfandega mesmo que para voltar para o mesmo avião.

        esse voo para o Japão tinha necessidade de passar imigração americana.

        • Guest

          Concordo, afinal os filmes americanos não são uma ótima fonte de informações, se não daria para passar no prédio do Tony Stark, dar um oi para o Homem Aranha, e ver Transformers

        • jorge moraes

          Quanta burocracia. Fazer a imigração de um pax que nem vai ficar nos Estados Unidos. Conta outra.

          • Pedro Mello

            bem vindo a américa…
            não quer? pega outro voo…

      • Leandro Smith

        Os filmes americanos são uma ótima fonte de informações, bem melhor do que as pessoas que ja pegaram esses voos e as informações da embaixada. Quando vc estiver em NYC não esquece de passar no prédio do Tony Stark, dar um oi para o Homem Aranha, e espero que vc consiga ver um Transformer tb. (sarcasmo)

      • Carlos

        Pessoal, só lembrando que já no checkin do vôo que passa pelos EUA você já tem que mostrar o visto. Mesmo que o destino final seja outro pais.

  • Thiago Castro

    Ótimas notícias!!

  • André Felipe

    Com MUITO atraso, a TAM acorda para o mercado e começa a ver novos vôos para os Estados Unidos por Brasília, mas a decisão referente a rota para Milão foi um retrocesso e a Alitalia agradece. A perda de capacidade na rota será grande. Agora a TAM também poderia fazer o sentido inverso: um vôo para o Pacífico Sul, saindo de São Paulo e escala em Santiago.

    • jorge moraes

      Concordo com vc. Este voo vai perder capacidade à toa.

  • Rodolfo Sarney

    Tomara, apesar de duvidar MUITO, que essa remodelação do interior dos boeing 777-300ER seja pra torna-los 3-3-3, pois como está atualmente 3-4-3 é terrivel, poltronas apertadas como nos vôos nacionais. Acho que a TAM é a única empresa que opera no Brasil com os 777-300ER nessa configuração 3-4-3..lamentável..

    • Manoel Filho

      Rodolfo se não me engano a configuração do 777-300ER é 3-5-3!!!!! Seria melhor 2-5-3

      • Thiago Castro

        O B777 da Tam que faz GRU-SCL tem a configuração 3-4-3 (já fiz esse trecho e confirmei no Seat Guru). 3-5-3 seria um absurdo até para a Tam!!!!!

        • Marcelo

          Farei um voo para CDG pela Air France e o retorno, via AMS pela KLM. As duas cias (Air France 777-300 e a KLM 777-200) também usam a configuração 3-4-3!!!! Deve ser normal essa configuração. Não é exclusividade da TAM!!!

          • Rodolfo Sarney

            Normal não, os vôos da Korean Airlines, United, American, Turkish, Qatar, British, Air Canada, entre outras, todos tem configuração 3-3-3. A Air France realmente opera 3-4-3 também, como a TAM. Mas a KLM acho que você se enganou, o vôo com 777-200 é AMS-GIG e tem configuração 3-3-3 ( http://www.seatguru.com/airlines/KLM/KLM_Boeing_777-200.php ). Enfim, de 10 empresas umas 2 operam com 3-4-3, o normal é 3-3-3, principalmente para voos longos (acima de 12 horas).

          • Bruno

            Só corrigindo: AA 777-300 =3x4x3 / AA 777-200 = 2x5x2, após reforma 3x4x3 / Air Canada 777-300 = 3x4x3 após reforma. =)

          • Marcelo

            Rodolfo, eu mesmo marquei o assento da minha família (4 pessoas), no site da cia. Todos juntos no meio! KLM no 777-200, a configuração é 3-4-3!

          • Rodolfo Sarney

            Então vai haver uma reconfiguração interna, pois atualmente ela opera os 777-200 3-3-3 conforme link do seatguru que colei ( http://www.seatguru.com/airlines/KLM/KLM_Boeing_777-200.php ) . De qualquer forma a maioria das empresas que já voei (United, Korea, British e Qatar) tem a configuração 3-3-3 em seus 777 e acho que pra voos longos (acima de 10, 11 horas) faz mita diferença.

      • jonatan

        fui pra paris em março é 3-4-3

      • Rodolfo Sarney

        Não, 777-300 ER da TAM é 3-4-3 ( http://www.tam.com.br/b2c/vgn/v/index.jsp?vgnextoid=bc6c4e98085aa210VgnVCM1000009508020aRCRD ) .. Acho que se a gol tivesse um 777 ela usaria na configuração 3-5-3 rsrs

    • Jose

      777 a partir de SP pq so RJ ainda usam os obsoletos 767…

      • Mariana

        Os 767 operados do RIO (MIA E NUC) são completamente novos e reformulados, inclusive a Business é totalmente reclinavel!

  • re178

    Até que enfim! Desde a época da Vasp (isso nos anos 90) não tinhamos uma cia. brasileira voando para Toronto e Barcelona!

    • HERMES DOS S

      Só lembando que a LAN comprou a TAM (fusão foi só um nome bonitinho para disfarçar) portanto, a TAM já deixou de ser brasileira faz tempo. Ainda bem, pq com os péssimos serviços que vem piorando a cada dia, não faz muita diferença em ser ou não brasileira (para mim). Agora, mesmo ruim, com mais rotas para EUA a concorrência ficará muto melhor para nós!!!

      • William Schweickardt

        a LAN não comprou a TAM não querido, sou acionista, leia mais, informe-se melhor.

        • Guilherme l

          Qualquer funcionário da TAM sabe que a LAN Comprou sim a TAM …. é nítido !

      • re178

        Isso é verdade, preferia que fosse a Azul, mas faz de conta que a TAM é brasileira…

  • mariostefa

    Efeito concorrência da AZUL ?

  • Nino Sobrinho

    A Air Canadá utiliza para o trecho GRU-YYZ e YYZ-GRU o Boeing 767-375(ER), então a TAM usará aeronave parecida, ou o Boeing B777-300 ER. Não entendo porque não um voo direto? Creio que para ter uma taxa de ocupação alta, pegando o trecho NYC, já que Toronto é uma frequência nova.

  • Filipe

    Uma amiga que trabalha na Tam disse, ontem inclusive, que a companhia também pretende iniciar Brasília-NYC. Alguém sabe da veracidade dessa informação? Pq se pretende-se msmo eles teriam anunciado junto agora…

  • Carla

    Estou com 3 inscrições (minha e das minhas filhas) com 30.000 pontos cada na Lan que irão expirar em 31/12/14. Tenho olhado e só dá para ir a Santiago-Chile. Será que conseguirei emitir para Cancún? Tomara!

  • O Francisco Assis Junior

    Quero ir pra Cancun no carnaval e não estou encontrando bons preços com a copa. Espero que este novo trecho seja vantajoso.

  • Fernando Gama

    Na TAM, nem de graça!

    • Pedrinho

      Poxa Fernando!!

      Eu iria oferecer uma passagem de ida e volta, para você e sua família,
      no voo de inauguração da rota.
      mas então deixamos para uma próxima.

      • Fernando Gama

        Pedrinho, muito obrigado. Minha família e eu, na TAM nem de graça. Pode passar para outro. Na TAM, de graça é caro. Abraços.

  • Adonis Interessante

    Que delícia esse vôo para Milão! Ótima notícia.

  • André Felipe

    Muita gente ainda discutindo se a TAM é brasileira ou chilena.
    Não faz diferença para o consumidor de a TAM foi comprada ou fundiu com a
    LAN. O que importa é que a qualidade da citada tem caído
    consideravelmente desde então. Até a GOL tem uma configuração mais
    confortável que a TAM. De que adianta a TAM se gabar dos 767 semi-novos
    que usa se sua frota em vôos domésticos tem configuração desconfortável
    com preços muito acima da qualidade oferecida.

    • Fernando Gama

      #natamnemdegraca

  • Meus clientes ficaram triste com o fim do voo da Tam direto para Paris, agora temos uma boa nova : voo direto Barcelona
    abs
    http://www.saboreandoparis.com

    • Bruno

      Mas o fim do voo para Paris, foi a partir do Rio, não? Tanto que ai a TAM, colocou o 777 na rota, substituindo os a330 e o novo voo para Barcelona, também será a partir de Guarulhos.

  • Vou perguntar para a TAM e posto aqui! Meu palpite é que precisa, já que sem ele nem check-in você consegue fazer… Mas é só um palpite!

    • Sergio Esteves

      Lendo essa discussão de vocês me veio uma dúvida, no item 2 fala que a pessoa precisa de um visto C-1 de trânsito para entrar nos EUA, mas, se a pessoa tiver um visto B1/B2 válido, pode fazer uma escala nos eua ou tem que emitir outro visto?

  • Fernando Durães

    Estou precisando de passagns para Londres, ir llogo após Natal e voltar por volta de 12/01. Posso esperar algo ou não mais provável? Estou propenso a comprar logo…

  • Eduardo

    A TAM iniciou um vôo direto do Rio para Orlando em Nov/2012 e cancelou esse vôo 4 meses depois. Agora vai iniciar um vôo de Brasília para Orlando? Cuidado ao comprarem passagem pois esse vôo pode ter o mesmo destino do anterior. Não acredito que a demanda de BSB-MCO seja maior do que GIG-MCO. Eles fazem o que querem e os passageiros ficam como bobos depois tendo que cancelar o bilhete ou aceitar fazer uma conexão em GRU.

  • matheus

    TAM deveria ter mais e mais destinos como a varig