Superbônus Santander reduz pela metade pontos pelo pagamento de contas no cartão a partir de junho

Por Denis Carvalho

Péssima notícia para os clientes do Santander. A partir do próximo mês o banco vai cortar pela metade o número de pontos que oferece pelo pagamento de contas no cartão. Com um comunicado muito discreto em sua página na internet, o Santander informa que o programa Superbônus terá um novo regulamento a partir do dia 15 de junho. As novas regras trazem uma diferenciação entre os gastos com compras e com o pagamento de contas.

Para quem não conhece, o Superbônus está disponível gratuitamente para todos os clientes Santander e oferece pontos que podem ser trocados por produtos, passagens aéreas e até descontos na fatura. O número de bônus depende do valor gasto no cartão de crédito, seja por compras, seja pelo ContaPaga, serviço que permite o pagamento de contas no cartão.

A mudança está anunciada nesta página. No regulamento atual, que pode ser consultado neste link, a tabela do anexo mostra o fator de conversão de bônus por dólar e a validade deles, que varia de acordo com o cartão:

Superbonus Santander tabela1

 

O novo regulamento, que está disponível nesse link, tem uma tabela de anexo diferente. Além disso, foi acrescentado o item 5.1.1, que diz “O fator de conversão de pagamentos de contas é diferente do de compras, conforme estabelecido no anexo”. Na nova tabela, o fator de conversão de pontos por dólar passa a ser apresentado em duas colunas: uma pra compras e outra para pagamento de contas:

Superbonus Santander tabela2

 

Todos os cartões terão o ganho em pontos do ContaPaga reduzidos pela metade. Com isso, o cartão Santander Unlimited, que hoje oferece 2,2 pontos por dólar gasto, passará a oferecer apenas 1,1 ponto por pagamento de conta. Já os cartões mais modestos – Flex, Free, Light e Fit – darão apenas meio bônus a cada R$ 3 gastos!

 

Santander-pague-contas

 

Vale lembrar que o ContaPaga tem um custo adicional de R$ 16 por cada conta, que não é cobrado – pelo menos por enquanto – nas contas em débito automático. Ainda assim, cada cliente vai precisar fazer as contas para verificar se compensa pagar as contas no cartão recebendo metade dos pontos. “Agora é hora de correr para as pranchetas e fazer contas: será que ainda valerá fazer usar o serviço?”, define o leitor Thiago Lenzi, que nos enviou a dica do post .

A resposta vai depender de muitos fatores, como o cartão utilizado, o valor das contas e mesmo se o cliente tem outras opções de cartões. Para você, o serviço ainda compensa ou vai deixar de usá-lo a partir de junho? Deixe sua opinião nos comentários!

Atualização 03/05 às 17h45 – Em contato com o Melhores Destinos, o Santander informou que a mudança será comunicada aos clientes nas faturas mensais que estão sendo enviadas, para que não haja dúvidas. O banco lembrou ainda que é das duas únicas instituições a oferecer pontos pelo pagamento de contas – a outra é o Banco do Brasil – o que mesmo com a redução continua a ser um importante diferencial para o cliente em comparação os demais bancos, em sua avaliação.