Sky Airline se torna low cost e corta alimentos de seu serviço de bordo em seus voos

Denis Carvalho 11 · setembro · 2015

A Sky Airline acaba de divulgar uma mensagem às agências de viagem brasileiras afirmando que se tornou oficialmente uma companhia aérea de baixo custo (low cost). A companhia informou que desde a semana passada seu serviço de bordo passou a ser composto apenas de bebidas, sem lanches ou refeições. A partir de dezembro, a empresa planeja criar um sistema de venda a bordo (buy-on-board), semelhante ao adotado pela GOL nos voos domésticos.Em contrapartida, a companhia promete oferecer passagens mais baratas em seus voos.

“Estamos convencidos de que este é o melhor modelo de negocio que podemos adaptar, na qual permitirá democratizar a maneira de viajar no Chile e na América do Sul, entregando aos nossos clientes a opção e liberdade de escolher os serviços que desejam receber”, afirmou o presidente da Sky, Holger Paulmann.

Sky

À Imprensa chilena, a companhia prometeu que passará a oferecer voos com preços de passagens de ônibus, com tarifas por menos de 10 mil pesos (em torno de R$ 57) o trecho.  Além da alimentação, a companhia também planeja cortar a franquia de bagagens no voos domésticos.  A previsão é que a maioria das mudanças esteja em vigor até julho de 2016.

sky-airline-low-cost

A Sky tem sido uma das opções mais econômicas na rota do Brasil ao Chile, onde concorre com LAN e TAM e com a GOL. Vamos aguardar para ver o reflexo das mudanças nas tarifas internacionais da companhia.

Em tempo, alguém ai lembrou de uma saudosa companhia low cost uruguaia e suas maravilhosas Terças Vermelhas? Tomara que dessa vez o final da história seja melhor para a Sky!

Autor

Denis Carvalho - Editor chefe
  • Leandro Silva

    E quem comprou.. dançou! Vacilo isso

    • Evandro Gardenali

      Dançou por causa de um sanduíche a menos? =/

      • catvampiro

        Não acho que “dançou” apenas por causa de um sanduiche a menos… Mas porque talvez que tenha comprado, deixou de poder ter a escolha de comprar em outra cia aérea com vantagens extras (pontuação em programa de milhas por exemplo, tripulação falando português, etc). É simples a cia vir de forma arbitrária “cortar” serviços e manter o preço igual as demais… Seria correto a Sky oferecer como bônus pra quem já comprou um voucher desconto ou outro benefício que não gerasse insatisfação pro cliente. Cortar serviço de quem pagou um preço semelhante ao de quem continua com esse serviço é frustrante.

      • Voei com eles e serviram uma refeição completa, para mim era o ponto alto do serviço deles.

  • Paulo Brito

    Já voei pela Sky Airline no trecho São Paulo – Santiago. Voo muito tranquilo, um serviço de bordo razoável, bem melhor do que o da GOL. Com certeza voaria novamente.

    • Leandro Silva

      Bom saber disso, estou com passagem comprada mas não a conhecia e fui pelo valor.

      • Gabi

        Eu também comprei aquela promoção que apareceu aqui mês passado, veremos como será.

      • Lorena

        Voei mês passado com a promoção do MD e também gostei muito do voo, apesar da insistência em manter as luzes acesas durante todo o voo.

        • catvampiro

          Talvez seja pro piloto enxergar o “caminho” hahahaha.

  • Marcio Correa

    Pois é…”ta” dificil para todo mundo.

  • catvampiro

    Virar low cost é fácil, basta cortar serviços de forma arbitrária, quero ver baixar o preço!

    • Eduardo

      Exatamente isso… Não diria nem que é fácil, diria que LOW COST (baixo custo) quase todas são, não só economizando em serviço de bordo, mas toda empresa tem que otimizar o processo de forma a ter um baixo custo em seus processos se quiser sobreviver, agora bem como você disse, quero ver é ser LOW FARE (tarifa baixa), tipo FRONTIER que comercializa trechos de $1 + taxas em vôos nos EUA, ou até mesmo na Europa que trechos custam não mais que $15 + taxas.

      Soa como algo bonito dizer que LOW COST é amplamente utilizando nos EUA, Europa blá blá blá como se fosse benefício para o cliente… Benefício para o cliente se chama LOW FARE, ou em bom português TARIFA BAIXA!

      • Roberto

        Gostei do comentário, mas LOW FARE no Brasil só seria possível caso houvesse LOW TAXES no setor. Ou seja, esqueça, aqui nada sai a preço justo!

        • Enquanto não houver uma lei que acabe com essa franquia de bagagem obrigatória de 23kg despachada, nunca veremos nada parecido com LOW FARE NO Brasil.

    • Papel AluMINION

      Low na qualidade. O preço continua High.

  • Leandro Silva

    É exatamente isso, sem tirar nem por.

    • catvampiro

      É que alguns quando leem ou ouvi alguma informação, resume apenas a “um sanduiche”… Quando no fundo não é só isso… Se esse “sanduiche” fosse insignificante porque a empresa corta? Estou falando serviço que envolve tudo.

      • Evandro Gardenali

        Insignificante para nós… significante em preço para anunciar… O pão com mortadela tem que ser feito por uma empresa certificada e passar até pelo raio X. ou seja, tem um custo alto.

        • catvampiro

          Em momento algum eu abrir os comentários aqui falando de falta de comida… O que eu comentei foi sobre a sua forma de questionar o comentário anterior de alguém que falou de que quem comprou dançou…

          • Evandro Gardenali

            Na minha ótica o que rolou é um problema tão pequeno pra ser referido como “dançar” foi por isso que fiz o comentário, é claro que era melhor que não alterassem nada (afinal sendo low cost ou não eles te cobraram antes de mudar), mas as coisas mudam… that’s life. Pra mim quem dançou mesmo foram passageiros Pluna e daquela outra boliviana que pagaram o bilhete e ficaram sem a viagem. Isso é um aborrecimento que um contato com cia pode resolver

  • Renato

    Se o preço final da passagem realmente diminuir acho uma boa.

  • Rodolpho

    Dica para todos. Cheguem cedo para o checkin, pois não é possível marcar lugar com antecedência. Digo isso, pois as poltronas na saída de emergência tem espaço para as pernas, as demais que tiver mais de 1,70 de altura vai sofrer de tão apertado.

  • Breno Vieira

    Saudosa Pluna e suas promos de R$ 60 pra Montevideu em 2011, 2010, …

    só quem acompanha o MD há tempos se lembrará hehhee

    • Hermes Hs

      Voei de Pluna e adorei. Pena que acabou-se. Espero que a Sky venha para substituir com as promoções fantásticas e nos ajudando a viajar pela América do Sul.

    • Evandro Gardenali

      O serviço em geral da pluna era muito bom! paguei 180 reais VCP -> MVD -> AEP. Bons tempos que o PT não deixará voltar mais… heheheh

      • Bruno Bastos

        E nomeamos o primeiro sem noção da noite, culpando o PT por algo que ocorreu em outro país…

        • Evandro Gardenali

          Dólar a 4 reais não é culpa de outro país… acho que o sem noção é você. as taxas de embarque por si só convertidas em reais são mais caras que as passagens que tinhamos

    • Gabriela

      Eu voei de Pluna uma vez, pague 75 dolares ida e volta pra MVD. Mas não gostei não rs. Cancelaram o voo de ida, tivemos que embarcar no dia seguinte e atrasou horrores a volta, quase perdi uma entrevista em SP. Meu namorado voltou pro Uruguai um tempo depois e os mesmos problemas. Pouco depois a Pluna quebrou.

  • Evandro Gardenali

    A Sky não é nenhuma empresa de renome e nem tinha serviço dos melhores (só ver as reviews da empresa no MD)… ao meu ver se a pessoa comprou a passagem pela Sky é justamente porque estava mais barato/promoção. Concordo que poderiam ter anunciado 4 meses antes da mudança, mas eu duvido que quem comprou nesse caso escolheria outra cia, ainda sim comprariam a mesma passagem.

    É diferente de uma emirates anunciar o fim do serviço de bordo, etc…

    • catvampiro

      O bom do blog é que cada um tem livre vontade de expor seus pensamentos e eu assim respeito, afinal cada um pensa o que quer… Não falei em momento algum de falta de comida e sim da política que se dizem low cost, quando na verdade não são.

  • simon

    A falta de criatividade e habilidade em encontrar novas solucoes e’ a marca registrada do setor aereo……Dar menos por menos ‘e a estrategia da pre-falencia.

  • Amanda Gd

    Fiz SP – Santiago essa semana…
    o avião é tão apertado, quanto GOL/TAM. Eu sofri com 1,77. não possui a opção de check in online, tive que chegar cedo e rezar para uma saída de emergência disponível! precisei trocar minha data, foi um parto! porque o customer service no Brasil é apenas por telefone, e praticamente inexistente.
    Não é questão de um lanche a menos, é questão de ser uma cia ainda muito pouco estruturada e com menos recursos, ainda que as cia brasileiras tenham muito a melhorar, estão bem a frente que a pequena sky.

  • Marcio K.

    vou viajar de SKY na quarta-feira… hehe… mas realmente não ligo tanto… o que me importa é o preço baixo da passagem.

  • Zamblota

    Colocação perfeita! Eu mesmo nem estava preocupado com o “pão com mortadela”, pois sei que é somente para dar um disfarce no estomago. Mas sabendo agora que não vai ter nem esse “detalhe”, vou tratar de levar alguma coisa… Pelo menos meu voo sai 7:20 e chega 11:45… é um bom tempo de voo para ficar de barriga vazia….

    • catvampiro

      Pois é, eu sinceramente não comentei nem de falta de comida e sim da arbitrariedade de se dizerem low cost quando na verdade não são… Exemplo disso são as empresas brasileiras que vendem passagens caras e tem um serviço horrível… Se alguém já enfrentou uma fila desorganizada no checkin em Guarulhos saberá do que estou falando.

      • Evandro Gardenali

        Concordo que os serviços deixam a desejar e o preço é caro… sem dúvidas. Esse é o problema de se regular tanto o setor áereo. Todo bendito país sul americano quer ter suas próprias empresas aéreas e fazem reserva de mercado, temos poucas opções e elas não precisam se esforçar tanto…

      • Zamblota

        Fiz o comentário sobre o lanche pois tenho problema de saúde, e não posso ficar de estomago vazio. Mas sua colocacão foi muito boa, e infelizmente só piora a minha situação… Bagunça, ninguem merece….

  • luis

    Comparando Air Asia,Easyjet,etc,as cias na America do Sul não têm nada ver como Low Cost exceto o serviço.A Sky só tem frota de avião usado pelo menos 15 anos,ou seja não tem conforto.Se o preço não for muito baixo mesmo,não vai rolar certo.

  • Carolina Mello

    Se eles só vão implementar o sistema de vendas de refeições em dezembro, como ficam os vôos até lá?

  • Gilberto

    Voces reclamam de barriga cheia. Low cost eh isso. So de oferecer o servico essencial e pontualidade ja basta e quem quiser se adequa ao que necessita, bagagem despachada (numero de volumes, etc), comida a parte, fast boarding, marcacao antecipada de assentos, etc ou tira proveito ao maximo da passagem mais em conta..

    So um exemplo: voo de GRU – SCL dura mais ou menos 3h35 e nao tem comida. Eh ruim? Eh, mas alem da pessoa ter a opcao de comer antes do embarque em Guarulhos, ainda pode comprar uma coisa e levar e os precos nao sao nada baratos, mas tambem nada perto do fim do mundo.

    Quer um exemplo pratico e pior?

    Voei Icelandair mes passado e fiz a conexao hub entre a Europa e a America do Norte deles e ja estranhei de cara que tudo era na base do “food por purchase” num voo dentro da EU de 3 horas de duracao ate Reykjavik, mas relevei. Depois disso no voo intercontinental de 6 horas, mesmo esquema. E na volta outra voo intercontinental de 5 horas desta vez e tambem tudo cobrado a parte por la. E estamos falando de voos intercontinentais. Da mesma forma, constatei em voos mais longos de Costa a Costa nos US que a politica eh a mesma, nao importa a duracao. Voei quase 5 horas de San Francisco para Miami e 5h30 de Seattle para Miami e tudo cobrado, incluido a bagagem despachada.

    E pelo que vi os precos da Sky sao bem razoaveis comparado com as demais concorrentes. Desde que prometam ate uma leve reducao pelo menos, nao acho que estejam de sacanagem.

  • Filipe

    Todo mundo sabe que a GOL é cia de LOW COST,mas ela oferece tarifa baixa?Só serviço péssimo!Mesmo dentro da aeronave e na terra.

  • Victor Akl

    Descontos em passagens aéreas e sempre bem-vindo!

  • Bruno Bastos

    Tripulação falando português? Sério que alguém acha que isso é diferencial num voo?

    • catvampiro

      Se acham diferencial ou não não é problema… Mas eu citei algum dos serviços e diferenciais!

  • Alex

    Sinceramente, ano passado voei São Paulo – Santiago pela Sky, paguei super barato e me surpreendi pelo serviço de bordo (simples mas com qualidade) que eu nem esperava que tivesse. Agora se baixar mais um pouco será ótimo, pois ninguém morrerá em voos de curta distância sem a aérea servir lanchinhos. Eu sempre costumo levar meu lanche na mochila e nunca passei aperto, até em voos longos como América do Norte e Europa. Prefiro preço baixo a ter snacs no voo.

  • Ana Costa

    Não entendo o porque de as pessoas fazerem tanta questão de comida a bordo. Prefiro ter desconto na passagem e levar comigo algo do meu gosto para comer. Do que pagar mais caro e receber algo que eu não gosto para comer. Eu hein! Esse povo parece criança de orfanato, que não pode ouvir falar em comida.

  • Bruno Cardoso

    Pior Cia aerea que já voei. Fui a Santiago semana passada. Ida e volta= mau atendimento pela equipe, avião velho, terrivel espaço para as pernas, sem gelo ate agua faltou. zero sistema de entretenimento