Como fazer saques da sua conta corrente no exterior e conseguir moeda estrangeira com economia

Leonardo Marques 09/10/2013 às 5:58h 533

Uma das dúvidas mais comuns para quem viaja ao exterior é qual a melhor forma de levar dinheiro para cobrir seus gastos e compras. Já tratamos do assunto neste post e uma das formas que mais tem se destacado são os saques direto de sua conta corrente em caixas eletrônicos: uma forma simples, segura e econômica de obter moeda estrangeira no país que está visitando. Para quem nunca usou o recurso, nosso leitor Marcos Sobral preparou um tutorial excelente, mostrando passo a passo como proceder. Acompanhe e tire suas dúvidas!

Muita gente pergunta como levar dinheiro para a viagem. Uma das formas mais fáceis e baratas é a realização de saques em moeda local da função débito. A maioria dos bancos oferece este serviço (com exceção da Caixa). O processo é simples: você usa seu cartão em um caixa eletrônico do exterior e o valor é debitado automaticamente em sua conta corrente. A vantagem deste processo está na cotação (que fica cerca de dois centavos acima do dólar comercial). Abaixo segue um passo a passo do processo:

1.Desbloqueie o cartão
Antes de viajar é preciso desbloquear seu cartão, avisando que vai usar ele no exterior. A maioria dos bancos permite este desbloqueio pelo Internet Banking.

2. Localize os caixas eletrônicos
Nos EUA você pode procurar caixas eletrônicos com a sigla ATM. Eles estão em quase todos os lugares: shoppings, hotéis, postos de combustíveis, etc.

image

3. Usando
a) Insira o cartão e aguarde as opções.

image_1image_3

b) Muitos dos caixas oferecem várias opções de idiomas. Neste caso, foi solicitado o inglês.

image_4

c) Selecione o tipo de saque. Aí está a pegadinha. Se você selecionar crédito, vai pagar IOF* do cartão de crédito. Por isso, se você estiver usando cartões múltiplos (débito e crédito) cuidado com esta opção. Selecione a opção débito e coloque a sua senha (a mesma que você usa no Brasil).

image_5

d) Na opção de saque selecione Checking.

image_10

e) A máquina vai perguntar se quer recibo. Selecione Yes.

image_11

f) Selecione o valor. Existem diversos caixas com limites diferentes. Alguns em shoppings possuem limites mais altos. Normalmente o limite máximo é de 300 dólares em postos de combustível e hotéis. Em shoppings, como foi o caso deste, o limite estava em 800 dólares. Quanto maior o saque mais barato fica o valor da cotação.

image_14

g) Se você clicar em “Other” vai aparecer a opção de inserir o valor. Alguns caixas dizem os limites de saque.

image_15

h) Taxa do Caixa Eletrônico estrangeiro: os caixas cobram uma taxa que varia de 4 a 6 dólares independente do valor sacado. Neste caso me abocanharam 4 dólares. Clique em “Accept Fee”.

image_18

i) Tire o cartão e pegue o dinheiro.

image_19

3. Custo final
image_21

Para comparar, vamos aos custos da operação:

Saque: US$ 800
Taxa do Caixa Estrangeiro: US$ 4,00
Valor Total em Dólares: US$ 804,00
Valor Debitado em minha Conta: R$ 1.772,82
IOF: R$ 6,74*
Custo Saque cobrado pelo Santander: R$ 15,00
Custo Total: R$ 1.794,56
Cotação final do saque: R$ 2,2432
Cotação do dólar no dia do saque: R$ 2,218
Cotação do dólar na casa de câmbio: R$ 2,45 (aproximado)

 

Como pudemos acompanhar neste excelente tutorial do Marcos, a vantagem financeira costuma ser significativa. Mas isso não é tudo. Confira mais algumas dicas:

- Os saques não são feitos pela rede do seu banco, mas sim pela operadora de crédito. Os cartões Visa usam a rede Plus e os Mastercard a rede Cirrus. Você pode procurar essa identificação, mas geralmente os caixas usam as duas redes!

sacar-dinheiro-exterior

- Ao sacar nos caixas ATM você consegue o valor em moeda local. Isso é ótimo para quem está viajando para países que não usam dólar ou euro e cujas moedas sejam difíceis de serem encontradas no Brasil!

- Os saques são também uma forma de economizar tempo durante a viagem, já que você não precisará pesquisar casas de câmbio nem enfrentar filas para fazer a compra!

Encontre os caixas automáticos ao redor do mundo:

Mastercard Cirrus
Visa Plus

Saiba mais informações tarifas no site do seu banco:
Banco do Brasil
Bradesco
Citibank
HSBC
Itaú
Santander

Agradecemos ao Marcos por este ótimo tutorial. E você? Costuma fazer saques com seu cartão de débito durante viagens internacionais?  Quanto o seu banco cobra de taxa? Veja neste outro post como levar dinheiro em uma viagem para o exterior

*Atualização: Infelizmente, o governo decidiu sobretaxar os saques de contas correntes feitos no exterior com IOF de 6,38% o que tornou essa opção bem menos atrativa. Veja nesse post as novas alternativas para pagamentos durante a viagem com o novo IOF.

  • Ernesto Gasparotto

    Enquanto Denis Robson passeia em Punta Cana, Leonardo cai da cama cedo. kkkk

    • Marcos Sobral

      E o pior foi que ele fez um post às 9:20 da noite ontem.

  • Rogério

    Não entendi; selecionar a opção "crédito"? Mas esta não é justamente a "pegadinha"???

    • https://plus.google.com/105304332275723822225 Leonardo Marques

      Já fiz a correção. Valeu!

  • Alexandre

    Amigos, bom dia
    Desculpe, mas não entendi …. é dito que "Uma das formas mais fáceis e baratas é a realização de saques em moeda local da função débito"….. depois diz no item 3 letra c: "Aí está a pegadinha. Se você selecionar crédito, vai pagar juros do cartão de crédito" ….. .depois, ainda na letra c, diz: "Selecione a opção Credito" …… a idéia não é utilizar a opção "débito"?
    Por favor, me ajudem a entender …..
    Muito obrigado e abraços a todos ….
    Alexandre

    • https://plus.google.com/105304332275723822225 Leonardo Marques

      Já fiz a correção. Valeu!

      • Marcos Sobral

        Eita Leonardo. Este foi um erro meu de digitação. kkk.

      • Marcos Sobral

        Leonardo, acho que este foi um erro meu de digitação…

    • https://www.facebook.com/romulo325ia Rômulo Silva

      o cartão de crédito não cobra juros, e sim é o governo corruPTo que cobra imposto. Escolha a opção débito, vai pagar IOF também, só que 0,38%. Pelo que vi, a vantagem sobre o VTM é na cotação.

    • Andreia

      Não entendi dessa forma. Entendi totalmente ao contrário, ou seja, não utilizar a função Crédito.

  • Marco

    Pessoal, por fv revisar a parte mais importante do texto q define se o saque tem ser na função débito ou crédito. Se houver diferença na opção em função do tipo de cartão (apenas débito e múltipla função), sugiro deixar bem claro isso!

    Abs

  • Phellipe

    Não há nada errado! “para cartões multiplos (debito e credito) vc deverá escolher a opção” – se escolher credito vai pagar mais caro… o post fala sobre sacar com DEBITO!

    Eu sempre uso essa opção em todas as minhas viagens, tenho cartões do HSBC e sempre gostei dessa facilidade, o limite é de 500 usd diario. Chegando no primeiro aeroporto já saco 500 e normalmente não levo 1 dolar/euro/franco/etc.

    Em outubro fiz GRU/LAS/PVG/HKG/LAX/GRU e fui sacando conforme a necessidade, só precisa ficar atento se vai precisar de mais $$ do que o limite diario, cada banco tem um limite e varia de 300usd a 800usd normalmente! Outro detalhe é que SEMPRE é USD portanto não fique brigando com o caixa que só deixa vc sacar 300/350 EUROS!

  • Amaury

    Otimo post, apenas duas correções:

    Item c) – selecionar o “débito”;

    item h) – abocanharam 4 “dolares”

    • Marcos Sobral

      Sim. Seleciona a função débito. E me abocanharam 4 dólares no caixa de origem. Eu fiz outro saque na rede Wells Fargo e foi mais barato: 3 dólares.

    • https://www.facebook.com/anderson.maol Anderson Oliveira

      O valor de $4 depende do terminal… em minhas aventuras, o mais vantajoso foi o Bank of America, que me leva $2,5 por saque.

  • https://www.facebook.com/evandro.gardenali Evandro Gardenali

    Eu adicionaria mais uma dica:

    Se você abrir uma conta no citibank ou HSBC Premier você tem saques internacionais de graça nos ATMs do próprio banco! ou se sacar em um ATM genérico pagará somente a taxa do ATM e não do banco.

    Se não me engano as contas mais top do Santander deixam 2 ou 4 saques internacionais de graça, é uma miguelagem mas já é algo…

    • Marcos Sobral

      Bom saber esta dica do HSBC. No Santander são dois saques por mês inclusos.

    • dalabu33

      Bom lembrar que nem todos os bancos HSBC permitem retirada de dinheiro. Estou em miami e depois de brigar muito com o caixa eletronico, fui informado de que, pelo menos nos eua, nem todas as agencias sao filiadas ao visa plus. Por outro lado, eh necessario buscar um atm que seja fliado para fazer a retirada. Como fiz a retirada com meu cartao de debito do HSBC, procurei os caixas eletronicos do bank of america, que estao do lado de fora da agencia.

    • Paulo

      Vale também registrar que os bancos que oferecem saques “de graça” para clientes top, parecem também cobrar taxas de câmbio premier.

      Em 9/10/2013 o dólar comercial fechou a 2,20

      Dólar praticado pelo Citibank em saques no exterior – 2,36

      Dólar praticado por HSBC para saques no exterior – 2,29

      Melhor atentar ao tipo de dólar utilizado, porque pode sair muito mais caro que o planejado.

      • PAULO ALMEIDA

        Tu já viu banco perder?…..rsrsrsr.

  • http://CBMDF Nora

    Se vocês observarem a foto do recido, verificarão que o saque foi feito utilizando o cartão “maestro”(débito) e não “mastercard”(crédito), então acredito que realmente houve esse pequeno engano no tutorial.

    Lembrando que o mesmo se aplica se você fizer o saque utilizando a função visa elektron(débito) e visa(crédito).

    Se alguém tiver certeza sobre as informações, por favor coloque um comentário.

    • Marcos Sobral

      Olá Nora. Fui eu quem fiz o saque. Foi feito na função "débito" do meu cartão múltiplo do Santander, que é bandeira Mastercard. Quando se faz uso do Master na função débito aparece o nome Maestro (que no Brasil era o antigo Redeshop).

  • Bárbara

    Bom dia!

    Concordo, o texto está um pouco confuso. A intenção é ótima mas, não funcionou com perfeição. Uma outra coisa: a foto dos terminais deveriam trazer abaixo de cada a tradução do que está escrito neles e explicando as opções.

    Vamos consertar para que surta o efeito desejado pelo autor do texto?

    Bárbara.

    • http://www.melhoresdestinos.com.br Leonardo Marques

      Enquanto você lia foi consertado.

    • analista2012

      Tradução?! Sem querer ser ignorante, mas supondo que você está em um país estrangeiro, o mínimo que vc deve saber é compreender a língua que vai se comunicar no país (e, na maioria dos casos, o inglês resolve), não?

  • https://www.facebook.com/lhaither Lucas Haither

    Dica:

    Caixa do Bank of America cobra apenas 2 USD de taxa.
    Banco do Brasil cobra 12 reais por saque.

    E funciona tudo muito bem!

    • dalabu33

      no meu caso cobrou US$3 por saque… usando cartao de debito do hsbc.

    • Marcos Sobral

      Me cobraram 3 dólares há duas semanas em Orlando.

    • https://www.facebook.com/luciano.rodriguesbatista.3 Luciano Rodrigues Batista

      Outros caixas eletrônicos cobram 3 dólares, não sei o por que sendo do mesmo banco.

  • Renan

    Acho o travel money do banco cotação bem mais vantajoso!! os bancos no brasil tem muitas taxas enquanto se você ja tiver levado o dinheiro na moeda local, não vai passar por isso. e a taxa para o saque é de 2Euros/Dólar, enquanto no post tem taxa de 4 dólares. enfim, não vejo vantagem em sacar direto da conta corrente, indico já ir com o dinheiro na moeda local. e os cartões travel money podem ser passados na função crédito ou débino nas máquinas, independe, pois o valor será DEBITADO automaticamente da quantia disponível, independente da opção escolhida.

    • https://plus.google.com/105304332275723822225 Leonardo Marques

      A desvantagem do VTM é que a cotação do dólar é bem alta, as vezes é a mais alta entre todas as alternativas.

    • rodrigofraxinoaraujo

      Se vc troca por dinheiro em casa de cambio/banco, acaba pagando uns 6% a mais do que a cotacao do dolar do dia. Por isso normalmente vale a pena sacar no caixa eletronico no exterior.

    • Thiago Castro

      A cotação que vc pagou para carregar o VTM provavelmente será maior que a do débito direto na conta, mas no caso do VTM vc não fica no risco da variação, uma vez que faz o carregamento em um dia específico antes da viagem. Contudo, caso a taxa não varie muito, a cotação do débito direto é muito melhor!!!!!

      Como foi dito no texto, o débito em conta vale muito a pena quando vc está indo para um lugar onde a moeda não seja dólar ou euro. Pq nesse caso, vc teria que fazer duas conversões (uma para dólar/euro e outra para a moeda local) e com certeza perderá dinheiro.

      Eu estive na Europa e levei euros (pq tb passaria na Alemanha e frança), mas quando estive na suíça não pensei duas vezes, fui num atm e saquei francos direto da conta. Achei super prático!!!

    • AndréHSP

      Negativo Renan.
      A melhor cotação é sempre a do saque com débito nos caixas eletrônicos.
      Quanto maior o valor sacado, mais vantajoso será, já que as taxas – exceto o IOF – são fixas. Sendo assim, tanto faz se você sacar 800USD ou 20USD, as taxas fixas serão os mesmo 4USD e 15 reais (varia de acordo com o banco).
      Lembrando que o valor da moeda a ser trocado é o oficial, sem ágio das casas de câmbio, nem cotação comercial.
      Maiores informações em: http://www.cruzandofronteiras.com.br/2013/08/sacahttp://www.cruzandofronteiras.com.br/2013/06/perg

    • Eduardo

      O cotaçao é o mais caro de todos. Basta pesquisar na Casa Aliança e verificar. Eles cobram 0,15 centavos a mais do comercial. Um abuso.

    • gustavo azeredo

      Renan, em muitos bancos pelo mundo, você paga além da taxa do seu cartão, uma taxa extra do banco em que está tirando dinheiro.

      Cotação também achei caro, usei flexcambio e gostei..

      JAMAIS leve american express para países que não EUA, tive MUITOS problemas em vários lugares e nunca mais utilizarei.

    • guilherme

      Estou de acordo com Renan, pois travel Money é vantajoso da mesma forma e fora preocupação de ficar indo ate banco ou caixa todos os dias… segue essa dica

      • Helen

        nunca viajei pra algum lugar onde não houvesse milhões de terminais, então por enquanto sacar da conta tem sido a melhor opção pra mim. Sacar no VTM é uma opção que nunca usarei, não compensa.

  • Renan

    Bem, eu usei ele em Euro em Junho, achei a cotação boa para o momento. É mais uma opção também né!

  • Leo Maia

    Pessoal, alguém pode confirmar se no Itau a cotação é próxima do dólar comercial? Nas compras no cartão de crédito é sempre maior que o dólar turismo! Minha outra duvida é se a cotação para compras no débito são baseadas perto do dólar comercial ou na cotação do cartão de crédito. Abraço!

    • rodrigofraxinoaraujo

      Oi Leo, qdo utilizei no Itau a cotacao utilizada foi a do dolar turismo. Alem disso me cobraram uma taxa de 9,00 reais. Ja o citibank nao cobrou nenhuma taxa para saque no exterior.

      • Leo Maia

        Obrigado pela resposta Rodrigo. Você se lembra se a cotação do Citibank era comercial ou turismo?

        • rodrigofraxinoaraujo

          dolar turismo + iof de 0,38. Entre visa travel, cash passport, cartao de credito ou sacar no exterior, a ultima opcao me parece a melhor.

          • https://www.facebook.com/robertaafranklin Roberta Franklin

            Eu também saquei pelo Itaú em agosto agora na Europa e me dei mal! Cobraram dolar turismo, iof (normal para todos) e taxa de 9 euros POR SAQUE!
            Ficou muito mais caro que comprar moeda em casa de câmbio, com certeza.
            Sacar é bom, mas não em todas as ocasiões – sugiro que verifiquem primeiro com o banco de vocês o câmbio utilizado, as taxas cobradas pelo saque e comparem com as outras formas de pagamento. Por incrível que pareça, se eu tivesse usado o cartão de crédito, teria saído mais barato.

          • https://www.facebook.com/samir.s.filho Samir Samaan Filho

            Sempre uso o santander. Custa r$15 por saque, podendo sacar ate r$2000 (ou r$2500, nao me recordo) por dia.
            Sempre procuro os caixas eletrônicos q possibilitam sacar a quantia máxima de us$800/saque. Na florida, o banco regions nao cobra por saque. Eu sempre fazia o caminho para passar pelo banco (perto do mall át. Millenia e Orlando premium outlets da int drive), porque só fica a taxa do Santana de r$15.
            O perigo e qdo o dólar desembesta a subir, como foi algum tempo atras. Ms c estiver relativamente estável, é a melhor coisa.
            E sempre trago uns us$1000,00 de volta pra casa pra se pedirem na imigração na próxima viagem, nao tenho q gastar com casas d cambio!

    • Ricardo

      Cara, o Itaú com certeza sempre vai ser a maior taxa entre todos. Impressionante como eles te assaltam e vc ainda colabora… haha

    • Cristiano

      O pior banco pra quase tudo hoje em dia é o Itaú: saque, cartão de crédito, pontos, cotação.

      Me livrei de todos os vínculos que tinha com esse banco, estou bem mais satisfeito com o Banco do Brasil, mas tem outras opções boas também.

    • Marcos Sobral

      Se for saque em moeda local é sim.

    • Livia

      Olá Leo!

      Sempre viajo com meu namorado. Eu tenho Santander e ele Itau.
      Sem exagero, ele costuma pagar uns 10 centavos a mais que eu na cotação. Itau só em último caso!

    • Guilherme Fraga

      Bom gente eu viagei ao Panama e no dia 15/08 eu paguei r$2,34 por dolar, sendo que a cotaçao do dolar comercial no dia estava r$2,28, sendo cobrado apenas $ 3 de taxa de saque

      • guilherme

        e foi pelo itau

  • Vinicius

    Cliente Santander Van Gogh tem dois saques mensais no exterior sem cobrança alguma! E a taxa do dólar cobrado é a taxa instantânea do dólar oficial, isto é, sem dólar paralelo ou turista. Já usei cartões pré-pagos, compra de papel moeda, cartão de crédito e o saque direto da conta no exterior sempre se mostrou a opção mais vantajosa.

    • Carlos

      A coisa mudou no Santander..não é mais cambio comercial, agora é turismo (mas mesmo assim menor que as cotações de casas de cambio).

      • https://www.facebook.com/christianotimotijus.cerniauskas Christiano Timotijus Cerniauskas

        Fui para os EUA em Maio/13 e a cotação era próxima do comercial (Santander). E no texto diz que o saque foi efetuado com cartão Santander. Portanto creio que ainda esteja a mesma coisa.

        • https://www.facebook.com/kmangueira Kelli Garcia Mangueira

          Pode tirar uma duvida? O cartao Santander no exterior pede a senha normal do cartao multiplo na hora do saque, ou aquela com letras e numeros?

      • sabbathbh

        Estou na Italia, saquei 500 euros domingo no aeroporto de Roma e foi debitado da conta corrente R$1.517,37 portanto 1 euro = R$3,03. São 3 centavos acima do câmbio oficial de sexta. Isso ja inclui o IOF pois o Santander não discrimina IOF no extrato. Excelente.

      • Marcos Sobral

        Este saque que eu fiz foi no final de setembro e a cotação não foi a Turismo.

    • gisele

      Mas na funçao debito paga-se IOF de 6,38% ou 0,38%?

      • https://www.facebook.com/christianotimotijus.cerniauskas Christiano Timotijus Cerniauskas

        Paga-se 0,38% de IOF

  • Diógenes

    Por que a Caixa não permite esse serviço?

    • Thiago Castro

      pq a Caixa é um banco muito basicão!!!

      • Gabriel Q.

        Olá Thiago, a Caixa era um banco basicão, mas tem melhorado muito nos últimos anos. É um dos melhores gestores de fundos de renda fixa, o melhor em tarifas mais baratas, e o cartão de crédito é honesto com a cotação do dólar. O único problema para mim é não poder pagar contas com o cartão de crédito. A falta de saque no exterior nem faz falta, pois a boa cotação do dólar deixa mais vantajoso o uso do cartão, e o acúmulo de milhas compensa o IOF de 6% a mais em relação ao débito. Uso e recomendo!

      • Gabriel Q.

        Olá Thiago, a Caixa era um banco basicão, mas tem melhorado muito nos últimos anos. É um dos melhores gestores de fundos de renda fixa, o melhor em tarifas mais baratas, e o cartão de crédito é honesto com a cotação do dólar. O único problema para mim é não poder pagar contas com o cartão de crédito. A falta de saque no exterior nem faz falta, pois a boa cotação do dólar deixa mais vantajoso o uso do cartão, e o acúmulo de milhas compensa o IOF de 6% a mais em relação ao débito. Uso e recomendo!

    • Paulo Oliveira

      CEF = Caca Econômica Federal

    • Marcos Sobral

      Perguntei à minha gerente e ela disse que ainda estão implantando a tecnologia, mas sem data para terminar.

    • gilmar

      Caixa , não é banco.

    • https://www.facebook.com/olavog Olavo AG

      Caixa Econômica FEDERAL?! Well, que eu saiba nosso governo não gosta muito que gastemos nosso suado $$ lá fora ;)

  • Leonardo

    SHOW DE BOLA ESSE POST!!! Parabéns!!

    • Marcos Sobral

      Valeu.

      • Leonardo

        Marcos, (ou Leo Marques), poderiam postar também o inverso! para quem tem conta em um banco italiano por exemplo, e quer sacar reais no brasil no débito, vocês têm ideia de como funciona, e taxas? Abraço

        • Greice

          Meu marido tem conta em um banco na Irlanda e ele consegue sacar em qualquer caixa do Banco do Brasil. Em outros bancos ele não conseguiu.
          Diz ele que a taxa compensava muito, mesmo caso deste post. Como varia de banco pra banco, é usar e conferir no extrato depois.

        • Marcos Sobral

          Leonardo, pra mim fica complicado. Já que teria que ter uma conta na Itália. Tenta ver no site do seu banco como funciona.

  • Camila

    Cotação do dólar no dia do saque é o dólar comercial ou turismo?

    • Chuck

      No BB é dólar comercial + 2%. Isto vale para saque (débito) e conversão da fatura (crédito).

      • Ciro

        BB é dólar comercial + 1% no saque na função débito. Já a conversão na fatura do cartão de crédito BB é baseado na cotação do dólar ptax, que fica entre o valor dólar comercial e do dólar turismo.

    • Marcos Sobral

      É uma fórmula que eles usam. Mas normalmente é o comercial mais uma taxa de 2%.

  • Manoel S. Palhares

    Ótima dica… Parabéns!

  • Marcelo

    Existe uma cotação oficial do dólar turismo? ou varia conforme cada banco?

    • https://www.facebook.com/joao.rodrigues.3388 João Rodrigues

      Varia bastante de banco pra banco, sim… eu poderia te dizer com certeza que as do Santander são bem mais baixas que as do Itaú, por exemplo. Bem, difícil encontrar uma mais alta que a do Itaú, na verdade rs

    • https://www.facebook.com/luciano.rodriguesbatista.3 Luciano Rodrigues Batista

      Varia conforme o banco emissor do seu cartão

  • Nanci

    sensacional este post!

  • Carlos Gomes

    Amigos do MD, estive em Orlando e Miami em dezembro do ano passado e fiz aqui no Brasil o Cartão pré pago do Banco do Brasil, peguei 7 centavos de reais a mais por dolar abatecido no cartão, mais taxa de 50,00 reais pelo abastecimento; muito bom, viagem tranquila, passei o cartão nas lojas e retirei o dinheiro nos caixas ATM sem nenhum problema, porém quando o saldo estava baixo no cartão, tentei abastecer por telefone, conforme tinham me explicado e me passado os telefones para ligar no exterior, sem sucesso, perdi um final de semana, até conseguir abastecer o cartão; eles limitam a 3.000 mil dolares por abastecimento, ai vc que vai ficar mais tempo fora, tem que fazer o abastecimento via tel; na época, o Banco do Brasil, não oferecia essa praticidade de sacar dinheiro com o cartão de Débito.

    • https://www.facebook.com/leandro.ribeiro.77964 Leandro Ribeiro

      Pagou R$0,07 acima da cotação do dia + IOF + R$50,00 + tarifa do banco estrangeiro para o saque. Juro que não consigo ver vantagem alguma no que você fez…

      • Carlos Gomes

        Leandro, na época, eu fiz as cotações e mesmo pagando essas taxas, ficou mais em conta do que trocar em casa de cambio e levar em espécie.

      • Lanna Duarte

        Acho q os 07 centavos a mais estão incluindo o iof de 0,38%…creio q foi o valor real da conversão, q nas casas de câmbio chega a ser de 15 centavos (um roubo!)
        Ahhh da pra reabastecer o Travel Money bb pelo internet banking…
        Tenho Cash passport e bb Travel Money e cartão internacional: bb Travel e cartão internacional ficam muito próximos qd comparados aos outros métodos…

    • Chuck

      Esse serviço não é novo. Eu saquei direto da conta do BB pela primeira vez em 2001.

      • rafa morley

        Não é novo, mas muita gente não conhece.

      • Carlos Gomes

        Acho que o gerente do Banco do Brasil da Matriz de Santos não tem essa informação, pois fui em novembro de 2012 e o mesmo me deu somente a opção de cartão pré pago, não tendo opção de débito direto na conta corrente.

    • Paulo Oliveira

      O VTM do BB não compensa. Se é cliente BB, melhor sacar da conta corrente. Ou então fazer um VTM que não tenha essa tava de carregamento.

    • Cristiano

      Também não consegui ver vantagem nenhuma. Muito melhor sacar direto no atm…

    • https://www.facebook.com/danbispo Danielle Bispo

      Carlos, pelo menos no VTM vc pode fazer o abastecimento via internet, transferindo o dinheiro da sua conta (DOC) e avisando a atendente por e-mail

    • Ludimila

      Eu usei o meu cartão de débito do bb em dez/2000 na Europa (Suécia) e deu tudo certo!

    • https://www.facebook.com/ana.miclas Ana Miclas

      Eu fiz (ainda tenho uns trocados nele eu acho) esse cartão uma vez, por absoluta patetice minha. A cotação era a mesma dos outros cartões pré-pagos e os outros não cobravam a taxa de de abastecimento inicial. Fiz por ser cliente do banco, mas agora nunca mais. Se quero usar esse tipo de cartão faço em uma casa de câmbio.

    • PAULO ALMEIDA

      Serviço bem antigo. A massa que tem c/c só saca, deposita ou paga conta. Por isso nunca sabem de nada. Muito útil na Argentina em 2009.

    • eliana

      legal e iof?

  • Luciana

    As vezes não é a mesma senha que vc usa no Brasil. Podem ser apenas os 4 primeiros dígitos.

  • https://www.facebook.com/anacarlaadc Ana Carla Carvalho

    So tomem cuidado no Banco do Brasil, pois já aconteceu comigo de selecionar debito e sacar do credito, inclusive em uma viagem longa eu já tinha usado todo o limite do cartão de credito mas tinha bastante dinheiro em conta, não consegui sacar no debito de jeito nenhum, liguei pra o banco que me confirmou que todos os saques estavam sendo no credito, se eu não tivesse outro cartão tinha ficado sem dinheiro, kkkkkkkk!!

    • Jose

      Ana, tenha cuidado com os cartões múltiplos dos bancos: alguns tem que desbloquear também a função débito para uso no exterior, além da função crédito. Já aconteceu comigo!

    • marcia chinelato

      Bem, o banco do Brasil é mesmo um caso a parte em termos de "dar problema", ser complicado em tudo, etc etc. Apenas a titulo de alerta aos viajantes, aproveito para informar o que aconteceu com meu filho há menos de um mês estando no Peru. Ele usou o aplicativo do BB para desbloquear o cartão antes de viajar. Fez tudo certinho e de fato conseguiu usar para débito normalmente e também fazer saques. Até que um belo dia, do nada o banco decide "bloquear preventivamente" e ele não pode mais sacar. Ligou na central no exterior, que deu a grande solução: ligar para sua gerente no Brasil! Ou seja, não conseguiu mais sacar com o cartão, apenas usar a débito. Realmente o banco do Brasil é "bom para todos" ha ha ha!

      • Luciana

        És tu, mainha??? Hahahahaha… Aconteceu comigo no Peru mês pasado EXATAMENTE A MESMA COISA!!!! Estive sacando no débito e, sem saber, estava tirando do crédito. Como meu limite é baixo, me lasquei já na primeira semana. Sorte que tinha o cartão de crédito da minha mãe, senão….

    • Ludimila

      Comigo tbm, em 2008, com cartão bb múltiplo.

    • Bernardo

      Fui na agência pra desbloquear o débito no exterior e o gerente me orientou a também bloquear a função crédito no cartão, senão realmente o saque sairia do crédito.
      Como ja estava levando cartão de crédito de outro banco não me fez diferença não…
      Mas se tivesse que abrir mão do crédito não seria legal, se não fosse por isso.
      Bem mal feito.

    • PAULO ALMEIDA

      Se levar dinheiro nunca vai ter esses problemas. Cartão é pra emergência. Sem falar que tudo no BB é difícil e demorado.

    • https://www.facebook.com/bival.filho Bival Filho

      Eu já tive esse problema inclusive com a função crédito do meu cartão inibida. Imagine só: Cartão com função crédito inibida e chegando fatura pra mim. É mole??

      Eu resolvi o problema ficando com um cartão de débito (visa electron) e um somente de crédito. Custa 8 reais e vc não tem mais problema.

  • http://www.pesquisasenumeros.com Romeu Friedlaender

    É isso mesmo, fui aos Estados Unidos em abril/13 e não levei um dólar sequer daqui do Brasil, paguei muita coisa com cartão de credito e saquei dinheiro num totem desses mostrados na matéria.
    Tem esse texto explicando de forma simples os custos que temos com cambio nas viagens internacionais: http://www.pesquisasenumeros.com/2011/09/viagem-a

  • Liliane

    Bom dia! Estou indo pra Buenos Aires semana que vem (Valeu MD)… é mais vantajoso sacar pesos direto da conta – Bradesco – ou trocar no Banco Argentino? Obrigada

    • https://www.facebook.com/brenno.toleddo Brenno Toleddo

      Liliane , nenhuma das duas opcoes, troque em algum restaurante do centro. em alguma loja, 1dolarvale9 pesos.

      • Liliane

        Uma pergunta… mas preciso levar em dólares? Posso levar real e trocar?
        Por favor.. não me julguem.. é minha primeira vez…
        Alguém indica algum restaurante confiável para fazer essa troca? Vou ficar pelo centro…

    • https://www.facebook.com/leandro.ribeiro.77964 Leandro Ribeiro

      Vale mais a pena levar Real em espécie e ir aos bancos e casas de câmbios oficiais da Av. Sarmiento (centro financeiro de BUE, local onde se encontra cotações honestas) e ver quem paga melhor. Se não tiver tempo, as agência do Banco de La Nacion tb oferecem boa cotação.
      Como a Argentina tem enormes restrições para o nacional comprar moeda estrangeira, veja como está a cotação para o pagamento do que estiver comprando direto em Real, pode valer a pena.

      JAMAIS troque dinheiro na Calle Florida. Se quiser um passeio bacana sem muvucada de turistas e espertalhões de todo tipo, nem vá a Calle Florida…

      • Liliane

        Obrigada Leandro. Acho que vou trocar no Banco de la Nacion alguma coisa pra começar, assim que chegar ao aeroporto e depois procuro outro cambio neste endereço que me sugeriu.

        • César

          Liliane, no Aeroporto de Ezeiza tem uma loja da Hertz, lá os funcionários fazem um "cambio" fui em Março e pagaram 3 pesos em 1 real, na Calle Florida, fiz com um rapaz de uma agencia de viagens e ele me deu 3,4 pesos por real, a cotação estava no Banco de La Nacion em 2,4 pesos por real, alias,a agenciad o banco, que fica no aeroporto estava fechada, só funciona em horário comercial.

          • https://www.facebook.com/christianotimotijus.cerniauskas Christiano Timotijus Cerniauskas

            Liliane

            Vou constantemente para Buenos Aires. Antigamente trocava nas casas de cambio da Sarmiento ou da San Martin. Compensava muito. Agora com a restrição da compra de dólares pelos argentinos surgiu o "mercado negro".
            EU sempre levo real (não compensa levar dólares, pois teria que cambiar 2 vezes) e troco com os chamados "arbolitos" (ficam na rua oferendo cambio) na região central de Buenos Aires, principalmente na Lavalle e Florida. Estão pagando algo entre 3,60 a 3,80 pelo real. Sempre troquei e nunca tive problema nenhum.
            Agora, vai de cada um. Caso não queira preocupação, siga como disse o Leandro.
            Só para constar, hoje pagam 2,53 no La Nacion.

        • https://www.facebook.com/alex.fernandes.10420321 Alex Fernandes

          Liliane fui para Buenos Aires… em setembro…. peguei uma dica bacana…. com Bruno ou karen para troca do dolar…. na epoca estavavam pagando 9.2 no dolar e 3.85 no real… me entregou no hotel… confirma para vc que nao existe nenhuma nota falsa…. entra no face ou viajenaviagem … e procure por cambio justo… la aparece as cotacoes e boa viagem…

    • Carlos Gomes

      Fiz a troca do Real por peso no Banco De La Nación Argentina, sainda da imigração no aeroporto, vire a direita, a cotação mais baixa e segura que encontrei.

      • marcelo

        O IDEAL É FAZER SAQUE EM DOLARES NO CAIXA ELETRONICO E VENDER NO MERCADO PARALELO HOJE 9,60 PAGAM CONVEM SEMPRE LEVAR USS BILHETES POIS O REAL PAGAM 3,90 NO MAXIMO NO ENTANTO FAZENDO ARBITRAGEM REAL PESO SERIA 4,40 APROX
        CAMBIO OFICIAL , NEM PENSAR

    • luiz

      cara liane
      leve dolar ou real e troque la pois a cotacao no paralelo deles esta na ordem de 1USA=9 pesos
      se vc fizer saque sera convertido ao cambio atual 1usa=5,50 pesos

    • ric

      já estive em B Aires, e descobri que o mehor seria ter levado reais, que são aceitos no comercio em geral com taxa de conversão mais vantajosa. Recomendo levar REAIS, se a cotação não compensar vce traz de volta para o Brasil. O preço usando cartão costuma ser maior.

    • Rafael

      Liliane, estive em Buenos Aires ano passado e graças a Deus levei dinheiro do Brasil e só precisei de caixa eletrônico no penultimo dia da viagem. Eu estava com dois amigos americanos, com cartões de bancos americanos, e eles simplesmente penaram para encontrar caixas que funcionassem com cartão estrangeiro. Te digo que quando fiz meu unico saque foi após rodar o centro por umas 3 horas até encontrar uma agência do Citibank na calle Florida que aceitava cartões internacionais. Quanto a casas de cambio, uma das melhores que encontrei foi o Banco Piano, pertinho da calle Florida. O unico problema é que ele fecha às 16h.

    • https://www.facebook.com/DavidFGomesCuritiba David Fernando Gomes

      Oi Liliane eu fui a Buenos Aires a menos de 1 Mês, a dica é "Leve tudo em Reais!!!" Como alguns amigos acima falaram Dólar não compensa pois são dois câmbios!!! Eu troquei na Rua Florida com uma Brasileira Loira com Dread's no cabelo (RS$ 1.500 Reais a USD 3,69 Pesos) e não tive problemas nenhum, ela fica na Rua oferendo cambio você negocia e vai em um Shopping em frente entra em uma sala de cambio e faz tudo ali!!! Na Rua Sarmiento não compensa pois eles estão pagando USD 2,80 por Real… Espero ter ajudado…

    • https://www.facebook.com/duarteluana Luana Duarte

      Melhor levar em reais, fui pra buenos aires em Maio e consegui cotação a 4,65. Agora foi indicação de uma amiga o rapaz que fez a troca, totalmente confiavel, estavamos em um grupo 7 pessoas e todas as notas foram verdadeiras.

  • Carlos Silva

    Alguém já esteve em algum país onde tem que comprovar se a pessoa tem meios de se manter pelo período em que estará visitando tal país? A Inglaterra seria um desses países que podem pedir a comprovação. como proceder nesse caso? Mostrar apenas o cartão e um extrato, é suficiente? Levar uma quantidade em dinheiro e o restante usar o débito?

    • Lydia

      Sugiro extratos de conta corrente dos três últimos meses. Pelo menos foi isso que apresentei cada vez que precisei do visto canadense.
      Não esquecer também de levar comprovante de seguro saúde, pois tem país que pede na entrada!

    • https://www.facebook.com/joao.rodrigues.3388 João Rodrigues

      Nunca ocorreu comigo, mas dizem que se você pegar um oficial bem implicante, ele chega a pedir pra mostrar mesmo o dinheiro que você diz ter. O melhor a se fazer é mostrar os extratos de conta corrente e cartão de crédito, para eles verem o quanto você tem disponível. É útil também levar pelo menos um pouco da moeda em espécie.

    • Marcos Sobral

      Alguns amigos falaram que o oficial pedia para mostrar a moeda em espécie e os cartões de crédito. Quando o cara é bem implicante eles fazem uma pré-autorização para conferir seu limite.

  • Art

    Pessoal:

    Algumas observações:

    1. Esse site é realmente MUITO FODA, meus parabéns!
    2. A CAIXA não faz essa operação porque ela não está autorizada a fazer contrato de câmbio pelo BACEN.
    3. Na Argentina, ainda vale a pena levar dinheiro em espécie para trocar na cotação do dólar paralelo (conhecido como dólar blue), que normalmente é muito melhor que o oficial praticado pelos bancos.
    4. É sempre importante comparar as cotações entre os diferentes bancos. Eu tenho conta na Caixa, no BB e no Santander. O Santander, mesmo com taxa maior por saque, sai bem mais barato.
    5. Lembre-se que você paga por saque no seu banco, então o melhor é sacar a maior quantidade de dinheiro possível. Os caixas dos bancos oficiais (como Bank of America e Chase) costumam permitir uma maior quantidade de saques. No BofA e no Chase eu saco USD 800 por vez pelo Santander.
    6. Compare as taxas dos seus bancos. Nenhum é tão barato quanto o dólar comercial, mas alguns são bem melhores que os outros.
    7. Não duvide, isso é a melhor forma de sacar!

    • Alexandre Infante

      Art, para viagem à Argentina, é melhor levar Real ou Dólar para trocar por Peso? Ou comprar Peso no Brasil?

      • César

        Leva em Real, troque um pouco no aeroporto, tem restaurantes que aceitam reais, e com ótima cotação, se precisar de taxi Alexandre, procure na internet o contato de Marcelo Bautista, é um militar aposentado, muito simpático, honesto e pontual, e o melhor, com um preço muito bom!

    • Carlos

      Só um detalhe qdo for fazer cambio Blue na Argentina, se vc fizer muito cambio e sobrarem pesos, na hora de voltar nem tente desfazer o cambio no bano do aeroporto…eles exigem o recibo de cambio original do primeiro cambio (US$ – Pesos), para desfazer a troca e te lhe dar US$ por pesos. Aprendi na prática, voltei com US$ 200,00 em pesos. Pra minimizar comprei varias coisas no FreeShop do aeroporto, pois eles aceitam os pesos no cambio oficial.
      Mas fica a dica, va trocando aos poucos seus US$ por pesos conforme necessitar.

    • Zé R

      A Caixa não faz esse tipo de serviço pq não quer ou não tem tecnologia. Ela é autorizada pelo BACEN a fazer contrato de câmbios, tanto que você pode comprar dolares em especie nas agências, fazer importações e exportações. abs

  • richard

    Citibank da saques gratis mas usa cambio turismo + IOF + 3%. Eles são horrivies .

    • rodrigofraxinoaraujo

      IOF é 0,38 pra saques no exterior

      • Elton

        Sim, foi o que ele disse Câmbio Turismo + IOF (0,38) + 3% de taxa.
        Fui para San Andrés e Bogotá em março, e realmente, o Santander , é bem melhor o cambio.
        No citi, tinha direito a 4 saques internacionais, mas com essa cotação deles, não compensava.

        • rodrigofraxinoaraujo

          Acho que depende da conta então. Para mim nao cobraram esses 3%. Abs.

          • Paulo

            Hoje, 9/Outubro/2013, o dolar comercial fechou a 2,20 e o turismo a 2,32 – O Citibank hoje cobrou 2,36 para todos os clientes que sacaram na opção débito

          • Adriana

            Ótima comparação, e complementando comprei dólar hoje numa casa de cambio aqui em Porto Alegre a R$ 2,33.

          • bugout99

            Paulo, vc sabes esses valores usando o debito fora ou o citi publica em um lugar? Perguntei meu gerentes 10 mil vezes e ele nao sabia informar.. rediculo isso..

          • bugout99

            Cobra sim.. ta dentro do cotaçao.. So top citigold.. citibank e mais horrivel de todos os bancos no brasil para quem viaja fora..

          • rodrigofraxinoaraujo

            Ah, mas 3% a partir do dolar comercial, que fica parecido com o turismo. Acho que nenhum banco cobra o dolar comercial.

          • bugout99

            e 3% em cima do dolar turismo.. pode confiar..

  • Fernanda

    Muito legal esse tutorial!!! Vai me ajudar muito na viagem que farei para os EUA. Na ultima viagem tive dificuldades com isso. Obrigda

  • Paulo

    Nos EUA, uso a opção de saque no caixa do Walmart. Dá pra retirar até 100 doláres com o cartão de débito e não há taxas pelo saque, apenos o IOF de 0,38%.

    • Livia

      Eu também sempre faço isso..,. O famoso cashback! Muito bom!!!

      • https://www.facebook.com/lesterbsb Lester Izaac

        e tem limite de numero de saques de 100usd por dia?

        • Leonardo

          fiquei com a mesma dúvida

    • Breno Vieira

      Caramba, fui ano passado pros Estados Unidos e sempre via esse tal de cashback e achava que ia ser cobrado um valor absurdo…

      Pelo visto o melhor é pegar cashback no Walmart com cartao de débito. Show de bola.

      Esses $100 entra como parte das suas compras né?! E a maioria dos cartões não cobram taxas pras compras.. só pra saque.

      Dica Muito boa!!!

      • Michael

        mas você paga por saque a taxa do banco, ou nao?

  • Renan

    Fui informado pela minha gerente do bradesco prime, que cobra 6% sobre o saque!!

    • Marcos Sobral

      No Santander, se tiver o pacote Van Gogh tem direito a dois saques por mês de graça.

  • Mayara

    Uma dica! Quem vai para o Peru, no Banco de la Nacion eh possivel fazer 2 saques de 400 soles sem taxas!!!

    • David

      Em Cusco, existe um agência do Banco de la Nacion na Avenida El Sol, a principal avenida da cidade.

      • thais

        ei david, estou indo pra cizco e MP segunda feira.
        e ainda estou na duvida se levo em real e troco lá, se levo em dolar ou saco na conta lá no peru.
        o que acha?

    • Carlos

      Mayara: mas usando cartao de que banco no Brasil?

  • Flavio Lima

    Olá, muito boa a reportagem.
    A dúvida ficou por conta do IOF de 0,38% (calculei isso).
    Essa viagem foi ha mais de ano ou o IOF para saque no débito é isso mesmo?
    Abraço!

    • PAULO ALMEIDA

      IOF no débito = 0,38%.
      IOF no crédito = 6,38%.

  • Edinei

    Muito bom, já está no favoritos. Obrigado

  • Pedro

    Bom dia Senhores,
    em março deste ano viajei para os Emirados Árabes e Europa. Antes de ir consultei meu banco se poderia realizar o procedimento acima citado. Procurei minha gerente e o Fone Fácil. Chegando lá não consegui sacar e nem realizar compras pelo débito, como o banco havia informado. Tive muita dor de cabeça. Logo sugiro que peguem sempre algum comprovante de que o serviço foi liberado aqui no Brasil, para se resguardar se algo der errado.
    Abs

    • Jose

      Provavelmente só liberaram a função crédito de seu cartão para uso no exterior. Já aconteceu comigo. Eu liguei, via Skype, para minha gerente que liberou a função débito: muito estresse e um trabalhão. Mas ninguém está a salvo dos erros operacionais, barbeiragens, dos bancos: além de seu conselho muito útil, sugiro verificar "pessoalmente", pelo internet banking, se está tudo liberado antes da viagem.

      • Marcos Sobral

        É por isso que eu uso sempre dois bancos diferentes. Aí se um bloquear tenho outro de reserva.

      • MBE

        Verifique também o internet banking antes da viagem. Tive muitos problemas com o internet banking do BB já em viagem e foi um pesadelo para resolver.

        • https://www.facebook.com/samir.s.filho Samir Samaan Filho

          O ideal e ter um cartao só de debito tipo visa electron aceito no exterior.
          No BB nao consegui fazê isso, pois a incompetência e imensurável.
          No santander nunca tive problemas, sempre utilizo e é ótima a cotação. Vale a pena demais!

    • Bruno

      Também viajei para os Emirados Árabes e ocorreu tudo sem problemas! A função débito funciona em todo o mundo muito bem, já testei na China, África do Sul, Emirados Árabes, Europa toda. Nunca levo dinheiro em cash, só uns US$ 500,00 para emergências.
      As vezes no meio da viagem, se você não tiver avisado ao banco e ao cartão de crédito que está fora do Brasil, eles bloqueiam alguma compra, mas ai você liga no número que tem no cartão solicitando o desbloqueio e informando o país que você está e eles liberam imediatamente. Mas o mais recomendado é avisar ao banco antes de sair do Brasil.

      • https://www.facebook.com/andreia.a.fernandes.10 Andréia Fernandes

        Esse pessoal do bano muitas vezes nem sabem passar a informação correta. No Bradesco o fone fácil me direcionou para a agência. Eles sabem o básico…

    • PAULO ALMEIDA

      Apesar de liberar aqui, o débito não funciona em alguns estabelecimentos espalhados pelo mundo.

  • Geo MS

    Caros. Estive em Janeiro de 2012 e estava com dificuldade de sacar, via HSBC na ATM, entrei em contato com o banco e ele me informou que o limite de saque pelo Banco Central, e não pelo HSBC era de 300 dólares no máximo e compra máxima de 500 dólares, isso por dia. Medida tomada junto com a taxa de 6,38% do cartão de crédito – IOF. Minha pergunta é: este tutorial foi feito recentemente? ou o governo já mudou as regras novamente. alguem sabe informar

    • sabbathbh

      Essa do HSBC falar q o limite é do banco central é brincadeira. Já saquei com Santander 1000 dólares, 700 euros, 500 libras… Em 2011, 2012 e 2013.

      • https://www.facebook.com/samir.s.filho Samir Samaan Filho

        Onde sacou $1000 dólares? Sempre consigo só 800 nos EUA.

        • sabbathbh

          ATM do US Bank dentro do Sea World de Orlando. Mas esse foi fora do normal mesmo. Os outros saques que fiz nessa viagem foram entre 700 e 800.

    • https://www.facebook.com/luciano.rodriguesbatista.3 Luciano Rodrigues Batista

      Continua sendo como vc descreveu

    • https://www.facebook.com/giovanni.santos.33 Giovanni Santos

      tem certeza que esse saque foi feito com cartão de debito? lembrando que da pra sacar com o cartão de credito e os limites, pelo que lembro, são esses aí que vc passou

  • Urbano

    Ótima dica. O custo do saque na função débito fica muito abaixo de uma compra em casas de câmbio e próximo do dólar comercial.

  • Cassiano

    Pessoal, uma dica para quem vai a outlets, procurem não sacar por lá que a taxa é maior! Queriam cobrar 13 dólares!

    Outra dica é pedir ao banco um cartão de débito internacional para evitar confusão entre crédito e débito, que vc pode fazer as compras nessa função sem taxa de saque de lá e daqui.

    Abraços!

  • https://www.facebook.com/bediniz Bethânia Diniz Hidalgo

    Só precisei usar 2 vezes e tive problema. Em Buenos Aires consegui sacar, mas não pagar. Já no Peru tentei comprar no débito, não deu, tentei sacar, ver o saldo, nada funcionou! Tentei em vários caixas. Fiquei sem dinheiro no fim da viagem (VTM e em espécie já tinha acabado), sorte que estava com amigos e me emprestaram.
    Isso pq eu tinha liberado o uso do cartão no exterior no site do BB e por telefone. E mesmo assim não deu. Acho que da próxima vez vou ter que ir à agência pessoalmente e pedir 500x pra eles liberarem…

    • David

      Também não consegui comprar no débito em Cusco, Bethânia. Mas saquei normalmente de minha conta Santander , tanto no ATM quanto no banco de la Nacion. Assim, paguei minhas despesas em espécie, normalmente.

      • Marcia Chinelato

        Oi David. Não sei se teu caso é recente, mas meu filho tb teve problemas com o cartão do BB em Lima/Peru, conforme já postei em separado. Ele até conseguiu um tempo, mas do nada eles bloquearam o cartão e daí ele só conseguiu continuar usando a débito. Eita banquinho &%#@
        Vou tentar usar na Bolívia, mas já estou com medinho rsrs. Abç :)

        • David

          Marcia, usei meu cartão do Santander e foi tudo bem em termos de saque. Já para o uso em débito, fiquei a ver navios…
          Minha dica é habilitar outros cartões para uso no exterior, se você tiver conta em outros bancos; de fato, o saque em conta é muito vantajoso financeiramente.
          Abraço, David. : )

  • Ramon

    Pra mim a melhor opção é o cartao pre pago, visa travel money, que vc ja carrega sabendo a cotacao, e a tarifa de saque é 2,50 USD. Fora que é usado em compras, na ultima viagem aos EUA, levei 1000 USD em especie e nao precisei sacar mais nada, so usando o cartao pre pago… Ainda voltei com especie!

    PS: o autor das fotos tava fazendo umas comprinhas no sawgrass hein!? kkkkk

    • Fabio

      Mas o cambio que vc carregou esse seu VTM é um roubo.
      Cobram muito mais caro do que o cambio para saque no débito.

      Usei na Turquia e nos Emirados Arábes. Foi tudo 100%.
      Já saquei tb na Suiça com muita facilidade.
      E o cambio final, já com as taxas de saque, ficou bem melhor do que o VTM.

      Logicamente, é importante não ficar fazendo saques picados, pois cada operação incide as taxas.

    • Marcos Sobral

      Eu não, minha esposa! Prejuízo!!

    • karuta

      Também usei o pré-pago em minha última viagem aos EUA. Mas notei que pagamos muito mais pelo dólar na hora da compra… ou seja, fui em junho desse ano, fiz o cálculo se tivesse pago com o cartão de crédito, mesmo com o IOF de 6%, daria "elas-por-elas", sendo que no crédito ainda ganho umas milhas. Agora essa forma de débito em ATM não conhecia, achei bem interessante. Vou testar na próxima viagem, já que o IOF é igual do pré-pago e o valor do dólar é igual do cartão de crédito, seria isso ????

  • Fernando

    Excelentes dicas. Vou mudar minha maneira de lidar com dinheiro em viagens a partir de agora. Obrigado pelas informações.

  • Daniel

    Dá para usar o débito nas compras também.

    O ideal é levar um cartão só de débito (pelo menos nos EUA) porque muitas vezes eles podem acabar passando no crédito por engano ou desconhecimento.

    É a melhor forma de pagar nos EUA porque o câmbio é o mesmo do cartão de crédito (melhor que o VTM e cash), mas se paga 0,38% ao invés 6,38% do CC.

    Só que o câmbio do cartão do BB não está essa maravilha toda. Na minha fatura, veio algo em torno de 7 centavos acima do oficial, não 2.

    • Fabio

      Uma pena que no débito não gera milhas…..

      • Daniel

        Sim, tem essa desvantagem.

    • Marcos Sobral

      É verdade. Nos EUA é o maior trabalho para usar a função débito. O problema é que o Santander só dá cartão múltiplo.

      • sabbathbh

        Depois que tive problema com cartão múltiplo do Santander sacando no débito mas registrando a transação no crédito pedi no Santander um cartão somente débito Mastercard Internacional, problema resolvido. Mas têm que pedir o Master pois o Visa somente débito não era internacional (isso foi em 2011).

        • Gustavo

          Há 1 mês atrás, fiz pagamento com débito em Miami, cobraram o dólar comercial + 0,38% de IOF. Banco Santander

  • http://twitter.com/EuFlavioLuis @EuFlavioLuis

    Este post veio na hora certa, muito obrigado ao MD e ao Leonardo. Já estava para comprar o catão pré pago e jogar dinheiro fora.
    Vou desbloquear minhas contas do Itaú e Bradesco e fazer os saques nos EUA.
    Posso entrar nos EUA sem $$ em espécie e fazer o saque no aeroporto?

    • Cristiano

      Usa só o Brasdesco. Itaú é furada….

    • Marcos Sobral

      Pode sim, mas normalmente os saques no aeroporto se limitam a 300 dólares. Procura um shopping ou algum centro comercial que pode chegar a 800 dólares.

      • sabbathbh

        Minha dica é o oposto da sua. Em 2012 fiz saques de $800 nos ATM do Bank Of America do aeroporto de Miami. Tanto no desembarque no caminho para o car rental quanto no embarque perto do checkin da TAM. Outro lugar com limites ótimos para saques são os ATMs ao lado de agências dos bancos. Algumas têm drive-thru onde vc opera o ATM de dentro do carro :-)

        • Marcos Sobral

          Eu tentei lá no ATM que fica próximo a esteira do Rental Car Center e estava limitado a 300 dólares. Pode ser em função do horário que eu cheguei (9 da noite).

          • https://www.facebook.com/samir.s.filho Samir Samaan Filho

            Marcos, no aeroporto de Miami, ao lado das escadas rolantes q te levam a pegar o carro no car rental saquei us$800 e cobraram so us$2 de taxa, mas era 11 da manha. Minha dica e sempre procurar o regions bank, pq eles permitem sacar us$800 e nao cobram taxa. Seria o atm no drive-through.
            C vc nao se importar, estive em Orlando em agosto, acrescente essa informação no seu post, pq ajudaria muita gente q visita a florida! A cotação cai pelo menos r$0,01 qdo nao se paga a taxa do atm!
            Abxxx

  • https://www.facebook.com/brunokj Bruno Ferreira

    Usei essa opção no Japão em dezembro, e realmente foi vantajosa. Além disso, em toda lojinha de esquina havia um ATM.

    • Bruno

      Ano passado estive no Japão e de fato o débito era a melhor opção. Este ano o saque saiu R$ 0,10 centavos mais caro do que o débito (a cada 100 ienes). Isso pelo banco do Brasil, em saque de 40 mil ienes (o máximo), e o ATM não cobrou nenhuma taxa. O mesmo ocorreu nos EUA, onde este ano saque e débito saíram quase o mesmo valor, e quase sempre 10 centavos acima do dólar comercial, sendo a tarifa do ATM de 2 dólares e o saque de 500usd. Ou seja, o BB passou a explorar os clientes no saque e débito aproveitando-se do IOF de 6,38% para crédito

  • Daniel

    Não precisa ser ATM.

    Eu saquei também no CHASE, que aliás tinha limite maior e taxa menor.

  • https://www.facebook.com/emerson.gomes Emerson Gomes

    Vale lembrar que a cotação nos saques varia de banco para banco. O Santander utiliza a taxa comercial, ao contrario da maioria dos outros bancos que utiliza turismo.

  • https://www.facebook.com/diogommn Diogo Marques

    Alguém poderia me informar se o itaú cobra dólar comercial ou turismo na hora do saque? Estou indo para os EUA em janeiro e estou procurando a melhor forma se uso cartão pré-pago, dinheiro, saque em débito vou ficar quase um mês com minha família e os gastos vão ser altos, por isso qualquer diferença na cotação é essencial. Alguém tem informações sobre a caixa? Pois possuo conta na caixa e no itaú. Se esses bancos não oferecerem bons negócios creio que abrirei conta em outros bancos. Aguardo e obrigado!

    • Cristiano

      Toma cuidado com o Itaú, é a maior cotação, sempre usam cotação acima do turismo. Ouvi dizer que os cartões de crédito da caixa tem cotação perto da comercial, então é melhor usar cartão de crédito da caixa do que qualquer outra forma com o Itaú.

      • https://www.facebook.com/vilaruccia Vinicius Laruccia

        eu tinha um cartao da caixa e realmente cobravam o dolar comercial, mas o Itau também fazia isso a uns 2 anos atras… infelizmente a Caixa tambem mudou faz 1 ano e começou a cobrar um dolar mais caro no cartao, ai cancelei meu cartao da caixa pois nao tinha mais vantagem alguma ter ele

        • Gabriel Q.

          A Caixa nunca cobrou o dólar comercial. É cerca de 2 a 3 centavos acima da cotação, e continua assim. Nem se compara ao Itaú. Não conheço hoje melhor cotação do dólar do que os cartões da Caixa.

    • Livia

      O Itaú usa taxa quase de turimo. Muito alto! Não vale a pena!

    • Roberta Franklin

      Eu tenho cartão de crédito da Caixa e débito do Itaú – a diferença é gritante!
      Na Caixa o câmbio é perto do comercial, no Itaú, para saque, é câmbio turismo ou mais que ele, e ainda cobram uma taxa absurda por saque!
      No fim dos cálculos, computando iof do cartão de crédito a 6,38% e tudo mais, comprar no cartão de crédito sai mais barato que sacar no Itaú, certeza!!

      • Gabriel Q.

        E ganha milhas… sou viciado em ganhar milhas… rs

  • pedro

    kkkkkkkkk precisa desenhar pra entenderem que VTM é perder dinheiro??

    comodidade? cambio 20 centavoa acima do que seria sacando pelo debito é vantagem??

    • PAULO ALMEIDA

      VTM oneroso: taxa de carregamento, IOF, tarifa de saque no exterior, taxa de conversão e até se vc não usá-lo por determinado tempo, a famosa tx de inatividade a partir de 6 meses. Todas em dólar, tá?Pouquíssimos viajam num prazo menor.
      Se sobrar dinheiro no cartão recompram seus dólares com cotação lááááá embaixo ou metem a tal taxa de inatividade.
      Bom, né?

  • Diogo

    Muito boa opçao pra América do sul. Só programar o máximo os gastos pra não fazer muitos saques.
    Já fiz chile, colombia e venezuela economizando no cambio dessa forma.

  • https://www.facebook.com/leandro.ribeiro.77964 Leandro Ribeiro

    Para os que estão em Brasília, comprei US$ no câmbio do BRB a R$0,03 acima da cotação oficial do dia + taxa R$ 30,00 por operação e IOF. Entre os bancos conhecidos, nunca vi cotação melhor do qu a do BRB.

    Sou cliente antigo do Banco do Brasil e a cotação deles é sempre uma m….., nem coto mais em grandes bancos.
    Já cotação do BRB é imbatível em Brasília e compete bem com o que se encontra no concorrido mercado de câmbio de São Paulo.

    • Leonardo

      dolar comercial ou turismo?

    • https://www.facebook.com/clarissa.maciel.94 Clarissa Maciel

      Ainda acho melhor a cotaçao da casa de câmbio COTAÇÃO. Se você disser que encontrou mais barato eles ainda cobrem a oferta :)

  • https://www.facebook.com/vovoantenada Ines Martins

    achei as informacoes muito util para desfazer qualquer tipo de duvidas na hora de sacar. Eu mesma ja cometi alguns enganos e com esse artigo descobri qual foi o problema. Valeu

  • Neusa

    No dia 16.09.2013, fiz um teste, saquei $200, Mastercard, BB, me cobraram R$ 480,26 + R$ 1,82 de IOF + R$ 12 de taxa de saque no exterior, resumindo saiu a R$ 2,4704, não achei vantagem nenhuma, pois na mesma semana tinha comprado dolar aqui no Brasil por R$ 2,32.

    • Anonymous

      Deu bobeira, Neusa! Como a taxa de saque é FIXA para qualquer valor sacado, vc deveria ter sacado o valor máximo permitido pela máquina ATM.

      • https://www.facebook.com/vilaruccia Vinicius Laruccia

        Pelo cambio que ela passou, fazendo umas contas rapidas, sacando o maximo de 500 dolares sairia 2,42….
        ainda bem alto! e só fazer as contas
        O grande problema é que sempre que se faz o saque não se sabe o que o banco vai cobrar… ficamos a merce deles…

    • Marcos Sobral

      Neusa. Você está comparando cotações de dias diferentes… Não faz sentido. Você tem que comparar cotações do mesmo dia. Principalmente em Setembro em que o Dolar estava muito volátil.

  • Ivan Goulart

    Olá, apenas para informar que quem é cliente Van Gogh pode fazer dois saques por mês sem pagar tarifa alguma.

    Outra coisa, o US Bank tem um limite diário de 1000 dólares, é o banco que oferece maior limite diário nos EUA..

    Abs

    • Marcos Sobral

      É verdade. Mas tinha já consumido meus saques grátis kkk. Mas esta é uma vantagem do SAntander .

    • Livia

      2 saques? Eu sempre faço 4!

    • sabbathbh

      Eu confirmo essa informação, ano passado saquei $1000 em um ATM do US Bank dentro do Sea World de Orlando. Taxa de $3.

  • Marcos

    Fui aos EUA em Agosto/13 e consegui usar o cartão do Santander de débito tanto para saques em ATM (caso possível sacar o valor máximo permitido) quanto para compras em débito. É muito prático e acaba sendo a primeira opção para as compras, pois a cotação praticada é o dólar comercial. O ideal é pedir para o banco um cartão internacional somente de débito, pois assim não há problemas de alguma compra cair na função crédito.
    Outra dica é diversificar para não ter problemas: Cartão de débito, dólar em espécie, VTM (sugiro uma quantia razoável, caso realmente queira ter mais segurança) e em último caso o cartão de crédito (com o IOF de 6,38% só mesmo para emergência).

    Espero ter colaborado. Deixo aqui os meus parabéns ao site Melhores Destino, onde já fui gratificado com diversas dicas e promoções de passagens!

    • Nivaldo

      Olá Marcos. A sua dica é muito importante, pois estive na França com o meu cartão Santander e realizei saque no debito, mas caiu tudo no credito e para cada saque cobraram R$ 15,00.
      Solicitei o cartão de debito no Santander, mas no cartão de debito não vem nada escrito que é debito, no seu cartão está escrito ?
      Caso queira, o meu e-mail é nivaldo.buzzo@gmail.com

  • gilberto

    Já usei esse serviço pelo Bradesco em vários países como Egito, Africa do Sul, Chile, Argentina, EUA, e países europeus. É prático, rápido e tudo mais… precisa prestar atenção no entanto ao fuso horário… no período em que não podemos sacar dinheiro aqui no Brasil vale para lá fora também pelo menos no Egito e na Africa do Sul tive que esperar o horário bancário para saque para poder obter o dinheiro!

  • Victor Miranda

    Parabéns pela matéria!

    Alguém já fez esse tipo de saque em Portugal pelo Santander?

    No Brasil, a senha tem 4 dígitos. O mesmo vale em Portugal?

    Lembro que em Lisboa tentei usar um caixa do Santander e não consegui. Apenas funcionou nos Multibancos.

    • Carlos

      Olá fiz, ou mlehor tentei fazer e Portugal e me dei mal, tive de sacar pelo ATM co cartão do Citi, pq o Santander simplesmente não funcionava em Portugal. Ah fiz td certo a ntes de viajar e ainda mandei email pro meu gerente perguntando sobre o problema e ele conferiu que td estava certo com meu cartão, apenas não funcionava. Cuidado.

    • Marcos Sobral

      Por incrível que pareça tentei fazer um saque no Santander de Portugal em 2010 e não foi autorizado! Procurei outra rede e consegui. Vai entender.

    • Rafael

      Em Portugal a senha de qualquer cartão é 1234.

  • Alexandre Infante

    Meu cartão de débito da Caixa tem os símbolos "Maestro" e "Cirrus". Não é um indicativo de que permite saques no exterior?

    • Marcos Sobral

      Você pode sacar mas cai na função crédito, incidindo juros e pagando iof mais alto.

  • Ricardo

    A informação do post de que sacar no cartão de crédito no exterior cobra juros está errada, pelo menos para os bancos Caixa e Banco do Brasil.

    Já saquei nesses dois bancos do limite do cartão de crédito e não houve cobrança de juros. Inclusive recomendo sacar do cartão de crédito, pois a cotação do dólar é bem melhor que a cotação do dólar da conta corrente.

    No caso do Banco do Brasil a tarifa é R$ 12 por saque + 0,38% de IOF + Tarifa de saque do Banco internacional, se tiver. O dólar é muito próximo do comercial e ainda pontua normalmente como se fosse uma compra.

    Abraços

    • http://www.melhoresdestinos.com.br Leonardo Marques

      Realmente Ricardo, onde estava juros é IOF, que é de 6,38% e não 0,38%.

    • https://www.facebook.com/manoel.duarte.1 Manoel Duarte

      É isso mesmo. Saque na função crédito no exterior, não há cobrança de juros. Só taxas, câmbio e imposto.

    • Gabriel Q.

      Furo de reportagem!!! ainda gera milhas? bom demais!

    • Bruno Piruka

      Melhor ainda é o da Caixa.
      Também cobra R$12 + 0,38% + pontua e o dólar é, geralmente, R$0,01 acima do comercial !
      Sempre saquei no crédito do BB agora que tenho os cartões da Caixa vou passar a usar somente eles em viagem!

  • Rodrigo

    o melhor para saques é o bank of america, o valor para saque é maior e a taxa fica entre $2 e $3 e tem o bank of america em qualquer esquina america.

  • Paulo Oliveira

    Para quem for para à Itália, não confiem só em cartão. As redes lá são bem ruins e tive problemas tanto para comprar em lojas, a máquina ficava processando e dava erro porque passava do tempo limite. Para sacar também fiquei tentando em vários bancos diferentes que, apesar de ter o logo Visa Plus, as transações retornavam em erro por falha de comunicação.A sorte é que estava passando e vi uma filial do Deutsche Bank em Roma. Pensei: o banco é alemão, deve funcionar,. Dito e feito. saquei na primeira tentativa.

  • Érica

    Olá, já fiz varias viagens p o exterior, Tailândia, USA, NZ, Emirados Árabes, Austrália, Argentina e em todas fiz saques no meu cartão do BB em debito automático, muito pratico e com certeza mais barato, o banco cobra o valor do cambio do dia e uma taxa de saque, no fim do mês vem uma taxa de IOF cobrando no cartão de credito. Se fizermos as contas do valor do dólar cobrado em casa de cambio e o dólar cobrado pelo meu banco (BB) o valor do BB sai mais em conta, sem falar da praticidade e despreocupação de comprar dólar.

    • Karen

      Olá Érica, foi tranquilo encontrar lugares pra saque na tailândia? Estou indo pra lá em janeiro e estou em dúvida se faço um VTM ou se viajo por esse "novo" jeito.

      Obrigada

    • Irene

      Érica, isso era um cartão de débito, ou de crédito usando a função débito?

  • Luis Eduardo

    Uso o cartão de débito do Sicoob. Sem IOF e cotação do dólar comercial do fechamento do dia anterior.

    • Vanessa

      Sem IOF, Luis? Mas paga anuidade?

      Obrigada.

      • Leonardo

        LUIS conte logo como é isso que abro amanhã mesmo uma conta no Sicoob! :-)

    • Vanessa

      Liguei lá no SICOOB e descobri que só pode se associar a essa cooperativa quem é filiado ao Sindicato dos Aposentados e Pensionistas da atividade sindical e outra, pelo site deles, a tarifa para saque no exterior cobrada no Mastercard débito por eles é R$ 8,00.

  • Marcos

    Fui aos EUA em Agosto/13 e consegui usar o cartão do Santander de débito tanto para saques em ATM (caso possível sacar o valor máximo permitido) quanto para compras em débito. É muito prático e acaba sendo a primeira opção para as compras, pois a cotação praticada é o dólar comercial. O ideal é pedir para o banco um cartão internacional somente de débito, pois assim não há problemas de alguma compra cair na função crédito.
    Outra dica é diversificar: Cartão de débito, dólar em espécie, VTM (sugiro uma quantia razoável, caso realmente queira ter mais segurança) e em último caso o cartão de crédito (com o IOF de 6,38% só mesmo para emergência).
    Espero ter colaborado. Deixo aqui os meus parabéns ao site Melhores Destino, onde já fui gratificado com diversas dicas e promoções de passagens!

  • Ralf

    Muito oportuno o Post. Estou indo para Orlando em Dezembro e ontem mesmo estava na dúvida se uso VTM ou compro no crédito do cartão. Me falaram que o saque tinha cobrança de taxa então eu nem estava considerando. Só que se a cotação é menor então acho q vou fazer saque no débito. Tenho conta no Santander, BB, Itaú e Caixa. Pelo que vi o Santander é o melhor, alguém sabe me dizer se é assim mesmo?

    • https://www.facebook.com/samir.s.filho Samir Samaan Filho

      Santander, sem duvidas!!!

      • Leonardo

        Pelo que vi o melhor não é Santander, é Banco do Brasil! A taxa é de R$ 12,00 ao invés de R$ 15,00 e a isenção de taxas do santander só vale se você for cliente Van Gogh.

        • Irene

          mas a cotação do BB é péssima.

  • Marcelo Yoshida

    Pessoal…

    Seguem mais algumas dicas ..

    Nem sempre o sistema lhe fornece a opção CREDITO e DEBITO, tão explicitamente assim (fácil entendimento) em alguma viagens já ví termos que confundem nós brasileiros …

    Como escolher qual tipo de saque (conta corrente, cartão de crédito ou poupança)?
    O direcionamento do saque vai depender das opções que serão disponibilizadas pelo terminal:
    "credit account" (conta cartão), o saque será na função crédito;
    "checking account" (conta corrente), o saque será na função débito, em conta corrente;
    "saving account" (poupança), saque direcionado para débito da poupança.

    Outro ponto de atenção é:
    Na utilização de cartão MULTIPLO (débito e crédito) não optar por FAST CASH, optar por WITHDRAWAL e depois optar por FROM CHECKING … Desta forma cairá no débito em conta direto!

    E depois é só torrar a grana! Como de costume dos brasucas no exterior!

    • MBE

      Cuidado com a poupança. Nem sempre é facil movimentar dinheiro no exterior diretamente da poupança. Tive problema na agência do BB em Milão. Para evitar riscos, faça no Brasil uma transferência para sua conta corrente e cuide de questões do internet banking antes da viagem. BB é banco de alto risco para viagens ao exterior.

  • Sigma7

    Em passado ao Passo 1, é preciso ressaltar que o cartão precisa ser internacional. Parece algo óbvio mas quando fui solicitar há uma semana atrás o desbloqueio eis que percebi o inconveniente. Ainda bem que a greve dos Correios encerrou hoje e assim espero receber meu cartão internacional até a próxima semana, pois já solicitei há algum tempo.

  • Gustavo

    Muito bom o tutorial!
    Vale lembrar que alguns terminais no exterior tem limitações quanto ao reconhecimento de cartões múltiplos (débito e crédito) e dessa forma, esses terminais não oferecem a opção saque em conta corrente, abrindo apenas a opção crédito.

  • Viviane Moura

    Uma duvida, não consegui sacar dinheiro na europa (Portugal e Espanha) porque o meu cartão do Santander tem 4 digitos aqui no Brasil e lá fora pedem 6, como eu faço pra sacar então?

    • Marcos Sobral

      tem que dar uma ligada para a central que eles informam. Normalmente são os quatro últimos. Mas é sempre bom confirmar.

      • Gabriel Q.

        Marcos, é o contrário: no Brasil são 4 dígitos, e lá pedem 6…

  • Ivan

    Nos EUA o TD Bank (tem em toda esquina principalemente em NY) não cobra nenhuma taxa, neste caso você só paga a taxa do seu Banco no Brasil.

    • Marcos Sobral

      Sério? Ótima notícia.

  • lobusdaestepe

    Victor, utilizei o cartão de débito Santander em Portugal e foi excelente.
    Aliás o cartão de débito do Santander sempre deu certo comigo em vários lugares, tanto na América, quanto na Europa e Ásia. O mesmo não posso dizer do cartão de débito do BBrasil .
    O meu cartão de débito (azul)do BBrasil venceu o mês passado e o sistema bloqueia a emissão de outro, porque ele quer que eu utilize o cartão de crédito que tem as duas funções; mas este quase sempre dá problema, porque os vendedores quando não conseguem passar como débito utilizam crédito ….e ai dançamos com 6,38%.

    • Bruno

      E o pior é que se pedir o estorno eles não estornam o IOF

    • Irene

      vc pode pedir ao banco para bloquear a função crédito e deixar só débito.

    • Victor Miranda

      Ok, mas você fez isso nos caixas do Santander ou na rede Multibancos???

      Se foi no Santander, como você resolveu a questão da senha se aqui no Brasil a que temos tem apenas 4 dígitos e lá em Portugal são 6 dígitos??? Abraços

  • Carlos

    Prezados, fiz uso desse recurso em 2 viagens e varia muito a aceitação do Débito. Sempre levo 2 cartões EXCLUSIVAMENTE de débito, (pois ja tive a surpresa de comprar em débito e vir na fatura como crédito)
    Em Portugal e Espanha o débito do Santander não funcionou…mesmo nas agencias do Santander. Nos EUA, depende, nos ATM funciona muito bem, nas lojas nem sempre, algumas aceitam a opção débito, outras não (vale lembrar que a maioria das lojas não tem equipamento que reconhece o chip e pede a senha, eles passam a tarja magnética e vc assina)
    Eu recomendo, levar sempre algum $ em espécie, cartões de débito e tb de crédito (separados)
    Normalmente levo débito do Santander e do Citibank ( o Citi funciona bem melhor).

    • Cristiane

      É verdade. O cartão múltiplo do Santander, na função débito não funcionou na França, Portugal e Itália. liguei para o Brasil, me disseram para colocar a função crédito embora fosse débito e nada. Em Portugal entrei na agência do Santander e disseram que o Santander de lá não é o mesmo daqui…Nos EUA funcionou bem. Na última vIagem, pra garantir, adquiri um cartão de débito em uma casa de câmbio.

      • Célio

        Prezados, eu também não consegui usar o débito do Santander para pagar nos estabelecimentos nem na Espanha nem em Portugal. Consegui fazer um saque na Espanha, no próprio caixa do Santander. Escolhi a opção "débito", mas para a minha surpresa, o saque foi computado no crédito. Liguei para o banco e eles disseram que quando não há autorização na função débito, eles enviam para o crédito. Achei isso um absurdo! O meu comprovante consta "visa electron" e mesmo assim foi lançado no crédito. Enfim, já é a segunda vez que o santander me deixa na mão. Uma vez tentei usar no Chile e também não tive sucesso. O crédito vai bem, mas o débito não.

        Aconselho a não confiar nestes cartões. O melhor mesmo é levar uma parte no "travel money" ou em espécie, porque tem muita gente que, como nós, não consegue usar os benditos cartões na função débito. E aí vc fica perdendo tempo precioso da sua viagem prá tentar resolver o problema, que ninguém explica e nem dá solução.

        • http://www.melhoresdestinos.com.br/denis-carvalho Denis Carvalho

          Engraçado, Celio, eu usei várias vezes o Santander no Chile ano passado e não tive problemas. Vai entender esses bancos!

  • Pamela Harada

    Muito bacana o post!
    Essas facilidades e opções dos bancos estão facilitando cada vez mais as viagens pro exterior né.
    Alguém aí que tem conta no banco do brasil sabe me dizer se foi fácil realizar essas transações bancárias na europa?

    • https://www.facebook.com/camillepanzera Camille Panzera

      Com exceção de caixas eletrônicos fora do ar, nunca tive problema para sacar dinheiro da conta corrente do BB… E já fiz isso em vários países.

      • https://www.facebook.com/pamela.harada Pamela Harada

        Obrigada Camille!

    • MBE

      Minha experiência com BB na Itália foi péssima. Não consegui sacar, pediu um pin de 3 digitos. Tive problemas na própria agência do BB em Milão. Se tiver dinheiro em poupança deve primeiro fazer uma transferência para poder conseguir sacar na própria agência. Também tive problema com o internet banking do BB. Leia todas as dicas desse post e se puder invista em diversificação como vários sugerem: cartão de débito internacional, cartão de crédito internacional, VTM e dinheiro em espécie.

      • https://www.facebook.com/pamela.harada Pamela Harada

        Obrigada pelas dicas, acho q diversificar é a melhor estratégia mesmo…

    • marcello

      Acabo de voltar de paris e em qualquer caixa eletrônico é possivel fazer saques. Deve-se tomar cuidado pois mesmo tendo um cartão multiplo no bb alguns saques saíram no crédito. O ideal é levar um cartão exclusivamente de débito. Todos os lugares aceitam cartão e pode pagar no débito sem taxas e com 0,38% apenas de iof. Para saques a taxa do bb é de R$12,00, por isso sempre saque o limite de 300 euros. Vale muito a pena.

  • Adriana

    Fui para a Colômbia agora em setembro e saquei 300.000 pesos. Qual não foi a minha surpresa quando voltei ao Brasil e o Banco do Brasil debitou da minha conta R$ 378, 73 e o cartão de crédito me cobrou o mesmo valor (com o detalhamento de que R$ 12,00 correspondem à taxa de retirada no exterior). Além da cobrança em duplicidade (estou esperando a greve dos bancos acabar para tentar resolver), o câmbio foi muito maior do que o que achei por lá: R$ 1,00 equivalia a 720 pesos. No saque, o câmbio foi R$ 1,00 igual a 818 pesos. Nesse caso, não valeu a pena, não!

    • https://www.facebook.com/adriana.nascimento.58 Adriana Nascimento

      Ih, falei besteira!!! No saque foi mais vantajoso! Desculpe a ignorância matemática! kkkk

      • Leonardo

        Oi Adriana, meu irmão foi pra Colombia em setembro também, e ocorreu a mesma coisa, todos os débitos foram duplicados no cartão de crédito e na conta corrente do BB. Ligou para o gerente e tudo foi resolvido! Boa sorte! :-)

      • pedro

        Aconteceu comigo, a fatura não fehcou ainda, mas fazendo a prévia, o valor que saquei foi cobrado da minha conta corrente e do cartao de credito, está em duplicidade, nao sei se haverá estorno até o fechamento da fatura.
        O seu foi em duplicidade mesmo? Conseguiu estorno? fale mais, estou desesperado. obrigado.

    • Andrey Santos

      Aleluia! Alguém com problema semelhante ao meu! Meu caso foi na Colômbia tb! Fui pra lá em agosto e realizei todas as minhas compras no débito (guardei todos os comprovantes). O desconto na CC era feito na hora. Dias depois, todo o dinheiro foi estornado e as cobranças foram transferidas para o cartão de credito. Resultado: há uma diferença de 25 reais entre cartão de credito e compras no débito, devido às taxas. Liguei no SAC e ninguém sabe o que aconteceu, e me aconselharam a procurar uma agência. Nada feito até agora por causa da greve.
      Sabem me dizer se no internet banking do BB há uma opção de desbloquear para débito? Porque só vejo uma só opção lá, e entendo que ela desbloqueie o cartão no exterior para as duas opções.

  • Cláudio Garbi

    Uma dica importante, pelo menos no BANCO DO BRASIL, essa opção saque direto da conta, só FUNCIONA com o cartão MASTERCARD. Com o cartão visa, mesmo você optando pelo DEBITO, o saque sai do CREDITO, que te gera IOF de 6,38% mas os juros do cartão… eu cai nessa, por isso estou repassando a informação que meu gerente me deu… no caso do BB o saque direto em conta corrente só ocorre com o cartão MASTERCARD. Fiquem ligado, o barato nesse caso saiu caro para mim!

    • Daniel

      Não sei se tem a ver com a bandeira.

      A informação que tive era que o melhor é levar um cartão EXCLUSIVO de débito. Fiz um do VISA e levei ambos (crédito e débito VISA). Esse cartão a mais custou só uns R$ 5,00.

      Foi o que fiz e não tive nenhum problema. Só tem que tomar o cuidado de pedir um internacional, como já disseram.

    • Francisca

      É verdade. Inclusive eles orientam no site que nem todo ATM está habilitado para débito na CC com VISA; para não perder tempo, utilizo logo o Mastercard, já que sairá da conta corrente mesmo. Abs.

    • Bruna

      Outra opção para sacar dinheiro nos Eua usando o BB é utilizar aquele cartão azul que é só débito. Saquei dinheiro e fiz compras direto no débito tranquilamente com esse cartão. Já na Europa aconselho a usar o mastercard múltiplo BB para sacar, pois o azul de débito do BB não tem chip e alguns caixas automáticos engolem esse tipo de cartão. Já para compras em débito funciona super bem. Saques na europa pelo BB, só usando o múltiplo da mastercard, como disse o Cláudio.

      • Alexandre-CGR

        Bruna, como vc fez para conseguir esse cartão somente de débito?? Pedi na agência e por telefone e não teve acordo, disseram ser impossível. Só sendo múltiplo.
        Meu Visa está com a função crédito bloqueada, será que terei problemas?

  • https://www.facebook.com/vilaruccia Vinicius Laruccia

    qual o Banco que cobra somente 2 centavos a mais no cambio do saque??? poderiam por favor especificar? eu tenho conta no Itau e HSBC, em ambos a cotação de saque sai bem proxima do cambio TURISMO! ou seja uns 5 a 6% a mais da cotação comercial

    Por exemplo no HSBC hoje que o dolar esta a 2,20 eles me cobrariam 2,29
    O que é bem melhor que o dolar do cartao de credito + IOF de 6,38% sem duvida
    mas fica bem longe do dolar comercial!

    O Itau a cotação chega a ser pior que a do HSBC

    • http://twitter.com/EuFlavioLuis @EuFlavioLuis

      2,20 + IOF = 2,29
      IOF não tem como escapar….
      Acabei de ligar no Bradesco e a cotação é a mesma.

      • https://www.facebook.com/vilaruccia Vinicius Laruccia

        Falvio
        O IOF de saque é 0,38%
        Usando o exemplo de 2,29 (para comercial de 2,20)
        Então no saque do Itaú e HSBC pelas minhas experiencias me cobraram os 2,29 + 0,38%
        se fosse no cartao de credito seria mais de 2,29 e ainda o IOF de 6,38%

        Não discuto que o debito ou saque são melhores que pagar no CC, mas quero saber qual é o banco bonzinho que cobra só 2 cents a mais, no meu exemplo seria 2,22 a cotação

        • sabbathbh

          O banco é o Santander. 2 a 3 centavos acima do comercial, IOF de 0,38% já incluso.

  • rafa morley

    A informação que tenho (sou cliente Banco do Brasil) é que o cartão múltiplo (crédito e débito no Brasil) não faz saques diretamente na conta corrente, saca sempre do cartão de Crédito. Foi-me sugerido solicitar um cartão de débito pra fazer estes saques diretamente em conta corrente. Seria legal confirmar esta informação pra que o tutorial ficasse mais claro e útil.

    • joao_alberto

      Faz sim, com certeza. O que pode acontecer, no entanto, não sei porque, é sacar na opção débito e cair no crédito. Aconteceu isso comigo em Londres e em Zurique. No entanto, caiu no débito em Praga e em Frankfurt. De qualquer forma, nas vezes em que caiu no crédito, não houve cobrança de juros, apenas do IOF mais alto. No entanto, não houve a cobrança da tarifa de saque no exterior em conta corrente (R$ 12,00). As informações que os funcionários do Banco do Brasil prestam são muito contraditórias.

  • Anonymous

    Não há dúvida de que, no que se refere ao custo final de cada dólar, a dica deste post é A MELHOR opção de compra da moeda americana. Quem ainda não entendeu isso precisa parar e ler novamente o post e os comentários, com calma e atenção. Apesar disso, há pessoas que se sentem mais seguras utilizando as formas “tradicionais” de compra da moeda americana, como as casas de câmbio e o cartão VTM. Essas pessoas pagam mais caro pelo dólar, mas compram junto a “segurança” e tranquilidade que lhes são tão importantes.

  • Marcia Chinelato

    Deixo um alerta para os clientes do Banco do Brasil usando o cartão de débito no exterior: dependendo do país onde você estiver (com meu filho ocorreu no Peru recentemente) eles bloqueiam o seu cartão, segundo eles "preventivamente", mesmo que não tenha ocorrido nenhum evento, mesmo que você já esteja usando há dias sem problemas. Simplesmente do nada eles bloqueiam seu cartão e você vai ter que ligar para seu gerente no Brasil, rezar umas 50 "Ave-Marias" rsrs e ter muito pensamento positivo! Nem pense em perder tempo com a central. Eles simplesmente dirão: "não podemos fazer nada por aqui…é um bloqueio preventivo"!! grrrrrrrrrrrrrrrr

    • Pedro

      É simples, é só avisar o banco antes das viagens. Sempre faço isso pelo bankline e nunca tive problemas.

    • MBE

      Maria,

      Comigo foi o internet banking. Primeiro só funcionava pra consulta, depois foi bloqueado. Passei o mesmo sufico com o atendimento por telefone que também foi bloqueado depois de algumas ligações. No meu caso foram intermináveis Ave-Maria… Depois dessas aprendi que o ideal é não usar BB, vou abrir conta em outros bancos e certamente meus pesadelos vão diminuir.

    • Irene

      Pedro, é evidente que ele havia avisado ao bancfo pois o cartão foi bloqueado após vários usos. aconteceu o mesmo comigo em Bali, perdi 1 fds inteiro (e uma grana preta em créditos Skypeout) falando, aliás gritando com minha gerente para que liberassem. o cartão de débito do BB não é confiável.

  • https://www.facebook.com/semaphoro Daniel Romani

    Mas isso é melhor do que o cartão de débito que pegamos nas agências de turismo, que vocês já recomendaram?

    • http://twitter.com/EuFlavioLuis @EuFlavioLuis

      Estava quase comprando um cartão pré pago, mas só de comparar que estes cartões trabalham com o dolar turismo x saque na conta com o dólar comercial….. já vale a pena a 2ª opção.

  • Marina

    Até o ano passado era possível fazer saque na função débito com o cartão do Banco do Brasil mas houveram mudanças e agora somente no crédito.Como estou com outro cartão fiz dois saques na Italia na função débito do cartão MasterCard Santander.Sendo cliente Van Gogh não paguei nada (os dois saques foram em menos de 30 dias),mas descobri "tentando" porque o banco não me informou sobre essa vantagem (embora tenha enviado 2 e-mails questionando).No entanto,foram saques até 500 euros,valores maiores não foi possível,embora houvesse saldo.E o cambio foi melhor do que na casa de cambio do Brasil.

    • sabbathbh

      A informação sobre os saques isentos de taxa no Van Gogh estava na tabela de tarifas na última vez que procurei.

      • Marina

        Quando pesquisei no site do Santander,estava escrito que o cliente poderia realizar 2 saques com taxa de 20 reais mas a minha duvida era se por transação ou teria direito aos 2 saques por 20 reais ,foi essa minha duvida.Na prática,ontem fiz o segundo saque e não foi cobrado nada.

    • joao_alberto

      Sou cliente do Banco do Brasil e fiz saque no débito este ano sem problemas.

      • Marina

        O gerente que me deu essa informação,não fiz o teste.rs Que bom que você conseguiu!

    • awaygilbrother

      Depende do caixa eletrônico italiano. Sou cliente do Santander e na maioria dos caixas não era possível sacar mais de 250 Euros. Porém no Intensa San Paolo consegui sacar 800 Euros. Com o cartão do Citibank, em que o limite diario de saque é de 12 mil Reais saquei 900 Euros no mesmo caixa. Portanto o Santander limita , pelo menos em Julho agora em que fiz os saques , em 800 Euros por dia. Agora em relação a cotação, a do Santander no saque é muito boa, e a do Citibank péssima. Nos saques no mesmo dia paguei 3,05 no Santander e 3,22 no Citibank.

  • Francisca

    800 dólares diários??? E por saque quanto é?
    Vou contar uma situação que, para mim, foi um problema: viajei no ano passado e levei pouco dinheiro contando usar a opção de saque justamente pela cotação. Para minha surpresa, o limite (por saque) era de 200 dólares. Como precisava de bem mais, precisei fazer vários saques durantes uns 3 dias para pagar as contas, além do cartão de crédito. Resultado, o BB cobrou 12 Reais por saque, fora IOF, daí não compensou. Em junho/13 as tarifas eram as mesmas e decidi realizar apenas um saque no aeroporto, pois o limite do ATM é maior. A cada viagem eu reavalio a melhor opção de moeda e, hoje, para mim, está sendo levar dinheiro vivo e fazer compras na opção débito e não crédito. Todas têm seus prós e contras. Boa sorte.

    • sabbathbh

      Não são $800 diários pois já saquei $1000 de 1 vez com Santander. Qual é o limite oficial eu realmente não sei.

  • flavia

    Muito Bom !!! pois da ultima vez paguei uma taxa nada agradavel…

  • Nelson

    Fazem 3 anos que eu só uso saque em conta na moeda local. É a melhor opção sem duvidas. Levo poucos dólares só para emergência mas nunca precisei. Vale pesquisar os bancos antes de ir. Na Argentina e Peru consegui sacar em bancos sem taxa de saque. Nos EUA não descobri banco sem cobrança de taxa. A cotação ficou excelente mesmo, vale a pena.
    Mês passado estava no Peru, saquei da minha conta BB em Soles e o câmbio ficou em 1 real – 1,18 soles (a oficial 1,21), nas casas de cambio lá no Peru estavam pagando 1,08 e aqui no BR onde eu consegui achar estava 1 para 1…
    Resumindo vale muito a pena.
    Um detalhe, quando fui para EUA levei o cartão do BB e do Bradesco. Simplesmente o Bradesco me cobrou uma cotação de 9 centavos a mais que o BB. Então vale a pena pesquisar.

  • https://www.facebook.com/manoel.duarte.1 Manoel Duarte

    Amigos, muito bom o post. Estou indo sexta-feira agora pros EUA e vei bem a calhar. Estou levando cash e VTM, que consegui numa boa cotação na queda do dollar semana passada. Uso o Santander e vi que o Van Gohg tem saques no exterior sem tarifa, na função débito.
    Ocorre que, apesar de desestimulado para comprar na função crédito por conta do IOF, estava considerando caso precisasse de um valor maior. Agora vendo o post, acho que não vai mais ser preciso.
    Compartilho, entretanto, um aviso que acabei de ver no site do Santander, informação que eu desconhecia:
    Transações internacionais realizadas em Reais:
    Atualmente alguns sites internacionais de compra e estabelecimentos comerciais no exterior permitem realizar o pagamento de transações em Reais (R$). A partir de 01 de outubro de 2013, essa opção de pagamento não será mais aprovada.
    Já havia feito compras no crédito em reais no ano passado e achei bem interessante, pra se proteger da flutuação do câmbio. Alguém sabe dizer se isso é uma política do Santander ou é norma do BACEN? (setor muito regulamentado é osso)

    • http://twitter.com/EuFlavioLuis @EuFlavioLuis

      Recebi o mesmo comunicado do Bradesco.

    • Marcos Sobral

      É o seguinte: antigamente você poderia optar por pagamento em Reais ou Dólar. Lojas como a Thommy e a Polo RL davam esta opção. Na hora do pagamento aparecia do display: PREFERE PAGAR EM REAIS? Aí dava a cotação (que normalmente era alta). Isto evitava o IOF. Agora o Bacen proibiu esta boquinha.

      • RicardoT

        A única forma de evitar o IOF no câmbio é quando a operação é fechada no Brasil. Qualquer site do exterior pode te dar a cotação em real na tela do computador – mas isso é só para efeito de esclarecimento. Não é oficial. Assim, se você comprar naquele site pelo valor em real, está comprando na moeda original sem saber. Muitos sites ganhavam na conversão sem o pobre cliente saber. Mesmo algumas empresas aéreas faziam isso.

    • RicardoT

      Todos os bancos estão fazendo isso, pois vários sites comerciais do exterior forneciam o valor em "real". Mas para isso, porém, convertiam o valor original da moeda local para o real (à taxa ruim), e o cartão de crédito reconvertia para Dolar (que é a moeda base adotada em câmbio no Brasil). Para no final reconverter em real na fatura do cartão. Tal sequência faz o câmbio três vezes – obviamente encarecendo o valor final. Isso era feito inclusive quando a moeda local era dolar. Muitos clientes não reconheciam tal valor final, pois eles já haviam pago no site em real.

    • Marcia

      Li numa reportagem Q é para todos os bancos, inclusive mandei p vários amigos. Fui em ago/13 a ny, cliente
      Van goh tem direito a 2 saques sem taxa por mês. No TD BANK (Q tem vários ) saquei sem nenhuma tarifa de uso do atm. Só preste atenção se s cartão for múltiplo, na hora de selecionar para Q n saia como crédito
      Boa viagem!

    • ric

      Alguns bancos adotaram essa proibição, para evitar reclamação dos clientes. O valor da compra no exterior em reais não é o mesmo que vem na fatura. Aconteceu comigo. Comprei no exterior em reais e quando recebi a fatura tive que pagar IOF e um valor mais alto em reais. Sua compra vai ser transformada em dólar na data da compra, e depois em reais na data do pgto da fatura. Pague na moeda local, com certeza sera melhor

  • Marcos Sobral

    Uma dica final que eu dou é fazer um saque no fim da viagem para as próximas férias. Aí você já guarda uma quantia de dólares. Claro que isso é uma loteria em função das variações do dólar. Mas tenho o hábito de fazer isso para evitar de comprar em casa de câmbio.

  • https://www.facebook.com/nicoleleao Nicole Leão

    Relato minha experiência que pode ser útil aos outros viajantes. Sou cliente BB, que cobra 12 reais por saque no exterior. Meus cartões internacionais eram só dupla função (debito e credito), e com eles sempre tive muita dificuldade tanto pra sacar quanto pra fazer compras diretamente no debito no exterior (outra excelente opção de cambio). Ate que descobri que, se o cartao tem as duas funções, a compra no exterior sempre irá cair no CREDITO , não tem jeito (pelo menos no BB). Acabo de voltar de um mês na Europa e desta vez foi tudo perfeito! Não perdi tempo nem dinheiro em nenhuma casa de câbio. VTM, com aquelas cotações e taxas altíssimas, só como 2ª opção, para emergências (vai por mim!). Solicitei à minha gerente um cartão internacional exclusivamente DEBITO (a função crédito estava inibida), veio bandeira VISA (não creio que seja limitado à bandeira Master como o Cláudio falou), e com ele consegui perfeitamente fazer saques da minha conta e também compras que foram debitadas diretamente na minha conta (sem me preocupar se seria credito ou debito ou passar pela dor de cabeça que alguns colegas relataram). Indico demais! É só ter um pouco de planejamento e informação antes da viagem! Outro detalhe: em alguns países, como na Inglaterra, é bastante comum encontrar ATMs que NÃO COBRAM pelo saque, principalmente em estações de trem e aeroportos. Achei com facilidade vários em Londres. Perto deles geralmente está escrito em letras garrafais que você não será cobrado (charged) pela transação. Vale a pena dar uma procurada. Em outros países quase não vi, mas acho que compensa, mesmo pagando a taxa do ATM.

    • Marcos Sobral

      Realmente eu lembro que vi na Europa alguns ATMs que não cobravam taxas. Mas você sabe dizer se nos EUA tem?

      • https://www.facebook.com/nicoleleao Nicole Leão

        Infelizmente não sei sobre os EUA, Marcos. Sorry.

    • Nelson

      Voltei mês passado do Peru, efetuei varias compras em debito e todas foram debitadas na conta, nada foi cobrado no credito exceto um jantar (que eu solicitei). Meu cartão é o visa ourocard internacional simples e básico dupla função e não tive nenhum problema como sempre. Não sei se depende de país para país, mas onde utilizei o saque e debito fora do Brasil funcionou normal.

      • Nelson

        Na verdade para o saque é direto na conta agora para a compra em debito ele cobrou no cartão mas cobrou IOF de 0,38%. Como quase não uso cartão em viagens acabei me batendo aqui nas cobranças.

      • https://www.facebook.com/nicoleleao Nicole Leão

        Nelson, levei o Ourocard International dupla função pra Argentina e pro Uruguai, consegui sacar nos ATMs e comprar no crédito, mas COMPRAS NO DÉBITO não rolaram de jeito nenhum, em nenhuma loja, em nenhum dos dois países. Liguei de lá pra minha gerente, ela confirmou que o cartão estava desbloqueado pra uso no exterior e não sabia explicar o que ocorria. Desta vez levei um só débito pra Europa e deu super certo em TODOS os países que passei. Realmente pode depender do país. Mas, na dúvida, por que arriscar, não é mesmo? Leva um pras compras no crédito (que quase nunca compensam, pelo alto IOF) e um exclusivo pro débito. Aí não tem erro.

    • Doris

      Não consegui fazer nenhum saque em Londres. Tentei em vários bancos diferentes, todos me deixavam chegar quase até o fim. No momento de me dar o dinheiro aparecia uma mensagem "ocorreu um erro" e o dinheiro não saía. Uma vez inclusive o caixa "engoliu" o meu cartão (sorte que o banco estava aberto e eu pude resgatá-lo). Meus cartões (na verdade tentei com um do Santander e um do BB) eram múltiplus e concluí que era este o problema. Sacaste com cartões exclusivamente de débito em Londres?

      • https://www.facebook.com/nicoleleao Nicole Leão

        Doris, em Londres consegui sacar direto da minha conta tanto no cartão exclusivamente débito quanto no que tinha as duas funções (selecionando a opção "checking account"). ;D

  • https://www.facebook.com/thiago.ambrosio.12 Thiago Ambrósio

    Um esclarecimento, saque na função crédito não paga juros. Já fiz várias vezes e não cobra. Somente se você sacar no Brasil que paga juros.

    É uma alternativa para quem trabalha com os cartões da CAIXA, pois vão cobrar realmente um dólar próximo do comercial e o IOF do saque é de 0,38% assim como no débito. Cobram uma taxa de saque de R$ 12 por saque.

    • https://plus.google.com/105304332275723822225 Leonardo Marques

      O IOF do saque na função de crédito é 6,38%.

      • https://www.facebook.com/thiago.ambrosio.12 Thiago Ambrósio

        Não é Leo, acabo de voltar de Orlando e na minha fatura lançaram 2 tipos de IOF, um está escrito "IOF COMPRAS" e o outro "IOF Retirada", um 6,38% e o outro 0,38% como se fosse cartão de débito.

      • https://www.facebook.com/thiago.ambrosio.12 Thiago Ambrósio

        Veja como apareceu na minha fatura:

        18/09 IOF COMPRA-EXTERIOR
        18/09 IOF RETIRADA-EXTERIOR

        • http://www.melhoresdestinos.com.br Leonardo Marques

          Thiago, você não é a primeira pessoa que me fala isso. Pelo menos umas 5 pessoas já me falaram que sacaram no crédito e o banco fez algo como um débito da conta corrente mas passando pelo cartão de crédito e cobrou apenas 0,38% de IOF. Vou investigar o tema para fazer um post. Minha aposta é que os bancos estão fazendo um gato para livrar desse IOF. No caso da caixa o gato pode ser pq ela não consegue fazer direto como débito, mas tem gente que passou por isso no Banco do Brasil também.

          • https://www.facebook.com/thiago.ambrosio.12 Thiago Ambrósio

            Leo,

            Nem acho que seja isso, acho que tem a ver com a natureza da operação. Saque não é compra, teoricamente os 6,38% devem incidir somente para compras no exterior, como não fiz compra alguma e sim saquei um valor em espécie, entre também no IOF de 0,38% para operação de débito.

            Também tenho o cartão do BB e de fato a despesa "transita" na fatura de cartão de crédito, apesar de não somar ao valor total da fatura por logo em seguida do lançamento de débito, vem o de crédito pelo saldo já ter sido debitado da conta corrente na hora do saque.

          • sabbathbh

            Mas e se o cara têm só o cartão internacional e não é correntista ? Teoricamente o saque no cartão de crédito é uma operação de… crédito (financiamento) e deveria usar o limite do cartão e não mexer com a conta corrente…. Estou fora do país e agora fiquei tentado a fazer um teste de saque com o crédito só pra ver o q vai rolar ;-)

          • https://www.facebook.com/thiago.ambrosio.12 Thiago Ambrósio

            Faça o teste! Estou falando como ocorreu comigo na prática, não como dizem que funciona na teoria! =)

          • Augusto

            Thiago, utilizo cartão de crédito da CAIXA e fiquei feliz com sua afirmação. Porém, fui com meu gerente e liguei na central de cartões e eles falaram que o iof de saque internacional também é 6,38%. Estou muito confuso agora no que usar!

    • Gabriel Q.

      Acrescentando, na Caixa o saque internacional não gera milhas. Abs

      • https://www.facebook.com/thiago.ambrosio.12 Thiago Ambrósio

        Gera sim, acabo de receber minha fatura e contaram as milhas do saque.

    • Gabriel Q.

      Thiago, muito obrigado pelas informações! Nas próximas viagens só levarem USD 50 em espécie… rs

      A informação oficial da Caixa cartões é de que o saque nacional gera milhas, mas o internacional não…

      Abs

  • chachos

    Na Europa saquei sem cobranca de 4$ ou algo mais. Procure entao Bancos Estatais ou bancos famosos e usem o atm deles. Normalmente nao cobram a taxa. Fui cobrado a taxa uma vez em Peru , porque usei a caixa ATM!!! ATM e tipo de servico como Banco Saque 24H que sempe tem uma taxinha extra, pois eles sao mais um intermediario no servico. Se voce possui a conta num banco internacional presente no Brasil (HSBC , Santander), procure o atm deles!!!

    • Irene

      ATM não é bandeira. ATM significa apenas automated teller machine, ou seja, caixa eletrônico. Todos os caixas eletrônicos do mundo são ATMs…

  • juliana

    o bb preciso so desbloquear o uso do cartao de debito… lembrando que o meu cartao nao é credito.. somente debito.. tb consigo? é para argentina..

    • mbe

      Juliana,
      Com o BB sempre tem risco de você fazer sua parte e ter problemas. Seu cartão é débito internacional? Se não for solicite se for possível. Alguém nesse post mencionou a cobrança de 5 reais pelo cartão. E tente usar vários meios para desbloquear: gerente, caixa eletrônico e telefone. Tente ter provas, caso depois precise.

      • JULIANA

        ola meu cartao é debito internacional sim..
        meu medo é ano q vem viajo a espanha e nao queria levar o vtm nem muitos euros em papel moeda…
        mas tb chegar la e o cartao de debito n sacar axu q mato um gerente kkkk

        • https://www.facebook.com/nicoleleao Nicole Leão

          Levei um cartão BB Internacional Visa SOMENTE DÉBITO (confirme se a função crédito está bloqueada) e não tive nenhum problema na Espanha nem em nenhum outro país da Europa pelo qual passei. Foi agora em setembro. Fiz o desbloqueio para compras no exterior pela Internet mesmo, e confirmei com minha gerente. E só.

  • Luciano

    Pessoal fiz duas viagens para o exterior e utilizei essa função é muito prática, eficiente e segura.
    A cotação é a melhor, sem contar que caso aconteça alguma emergência vc ainda tem o limite do crédito pra usar.
    Só tive um problema nos últimos dias da viagem, meu cartão foi bloqueado pra sacar, motivo segundo eles que tinha excedido o limite diário de saque que era U$500. Detalhe tinha sacado U$ 500 umas 3 vezes já sem problemas, foi migué da VISA.
    Eu sugiro usar essa opção e sempre levar no mínimo uns U$1000, pra emergências, e tentar sacar no débito logo no primeiro dia.

  • Marcos Sobral

    Luciano, eu normalmente faço o seguinte: no último dia de viagem eu faço um saque e guardo este valor para a próxima viagem. Assim, a pessoa se livra de comprar em casa de câmbio. Mas é bom apenas se você tiver outra viagem em vista. Isto porque voltar de viagem (principalmente dos EUA) é uma dureza só kk.

  • https://www.facebook.com/silvia.reginalopes.3 Silvia Regina Lopes

    Normalmente, viajo com muito pouco dinheiro e faço saques na moeda local. Até hj, não tive problemas. Embora a gerente do Bc do Brasil diga que o cartão está liberado p uso no exterior até 2014, todas as vezes que vou viajar passo na agência para me garantir…Tem dado certo: Madri, Montevidéu, Havaí, África do Sul, Santiago…Saquei tranquilamente…Mas, para não correr riscos, sempre levo mais de um cartão internacional…

  • Fernando

    A tela desse caixa eletrônico parece da era dos flintstones..kkkk…nossos caixas estão há anos-luz…

    • Marcio

      K kkkkk. Talvez por nossos pilantras tbm estarem a anos-luz. Rs

    • Ana

      O ATM é tipo o nosso Banco 24h. A tela do Banco 24h é bem tosquinha tbm. Talvez eles coloquem um layout mais básico, leve, para que o sistema (que é interligado a vários bancos) não fique lento…

    • Emerson

      E quem disse que o que é "bonito" funciona? Prefiro algo que funcione do que, por exemplo, não conseguir pagar contas pq os caixas eletrônicos pifaram (greve).

  • Livia

    Melhor opção disparada. Já testei em mais de 10 países e NUNCA deu errado!

    Algumas dicas:
    1- Peça ao seu banco um cartão PURO DÉBITO. Algumas máquinas do exterior não reconhecem a função débito do cartão múltiplo e o que pode ocorrer é você tentar sacar dinheiro e ao invés de debitar da sua conta corrente, vir cobrando na sua fatura do cartão de crédito.
    2- Não foi citado no post, mas o melhor local para tirar dinheiro não é nos famosos ATM´s e sim nos bancos. Qual banco? QUALQUER UM! É isso mesmo! Entre em qualquer banco e coloque seu cartão, você verá que reconhecerá imediatamente. Já testei em muitos, tais como: Bank of America, TD Bank, Chase Bank, Suntrust, Societe Generale, BNP Paribas, Banque populaire, Rabobank, Bank of Ireland, Nordea, Wells Fargo, e muitos outros que não me recordo agora. Você pode sacar tanto no caixa eletrônico que fica na parte de fora do banco, ou nos de dentro. A maior vantagem de saque em bancos é que a tarif acostuma ser menor que a dos ATM´s (em alguns bancos como TD BANK nem incide tarifa de saque). Já achei até bancos que cobrassem apenas USD1,00. Outra vantagem marcante é que o limite para saque nos bancos é sempre maior do que nos ATM´s. Muitos deixam sacar USD 1.000,00 de uma só vez. E na modalidade débito internacional, quanto mais vc saca de uma vez, mais economiza, já que evita que se pague mais uma taxa de saque posteriormente.

    Quanto à taxa de saque cobrada pelo banco nacional, se informe com o seu o valor antes. Eu sou cliente Van Gogh Santander, então tenho direito a 4 saques internacionais sem pagar tarifas. Bom né?

    Espero que eu tenha ajudado.

    Livia Almeida

    • https://www.facebook.com/thiago.ambrosio.12 Thiago Ambrósio

      Livia,

      Aproveitando que você é cliente Santander, você teve problemas pra sacar nos caixas da Chase? Não consegui sacar em nenhum deles! Só consegui no SunTrust.

      • https://www.facebook.com/liviarodrigues1985 Livia Rodrigues

        Thiago,

        Já saquei no Chase diversas vezes e em cidades diferentes e nunca tive nenhum problema.

    • joao_alberto

      Perfeito seu comentário. As minhas experiências em saque no exterior casam direitinho com o que você falou. As vezes você seleciona o "checking account" mas lance no crédito (tudo bem que não cobra juros, mas a cotação é lá do dia que você pagar a fatura, o que gera um certo risco). E sacar em caixa eletrônico de banco é bom mesmo. Em Praga e em Zurique, fiz os saques em caixa eletrônico de bancos e não me cobraram nada.

      • https://www.facebook.com/liviarodrigues1985 Livia Rodrigues

        João, por este motivo é altamente recomendável ter um cartão puro débito.
        Pq ainda que você se confunda e não escolha corretamente a opção na hora do saque, o máximo que pode acontecer e ter de refazer a operação, o que é muito melhor do que ter uma surpresa na fatura do cartão de crédito.

    • Jeyce

      Fiz esse pedido no Banco do Brasil, cartão de débito puro, e segundo os atendentes via SAC e agência, não é possível, pois o BB só emite cartão múltiplo. Alguém sabe se é possível emitir tal cartão no BB?

    • PAULO ALMEIDA

      Boa, Lívia! Tb saquei em banco na Argentina e foi super tranquilo.

    • Marcos Sobral

      Lívia, uma dúvida. Você é cliente Van Gogh? Eles deram um cartão só de débito para você? Pq eu tinha pedido para minha gerente e ela falou que não tinha. Você tem um só de débito?

      • https://www.facebook.com/liviarodrigues1985 Livia Rodrigues

        Marcos,

        Sim, sou cliente Van Gogh.
        O cartão puro debito é um direito do cliente, seja ele a categoria que for. Minha mãe também teve que insistir muito pra mandarem, sugiro que faça o mesmo. Tenho certeza que vai conseguir.

        Eu tenho um só de débito e tenho também dois múltiplos. Mas quando viajo, para realizar saques so uso o de puro débito. É a melhor alternativa!

        Lembrando que a MAIORIA das lojas de outlet Premium e Prime aceitam o cartão débito, ou seja, você paga a sua compra com o seu cartão de débito como se estivesse no Brasil. Com isso, você evita a tarifa do saque.

        Lojas testadas: Tommy Hilfiger, Calvin Klein, Nike, Adidas, Ralph Lauren, Lacoste, Guess, Levi´s e claro, o bom e velho Walmart, que além de você conseguir pagar suas compras direto no cartão de débito ainda há um função sensacional: a do cashback! O que é isso?
        Quando você digitar sua senha para pagar pelo que comprou no Walmart, a máquina vai perguntar se vc quer cashback que nada mais é do que você retirar da sua conta corrente um valor em dinheiro, aproveitando a transação da compra no caixa. Essa modalidade vale muito a pena, pois vc está sacando dinheiro da sua conta sem pagar nenhuma tarifa, nem do ATM e nem a tarifa de saque cobrada pelo seu banco.

    • Nivaldo

      Livia,
      No seu cartão debito do Santander menciona se ele é internacional ou tem a bandeira da PLUS no verso do cartão ? É que solicitei o cartão de debito do Santander e já chegou, mas não diz nada que é internacional.

  • Celia

    Verifiquei agora no Santander que a tarifa para saque no cartão de débito exterior é de R$ 20,00, limitado a dois saques, mesmo para cliente Van Gogh e Van Gogh Max.

    • https://www.facebook.com/liviarodrigues1985 Livia Rodrigues

      Isto não é verdade. Viajo frequentemente e faço sempre 4 saques sem cobrança nenhuma.

    • Marina

      Oi Célia,também tinha visto essa informação.Fiz dois saques na Itália sem nenhuma taxa (um ha 15 dias e outro ontem).

      • Marcos Sobral

        A tabela de tarifas do Santander mudou. Até junho deste ano era de 15 reais. A partir de julho passou a ser 20.

    • Dario Maciel

      Descobri meio por acaso em 1999, antes mesmo da implementação do euro, e foi sempre muito útil. Prático e mais seguro, pena que muitos amigos ainda optam por travellers cheques ou cartões pré pagos.

    • Ricardo

      Até dois saque é gratis. Segue link http://www.santander.com.br/portal/wps/script/tem

  • Rafael

    Sugestão – Mencionar no comentário que bancos diferentes cobram cotações diferentes no saque. Viajei com minha namorada recentemente, e o HSBC me cobrava Dólar turismo, enquanto o Santander dela cobrava Dólar Comercial, muito mais barato. Vale a pena pesquisar com seu banco qual o dólar utilizado.

  • https://www.facebook.com/liviarodrigues1985 Livia Rodrigues

    Melhor opção disparada. Já testei em mais de 10 países e NUNCA deu errado!

    Algumas dicas:
    1- Peça ao seu banco um cartão PURO DÉBITO. Algumas máquinas do exterior não reconhecem a função débito do cartão múltiplo e o que pode ocorrer é você tentar sacar dinheiro e ao invés de debitar da sua conta corrente, vir cobrando na sua fatura do cartão de crédito.
    2- Não foi citado no post, mas o melhor local para tirar dinheiro não é nos famosos ATM´s e sim nos bancos. Qual banco? QUALQUER UM! É isso mesmo! Entre em qualquer banco e coloque seu cartão, você verá que reconhecerá imediatamente. Já testei em muitos, tais como: Bank of America, TD Bank, Chase Bank, Suntrust, Societe Generale, BNP Paribas, Banque populaire, Rabobank, Bank of Ireland, Nordea, Wells Fargo, e muitos outros que não me recordo agora. Você pode sacar tanto no caixa eletrônico que fica na parte de fora do banco, ou nos de dentro. A maior vantagem de saque em bancos é que a tarif acostuma ser menor que a dos ATM´s (em alguns bancos como TD BANK nem incide tarifa de saque). Já achei até bancos que cobrassem apenas USD1,00. Outra vantagem marcante é que o limite para saque nos bancos é sempre maior do que nos ATM´s. Muitos deixam sacar USD 1.000,00 de uma só vez. E na modalidade débito internacional, quanto mais vc saca de uma vez, mais economiza, já que evita que se pague mais uma taxa de saque posteriormente.

    Quanto à taxa de saque cobrada pelo banco nacional, se informe com o seu o valor antes. Eu sou cliente Van Gogh Santander, então tenho direito a 4 saques internacionais sem pagar tarifas. Bom né?

    Espero que eu tenha ajudado.

    Livia Almeida

  • http://www.rgsurf.com.br Augusto

    Para alguns países da América do Sul como o Peru, é necessário pegar uma autorização especial na agência do banco, pelo menos isso ocorre no Banco do Brasil. Não adianta somente liberar o cartão para uso internacional via caixa eletrônico ou internet, é preciso ir na agência. Mesmo já viajando por mais de 35 países eu nunca havia sido informado disso e acabei perdendo um dia de viagem tentando resolver esse problema em Lima.

  • Fatima

    Olha só, ano passado em LA meu VTM (Visa Travel money) do BB foi engolido em um caixa eletronico. Este cartao nao tem chip e nao sei se por isto a maquina engoliu. Tb só o uso para compras e restaurante, outras coisas como hotel, carro e gas, eles podem bloquear um valor de segurança por 30 dias, aí termina a viagem e vc volta com o cartao cheio de dolares e sem nada. Outra coisa estes cartões nao tem identificação, no final tem q se levar de tudo um pouco pra nao ficar na roubada. Brazuka sofre mesmo!!! tenho medo da máquina engolir meus cartões nao arrico mesmo!! valeu galera!

    • RicardoT

      O VISA Travel Money (VTM) não tem chip – o que o deixa sem segurança, pois qualquer pessoa em posse do cartão pode fazer compra com ele e assinar o canhoto de qualquer jeito (não há comparação de assinatura). Já o Cash Passport do MASTER tem chip, e o usuário deve obrigatoriamente saber a senha para poder usá-lo. Roubaram um cartão destes da minha filha estudante então residindo na Europa. E, sem preocupação nenhuma de ser usado por terceiros, transferimos o saldo para o outro cartão igual que ela tinha. Aliás, é importante emitir dois cartões iguais, pois se um sumir na viagem, como ocorreu com ela, o saldo é facilmente transferido para o outro cartão sem custo, e a viagem continua sem problema. Várias corretoras emitem o cartão sem custo, de modo que se pode pedir quantos quiser, e repartir o valor total entre eles.

    • Emanuel

      Se tiver um cartão VTM transparente, peça para trocar em seu banco por um opaco. Existe ATM no exterior que não lida bem com cartões transparentes e podem prende-lo na máquina.

  • Leonardo

    O problema é a taxa de câmbio… Nenhum dos bancos em que tenho conta cobra taxa parecida ou próxima do dólar comercial, pelo contrário, a taxa que o citibank me cobra é mais alta que o dólar turismo!!!
    A pessoa que fez a avaliação tem que dizer qual é o banco dela!!!!

    • Marcos Sobral

      Santander.

    • http://twitter.com/EuFlavioLuis @EuFlavioLuis

      Bradesco é dólar comercial

    • VITOR

      MELHOR BANCO DO BRASIL

  • Oscar Luiz

    Nos EUA, leve cheques de viagem. Todo mundo aceita e dá troco. E é o meio mais barato.

    • Marcos Sobral

      Oscar, já usei cheques de viagem na Europa e não foi tão fácil assim. Todos os lugares que eu apresentava queriam abater 10%.

    • RicardoT

      Desculpe, mas Traveller Check a gente usava 30 anos atrás, quando o mundo era analógico, e o Brasil não emitia cartão internacional (para os mais novos, que não podem imaginar isso, tal limitação ocorreu até meados dos anos 1990'). E toda moeda que se levava para o exterior tinha que ser em produto palpável – em notas no bolso.

      Atualmente, a função do Traveller Check foi substituída pelo Cartão de Débito (VTM ot CP). Isso sem contar com as formas virtuais de saque no caixa e cartão de crédito. Traveller Check é bastante difícil de trocar em alguns locais.

    • https://www.facebook.com/nicoleleao Nicole Leão

      Cheques de viagem é coisa pré-histórica. Tipo cheque (aliás, o nome já diz.. rs)

  • Phillip

    Alguns ATMs que ficam nos shoppings, nos saguões de hotéis, dentro de lojas, restaurantes etc. (que não possuem estampados a bandeira de algum banco) cobram taxas de saque bem mais altas que os ATMs dos bancos.

    Nos EUA eu procuro sempre realizar saques nos ATMs do Chase, Wells Fargo, Suntrust ou Bank of America etc. que estão dentro das próprias agências.

    Evito utilizar ATMs genéricos (tipo Banco24Horas) que quase sempre têm as taxas mais caras.

    • http://twitter.com/EuFlavioLuis @EuFlavioLuis

      Phillip, qual o valor máximo de saque que vc consegue dentro das agencias?

  • https://www.facebook.com/herrhd Hudson HD

    Excelente tutorial e informação! Otima iniciativa e valeu mesmo!!!

  • Cristiano

    De acordo com o site do Banco do Brasil existe 3 opções para cartões BB.

    5 – Como escolher qual tipo de saque (conta corrente, cartão de crédito ou poupança)?
    O direcionamento do saque vai depender das opções que serão disponibilizadas pelo terminal:
    "credit account" (conta cartão), o saque será na função crédito;
    "checking account" (conta corrente), o saque será na função débito, em conta corrente;
    "saving account" (poupança), saque direcionado para débito da poupança.

  • joao_alberto

    Sendo cliente do Banco do Brasil e tendo utilizado o saque no exterior algumas vezes, posso dizer que:

    1) É possível fazer o saque no débito, mesmo o cartão tendo as duas funções;
    2) Pode acontecer de você selecionar "checking account" e ainda assim cair no crédito. No entanto, não haverá cobrança de juros, pois apenas retiradas do limite do cartão feitas no Brasil são contadas como "empréstimo";
    3) O BB cobra R$ 12,00 por saque, então, planeje-se sobre a quantidade de dinheiro que você vai precisar; e
    4) Até hoje nunca consegui comprar no débito no exterior, pois mesmo escolhendo tal opção, vai no crédito. De fato, o pessoal que está falando para levar um cartão só de débito tem toda razão.

    • https://www.facebook.com/nicoleleao Nicole Leão

      Fato, João. Depois que peguei com minha gerente um cartão só débito (com a função crédito inibida), consegui fazer comprar no débito no exterior sem nenhum problema, em vários países.

  • Sergio

    Fiz um saque em dólar com o cartão BB num caixa do Bank of America nos EUA. A taxa do caixa foi de US$ 2 e a taxa do BB foi de R$12 mais IOF de 0,38%. Valeu bem mais a pena do que comprar em casa de câmbio ou na própria agência do BB.

  • Vanessa

    Gente, para mim que sou cliente do BB e vou para a África do Sul, acho que o ideal é pedir para inibir a função crédito, né? Uma vez que acho que não dará tempo de chegar o cartão de débito até eu viajar.
    A cotação do BB não é das melhores (até hoje, só usei o cartão de crédito para compras internacionais com IOF de 6,38 %, mas independentemente disso, a cotação para conversão de moeda estrangeira nunca foi muito favorável, apesar de menor que as praticadas pela casa de câmbio – menor ainda do que a cobrada pela Fair Corretora, que é uma das corretoras em SP com menor cotação de câmbio, e olha que já pesquisei bastante).

    NO ENTANTO, RESTA A DÚVIDA: ALGUÉM SABE QUAL É O LIMITE COMUM PARA SAQUES NA ÁFRICA DO SUL? SABE SE TEM ALGUM BANCO POR LÁ CUJOS CAIXAS NÃO COBRAM TARIFA (FORA A DO BB) PARA SAQUE?
    SABEM SE OS SAQUES NO DÉBITO NO EXTERIOR PONTUAM NO PROGRAMA PONTO PARA VOCÊ DO BB?

    • Marcos Sobral

      O limite de saque é definido pelo seu gerente. Entra em contato com eles e pede para colocar o máximo. Por padrão eles limitam a 200 dólares. Conversa com o gerente que ele aumenta.

    • https://www.facebook.com/nicoleleao Nicole Leão

      Vanessa, os saques no débito não pontuam no programa mesmo quando vc está no Brasil (apenas as COMPRAS no débito). No exterior não é diferente… ;D

  • https://www.facebook.com/marcel.navarra Marcel Navarra

    O grande problema de utilizarmos o cartão de débito normal no exterior é o seguinte. O Banco nos cobra a taxa mais alta dele no dia, sem nem negociar. Com isso incorremos no famoso risco cambial.
    A melhor forma viajarmos reduzindo os riscos realmente são com os cartões viagem. Pois nele você já garantiu o valor que você paga pela moeda.
    Eu como apaixonado por viagens e como assessor financeiro, sempre indico. Inclusive indicando empresas que operam com custos menores.
    Deixo até meu e-mail para contato.
    marcel.navarra@bankrio.com.br

  • Patricia Cunha

    Alguém é correntista ITAU e já fez o saque nos EUA com o cartão de débito para dizer se vale a pena?

    • Marcos Sobral

      Já fiz na Europa. Valeu a pena sim. Na Europa a coversão é a seguinte: Euro x Dolar x Real. E foi mais vantagem do que o Visa Travel que tinha na época. Me recordo que ficou em torno de uns cinco centavos acima do comercal. Ainda assim acho que o Santander tem a melhor relação custo x benefício.

    • Marcio

      Cara, vou copiar um comentário que coloquei agora a pouco, talvez ajude, ou talvez vc possa confirmar:

      Acabei de ligar no atendimento do Itaú para saber qual a tarifa que eles cobram utilizando o débito no exterior (EUA no meu caso). O atendente me informou (porém não com muita segurança…) que eles utilizam o dólar COMERCIAL + IOF + taxa de R$ 9,00. Essa é a parte do Itaú, disse que ainda pode ser cobrado uma taxa de US$ 4.00 do equipamento de onde eu retirar. Ou seja, se for isso mesmo vale MUITO a pena usar o débito do Itaú no exterior. Procede? Vi alguns comentários falando que o Itaú é dos piores bancos para usar débito no exterior.

    • Ana Luiza

      Já tentei sacar com meu cartão Itaú várias vezes e não consegui!

  • https://www.facebook.com/rachel.demenezespalhano Rachel Guedes

    Viajei em janeiro para Colômbia e fiz uma compra no débito pelo cartão de débito do Banco do Brasil. Anotei e compartilho a diferença de valores que encontrei:

    - Comprando COP no Brasil (Banco Safra – Aeroporto de Guarulhos): você gastará R$ 1,49 para 1000 COP.

    - Comprando COP na Colômbia usando dólares (considerando o dólar a R$ 2,13 e trocando um dólar por 1710 COP): você gastará R$ 1,25 para 1000 COP.

    - Comprando COP na Colômbia usando reais: você gastará R$ 1,43 para 1000 COP.

    No débito, fizemos uma compra de 29.650 COP que saiu por R$ 34,75 mais R$ 0,13 de IOF. Neste caso, 1000 COP custam R$ 1,17. Foi, de longe, a opção mais vantajosa.

  • Edinei

    Alguém que já foi para a Cidade do México, indicaria usar o cartão de débito?

    Segue o esquema que vou utilizar de moeda lá:

    - 10% (dinheiro em espécie),
    - 40% (VTM),
    - 50% cartão do banco (santander na opção débito)

    Se puderem opinar quanto a este "esquema" agradeço. Abs

    • Marcos Sobral

      Edinei, eu não usaria o VTM. Sai muito mais caro.

      • Edinei

        Entendi Marcos, meu medo é levar poucas opções (no caso dinheiro e cartão apenas) e o cartão der alguma zica (não conseguir sacar, como já vi alguns comentários).

        Obrigado pela resposta.

        • https://www.facebook.com/nicoleleao Nicole Leão

          Levar mais de um cartão do seu banco (sugiro um só débito e outro débito e crédito) é uma boa! ;D

          • Edinei

            Obrigado Nicole =D

          • Marcos

            Realmente a sugestão da Nicole é a melhor financeiramente. Agora caso queira mitigar riscos (diminuir a chance de zica) e a sua viagem for longa, aconselho fazer um VTM com no máximo 30%. Não esqueça de liberar pelo menos um cartão de crédito para emergências.

  • Márcio Sampaio

    Excelente post! Há alguns anos uso o saque direto da conta, assim deixo uma dica (pelo menos para clientes BB): considerando as taxas (do operador do ATM e do BB): sacar pelo menos o equivalente, na moeda local, a R$ 600,00. Abaixo desse valor (pode variar um pouco dependendo do país) os valores equivalem as das casas de câmbio.

    Lembrem-se que todas as operações em moeda estrangeira (exceto EUA) são convertidas da moeda local para o dólar e deste último para real, por isso a taxa de câmbio não é exatamente moeda local x real.

  • Thiago

    "Quanto maior o saque mais barato fica o valor da cotação."

    Essa informação está incorreta. A cotação independe do valor do saque.

    • Marcos Sobral

      Amigo, a taxa de saque (20,00 reais) é fixa independente do valor. Desta forma, se você sacar mais, diluirá este valor, fazendo com que a cotação final seja menor.

      • https://www.facebook.com/nicoleleao Nicole Leão

        Ia explicar, mas o Marcos já o fez! ;D Quanto maior o valor, mais vc "dilui" a taxa de saque internacional, que geralmente não é pequena, independente do banco!

  • Greice

    Sou cliente da Caixa. Me ferrei bonito :(

    • Marcos Sobral

      Olha, nem tanto. O cartão de crédito da Caixa tem a menor cotação. Se você comprar com o cartão de Crédito Caixa vai economizar. Só vai sofrer por causa do IOF. Eu já simulei uma época (no mesmo dia) e tive os seguintes resultados: Cartão Caixa: 2,32 / Dólar Comercial R$ 2,29 / Cartão Santander R$ 2,55 / American Express R$ 2,59

    • Gabriel Q.

      Pague no crédito e seja feliz! Pode sacar no crédito também que terá boa taxa, não se arrependerá.
      Tudo isso ainda gera milhas.

  • Fabio S

    Sou cliente Van Gogh. Estava nos EUA no inicio de Setembro e um dos meus cartões (Visa) parou de funcionar na função Crédito. Depois descobri que, apesar de ter liberado para uso no exterior, após uma sequencia de compras, ele foi bloqueado preventivamente. O pior é que levei quase 4 dias pra entender o que aconteceu e conseguir desbloquear, ligando para o Brasil e trocando e-mails com o Gerente. Sorte que eu ainda tinha recursos (dolar em especie e cartão em dolar do Banco Rendimento). Mas, se eu soubesse da cotação do dolar no saque, eu teria feito. Fui alertado pelo Banco que, mesmo sacando no débito, poderia dar erro e vir no meu cartão de crédito, por isso não tentei. Mas essa cotação comercial é tudo de bom, mesmo pagando tarifa. Cheguei a pagar 2,48 no dolar nos ultimos dias antes da minha viagem (sorte que foi a menor quantidade que comprei). Depois disso, o dolar só caiu…. poderia ter sacado no exterior e pago uma cotação mais baixa. Da proxima vez vou levar menos cash e sacar lá mesmo… pelo jeito a cotação fica mais perto do comercial. Valeu a dica.

  • juliano queiroz

    Nao li todas as perguntas e respostas. Mas parece q nao foi informado se isso se faz com o cartao de debito ou o de credito? Eu tenho os 2, cada 1 pra uma transação.

  • Paulo

    Vale uma ressalva muito importante:

    O texto é ótimo para a grande maioria dos países, porém em economias onde o mercado paralelo impere, exemplo Argentina/Venezuela, na América do Sul… neste caso é muito mais vantajoso levar papel moeda dólares e converte-los à taxa de mercado.

    Na Argentina um dolar oficial vale pouco mais de 5 pesos, enquanto no mercado consegue-se próximo de 10. Na Venezuela a diferença entre usar meios eletronicos e papel moeda é ainda maior.

    • Fábio Soares

      Paulo, vc saberia me dizer como é o câmbio na Colômbia? Se vale apena sacar ou levar dólares?

  • Doris

    No ano passado fiz um saque de 500 euros da conta corrente, do BB, em Paris, com cartão Visa múltiplo. O saque funcionou direitinho, mas o câmbio foi um absurdo. Entrei em contato com o Banco depois que voltei e me disseram que havia uma taxa de 5,41% na retirada (????). Ninguém soube me explicar onde estava definida esta taxa, mas concluí que saques da conta do BB não valiam a pena. Entretanto, saquei com cartão Santander sem problemas e a taxa foi ótima.

    Neste ano, tentei sacar da conta corrente do Santander, de Londres, em vários caixas eletrônicos e sempre dava erro. Perdi horas (literalmente) ao telefone com o banco e não conseguiram me explicar o que tinha acontecido. Acabei concluindo que o problema era o cartão múltiplo (no ano passado usei um que era somente de débito), mas não sei se funciona o saque de conta corrente em Londres. Alguém já conseguiu?

    • sabbathbh

      Sim, funciona. Fiz 3 saques em 2012 no Reino Unido com cartão de débito do Santander com ótima cotação. Fiz os saques em ATMs do próprio Santander pois esbarrei em vários por lá mas acredito que outros ATMs também funcionariam.

  • https://www.facebook.com/ana.miclas Ana Miclas

    Um alertinha: fui para Orlando via Miami, tinha reserva de carro e quando fui usar o cartão de crédito não foi aceito. O atendente tratou de ligar para o Banco do Brasil para saber o que tinha ocorrido e a pessoa me informou que o meu cartão não estava habilitado para uso no exterior, mas eu havia feito isso pela internet…Como a locadora não poderia liberar o carro sem um cartão válido e eu estava sozinha, tive que correr atrás de hotel na última hora e fiquei naqueles típicos motéis de traficantes que aparecem muito no CSI Miami…e com diária a 66 dólares! Justo eu que me hospedo pelo airbnb ou pelo priceline para pagar menos por lugares melhorezinhos…O cartão só foi liberado no dia seguinte.

    • sabbathbh

      Putz, q azar hein… Por isso que tenho sempre 1 ou 2 cartões de backup nas viagens internacionais.

      • https://www.facebook.com/ana.miclas Ana Miclas

        Eu só tenho cartão de crédito do BB, até para evitar pagamento de anuidades desnecessárias. Como eu não uso o crédito no exterior nem me preocupei tanto. Cartão de débito eu tinha os pré-pagos, mas aí não funciona como garantia para a locação de veículos. O que faço agora é ligar para a central de atendimento, que aí me sinto mais segura de que tudo estará ok, e sempre falo para as pessoas fazerem isso.

        • sabbathbh

          O Santander oferece o cartão Free q é isento de anuidade desde q vc faça no mínimo 1 compra por mês. É um ótimo backup.

  • Paulo

    Fica o registro:

    Bancos que oferecem saques "de graça" para clientes top, parecem também cobrar taxas de câmbio premier, que podem sair muito mais caras do que se cobrassem pelo serviço:

    Em 9/10/2013 o dólar comercial fechou a 2,20

    Dólar praticado pelo Citibank em saques no exterior – 2,36

    Dólar praticado por HSBC para saques no exterior – 2,29

    HSBC e Citi isentam seus melhores clientes, mas o adicional cobrado no câmbio acaba com a vantagem, muito pior para saques elevados – No caso a cada 100 dólares são 16R$ adicionais.

    Melhor atentar ao tipo de dólar utilizado, porque pode sair muito mais caro que o planejado.

  • Glacia

    Pessoal, lima e cuzco e outras cidades do peru, nao fazem essa operacao!! O banco do brasil nao permite.. Fuir ecetemente a lima,e. Perguntei qdod esbloquei o cartao eles me falaram q saque la o banco nao permite, por seguradao..
    Ja saquei sim, sem problema na europa..
    Se bem que acho melhor comorar um cartao no banco e colocar o dinheiro e sacar la.. Enfim.. Eh bom se informa qto ao pais que sta indo..

    • Regis

      Essa informação não procede, estive em lima e cusco há um ano atrás e saquei normalmente da minha conta corrente no Brasil.

  • Greicy

    Saque com VTM em Manhattan em vários McDonalds: taxa de US$1!

  • https://www.facebook.com/marcioantonio.estrela Marcio Antonio Estrela

    Cartões do BB dão problemas!

    Saques e pagamentos em débito entram como Crédito. Assim, ao invés de IOF de 0,38% vem IOF de 6,38% (ps.: pagamentos em débito não têm taxas no BB, só IOF de 0,38%)

    E não é erro de usuário não. Tenho comprovantes de Débito e faturas como crédito.

    Acontecia só no Visa, mas agora acontece também com o Master.

    Uma solução: pedir outro cartão e inibir a função crédito depois de recebido (não pode pedir só cartão de débito no BB que vem ELO que não é aceito no exterior)

    • Marcos Sobral

      Tenho visto muita gente falando disso. Com minha esposa aconteceu também isso. Na hora de comprar uma câmera na Best Buy ela pediu para colocar no débito. O cartão estava sem a função crédito ativada. Não apareceu na conta e caiu no crédito depois de dois meses.

    • PAULO ALMEIDA

      Alguns estabelecimentos não aceitam débito, então joga direto pro crédito. Aconteceu comigo em NY.

  • Greicy

    Marcos Sobral,

    Agora que prestei atenção no seu ticket… Eu tb estava no Sawgrass nesse dia! Só que preferi fazer minhas compras com um pré-pago da Mastercard, pq imprimi um coupon em casa, troquei por um folheto exclusivo no Guest Service e… tive ainda mais desconto comprando em algumas lojas com o Master! #ficadica

    Se bobear, até nos cruzamos pelos corredores, se bem que tinha muito brasileiro por lá, rs.

  • https://www.facebook.com/carolbiazutti Carolina Biazutti

    Não tive problemas em usar meu cartão do Santander pra fazer saques em Santiago… Tudo perfeitamente bem.. Mas em Buenos Aires eu não tive a mesma sorte: eu não sei porque %$#%^& o saque estava bloqueado, sendo apenas permitido fazer compras.. Me deu um ódio danado, passei um perrengue por causa disso, mesmo tendo ligado pra Central e pedido o desbloqueio antes de viajar. Pelo menos o número que eles mandam ligar a cobrar quando você está no exterior funciona, mas meu cartão só foi liberado pra saque quando eu já tinha voltado e até hoje não souberam me explicar por qual razão tava liberado só compras e não saque.

  • Fabio

    Pois é… o saque no débito parece uma opção muito boa. Mas com os serviços que temos aqui no Brasil, especialmente os bancários, nem pensar em viajar com pouco dinheiro e depender dos saques no exterior. Pode funcionar tudo bonitinho, com cotação baixa etc… Mas pode não funcionar ou cair tudo no crédito, como o próprio Santander me alertou. Arriscar? Talvez um pouco, mas nunca depender disso. Infelizmente, vamos continuar dependendo das casas de Cambio (achei a Flexchange a melhor opção, inclusive comparada com bancos). O lance é diversificar: papel moeda, cartão pre pago, débito (se funcionar direito) e crédito. Boas viagens.

  • luciana

    Essa é realmente a forma mais econômica e segura, melhor que VTM ou coisas do tipo. Foi assim que viajei a Europa, Sudeste asiático e Cuba (isso!!), ou seja, tem em todo lugar, por mais inesperado que seja, bastam existir turistas e o mínimo de estrutura pra isso! Recomendo!!! É fácil, basta ler o visor, seguir as recomendações e escolher a função DÉBITO. Ah, não esqueçam de retirar o cartão no final!! (Ficam dentro da máquina e é facil esquecer, já fiz isso, ainda bem q foi no meu último saque a caminho do aeroporto pra volta!!!! )

  • https://www.facebook.com/rafael.carmo.771 Rafael Carmo

    Quando fui sacar 750 dolares de um ATM dentro de um Bank America tive que fazer 3 saques e paguei 3 tarifas , o limite é estabelecido pelo ATM ? Todos são assim ? Quando tentei sacar de uma vez não deixou , isso foi em Miami para não usar o cartão de crédito para fazer uma compra.

    • Marcos Sobral

      Olha tem dois casos ai. Primeiro tem que falar com seu gerente para aumentar o limite de saques ao máximo. Depois tem que procurar prontos estratégicos para sacar. Alguns lugares como Aeroportos e Shoppings sacam até 800.

    • sabbathbh

      Eu sempre faço assim: chego no ATM e solicito o valor máximo que o Santander permite sacar (não sei qual é esse valor exatamente mas já vi que é aproximadamente uns R$2.100 ou talvez um pouco mais, com certeza é + de R$2.000 pois já saquei). Então com a cotação do dólar hoje seria seguro solicitar $900 por exemplo. Logo em seguida o ATM informa qual é o limite dele caso seja inferior ao que eu solicitei. Dependendo do limite do ATM se for baixo eu nem prossigo. Se for um limite razoável eu altero o valor para esse limite. Nunca precisei fazer + de 1 saque no mesmo dia, basta escolher ATMs em pontos estratégicos. Em uma viagem aos EUA em novembro duue 2012 o mínimo que saquei foi $700 e o máximo $1.000.

  • Jonatas

    Eu sou cliente Van Gogh Santander com direito a dois saques gratuitos e em minha última viagem, à Europa, tive vários problemas. A maioria dos saques saíram na função crédito mesmo fazendo o procedimento correto. O Banco alegou que não tem como garantir os saques na função débito por que os saques passam pela operadora do cartão. Reclamei no SAC e com minha gerente e esta disse desconhecer este tipo de saque, débito em conta corrente, mesmo mostrando que no meu pacote de serviços estava previsto e os 2 saques que consegui realizar no débito. Lembro que em alguns momentos os ATM recusavam o cartão por motivos variados como senha bloqueada, saldo insuficientes etc. Paguei IOF maior e ficou por isso mesmo. Muita emoção.

    • Marcos Sobral

      Jonatas, eu fiz uma viagem percorrendo de carro Alemanha, República Checa, Holanda e Bélgica. Saquei em todos os países e não deu problema. Acho que pode ter sido algum tipo de desbloqueio.

      • Andre

        Marcos, estou indo pra alemanha também, cartão de qual banco você levou? To pensando em levar mais ou menos mil euros no dinheiro pra evitar os saques, e o resto do dinheiro no cartão, mas pretendo não sacar, ficar comprando no débito, essa função funciona bem? O meu banco Bradesco, só permite saque, não permite compras. Obrigado

        • Marcos Sobral

          Levei cartão do Santander e Banco do Brasil para saques. Para crédito levei os cartões Visa Caixa, Visa e Master Santander e American. Foi tudo tranquilo. Só deu um problema na hora abastecer no Posto de Combustível em Frankfurt. O único cartão que funcionou foi o American. Mas isso é besteira, já que era só ir à loja de conveniência e pedir para o funcionário passar o cartão.

          Você pode levar 1000 Euros em espécie, mas é sempre aquele problema: você vai comprar mais caro. Eu faria uma das opções:

          a) Sacaria 900 lá e compraria 100 euros aqui para uma emergência.

          b) Sacaria tudo lá e levava uns 600 reais para, em uma emergência, fazer câmbio lá (isso mesmo, dá para fazer câmbio com Reais lá. Logicamente com uma cotação péssima, mas é só para uma emergência extraordinária).

          c) Abriria uma conta em outro banco e pediria um cartão de débito. Ai você teria dois bancos para viajar. Se um der pau você tem outro.

          A função débito funciona normalmente lá. Na verdade eu quase não usei dinheiro em espécie pq nesta viagem eu passei na República Checa, que não adotou o Euro. Aí eu preferi ficar no crédito e débito para evitar de ficar com várias moedas.

          Mas eu sugiro que você saque tudo lá e leve uma quantia boa de Reais. Se der errado (que é muito raro) você cambia os reais com euro. No centro de Frankfurt, Berlim e nos Aeroportos exitem casas de câmbio para troca de Reais x Euros.

          • Andre

            Muito obrigado! Você acha que santander é uma boa opçao pra abrir conta? Já to levando CC do visa.

          • Marcos Sobral

            Eu gosto deles. Até hoje sempre funcionou bem.

          • Andre

            Marcos, também ia perguntar, o cartao que tu levas para debito do santander é multiplo ou excluisovamente debito?

          • Marcos Sobral

            É múltiplo. Débito e crédito. Nos EUA não consigo usar a função débito. Mas em outros países é tranquilo. O Santander dá dois cartões (visa e master) múltiplos.

          • sabbathbh

            Você pode (e deve) pedir um cartão somente débito Mastercard Internacional do Santander. Assim nunca terá problema com saque sendo realizado no crédito contra sua vontade e também poderá comprar no débito tranquilamente sem chance do vendedor errar e passar no crédito. Uso esse cartão a 3 anos sem problemas. Quando solicitei somente o Master era Internacional, não sei se continua assim ou se o Visa somente débito hoje em dia é internacional.

      • Jonatas

        Na realidade é preciso estar preparado para estes "imprevistos", porque senão o estresse causado pode acabar interferindo no prazer da viagem.

    • PAULO ALMEIDA

      Levaria dinheiro. Cartão pra emergência. Simples assim.

  • https://www.facebook.com/claudia.baltazar.9 Claudia Baltazar

    eu usei esta opção no chile, colombia e funcionou bem, minha conta é do BB e eu solicitei o desbloqueio pra uso no exterior antes de viajar

  • Celso

    O governo aumentou o IOF do cartao de credito para os abusivos 6,38 quando o dolar estava abaixo de 1,80 sob a alegacao de frear os gastos dos brasileiros no exterior. Agora que a realidade e outra, por que os Petralhas nao voltam o IOF aos niveis anteriores? Alguem viu alguma melhora com o dinheiro do IOF que justificasse a manutencao nos niveis atuais??

    • Marcos Sobral

      Lobby de diversos setores. Os empresários nacionais (de confecções, turismo regional, serviços, industriais, etc) perdem dinheiro toda vez que algum brasileiro compra uma camisa Polo lá fora e deixa de comprar uma "Rota do Mar" aqui.
      Por isso, pressionam o governo para que ele iniba as viagens para o exterior. O IOF nunca vai voltar ao normal. Eu mesmo aprendi a conviver com ele.

  • Clairton Caldas

    Essa opção de saque em ATM é a melhor e mais barata opção. Tenho conta no Santander e viajo uma vez por ano aos EUA.. Lá sempre saco direto na minha conta aqui no Brasil, preferencialmente usando os caixas do Bank of America, que tem a menores taxas e maiores limites de saque.. A cotação do dólar para debitar na minha conta é sempre a mais próxima do dolar comercial.

    Indico essa opção!

  • https://www.facebook.com/anacristina.d.monteiro Ana Cristina Da Rocha Monteiro

    Na boa… eu tenho cartao do Banco do Brasil e NUNCA consegui fazer saque direto da minha conta corrente. Mesmo selecionando "debito" no caixa automatico, o saque foi feito na funcao credito – isso aconteceu em varias cidades da Europa e em NY. Depois de uma das viagens liguei pro BB e cada atendente me dava uma explicacao, nenhuma convincente. Agora vejo nestes posts que tem de tudo, gente que usa o debito pra saque sem problemas, gente que se ferrou como eu, gente que tentou a bandeira Mastercard… continuo sem saber o que fazer. Viajo dia 24 e se o BB continuar incapaz de resolver a questao vou de VTM do Banco Rendimento mesmo. :-/

  • Aline

    Não acredito q isso é novidade pra mta gente!!!!? Fazemos isso há uns 5 anos e nunca tive problemas, sempre recomendei essa forma para os amigos, é sem dúvida a melhor opção!

    • Marcos Sobral

      Eu também uso faz tempo. Mas sempre percebo que tem colegas e conhecidos viajando e não conhecem este processo.

  • ROSANA

    Passei de maio a agosto de 2013 no Canadá usando cartão de débito do Banco do Brasil para sacar, sem nenhum problema. Vale muito a pena porque o dólar canadense no Brasil é mais caro que o americano!! Procure sempre um caixa de banco, de preferência um TD, não cobra taxa e pode sacar até C$ 500 por dia. Fiz meu primeiro saque no aeroporto e depois durante 4 dias seguintes.
    Outra vantagem é que o dinheiro do caixa eletrônico já vem trocado, evitando as notas de $100 que as casas de câmbio te entregam no Brasil e causam dificuldades em trocá-las nos EUA.

  • https://www.facebook.com/hudson.guidoth Hudson Guidoth

    Morre a GOL hoje..com a pior companhia para fidelizar seus clientes…

  • Fabio Peixoto

    Vale sim usar o VTM se for na versão Platinum. No Brasil, somente o Banco Rendimento o emite, mediante um crédito inicial de US$ 2.500. Daí em diante, aceita créditos como qualquer outro cartão.

    .

    O custo: anuidade de US$ 25 (que alguns dizem ser cobrada a partir do 13º mês, outros dizem que é desde a emissão – ainda não consegui confirmar).

    .

    O benefício: alguns dos seguros que normalmente só os cartões Visa Infinite oferecem:

    - Proteção de Compra: garante a cobertura contra roubo, furto ou danos dos produtos adquiridos com o cartão por até 45 dias após a data de compra indicada no comprovante, cobrindo o custo de reparo ou a substituição do produto adquirido, limitado a US$ 5.000 por ano por cartão.

    - Proteção de Preço: garante o reembolso da diferença de preço, se encontrar o mesmo produto (ano, modelo e fabricante), anunciado após a data da sua compra, a um preço menor que o valor pago com cartão, limitada a US$ 250 por produto e um máximo de US$ 1.000 por ano por cartão.

    - Garantia Estendida: amplia o período de garantia do fabricante em um ano, cobrindo o custo de reparo ou a substituição do produto adquirido, limitado a US$ 5.000 por solicitação e um máximo de US$ 25.000 por ano por cartão.

  • Fabio Peixoto

    Vale sim usar o VTM se for na versão Platinum. No Brasil, somente o Banco Rendimento o emite, mediante um crédito inicial de US$ 2.500. Daí em diante, aceita créditos como qualquer outro cartão.
    .
    O custo: anuidade de US$ 25 (que alguns dizem ser cobrada a partir do 13º mês, outros dizem que é desde a emissão – ainda não consegui confirmar).
    .
    O benefício: alguns dos seguros que normalmente só os cartões Visa Infinite oferecem:
    - Proteção de Compra: garante a cobertura contra roubo, furto ou danos dos produtos adquiridos com o cartão por até 45 dias após a data de compra indicada no comprovante, cobrindo o custo de reparo ou a substituição do produto adquirido, limitado a US$ 5.000 por ano por cartão.
    - Proteção de Preço: garante o reembolso da diferença de preço, se encontrar o mesmo produto (ano, modelo e fabricante), anunciado após a data da sua compra, a um preço menor que o valor pago com cartão, limitada a US$ 250 por produto e um máximo de US$ 1.000 por ano por cartão.
    - Garantia Estendida: amplia o período de garantia do fabricante em um ano, cobrindo o custo de reparo ou a substituição do produto adquirido, limitado a US$ 5.000 por solicitação e um máximo de US$ 25.000 por ano por cartão.

    • sabbathbh

      Uma conta rápida: geralmente a cotação de câmbio para o VTM fica uns R$0,10 + caro por dólar que o débito portanto se você é obrigado a carregar $2.500 para obter esse cartão, de cara você já está gastando R$250,00 para ter esse cartão com todos esses benefícios (fora a anuidade). Nesse caso vai depender da importância que a pessoa dá para esses benefícios. Eu sinceramente não vejo vantagem.

  • http://www.thaishipolito.com Thais Hipólito

    Acaba que fica mais vantajoso do que comprar dólares em espécie para levar. Mas ainda sim, é melhor se precaver, além de sair um pouco mais barato ainda, é comprar o cartão pré-pago e já levar carregado.

  • Rafael

    CORREÇÃO: O seguinte trecho se aplica para todos os bancos, favor corrigir para evitar confundir os que nunca utilizaram esta opção – "A vantagem deste processo está na cotação (que fica cerca de dois centavos acima do dólar comercial). Abaixo segue um passo a passo do processo:"
    Cada banco cobra uma cotação diferente. O Santander cobra comercial, o HSBC cobra turismo. É a única informação que falta nesse guia que ficou excelente!

  • J. Fernando

    É sempre prudente levar cartões habilitados para saque no exterior de pelo menos 2 bancos diferentes. Se eu não tivesse esta prática, teria tido problemas em 2 oportunidades:
    Em viagem para o Chile, bloqueei meu cartão do Itaú (eu não sabia que a senha de saque do Itaú no exterior é diferente da senha de saque no Brasil – para saque no exterior com o cartão do Itaú devemos utilizar a mesma senha que usamos para compras no débito no Brasil). Em viagem para o USA, o cartão do Bradesco que desbloqueei antes de sair do Brasil não funcionou…
    Estando prevenido, é financeiramente interessante.
    Obs.: Nem todos os caixas eletrônicos no exterior cobram tarifas (o que pode tornar ainda mais barato).

  • https://www.facebook.com/rodenbuschneto Rodenbusch Neto

    Desculpa discordar, mas nem de longe o ATM é a opção de saque mais barata e vantajosa para os Brasileiros, pelo menos não para aqueles que tem conta no Banco do Brasil e irão viajar para NY e MIAMI, cidades que possuem agências do BB e realizam saques com limites diários de 3000 dólares e cobram taxas mínimas, que ao final da transação ficam bem mais em conta do que sacar em ATM e BEM mais barato do que comprar em casa de câmbio. Caso deseje, o Brasileiro tem a opção de abrir uma conta nas referidas agências (claro, preenchendo alguns requisitos) e as condições serão ainda melhores. Não sei se posso divulgar o endereço do BB aqui, até porque sei que podem pensar que seja propaganda, mas qualquer dúvida é só procurar no site do Banco que tem ambos os endereços, em NY o endereço é bem central, em frente ao Bryant Park e em Miami a agência fica em um edifício empresarial na Brickell Ave. Abraço a todos e boa viagem ;)

    PS: não entendo porque ao enviar o comentário, aparece como "opcional" inserir um e-mail mas a mensagem só é enviada se obrigatoriamente colocarmos algum endereço. Desde que o novo layout foi lançado que fiz essa observação mas até agora não foi corrigido…

    • https://www.facebook.com/ernaneb Ernane Bruno

      Que legal! 3 mil dólares e sem taxa de saque do caixa eletrônico?

      • Irene

        Tem taxa sim! no BB de Paris cobram 30 euros por essa operação. No fim dá no mesmo… E vc fica com essa dinheirama viva toda na mão, ou na "doleira", hehe…

  • Raylla

    E para comprar utilizando a função débito? Alguém sabe como funciona em relação à cotação e taxas pagas?

  • Fernando

    Ao pedir um novo cartão do BB com a função crédito bloqueada e a débito liberada como ficam as anuidades do cartão? O meu cartão de crédito anterior continua liberado ou não? vou poder utilizá-lo? E se precisar usar a função crédito, como faço?

  • joana

    que bom, estou indo para os Estados Unidos em dezembro, fiquei muito feliz com as dicas, pois estava totalmente por fora deste procedimento dos cartões credito e debito, valeu, obrigado

  • https://www.facebook.com/gilberto.netto Gilberto Santoro Netto

    Exatamente como a Nicole colocou, eu tenho um cartão Visa Electron que uso EXCLUSIVAMENTE no exterior, justamente pelo sistema eletronico bancário ser defasado em comparação ao nosso e os cartões multiplos SEMPRE selecionarem a opção crédito. Com o cartão de débito não tem erro, e os gerentes sabem disso, tanto é que qndo vc vai solicitar o cartão eles fazem de tudo pra vc desistir e usar o múltiplo durante a viagem.

  • Julya

    Galera, sensacional o post e os comentarios de vcs !! Mas queria saber mais da Europa, fuciona bem esse esquema lá? E as cotações? Alguem ai poderia compartilhar as experiencias!!

  • https://www.facebook.com/sergiocbs Sergio Soares

    Sempre saco na função CREDITO quando viajo ao exterior. Meu banco (Banco do Brasil) cobra 12 reais de taxa e usa o dólar comercial. Além disso, sacar na função crédito não cobra os 6% extras de IOF que é cobrado nas compras no exterior. Uma vantagem adicional da função crédito é ganhar pontos de relacionamento no cartão, a desvantagem é ficar a mercê da variação do dólar.

    • https://www.facebook.com/sergiocbs Sergio Soares

      Esqueci de mencionar que nunca me cobraram juros nos saques no exterior!

    • https://www.facebook.com/ernaneb Ernane Bruno

      Afinal, saques no crédito incidem a cobrança de IOF de 6,38% ou 0,38%?

      • https://www.facebook.com/sergiocbs Sergio Soares

        No meu cartão do Banco do Brasil 0,38%

    • RIcardo

      saque credito sempre 6,38. Banco central.

  • PAULO ALMEIDA

    Qual o problema de levar dinheiro? Cartão só pra emergência.

    • http://www.melhoresdestinos.com.br/denis-carvalho Denis Carvalho

      O problema é a falta de segurança. Se perde ou roubam o cartão você o pode bloqueá-lo, mas e com o dinheiro? Fora que comprar moeda estrangeira no Brasil para levar é sempre uma opção cara!

      • PAULO ALMEIDA

        Ah sim, acho que é uma questão de cuidado. Nunca perdi nem nunca fui roubado. Acho muito melhor levar dinheiro. Na volta não há nenhuma preocupação. A finalidade da viagem é cumprida: diversão.

  • Macedo

    Poderia mostrar o seu extrato bancário para confirmar os valores…

  • http://www.doctorplant.com.br Fernando Vianna

    Ótimo Post!!! Costumo usar muito essa modalidade assim como o cartao da Confidence.. LEMBRE-SE o Travel Money do Banco do Brasil é e sempre será engolido em qualquer caixa eletronico do mundo.. Isso pq não possui Chip.. porem pode ser usado para pagamento em lojas..
    Aproveitando para avisar.. o Travel money do BB não possui nome escrito, isso causará dor de cabeça em alguns países ( Espanha, Suiça, Tenerife … ). Abraços ..

  • Fonteles

    Meu banco, Bradesco me concedeu o cartão da ELO, que não faz transaçoes internacionais, e como não tenho mais tempo de pedir outro cartão, qual seria a segunda melhor opção? Destinho USA! Grato!

    • https://www.facebook.com/marcioantonio.estrela Marcio Antonio Estrela

      Cartão pré-pago (VTM)

      • Fonteles

        Obg! Assim já o fiz!

  • https://www.facebook.com/leonardo.pires.5872 Leonardo Pires

    uma pergunta vou pro panama
    a moeda corrente e balboa porem so existe moedas correto???
    viajo duro e tiro dolares la ou nao
    oke vcs recomendam
    os caixas la sacam dolares neh

  • Marcio

    Pessoal, acabei de ligar no atendimento do Itaú para saber qual a tarifa que eles cobram utilizando o débito no exterior (EUA no meu caso). O atendente me informou (porém não com muita segurança…) que eles utilizam o dólar COMERCIAL + IOF + taxa de R$ 9,00. Essa é a parte do Itaú, disse que ainda pode ser cobrado uma taxa de US$ 4.00 do equipamento de onde eu retirar. Ou seja, se for isso mesmo vale MUITO a pena usar o débito do Itaú no exterior. Procede? Vi alguns comentários falando que o Itaú é dos piores bancos para usar débito no exterior.

  • https://www.facebook.com/bentog1 Bento Guimaraes

    Depois de ler esse artigo, resolvi fazer um teste. Estou em Montreal, Canadá já há 4 meses e uso sempre o Visa Travel Money para compras e saques e os cartões de crédito como complemento.
    Hoje (10/10/13) saquei no Banco Desjardins 200 dólares canadenses, usando o meu cartão de débito Bradesco. Creio que esse é o limite máximo de saque diário. Acima disso o cartão é rejeitado, nesse banco e no Banque National. Não sei em outros. Depois disso, corri para casa par consultar a minha conta. Eis o que constatei.
    O Desjardins cobra 2 dólares para essa operação. O Bradesco me debitou R$462,58, relativo aos 202 dólares canadenses e mais R$7,90 de tarifa de saque. Total R$ 470,48 a um cambio de 2,35 por dólar americano, Quando não é Euro, o banco converte as transações para o dolar americano, certo?
    Pois é. Hoje o VTM está em 2,29 e o comercial em 2,18. Não dá para matar, mas é bem diferente do que vocês apregoaram aí no artigo. Não sei se o fato de estarmos lidando com dois dólares, americano e canadense, afeta substancialmente essa análise.
    Obrigado, Bento Guimaraes.

    • sabbathbh

      O que você constatou foi o mesmo que outras pessoas já tinham comentado: Bradesco não presta para saque. No próprio texto cita que depende do banco. Dica: Santander é o melhor para saque no débito.

  • https://www.facebook.com/LucyBatochio Lucy Batochio

    Obrigada, CAIXA…

  • Cristiane

    Dicas mui preciosas!!!! vlw!!!

  • Mauricio Migliano

    Pessoal, boa noite

    Vi que a maioria das pessoas possuem bb ou santander. Eu só tenho conta no bradesco e ja usei muito cartao de credito internacional nos EUA, mas nunca entendi a cotação do dólar que vem na fatura (na verdade nem o sac do banco sabe explicar). É sempre extremamente mais alta que o dolar comercial. Vou para Miami e vai ser a primeira vez que uso saque do cartao de debito do bradesco fora do Brasil. Eu liguei lá no sac e o atendente confirmou que o dólar utilizado para saque é o comercial +iof de 0,38% + 7,90 por saque, sem nenhum outro acréscimo na td do dólar. E fiquei na duvida se era isso mesmo e perguntei de novo. Novamente foi enfatizado que era isso mesmo. Alguém confirma? Alguém ja usou o debito visa do bradesco lá? Obrigado

    • andre

      Cara, to na mesma situação, mas eu liguei no bradesco e disseram que usam o dolar turismo, alem de que o saque é limitado a 300 dolares e que só pode sacar, não pode fazer compras no débito. Eu já to considerando abrir uma conta no Santander ou BB. Mas esses call centers cada um diz uma coisa, vai saber qual é a verdade…

      • sabbathbh

        Não acreditem em informações de cotação de callcenter. Leiam os comentários com as experiências das pessoas. Se estiver pensando em abrir uma conta em outro banco para saque no débito então abra no Santander e solicite um cartão somente débito Mastercard Internacional. É a melhor opção.

    • William

      Também liguei no Bradesco e recebi a informação que a cotação usada é o Dólar Comercial + 0,38% porém a taxa que era de 7,90 até agosta agora foi para 12,00.

    • Mauricio Migliano

      Olha, liguei no banco agora de novo. Recebi a informação de que eles usam o dolar comercial + uma taxa em cima do dolar. Eu perguntei, mas qual é essa taxa?. O atendente disse que isso ele não sabe dizer, que é a própria VISA que cobra. Assim fica difícil saber.

  • Gustavo Castro

    Lembrando que nem sempre é vantajoso, depende do país. No caso da argentina por exemplo, como estão passando por uma crise, é melhor que se leve tudo o que pretende gastar em Real ou Dólar direto do Brasil, pois o mercado paralelo está bem superior, as vezes chegando ao dobro do cambio oficial.

  • https://www.facebook.com/liviarodrigues1985 Livia Rodrigues

    Lembrando que a MAIORIA das lojas de outlet Premium e Prime aceitam o cartão débito, ou seja, você paga a sua compra com o seu cartão de débito como se estivesse no Brasil. Com isso, você evita a tarifa do saque.

    Lojas testadas: Tommy Hilfiger, Calvin Klein, Nike, Adidas, Ralph Lauren, Lacoste, Guess, Levi´s e claro, o bom e velho Walmart, que além de você conseguir pagar suas compras direto no cartão de débito ainda há um função sensacional: a do cashback! O que é isso?
    Quando você digitar sua senha para pagar pelo que comprou no Walmart, a máquina vai perguntar se vc quer cashback que nada mais é do que você retirar da sua conta corrente um valor em dinheiro, aproveitando a transação da compra no caixa. Essa modalidade vale muito a pena, pois vc está sacando dinheiro da sua conta sem pagar nenhuma tarifa, nem do ATM e nem a tarifa de saque cobrada pelo seu banco.

  • sabbathbh

    Uma atualização: agora o Santander está cobrando R$20,00 de taxa de saque. Nas viagens que fiz em 2011 e 2012 sempre foi cobrado R$10,00 embora na tabela de tarifas o valor informado fosse maior (uns R$15,00). Agora o valor cobrado está igual o da tabela: R$20,00. Mesmo com esse aumento na tarifa o Santander continua excelente para saque. Saquei 800 francos suíços ontem e foi debitado R$1.953,00. 2 centavos acima da cotação comercial (lembrando que IOF está incluso nesse valor). Somando a taxa de saque o resultado final são 4 centavos acima da cotação oficial do dia anterior. Excelente!

    • Mauricio Migliano

      O problema é que quem não tem conta salário lá, paga nada menos que 55,00 de tarifa de serviços por mês no Van Gogh. Se fizer portabilidade da conta, paga 50% disso, que, para a maioria das pessoas, ainda é um valor alto.

      • sabbathbh

        Não precisa ter Van Gogh para sacar. Eu mesmo não tenho esse pacote. Por determinação do Banco Central os bancos são obrigados a oferecer um pacote essencial de tarifas, caso estejam tentando te empurrar o Van Gogh você pode usar esse argumento.

  • Emerson

    Era um usuário de caixas ATM até ficar na mão em Orlando: a senha não lia de jeito algum (confusão entre usar senha de 6 dígitos (como nos caixas eletrônicos do Brasil) ou os primeiros 4 dígitos desta senha (como quando faço compras na função débito). Pior é que isso acontece qdo a gente não leva dinheiro para despesas em geral. Até hoje fiquei na dúvida se a senha é de 4 ou 6 dígitos (itaú)!!

    • http://twitter.com/EuFlavioLuis @EuFlavioLuis

      As senhas nos EUA serão sempre com 4 digitos.

  • Gustavo

    CUIDADO: Ou o autor deste artigo se confundiu ou o banco dele está dentre as poucas exceções onde "a cotação do dolar na hora do saque é apenas 2 centavos acima do comercial". Como assim?? O Citibank utilizar uma cotação de 2 centavos ACIMA DO DOLAR TURISMO para quem faz saque em moeda local. Eu trabalho com câmbio e GARANTO: cartões VTM ainda são a melhor opção.

    • sabbathbh

      Santander = 2 centavos acima do comercial. Leia os comentários sobre isso e depois diga se ainda garante que o VTM é melhor.

    • http://twitter.com/EuFlavioLuis @EuFlavioLuis

      Você está enganado, o Bradesco utiliza o Dólar comercial + IOF, por isso que fica próximos destes 2 centavos a mais. O Itaú utiliza o dólar PTAX da hora do saque.

  • Yuri

    Olá …
    Estou aqui em Orlando e antes de viajar para mi há infelicidade
    Comprei um cartão pre pago da Confidence Cambio, a cotação
    Foi 0,15 centavos acima do que um saque que fiz na minha conta
    Corrente no Santander e sendo cliente Van Gogh ainda não pago
    Taxa por saque…
    Enfim cartão pre pago nunca mais, ainda mais sendo correntista do
    Santander que Hj é super honesto para saques aqui no exterior.
    Nessa brincadeira com a Confidence foi embora umas
    700dilmas … Aff

    Ábcos Yuri Sales

  • Renata

    Tomem muito cuidado com este procedimento!
    fiz dois saques em conta corrente em um caixa eletrônico do BB em Paris. Como fiquei 4 meses lá, só na volta percebi que o valor tinha ido pro cartão de crédito e os jutos estavam rolando. Tive que entrar com um processo contra o BB porque colocaram meu nome do SPC, a sorte é que guardei os comprovantes do saque onde mostrava que a opção tinha sido débito. Mas, de qualquer forma, foi uma dor de cabeça enorme!!!

    Se for possível utilize outra forma de saque!
    abraços

  • Mauricio Migliano

    Informação para quem está pensando em abrir uma conta no Santander para usar o débito/saque lá fora, visto que esse banco parece ser a melhor opção pensando em conversão da moeda. Fui hoje na agencia:
    Pessoa física: Para quem ganha mais de R$ 3999,99, será cliente Van Gogh. Você pagará uma mensalidade de R$ 55,00 e terá direito a 2 saques internacionais grátis (mais de 2 vc paga R$ 20,00/saque). Quem faz portabilidade de conta, paga 50% da mensalidade. Além disso, se vc tem pelo menos 40k na conta, vc fica isento da outra metade. Abs

  • Kelsion

    Boa noite pessoal, tenho uma duvida, li vários comentários mais ainda permanece a duvida, Meu banco é uma cooperativa (UNICRED), nao a cobrança de nada (IOF) pois sou cooperado, de acordo com o banco a cotação sera a oficial do dia, diríamos hoje 2,17 e debitado diretamente da minha conta, A duvida é pelo fato do cartao ser DEBITO/CREDITO quando eu for na APPLE por exemplo, poderei comprar algo optando pelo debito? a esse questionamento como no Brasil?

    Pais:EUA

    • http://twitter.com/EuFlavioLuis @EuFlavioLuis

      Kelsion, vai poder sim… Só guarde os comprovantes da operação débito, pois se lançarem no crédito vc vai poder contestar.
      Outra é seu limite diário para saque e compras no débito, verifique isso com sua gerente.
      Uma dica importante é levar mais de um cartão débito e de crédito internacional.

    • Vanessa

      Eu acho que o melhor é você falar que quer passar no débito (debit card Mastro ou Visa Electron), mesmo sem eles perguntarem nada, Kelsion. No exterior, parece que o sistema bancário deles é mais arcaico, inclusive nos EUA, e, portanto, cartões múltiplos, chips etc. são uma tecnologia que apareceu por aqui primeiro.
      Acho que o melhor é levar um cartão só de débito de um banco que passa débito lá fora (BB, Santander…) ou inibir a função crédito do seu cartão múltiplo, mas aí você não terá o crédito caso também queira utilizar a função crédito no exterior.

  • Vivianne

    Pra quem for a Nova York vale muito a pena passar na agência do Banco do Brasil que fica na 42 st, em frente ao Bryant Park, que fica ao lado da Biblioteca Pública. Vc pode fazer os saques nos caixas eletrônicos do Banco do Brasil ou usar os computadores pra fazer a carga do VTM!

  • https://www.facebook.com/anacristina.d.monteiro Ana Cristina Da Rocha Monteiro

    Gente, ontem liguei pro atendimento do Ourocard (Banco do Brasil) justamente pra saber por que nao consigo sacar da conta corrente, sempre caindo na funcao credito. Foi infernal. Falei com tres atendentes (a ligacao sempre caia depois que eu explicava o caso, que estranho, ne?), ate que o quarto falou que eu nao conseguia porque minha conta nao tinha saldo suficiente (!!!). Expliquei que, tal como quando estou no Brasil, la fora tambem olho minha conta pra ver quanto posso sacar e faco o calculo da conversao da moeda, tudo direitinho, antes de ir no caixa eletronico. Mas a atendente insistiu que eu nao teria $$$ suficiente. Que odio. Continuo sem saber o que fazer, e pior, meu banco tambem nao sabe! :-/

    • Vanessa

      Ana, seu cartão é Visa? Consta a informação no próprio site do Banco que os cartões Visa apresentam esse problema do sistema não identificar a multiplicidade de funções e que o recomendável é ter um cartão Mastercard/Mastro, pois nessa bandeira (sei lá por que), há mais chances de o ATM (que tem que ser filiado a Cirrus) reconhecer a função débito/conta corrente (identificada nos terminais como debit ou checking account – antes vc tem que selecionar a opção withdrawal). Outr apossibilidade é vc inibir a função crédito lá pela central Ourocard, porque aí não vai ter jeito, o sistema "vai ter que puxar" do débito. Mas aí vc vai ficar sem a função crédito para compras.

  • William

    Pessoal, eu entrei em contato hoje (21/10/13) com a Central de Atendimento do Bradesco e o atendente me informou que a taxa de saque internacional para cartão de debito (Visa) foi alterada para R$ 12,00. Segundo ele, alem da taxa, será usada a taxa do dólar comercial (que eu duvido) e IOF de 0,38%.
    No proximo mes estarei viajando vou testar e tentar identificar quais taxas serão aplicadas.

  • https://www.facebook.com/sergiokid Sergio Rocha

    Tive uma experiência bem ruim…

    No dia 17/10 a noite fiz um saque direto da conta corrente em Aruba, com o Platinum Estilo BB.

    Saquei US$ 400,00 (débito) e me foi cobrado R$ 925,69. Além disso, foi-me cobrado R$ 12,00 NA FATURA DO CARTÃO de crédito. Considerando que nesses 925,69 já estejam os 4 dólares do caixa eletrônico, os US$ 404,00 (com essa taxa) saíram a 2,291 R$/US$. Se ele vier na fatura do cartão, separado, como a taxa do banco, o valor sobre para 2,314 R$/US$. Isso desconsiderando as taxas.

    Ora, o dólar comercial fechou a 2,159 nesse dia e o turismo a 2,270. No dia anterior, caso seja a referência a se utilizar, a cotação foi de 2,175 (com) e 2,29 (tur).

    Meu saque então teve uma cotação efetiva de 2,344 (paguei 925,69 + 12 reais = 937,69 reais por 400 dolares), bem acima do dolar TURISMO, considerando que a taxa do caixa de US$ 4,00 tenha sido cobrada já no saque.

    Se for cobrar ela a parte, considerando que seja de mais ou menos 9 reais, daria R$ 946,69 por 400 dolares, a uma incrível cotação efetiva de 2,367, muito maior inclusive que as agências de câmbio que estavam cobrando uma cotação efetiva de pouco mais de 2,3 no dia.

    Mais do que isso, hoje apareceram na minha fatura 2 créditos e 2 estornos no valor do dólar… eu hein.

  • Daniel

    Alguém possui uma experiência mais recente em relação à utilização de pagamentos de compras no débito – cartão Itaú???

    Se o dólar é o comercial, qual(is) a(s) taxa(s) cobrada(s) etc… Estou indo para EUA daqui 2 semanas

    • Ana Luiza

      Nunca tive sucesso nos saques com meu cartão de débito Itaú, nem consegui efetuar compras com ele. Liberei o uso no exterior mas não consegui nem por reza brava. Sorte que não precisava dele pois levei outros meios de pagamentos, minha dica é sempre diversificar…

  • Rafael

    Vc pode sacar também pelo Santander nos Estados Unidos no terminal do Bank ok America. No meu caso, consegui sacar US$ 800,00 dólares e o cambio foi de US$2,18 no dia 28/10. Não foi cobrada nenhuma tarifa (acho que é porque eu tenho 2 saques gratuitos no exterior por mês em meu pacote de serviõs Van gogh). Mas enfim, o valor foi o melhor possível. No BB estava a R$2,25 (com IOF e taxa) saiu a R$2,26. E na Caixa Econômica ao trocar no Brasil saiu a R$2,27 (mais as taxas) a R$2,28.
    Agora eu nunca consigo pagar em débito no meu cartão Santander sempre que chego na loja ele declina a operação aí sou obrigado a pagar com crédito… Por que será que isso ocorre??

  • Ana Luiza

    Nunca consegui usar o meu cartão de débito do Itaú no exterior, nem para compras, nem para saque! Tentei sacar várias vezes, mas nem com reza brava!

  • André

    É isso mesmo! Estive nos EUA em agosto/setembro e estava precisando de dinheiro em especie, o atendente do hotel onde estava me deu essa dica, fui até o caixa que estava dentro do hotel e saquei, foi um baita alivio! NO final percebi que acabei economizando!

  • https://www.facebook.com/ernani.menezes.18 Ernani Menezes

    Morei no canada por 6 meses, e sempre fiz este procedimento. Sou cliente do banco do brasil, tinha uma cartao simples universitario de credito/debito, com visa plus, antes de viajar fui na agencia ativar a funcao.

  • Helena

    Ótimo post! Vou fazer isso.
    Vocês saberiam informar se o limite diário de saque em caixas automáticos no Brasil (determinado pelo banco de acordo com o cliente) interfere no limite de saque no exterior?

    • Vanessa

      Helena, liguei no Santander hoje e atendente disse que o meu limite de saques no exterior/dia é o mesmo que o meu limite para compras no débito. Agora se a informação está correta eu já não sei.

  • Vanessa

    Alguém possui uma experiência mais recente em relação à utilização de SAQUES no EXTERIOR e pagamentos de compras no débito – cartão Santander Free?

    Na Central hoje me falaram que a taxa de saque no exterior direto da conta corrente é de R$ 20,00 e para saque na função crédito é isenta, por ser o cartão Free. Alguém confirma a informação?

    Alguém tem informações também sobre a cotação praticada ultimamente pelo Santander no débito e para saque (já li gente comentando que a cotação para conversão da moeda estrangeira em local é diferente dependendo da transação – uma cotação pro crédito, outra pro débito e outra pra saque) e também sabe confirmar se a conversão é da moeda estrangeira pro dólar e do dólar pra real?

    Mais especificamente, eu vou para a África do Sul, alguém utilizou recentemente o cartão lá? Sabem indicar um Banco que não cobra tarifa extra para saque (tarifa do terminal fora a do próprio Santander)?

    Obrigada,
    Vanessa.

  • uardo Bastos

    Estou nos EUA de ferias e não gostei da experiencia de sacar dinheiro. Sou cliente do Banco do Brasil e ao sacar foi me cobrado R$ 2,42 por dolar, sendo que o comercial esta em 2,33. Entao percebi que foi baseado no dolar turismo.
    Me arrependo de não ter comprado todo o dolar no Brasil.

  • Juliana

    Não tem como saber a taxa do câmbio antes de confirmar o saque?

  • Gouvea

    Olá pessoal, é possível sacar no TD Bank sem pagar nada, tem várias agências e ATM espalhados pelos EUA, o Banco é canadense.

    Qual o valor máximo por dia que é possível sacar no cash back do Walmart ou Wallgreens?

  • Cintia

    Gostaria de colaborar com o texto, já que ele me ajudou tanto.
    Estou com uma viagem marcada, e apesar de ter solicitado informações na agência do Banco do Brasil, do qual sou correntista, ninguém soube me esclarecer nada. Qual a taxa, se consigo sacar no exterior, etc. Tentei na agência e no 0800, e nada.
    Bom, hoje, pesquisando no site, encontrei uma informação importante, que talvez justifique os problemas que algumas pessoas passam ao tentar sacar na função DÉBITO. O texto da página do BB explica direitinho: http://www.bb.com.br/portalbb/page3,116,2067,1,1,…
    Parece que alguns caixas eletrônicos, QUANDO SE TRATA DA BANDEIRA VISA (ou seja, quando vc tenta sacar pelo Plus, e não pelo Cirrus – que é do Mastercard) não reconhecem a função débito. Bom saber. Se vc levar um Mastercard tb, provavelmente não terá esse tipo de problema.
    Coloquei a página acima para vocês lerem tb.
    Valeu, obrigada pelo post. Super útil.

    • Fernando

      Cíntia,

      Obrigado pela dica.

  • Renata

    É…. SQN…. governo acaba de elevar a taxa de saque com cartão de débito e pré-pago para 6,38%… a partir de hoe 28.12.13
    http://g1.globo.com/economia/noticia/2013/12/gove

  • Stella Moraes

    Boa tarde. Estou planejando ir aos Estados Unidos ano que vem ( ainda não sei a data corretamente ) , mas tenho uma dúvida. Eu desbloqueio meu cartão de crédito certinho e tal , pra usar lá, mas , digamos que eu tenha 1000 reais ( vamos botar como se o dólar estivesse 2 reais ) e eu fosse à um caixa e tirasse 500 dólares, esses 1000 reais acabariam não é ? Ou , antes de eu ir para os EUA , eu tivesse que depositar dólares ? Basicamente, eu queria saber se , pra tirar dinheiro lá, é preciso se em dólar ou pode ser em reais . Obrigadaa , abraço

    • Fernando

      Você faz o saque sobre o saldo em reais de sua conta-corrente no Brasil e o valor do saque é convertido para dólar e você recebe dólares.

  • Fernando

    A partir de agora praticamente acabou-se a vantagem de sacar no exterior. O cartão de crédito, a meu ver, volta a ser o mais indicado por sua segurança, o único risco é o valor do dólar no dia do pagamento da fatura do cartão, que pode ser maior que no dia da compra, mas que também pode ser menor.

  • Douglas

    Estive em nova Iorque em fevereiro passado e esqueci minha senha Bradesco então tentei vários números juntos em uma conbinaçao aleatória e consegui sacar 1300 dólares em 4 dias e depois nao consegui mais e ate hoje nao foi retirado de minha conta corrente.

  • ESTELLA

    EXCELENTE INFORMAÇÃO ~~ MARAVILHOSO ~~ OBRIGADA ~~

  • ESTELLA

    ARRASOU !!! PERFEITO COM AS FOTOS REAIS POSTADAS.. NAO PRECISA DE MAIS NADA !!!

  • Luis Otavio

    Seu post me ajudou bastante em relação à este assunto ! Muito obrigado pela ajuda e espero que continue ajudando outros tanto com posts como esse aqui no seu blog ! Ótimo trabalho !

  • marcos

    Alquem sacou com Atm Aqui no Brasil?

  • https://www.facebook.com/andreia.a.fernandes.10 Andréia Fernandes

    Estou feliz em encontrar este site e agradeço a todos que estão compartilhando um pouco da experiência com transações financeiras no exterior.
    Irei à frança neste mês – ficarei por 3 meses – e não obtive informações detalhadas como estas pelo Bradesco. O pessoal do Fone Fácil não sabe de nada.
    Aproveito para perguntar se alguém sabe qual o limite em espécie que podemos levar para a Europa, por ex. Penso em abrir uma conta poupança lá, pois a txa de juros da caderneta varia entre 1,5 e 1,75%.