São Paulo terá 490 novos voos e stopover grátis após redução de imposto

Denis Carvalho 5 · fevereiro · 2019

Não perca mais nenhuma promoção!

Promoções no e-mail

Faça como 1 milhão de brasileiros. Cadastre seu email e receba as melhores promoções de passagens!

Promoções no Whatsapp

Agora você pode receber promoções direto no Zap! Escolha se quer receber todas ou só as melhores!

O Estado de São Paulo vai receber 490 novos voos nacionais por semana e um programa de stopover de até três dias gratuito para os passageiros. Essas são as contrapartidas da redução do ICMS sobre o combustível da aviação (QAV) de 25% para 12% no estado anunciada hoje pelo governo paulista. Serão 70 novas rotas regulares nos próximos seis meses, incluindo ligações para 21 estados e 38 voos locais entre cidades paulistas. As rotas ainda serão definidas.

O corte do imposto sobre o querosene de aviação é uma reivindicação antiga das companhias aéreas não apenas em São Paulo, mas em todo o país. Segundo estudos do setor, o preço do combustível representa em torno de 40% do custo operacional total das empresas. Com a redução, a expectativa é que haja um aumento no número de voos que partem dos aeroportos paulistas, com mais destinos regionais e nacionais. Com mais voos, também cresce a possibilidade de mais promoções e melhores preços de passagens.

O governador João Doria disse acreditar que o aumento da oferta de voos e da competitividade entre as companhias aéreas pode criar condições para o barateamento de passagens: “A expectativa concreta é que haja uma redução pontual de custos em certos destinos e certos períodos.”

Segundo o governo, o valor que o estado deixará de arrecadar com o ICMS será compensado pelas contrapartidas. “Com a nova alíquota, a arrecadação prevista para 2019 sobre a comercialização de querosene aéreo cairá de R$ 627 milhões para R$ 422 milhões, mas a compensação total – direta, indireta, induzida e catalisada – representa uma previsão de ao menos R$ 316 milhões”.

Stopover

Outra ótima novidade, esta para os que não moram em São Paulo, é a possibilidade de fazer um stopover grátis nas conexões. Quando algum passageiro tiver de ir a Congonhas, Guarulhos ou Campinas para fazer conexão em outro voo nacional ou internacional poderá ficar até três dias na cidade sem custo adicional – ótimo para aproveitar a rica programação cultural ou fazer compras na maior cidade do País.

Com informações do Governo do Estado de São Paulo e Ministério do Turismo.

Autor

Denis Carvalho - Editor chefe