Que tal fazer check-in e embarcar com o relógio de pulso? Conheça o novo Apple Watch!

Denis Carvalho 10 · setembro · 2014

A Apple promoveu ontem mais um de seus eventos de lançamento e a grande estrela, sem dúvida, foi seu primeiro relógio inteligente, o Apple Watch. O aguardado dispositivo, que já tem concorrentes de outras fabricantes como Samsung e Motorola, traz uma série de funções muito interessantes, aliado a várias opções de design e integração com o iPhone do usuário, permitindo funções e aplicativos ilimitados.

Mas como? O Melhores Destinos fugiu do foco e vai falar de tecnologia agora?” Calma, querido leitor, essa é apenas a introdução para chegarmos ao que de fato nos interessa: como o tal aparelhando poderá ser útil nas viagens futuras. 

Como as vendas só começam no ano que vem (US$ 349 nos Estados Unidos, sabe Deus quanto e quando no Brasil), só podemos pegar as pistas do lançamento para antecipar as possibilidades, que serão muitas.

Apple-watch-brasil

apple-watch-viagensA primeira, bem concreta, é a de fazermos check-in e embarcarmos usando o relógio de pulso. A Apple anunciou que o Watch terá sua versão do Passport, que reúne os cartões de embarque de uma maneira fácil para os usuários do iPhone. Além disso, um dos aplicativos demonstrados foi da American Airlines.

Além de fazer o check-in já incluindo seu número do AAdvantage ou programa parceiro, como TAM Fidelidade, ele informará ao usuário sobre estado do seu voo e alterações de portão de embarque, por exemplo.

apple-watch-starwoodQuer mais? Que tal então deixar no passado as chaves ou cartões magnéticos para abrir o quarto do hotel? Um aplicativo com essa função já está sendo desenvolvido pela rede Starwood, o que poderá ser seguido por várias outras, se o gadget for mesmo um sucesso.

Quanto aos aplicativos tradicionais durante uma viagem, parece bacana a ideia de poder consultar mapas, GPS e dicas pelo relógio – ninguém vai pensar que você está perdido ou te identificar como turista, como ocorre quando se abre um mapa de papel. A Apple deu a entender que os aplicativos levarão muito mais em conta a localização do usuário, permitindo, por exemplo, saber os locais próximos a você que foram classificados por amigos nas redes sociais.

Por fim, vale a pena falar do novo sistema de pagamento da Apple, o Apple Pay, que promete tornar os cartões de crédito coisa do passado e é uma resposta ao Google Wallet. Na hora de pagar a conta mostre o iPhone ou o relógio e pronto! O negócio não tem data para chegar ao Brasil, mas já dá para imaginarmos seu impacto no mundo dos pontos e milhas e há quem diga nos fóruns internacionais que a companhia da maçã poderá lançar seu próprio sistema de pontos.

Honestamente, acreditamos muito mais na integração do sistema das Apple com os bancos existentes, já que Visa e Mastercard não oferecem pontos, mas sim os bancos emissores desses cartões. Logo, é plausível pensar que o cliente continuaria a pontuar no banco onde possui conta, seja qual for o método escolhido – cartão ou Apple Pay. Mas tudo ainda em hipótese, já que virão alguns anos até os sistemas desembarcarem por aqui.

Cá entre nós, bom mesmo seria se o Apple Pay ou o Google Wallet permitissem pagar as contas da viagem no exterior fugindo do famigerado IOF de 6,38%!

E então? O que acharam dos lançamentos da Apple? Vale a pena investir no novo relógio? Deixe sua opinião nos comentários e participe!

Mais informações no site da Apple

Publicado por

Denis Carvalho

Editor chefe

  • rafael

    sou bem contra essas modinhas idiotas
    hoje temos "telefones" inteiros em relogios… mas também temos uma gama de passageiros extremamente mal educados que se sente no direito de entrar no avião falando no telefone, nao desligar e tudo mais

    POREM, hoje as comissarias podem ver o cidadão mexendo no aparelho e reclamar….

    COMO VAI SER QUANDO QUALQUER RELOGIO PUDER SER UM RADIOTRANSMISSOR ?

    não acredito que a comunicação avião-torre seja "interferida" pelos celulares efetivamente, isso deve ser mais uma questão de segurança para evitar que um "terrorista" se comunique com um parceiro, mas ainda assim tem muito cidadão "de bem" que não respeita…

    e ai?

    • Arthur

      Bom dia colega. Há alguns dias usei internet em pleno voo na American Airlines, eles oferecem nos voos internos por lá (era um voo NYC – Miami). Se eu quisesse, daria até pra fazer uma ligação via skype. Essa história de " desliguem os celulares pois o avião vai cair" é o mesmo tipo de mito que celulares explodindo postos de combustível. Abs

      • Gabriel

        Eu nunca entendi. Então pra que fazer isso?

        • Pra você prestar atenção nas comissárias e caso alguma coisa aconteça você esteja esperto.

      • Matheus Rocha

        Em relação ao "mito ", não procede ! A regra é no caso dos aviões, não utilizar os celulares em momentos de pousos e decolagens, não que isso derrube o avião, mas as diferenças de frequências, podem causar interferências em um momento que a aeronave está em plena comunicação com a torre. No caso dos celulares explodindo o posto de combustível, o risco é se você estiver na frente de um caminhão tanque descarregando OU o tanque subterrâneo do posto estar aberto .. o combustível elimina uma espécie de gás .. a frequência de telefone, dependendo de sua intensidade , se cruzar com esse gás ,em um volume grande, no caso dos tanques abertos ou a descarga do caminhão, existe o risco de explosão, mas é muito difícil de acontecer.

        • Luciano

          Desculpe-me Matheus, mas me parece que a ignição dos carros gera muito mais energia que a frequencia dos celulares. E nem assim a gente vê postos explodindo quando os carros terminam de abastecer e são ligados.

      • rafael

        Ninguem falou "desliguem seu celulares pois o avião vai cair" e se voce leu meu comentario viu que eu falei da questão de segurança… em relação a comunicação com a terra

        voce usou internet DA AMERICAN AIRLINES, assim como qualquer companhia grande oferece para voos de cruzeiro de longa duração, mas ainda assim mandaram voce desligar o celular na hora da decolagem né? então pronto… duvido que conseguisse fazer uma video chamada em skype pela qualidade da conexão mas ainda assim teria "recursos" suficientes para fazer um novo 11 de setembro

        • Na verdade nos EUA a FAA liberou o uso de gadgets para take-off e landings.

    • Agnaldo

      Por que parte da população é mal educada todo o resto será prejudicado?
      A questão da não utilização de aparelhos eletrônicos é só durante pouso e decolagem, onde todos devem estar atentos as medidas de segurança. Passado esse período é possível até conectar na internet em alguns voos, disponibilizada inclusive pela própria Companhia (como a Delta em território Norte Americano).
      Desculpe querido, mas é interessante sim! A tecnologia a favor dos passageiros!

    • Não sei se você tem acompanhado, mas gradativamente o uso de aparelhos eletrônicos tem sido liberado nos vôos e inclusive para fazer chamadas nos Estados Unidos. Você anda meio desatualizado.

    • Rafael Castro

      Que amargo esse comentário.

    • Eduardo

      Tá assistindo muito filme americano!

  • Gabriel

    Pessoal, alguma promoção para St. Marteen ou Punta Cana???

    • Rafael Castro

      Esse comentário tem tudo a ver com o post.
      Isso ae!

      • Gabriel

        Que bom que gostou!

        Deveria comentar aonde então sabe-tudo? Esperar um tópico relacionado, já com a promoção?
        Aí não seria necessário perguntar né?

    • Matheus Rocha

      Gabriel, o MD postou ontem os voos da Copa, partindo de Campinas (VCP). dá uma olhada lá… Tem conexão para St.Marteen tb..

      • Gabriel

        Valeu Matheus.

    • Não vale a pena ir pra St Maarten nessa epoca do ano, fui a menos de um mes atras e foi complicado de 7 dias choveram 3

  • Eu vejo a reação de muitos ao Apple Watch similar ao que vi no lançamento do iPad. Na época só se falava que era um gadget inútil, um ipod touch gigante… Com tempo foi ganhando aplicações e se tornou "útil". O próprio iphone, quando foi lançado, nada mais era que um celular touchscreen, ligava, mandava mensagens e acessava a internet. Com o tempo ganhamos aplicativos que os tornaram computadores portáteis que também pode ser usado para ligar. Hoje eu vejo pouca aplicação para o watch mas a apple como sempre pode conseguir várias aplicações e tornar esse dispositivo um item de primeira "necessidade".

    • Pode crer Pedrinho! Tô contigo e n abro.

  • A tecnologia é fascinante!

  • Augusto

    Eu fico impressionado com a "gentileza" de alguns comentaristas aqui do site. Às vezes tenho a impressão que ficam mais acompanhando o site para criticarem eventual comentário impertinente do que à procura de passagens áreas, promoções e informações sobre viagens. Vai entender o ser humano… rs

    • rafael

      atualmente 70% das noticias do melhores destinos são publicitarias e não efetivamente promoções…

      na minha opinião esse site devia ter uma "TABELA DE PREÇOS", ou uma lista de preços de referencia, uma parte fixa onde voce pode consultar o preço "justo" para os diferentes destinos…

      sou de recife mas moro no rj ha mais de 2 anos, todos os meses viajo pra casa e pago por volta de 300 em passagens diretas de ida e volta (nunca tomo voos com conexão), ja paguei na baixa 200 e na alta 400 e acho um disparate quando vejo "promoções" com voos por 450 a 550 reais nesse trecho

      isso não é promoção, isso é preço de tabela…

      • Debora

        Acredito que as pessoas acessem os sites que gostam e leem as publicações que acham interessante, não é mesmo?
        ____________

        Parabens MD pelo trabalho prestado que tem ajudado muitas pessoas a viajarem com tarifas mais baixas através das informações que aqui disponibilizam mesmo quando muitas delas não sirvam pra mim.

      • Leo Maia

        Sai fora então cara, não acessa o site. Se não gosta daqui, basta não digitar o endereço todos os dias no seu browser. Todas minhas viagens para o exterior nos últimos 3 anos consegui com promoções daqui. Na última paguei R$ 667 com taxas para Porto Rico.

  • Antonio Bruch

    O meu já foi encomendado pelo meu tio que mora nos States ! Uhuuul.. o/

  • Bruno

    Esse post foi um tanto quanto tendencioso e direcionado.

    Existe vida fora do ecossistema da Apple.

    Muito do que foi anunciado aqui já existe e alguns já funcionam bem a algum tempo.

  • José

    Ainda não consigo ver utilidade nesses smart watches.
    O meu celular faz tudo o que eles fazem (e muito mais), e tudo o que eu preciso fazer é tirá-lo do bolso e consultar o que eu preciso.
    Fora que esse relógio da Apple é uma piada neh. O moto 360 mandou lembranças.
    O Jobs deve estar rolando no túmulo.

  • Carlos

    A proposito de tudo que foi falado em termos de seguranca é que nunca entendi pq não se pode levar uma tesourinha de unha na mala de mso e na executiva servem em talheres de metal. Não se pode levar nada com mais de 100 ml mais pode levar tudo que quizer com 90 ml. Vcs ja pensaram em quem ganho com as vendas de aparelhis de RX que devem ser homologados pelos USA. Tem muita coisa mal explicada, mais mesmo assim, adoro viajar.

  • Gustavo

    MD entra no ramo do publieditorial. Merchandising, em outras palavras. Uma pena.

    • Nada a ver Gustavo, só achamos o assunto bacana. Por que a Apple ia pagar a gente pra fazer um texto de um produto que nem foi lançado? E vale lembrar que nós não fazemos publieditoriais nem matérias pagas. Não temos nada contra outros blogs e sites que fazem, desde que avisem seus leitores, só achamos que não combina com nossa linha editorial.

      • Turista Fraterno

        Boa noite Denis Carvalho! Continue o seu trabalho que está excelente! Amo receber os emails do MD. Não ligue para comentários depreciativos. Torço por vocês do MD, para que cresçam e tenham cada vez mais sucesso.
        Gostaria de contar que um dia tive a oportunidade de comprar um iphone quando visitava Dubai e gostei muito do aparelho. Daí voltando para o Brasil comecei a receber críticas de alguns colegas que não tinham nem mesmo aparelhos com Android. O mais irônico foi que apenas alguns meses e esses mesmos passaram a me implorar que vendesse o iphone para eles e comprasse pra mim o modelo mais novo! Interessante não é mesmo!?

        • Hehe Isso acontece muito… Os aparelhos da Apple são muito bons, isso é fato. O duro é o preço deles aqui no Brasil! Um abraço!

    • Acessar um vôo ou hotel através de um relógio de pulso é fora do contexto desse site ?
      Ohhhh – mais um Korean Lover…

  • heloisa

    Acho sensacional. Tenho gostado do fato de nao mais imprimirmos cartão de embarque e só aproximar o iphone no leitor dos funcionarios . É muito pratico, e será melhor ainda com o relogio, pois aí nem precisaremos tirar o cel da bolsa. E achar algo na minha bolsa nem sempre é tarefa simples

  • Ubiratan

    Eu, não viajei em classe executiva, mas fui servido com talher de metal; claro todos da minha classe. Quanto ao líquido (água mineral) que ao passar pelos raios X lhe é retirada da sua mala de mão e posta no lixo, sabemos muito bem quem lucra com isto.

  • gilmar

    Leo, sou sócio do MD há muitos anos e sempre defendi o trabalho pago. Portanto, sugiro pela milésima vez : iniciem uma tabela de preços para acessar o MD. Chega de dar de graça informações sem cobrar.Vamos ver as críticas pagas, e não as críticas gratuítas e desrespeitosas.
    abraço
    Gilmar

  • Juliana

    Achei bem interessante, mas sabe o que me vem a mente, a realidade Brasil. Se já temos que tomar cuidado para não sermos roubados com os iphones, imagina só com o i-watch todo lindão exposto na vitrine pulso…
    Oh maravilha, para o Brasil vão ter que lançar na versão retro relógio de bolso! hahaha

  • Markov

    showww

  • Eu quero um relógio desse aí!!