Promoção de passagens aéreas para Beirute: ida e volta a partir de R$ 1.764!

Denis Carvalho 25 · março · 2014

A Ethiopian está fazendo uma promoção muito boa de passagens para Beirute, com preços a partir de R$ 1.764 ida e volta! Há muito tempo não víamos um preço tão baixo para o Líbano, especialmente após a alta do dólar!

A promoção vale para saídas de São Paulo e do Rio de Janeiro, de onde há passagens a partir de R$ 1.857 ida e volta. As datas para a viagem de ida são em abril, com a volta em abril ou maio. Não há muitas opções pelo menor preço. 

Os voos da Ethiopian fazem escala no Rio, São Paulo e Lomé, capital do Togo, além de conexão em Adis Abeba. O mais legal dos voos é a oportunidade de voar no moderno Boeing 787 Dreamliner, o avião mais avançado do muno – a companhia africana é a única a operar voos com o modelo no Brasil.

Para os cariocas poderá ser uma das últimas oportunidades de voar com a companhia, já que a partir de 26 de maio a Ethiopian deixará de voar para o Rio de Janeiro.

Confira as passagens promocionais para Beirute:

Rio de Janeiro (GIG) – Beirute R$ 1857
São Paulo (GRU) – Beirute R$ 1764

– Os preços acima foram encontrados no momento em que fizemos a pesquisa e podem mudar à medida que as passagens promocionais se esgotam. Veja como encontrar passagens aéreas promocionais.

– Esses preços não incluem as taxas.

Dica dos leitores Laura Cirne Lima, Marcio Lamana e Marcos Reis.

Publicado por

Denis Carvalho

Editor chefe

  • vinicius lopes

    Muito bom Dênis, as promoções estão se aproximando do destino esperado!!!!Estou no aguardo de Bangkok e Sudeste Asiático para o segundo semestre!!! Abraços

  • Junior

    Promoção: Vá para o Líbano e ganhe uma granada grátis rsrsrs

    • EDUARDOPGALVAO

      Será?? Acho que na atual situação, o Brasil é muito mais perigoso que lá…

    • neto

      que besteira hem Junior????, sera que voce conhece la pra estar dizendo isto????

  • Guilherme

    Um adendo Adis Abeba é a capital da Etiópia!

  • Paulo Almeida

    Tenso!

  • re178

    No Líbano precisa de visto?

  • Fernando-RJ

    Outra pergunta: A volta será usada??? rsrsrss (desculpa !)

    • Sheila

      A promoção é boa..mas a pergunta é essa mesmo! No Brasil tb é perigoso, Rússia ..pior ainda..mas essa pergunta é realística!

    • Paulo Almeida

      Isso que é uma promoção bombástica!

      • NETO

        provavelmente voce nao deve ser do tipo que viaja muito para fora do pais, ou assiste tv por demais…..

        • Sheila

          Engana-se. Tenho amigos que moram nessa região e viajo sim, todo ano. Mas uma piadinha é sempre bem vindo!

    • neto

      quanta besteira em Fernando????

      • Fernando-RJ

        Gostou?? rsrs

  • Landrutt

    Ver brasileiros criticando a suposta falta de segurança de outros países sem conhecimento de causa (ou com o "conhecimento" que a Globo passa) chega a ser cômico, afinal estamos na terra dos assaltos, assassinatos, sequestro relâmpago, saidinhas de banco e das balas perdidas. Beirute é uma cidade muito bonita, dá um banho em qualquer uma aqui do Brasil, muito segura, cosmopolita e moderna também. Quem imagina que o Líbano é um Afeganistão da vida vai se "decepcionar" profundamente. Lembrando que no Líbano o índice de criminalidade é infinitamente mais baixo do que no Brasil. Quem quiser dar uma conferida na maravilha que Beirute é, eis um link:
    http://www.skyscrapercity.com/showthread.php?t=45

    • EDUARDOPGALVAO

      Bela resposta, bate com meu comentário acima… Bom, enfim, quando estive no Vietnã anos atrás, todo mundo achava que eu estava indo para um país ainda em plena guerra…

      • Landrutt

        É que existe muita gente ignorante, não no sentido mais pejorativo mas sim sem conhecimento mesmo, que ainda não se livrou de muitos estereótipos errôneos que estão arraigados nas mentes delas. É aquela coisa do "no Norte só tem índios e mato, no Nordeste só tem pobreza e seca, no Rio só tem favelas, no Centro-Oeste só tem roça, na Europa só tem riqueza e gente bonita, no Oriente Médio só tem árabes, muçulmanos radicais e homens bomba e na África só tem pobreza". Eu até entenderia isso se fosse 20 ou 30 anos atrás, onde quem não tinha grana para viajar realmente jamais conheceria de verdade um local e a única imagem que tinha dele era quase sempre o que a televisão aberta medíocre mostrava, mas hoje, com o advento da internet e da informação a qualquer instante eu ainda fico "chocado" em ver como o pessoal insiste em ficar na ignorância, mas dessa vez por opção mesmo.
        Também já estive em um país estereotipado, Israel, e muita gente me acha "corajoso" por ter ido para lá…só que eu me senti mais seguro lá do que em qualquer lugar do Brasil, e olhe que conheço esse país de Norte a Sul, literalmente.

      • neto

        de Parabens pelo seu comentario, pessoas que nao conhece muito la fora, tem uma visao para mais ou para menos sobre muitas coisas a serem ponderadas…..E sao dos dois lados para malhor ou pára pior, Alguns horrores do Brasil, achando que la fora sao tudo maravilhas, outras sao o contrario, acham que la fora e tudo ruim,

    • Luiz

      Será que Beirute é tão segura assim?? 3 atentados suicidas em menos de 2 meses (Entre Novembro do ano passado e Janeiro desse ano), um deles por um grupo próximo da Al-Qaeda… Sei que aqui no Brasil deve morrer muito mais gente no dia a dia por causa da violência, mas dizer que o Líbano é muito seguro aí já é demais…..Lembrem-se que o grupo radical Hezbollah é de lá.
      http://veja.abril.com.br/noticia/internacional/br
      http://www.estadao.com.br/noticias/internacional,…
      http://www.tsf.pt/PaginaInicial/Internacional/Int

      • Landrutt

        GARANTO que se você reunir todas as manchetes sobre violência apenas contra turistas no Brasil em apenas dois meses superará e muito o número de atentados no Líbano no mesmo período. E leve em consideração que os atentados suicidas ocorreram em redutos do Rezbollah, bairros que turistas não frequentam…fazendo uma analogia porca, seria como um tiroteio em uma favela brasileira qualquer dominada pelo tráfico de drogas, enquanto que casos de turistas assaltados, sequestrados, feridos ou mortos nessas ações aqui ocorrem quase sempre em áreas turísticas onde, teoricamente, a violência deveria ser menor. Continuo afirmando que sim, o Líbano é um país seguro.

    • Angelo

      Estimado Landrutt, Obrigado pelo seu depoimento. Emiti passagem para ir a Beirute no fim de setembro e quando falo isso a alguns amigos, eles me taxam de louco e eu respondo que estatisticamente, viver no Rio é bem mais perigoso. Vou conferir o site! Ah propósito! Emiti com a Qatar por uma tarifa inferior a essa oferecida pela Ethiopian.

  • Luiz

    2/01/2014 – 21:42

    Brasileira de 17 anos morre em atentado no Líbano

    Malak Zahwe fazia compras com a madrasta em uma área comercial movimentada do bairro de Haret Hreik quando foi atingida pela explosão

    Uma brasileira de 17 anos está entre as vítimas de um atentado que matou outras quatro pessoas em uma área comercial movimentada no subúrbio da zona sul de Beirute, capital do Líbano. A explosão aconteceu por volta de meio-dia (horário de Brasília) e formou uma grande coluna de fumaça no céu da cidade. De acordo com as autoridades libanesas, o ataque deixou mais de 50 feridos e muitos carros queimados pelo bairro. A região é reduto de apoiadores do grupo xiita Hezbollah.

    Malak Zahwe nasceu em Foz do Iguaçu (Paraná) e se mudou para o Líbano quando tinha 13 anos. A jovem era estudante e morava com o pai, a madrasta e mais três irmãos. De acordo com Bahjat Zahwe, que é tio da jovem, ela estava em companhia da madrasta, que também morreu. As duas saíram de casa para comprar um vestido quando foram surpreendidas pelo ataque.

    Depois que soube do atentado, o pai da adolescente tentou por cerca de duas horas e meia falar com a filha e com a esposa. Sem conseguir, ele começou a fazer buscas e as encontrou em um hospital da região. Os corpos das vítimas estão sendo velados em Beirute e serão enterrados amanhã às 09h30 (horário de Brasília). O tio lamentou não poder ir ao Líbano a tempo do enterro, pois não há voos para esta noite.

    A explosão aconteceu no bairro Haret Hreik e teria sido provocada por uma pessoa que acionou uma bomba por meio de controle remoto, a partir de um carro em uma área próxima ao local. De acordo com autoridades libanesas, a natureza da explosão ainda não foi esclarecida, mas é provável que ela tenha sido causada por um carro-bomba.

    O ataque acontece uma semana após um carro-bomba explodir no sul de Beirute e matar o político sunita Mohammed Chatah, aliado importante do ex-primeiro-ministro Saad Hariri, além de outras seis pessoas. Ele fazia oposição ao Hezbollah e ao regime do presidente sírio Bashar Assad.

    Após a explosão ocorrida hoje, o ministro das Relações Exteriores do Líbano, Adnan Mansour, apelou por apoio internacional para conter a violência e cortar as fontes de financiamento e outros tipos de apoio a grupos radicais. "Todos devem trabalhar para conter as fontes de terrorismo. Caso contrário, esse turbilhão vai engolir a todos. O Líbano está sofrendo, todo mundo está sofrendo", disse ele à TV Al Arabiya.

    ONU condena ataque – O secretário-geral da Organização das Nações Unidas, Ban Ki-moon, condenou a explosão ocorrida em Beirute. Ele pediu a cooperação de forças de segurança para frear a "profundamente preocupante escalada de violência" no Líbano. Ele manifestou suas condolências às famílias de vítimas do atentado, assim como seu desejo de rápida recuperação para os mais de 50 feridos.

    Ban pediu que "todos os partidos políticos do Líbano atuem com moderação e ao povo libanês que esteja unido em seu apoio às instituições do Estado, particularmente ao Exército e às forças de segurança, enquanto trabalham para prevenir outros atos de terrorismo e salvaguardar a segurança do país". A ONU também ressaltou a necessidade de os responsáveis pela explosão serem levados à Justiça "o mais rápido possível".

    (Com agência EFE e Estadão Conteúdo)

    • Fernando-Rj

      Pois é… Fugir de assaltos, podemos até conseguir com algumas precauções, mas de ataques loucos, improvável!!

    • neto

      Quanto sensacionalimo hem???….. tah e ai ser que as pessoas la pararam de ir as ruas…Outra coisa a mesma coisda acontece asaui no Brasil, com relaçao ao Rio de Janeiro, acham que indo la vao todos serem mortos etc…frequento o Rio de janeiro ha mais de 40 anos e nunca fui assaltado la, entao eh uma questao de posiscionamentos e ficar alerto…..

  • Fred K. Chagas

    o cara mais acima, em um BLOG de turismo entrou numa de ATACAR aqueles que fizeram graça com o destino anunciado. POIS DUVIDO que alguém que tenha lido o título do post não tenha MINIMAMENTE pensado no fator SEGURANÇA ao ir para beirute. CLARO que é um lugar perigoso. Seus perigos podem ser diferentes daqueles INÚMEROS que temos aqui em pindorama mas não venha me falar que "é uma cidade linda, blablabla". Já foi, rapá. Já foi. Agora é perigoso sim. #abreoolho

    • Habibest

      Oh, Fred Chagas, tudo okay?

      Sinto muito ir contrário à sua certeza, muito bem colocada, por sinal. O fator segurança SEQUER passou pela minha cabeça quando li o post. Não digo que não seja um lugar perigoso, mas, não pensei sequer MINIMAMENTE. Os primeiros pensamentos que vieram à mente foram a beleza das mulheres libanesas, os restaurantes, a comida, o povo, o trânsito caótico e a insegurança ao tentar atravessar a rua, as montanhas com neve e o Mediterrâneo… é, mas, segurança nesse sentido que falas, não necessariamente. Mas, sabes que penso em segurança cada vez que vou aos USA e a Europa? Interessante.

  • Habibest

    Opa… Oferta da hora. Obrigado por compartilhar.
    Bom, entrando um pouco na discussão e saindo da promoção haha… Beirute é, SIM, uma cidade que merece MUITO ser visitada. Percebi, em alguns comentários, um pouco de ignorância, preconceito, desinformação. Eu me questiono quantos já visitaram a cidade mencionada. Bom, creio que poucos, mas, pelo que li, vejo que a opinião pré-concebida e preconceituosa é a regra. Calma, não estou atacando ninguém, pois a culpa não é totalmente de quem escreve. Se escreve sem nunca ter ido, como sabe? Pela mídia, certo? Então, como a mídia vive de notícia ruim, vai ser difícil alguém falar de bem de… Beirute? Putz! Impossível.
    Mas, Beirute, e o Líbano, apesar de estarem passando por essa turbulência na vizinhança, e sentindo o impacto tanto externa como internamente, merecem ser visitados. Por incrível que pareça o turismo do Líbano, que deve ter a área igual a da Paraíba, é bem interessante, e o país recebeu [em 2012 se não estou enganado] 1/3 – isso mesmo, 1/3 – do número de turistas que o Brasil recebeu no mesmo período. O Brasil com esse tamanho todo ''e sem bombas explodindo na cabeça dos que se aventuram por essas paragens''.
    Infelizmente a violência faz parte da vida. Uma vez eu estava passeando, aproveitando a cidade, de Beirute, quando parei para um café…conversa vai e vem com os locais, disse que morava no Brasil. A cara de espanto deles me surpreendeu – me perguntaram como era que eu vivia em um país tão violento. Ainda digo mais, esse não foi um acontecimento isolado, pois isso aconteceu também na Jordânia e na Palestina.

    Conclusão: a mídia é igual em todo lugar.

    MD, muito obrigado pelo bom trabalho,

  • Oscar Luiz

    Pode ter certeza que voar no 787 é mais perigoso do que Beirute.

  • Wagner

    Só os países legais e seguros hehehehe Etiópia e Líbano. Turismo hardcore.

  • Sheila

    Ai ai.. que chatice! Você faz uma piada e pronto..meio mundo se dói!
    E não, eu não vejo o mundo só pela TV. E não viajo de pacote, okay?

    • Fernando-RJ

      Sheila, o pessoal é tenso mesmo … rs

      • Sheila

        rs…pois é Fernando! Perigo existe em todo lugar. Qualquer país que você viajar..não existe um lugar 100 % seguro. Alguns lugares tem maiores chances de criminalidade , outros , não.
        Mas a vida é assim mesmo. O que seria de nós, se tdo fosse seriedade?
        É como ir pra Rússia..eu queria ter ido neste ano, mas muita gente me falou sobre a passagem só de ida..e não é que agora não esta seguro mesmo ir pra lá?
        Vamos viajar muito e rir bastante..afinal o mundo lá fora tb faz piadas conosco, brasileiros!

        E parabéns ao MD, sou viciada neste belo site!Muito sucesso!