Petrobras vai mudar regulamento do Premmia e limitar pontos por clientes

Denis Carvalho 23 · maio · 2013

Não perca mais nenhuma promoção!

Promoções no e-mail

Faça como 1 milhão de brasileiros. Cadastre seu email e receba as melhores promoções de passagens!

Promoções no Whatsapp

Agora você pode receber promoções direto no Zap! Escolha se quer receber todas ou só as melhores!

A Petrobras vai mudar em junho o regulamento do programa Premmia e limitar o acúmulo de pontos por cliente. A informação já consta no site do programa, e entrará em vigor no dia 16 de junho. A partir dessa data, os clientes que utilizarem cartões de crédito ou débito na rede Cielo poderão acumular no máximo R$ 1 mil por dia e R$ 2 mil por semana. Para os que usarem outras formas de pagamento, poderão ser registrados apenas duas operações por dia com limite total de R$ 150  e o acúmulo será limitado a R$ 200 por semana.

As novas regras, ao que tudo indica, têm por finalidade diminuir o acúmulo de pontos após a parceria do Premmia com o Smiles, que permitiu trocar pontos do programa da Petrobras por passagens aéreas na GOL e companhias parceiras. Até então entre os poucos parceiros do Premmia não havia nenhum que gerasse grande interesse pelo programa.

Petrobras-muda-regra-premmia

A limitação afeta especialmente quem não usa cartões de crédito ou débito na hora de pagar a conta. Os pagamentos em dinheiro e cheque terão um limite semanal de apenas R$ 200, o que inviabiliza a troca de pontos pelo Smiles. O mesmo serve para pagamentos com cartões em terminais que não sejam da rede Cielo ou registrados na rede Petrobras. Essa regra meio esquisita parece ser direcionada mais aos donos de postos, que serão pressionados a terem máquinas da Cielo, que aos consumidores propriamente, já que não é comum os frentistas oferecerem opções de terminais para o pagamento com cartão. Mas a partir de junho é bom ficar atento a este detalhe.

Ainda segundo as novas regras, o cálculo da semana será referente aos últimos sete dias corridos anteriores ao momento do abastecimento ou consumo nas lojas BR ou Lubrax. Quando o cliente atingir o limite máximo, seu CPF será bloqueado até que possa acumular pontos novamente.

Mais informações no site do Premmia.

Dica do leitor Carlos Henrique Canesin

Autor

Denis Carvalho - Editor chefe