Passagens em promoção para o Chile a partir de R$ 462 ida e volta! Datas na temporada de neve!

Denis Carvalho 15 · maio · 2015

Continuam os ótimos preços para quem quer aproveitar a temporada de neve nas estações de esqui do Chile! A Sky tem voos saindo de São Paulo para Santiago a partir de R$ 462 e há passagens a partir de outras 20 cidades com preços começando em R$ 657!

Segundo o Valle Nevado, uma das mais conceituadas estações de esqui do Chile, a temporada de inverno deste ano está prevista para o período de 25 de junho a 30 de setembro – em qualquer data neste período você poderá aproveitar as atrações nos Andes, próximas a Santiago! 

Para quem nunca foi ao Chile, Santiago fica bem próxima à Cordilheira dos Andes, onde há boas estações de esqui, como Valle Nevado, La Parva e El Colorado, além de Portillo, que fica um pouco mais distante. Isso permite que o turista se hospede nas montanhas ou simplesmente passe um dia aproveitando a neve em um bate e volta, como fazem muitos santiaguinos.

santiago-neve-3

Mas a capital chilena tem muito mais a oferecer: parques, mirantes, museus, ótimos restaurantes e shoppings – um deles em um dos prédios mais altos da América do Sul! Ali perto ainda há muitas atrações, como vinícolas e o litoral de Viña del Mar e Valparaíso; Isso mesmo: em Santiago é possível passar a manhã na neve e a tarde na praia!

Quer saber mais? Leia nosso post com Dicas de Santiago, com tudo para você aproveitar o melhor de uma das cidades mais bacanas do continente!

Vamos aos links

Origens

Destinos

Período



- A lista acima está em constante atualização, porém os preços podem mudar à medida que as passagens aéreas vão sendo vendidas.

- Esses preços não incluem as taxas.

- O Melhores Destinos é um site jornalístico, que apenas divulga as promoções de passagens aéreas, ele não vende nenhum produto ou serviço. Você deve comprar na empresa de sua preferência, sempre observando as regras de cada passagem.

Autor

Denis Carvalho - Editor chefe
  • Alex Castro

    Galera, estou querendo ir pra Lima e Cusco por milhas da tam. O voo de volta é operado pela Lan, faz conexão em Santiago, será que é possível fazer um stopover e ficar uns dias em Santiago?

    • Waltinho Nolasco

      Geralmente não, a não ser que vc emita a volta LIM > SCL e SCL > Brasil (não sei sua cidade). É bem improvável. Boa sorte!

      • Alex Castro

        Pq seria improvável? Por ser milhas ou tem a ver com a tam/lan? O voo de volta é LIM > SCL > GRU. Obrigado pela ajuda amigo.

        • philip

          Não rola. Aliás a não ser que vc tenha muitas milhas sobrando vale mais a pena emitir um multi-destino do que gastar pelo menos 40000 milhas com essa viagem. Eu emiti por uma agência online há uma semana uma passagem da LAN por 1350 incluindo 300 de taxas, com os trechos GRU-CUZ, CUZ-AQP, AQP-LIM, LIM-GRU. Se fosse pegar trecho avulso é tipo US$ 100 ou 10000 milhas.

    • Gilberto

      Alex, o problema eh que a LAN ou a TAM, (mais provavel a chilena) nao costuma disponibilzar muito os voos dela, ate mesmo para compra no site da TAM. Sofri isso recentemente ao resgatar um Santiago – Sao Paulo por 10.000 pontos e nada de conseguir um Puerto Montt – Sao Paulo, pois simplesmente nao havia oferta e decidi comprar o trecho domestico a parte.

      Como o Phillip bem disse, a TAM costuma cobrar 40.000 pontos por estes trechos (cada um) e nao compensa.

      Penso tambem que vale mais a pena comprar o multidestinos e ir pontuando e engordando a conta.

      Se for resgatado pelo LAnpass, caso tenha conta la, isso de stopover eh possivel, mas desde que feito pelo call center, pelo site da LAN eles so permitem resgatar roundtrip, e voo so de um trecho nem pensar, nem pelo call center.

  • maria lucia

    Continuo pensando que 687 + taxas para um gig/scl/gig não é promoção, é preço normal!

    • philip

      SIm, é preço relativamente normal. Mas de São Paulo 462 é ótima promo.

  • Daniel da Costa

    O mais barato que achei está dando mais de 800,00, vou esperar um pouco, torcendo para abaixar.

  • Rafael

    Só fiquem atentos que a neve no Chile e na Argentina nos últimos anos tem sido bem escassa… as temporadas não estão tão boas.