Promoção de passagens para o Chile! Santiago, Puerto Varas, Pucón e Patagônia a partir de 407 ida e volta

Denis Carvalho 5 · novembro · 2015

O Chile é um país de paisagens inesquecíveis e destinos de tirar o fôlego. E para ficar ainda melhor, a TAM está fazendo uma promoção com passagens para diversas regiões. Há voos para Santiago a partir de R$ 407 ida e volta e para outros destinos a partir de R$ 520 ida e volta! Vale a pena aproveitar!

Pelas nossas pesquisas, há bons preços para Antofagasta, Balmaceda, Concepción (Chillán), Copiapó, Iquique, La Serena, Puerto Montt (Puerto Varas), Punta Arenas (Torres del Paine), Santiago, Temuco (Pucón) e Valdivia. Dá para garantir uma super viagem a um ótimo preço!

Entre os destinos, Puerto Montt é a cidade mais perto de Puerto Varas, na região dos Lagos e Vulcões. É uma excelente oportunidade de explorar a área, famosa pela produção de salmão, e cidades como Puerto Varas, Frutillar e mesmo fazer a travessia de barco a Bariloche!

Puerto varas 3

A cidade, que vem sendo cada vez mais visitada por brasileiros, é um dos principais destinos turísticos do Chile e se destaca por seus lagos de águas cristalinas. O Lago Llanquihue, que margeia Puerto Varas, é o segundo maior do país e não apenas oferece belas paisagens; é uma importante fonte de renda para moradores devido à pesca.

Outra opção ótima é Temuco, o aeroporto para quem quiser visitar a bela região de Pucón, uma das principais áreas turísticas do país, que fica a cerca de 100 km do aeroporto.  A cidade está em uma região privilegiada, com muitas araucárias, lagos de águas cristalinas, cachoeiras, montanhas, termas e os vulcões, claro. Pucón está em uma área com muitos vulcões, entre eles o Vulcão Villarrica, aos pés da cidade. Villarrica é um vulcão em atividade, com cerca de 2.800m de altitude e cujo cume está coberto por neve o ano todo. Alcançar o ponto mais alto desse vulcão é o objetivo de grande parte dos que visitam Pucón e um exercício de superação, pois a subida é íngreme e nada fácil!

pucon-dicas

Mais um destino de tirar o fôlego é que vale muito a pena é Punta Arenas, aeroporto mais próximo (250 km) de Puerto Natales, onde ficam as fabulosas Torres del Paine. No extremo sul das Américas está um dos lugares mais selvagens do planeta. Uma paisagem quase intocada aguarda para ser descoberta e explorada. Essa é a sensação dos viajantes que chegam à Patagônia e ao Parque Torres del Paine: sentem-se os únicos habitantes de um universo repleto de montanhas, geleiras, lagos e campos. A desafiante imensidão natural deslumbra todo tipo de aventureiro.

Chile torres del paine

Você ainda pode comprar passagens para Balmaceda e visitar a Patagônia Aysén ou para Concecpción, aeroporto mais próximo de Chillán, na região dos Lagos e Vulcões.

Clicando nos links você confere nossos guias para esses lugares incríveis! Mas antes, o mais importante: a lista das passagens para garantir sua viagem! Agradecemos a dica da leitora Bruna Carvalho.

Origens

Destinos

Período



- A lista acima está em constante atualização, porém os preços podem mudar à medida que as passagens aéreas vão sendo vendidas.

- Esses preços não incluem as taxas.

- O Melhores Destinos é um site jornalístico, que apenas divulga as promoções de passagens aéreas, ele não vende nenhum produto ou serviço. Você deve comprar na empresa de sua preferência, sempre observando as regras de cada passagem.

Autor

Denis Carvalho - Editor chefe
  • Diego

    Podiam incluir Calama (CJC) nas pesquisas – é a porta de entrada do Atacama! =)

  • Marcio K.

    Pucon é muito legal… snowbordear em um vulcão ativo (com fumacinha saindo e td) foi um das coisas mais legais que já fiz e mais bonitos que já fui!

    • Geovani

      Villarica está fechado. Alerta amarelo

  • maria lucia

    Tam podia de vez em quando incluir o Rio de Janeiro em suas promoções para o Chile! Que implicância.

  • Rodrigo eugenio

    Alguém sabe informar como estão os preços, em geral, no Chile? Exclui a Argentina de meus roteiros pela América do Sul depois que alguns amigos me relataram os preços exorbitantes de lá…

    • Claudia Baum Boeira

      estive no Chile há 1 ano atrás e achei muito caro. Compras nada vale a pena (acho que nem o vinho). Comer também é bem caro, mesmo em locais sem luxo. E sempre cobram propina (gorjeta).

      • Henrique M Godinho

        Claudia, boa tarde. Concordo que algumas coisas não vale a pena comprar no Chile, mas os vinhos e a comida não me pareceram caros. No “circuito turista” a alimentação é realmente muito cara, isso é inegável. Mas, esse é um problema em qualquer lugar que recebe turistas. Acredito que, se buscar um pouco mais fora do circuito, consegue-se comer muito bem no Chile gastando pouco. Quanto aos vinhos (sou um apreciador deles), trouxe 6 boas garrafas de vinhos do Chile e paguei algo em torno de 300 reais nelas. No Brasil, não pagaria menos de 700 reais nas mesmas garrafas.

        • Claudia Baum Boeira

          Bah, desculpa Henrique, mas é que eu faço um turismo que passa longe de vinhos de 300 reais. kkkk

          • Henrique M Godinho

            Kkkkkkk …. o turismo q faço tb passa longe disso. Aliás, costumo economizar nas viagens para essas situações. No caso da viagem ao Chile topei pagar mais caro pelo vinhos diante da economia comparado aos preços praticados aqui. E só pra esclarecer: a soma de todos os vinhos foi 300 reais e não cada um deles! Kkkkk

    • Eduardo Paci Galvão

      Estive lá em abril. Tudo muito caro!!! Mas mesmo assim vale a pena!

    • Meire Fontes

      Estive em Santiago no dia 20/10/15 a trabalho e os preços são os mesmos praticados em São Paulo capital.Algumas coisas mais caras outras mais baratas. Produtos importados por exemplo é mais barato la uma vez que os impostos sao menores que aqui no Brasil. Hospedagem e Alimentação é o mesmo preço de Sampa. Ja os passeios turisticos, roupa e produtos de higiene achei bem mais caro.para vc ter uma ideia, um passeio para o Vale Nevado custava 26mil pesos por pessoa = R$ 156,00. E a distancia é de 60Km apenas. Um city tour sai em torno de 18mil pesos. Ou seja, não é uma viagem barata.O cambio do peso chileno é de 6×1 se voce trocar o real la. se trocar aqui no Brasil é quase 7×1, ou seja: 10.000 pesos vale 60,00 (trocando la). Mas mesmo assim acredito que vale cada centavo. E sabendo negociar consegue uns bons descontos. Eu iria novamente!

      • Roseane Santos

        Ola Meire, oq vc achou melhor, levar o dindin ja convertido ou trocar a moeda lá. E qual a melhor opção levar o peso ou em dolar?

    • Henrique M Godinho

      É possível fazer uma viagem barata ao Chile. Viajei pra lá com minha esposa há pouco mais de um ano e ficamos 15 dias. Conhecemos 10 cidades entre Santiago e Castro (ilha de Chiloé) e gastamos menos de 5mil reais durante toda a viagem. Entretanto, é preciso abrir mão de luxos e fazer passeios por conta própria. Por exemplo: vejo as pessoas pagando transfers caríssimos para tour nas vinícolas sendo que é possível ir de ônibus comum por 10% do preço. Outra possibilidade é ficar num dos vários hostels que há no Chile que são tão bons quanto os hotéis e possuem preços bem mais acessíveis. Enfim, se quiser, dá pra viajar barato para o Chile e posso te dar dicas caso queira. Boa viagem!

      • Roseane Santos

        Olá Henrique, gostaria sim!!! Estou indo agora em janeiro e queria saber qual melhor bairro para se hospedar, se vc poderia indicar um hotel bacana. E qual melhor vantagem com relação a conversão de moeda. Aguardo!!!

        • Henrique M Godinho

          Roseane, me envie um email, por favor. Assim conversamos com mais calma e te indico o que puder de acordo com seus gostos pessoais. henrique.godinho@gmail.com

      • JOHN

        Excelente post!! Os brasileiros geralmente pensam em pacotes turísticos por medo de não saber o idioma local, para ficar com conterrâneos, por preguiça, etc. Vi isso também na Argentina. No Chile, um pais lindo e povo simpático, é possível viajar muito barato de ônibus ou mesmo alugando um carro e comer nos restaurantes locais. Tem que fugir do turismo de massas e de quebrar os hábitos!! Primeiro, tem que esquecer de Orlando, Miami, Las Vegas etc…apenas para pessoas sem maior visão deste mundo maravilhoso.

      • Carlos Silva

        Henrique, você faz parte do meu grupo. Grandes viagens, menores custos. Isso mesmo, também fui a Santiago, eu e esposa, filho e esposa, filho e namorada. 6 pessoas e gastos lá em baixo. conhecer Santiago à pé é uma delicia. Hospedamos em apart hotel próximo ao Serro Santa Lucia, bem perto da Plaza de Las Armas, e ao lado de supermercado e estação do metrô. Da mesma maneira conheci Portugal de norte a sul, leste a oeste em duas viagens 08/2014 e 05/2015. Agora querendo voltar ao Chile outra vez. Boas dicas ajudam muito a quem está planejando uma viagem. Eu mesmo estou colocando no papel novo roteiro ao sul do Chile, Temuco, Villa Rica, Puerto Montt. Ancioso para embarcar. Abraços.

  • Rodrigo eugenio

    Olhei no mapa e vi que o Parque Torres del Paine fica em La Serena e não em Punta Arenas ou Puerto Natales. Confere, redação?

    • Rodrigo eugenio

      Minto, falei bobagem, esqueçam.

      • Rodrigo eugenio

        É porque existe um Torres del Paine também em La Serena. Estranho, não é?

  • Henrique M Godinho

    Pensamos de jeito parecido, John. A viagem que fiz pro Chile foi muito bacana e até hoje a revivo em minhas memórias. Já dei inúmeras dicas para meus amigos e todos agradecem bastante os conselhos, apesar de nenhum deles ter animado a viajar tanto quanto viajei. Geralmente eles acabam ficando na região de Santiago, Valparaiso e Viña del Mar …. já eu, gostei mais de Pucón e Puerto Varas.
    Acho super legal quando dou dicas e a pessoa resolve desbravar … impressionante como “sair da caixinha” deixa as pessoas empolgadas em suas viagens.
    Mas, de qualquer forma, ainda sigo gostando de Orlando, Miami e etc …. huahuahuahuahua

  • Henrique M Godinho

    Carlos, estamos no mesmo time!! Ir sentido sul do Chile é uma experiência incrível. Puerto Montt não me agradou muito, então só recomendo ir lá se estiver com tempo de sobra. Tente colocar no seu roteiro Pucón (uns 3 a 4 dias é ideal, pois dá pra esquiar bem mais barato que em Santiago e tem umas termas bem legais) Puerto Varas (uns 3 dias tb é suficiente), Fruitillar (1 dia pra ir e conhecer é suficiente) e Chiloé (1 dia tb é suficiente pra conhecer a cidade de Castro e dá pra comer no El Nórdico). O sul do Chile é uma viagem e tanto!