O que muda com a entrada da TAM na Star Alliance

7 · junho · 2010

Todos estão vendo a intensa publicidade da TAM, com a sua entrada para a Star Alliance. O que muitos estão se perguntado é: qual a diferença para o passageiro? Isso, que é o que importa, não tem sido informado. O Melhores Destinos vai explicar o que muda na prática pra você.

Primeiramente vamos explicar um pouco o que é a Star Alliance e em seguida vamos explicar as mudanças que ocorreram na TAM por conta da sua entrada na Star Alliance, e quais os benefícios para você, como cliente.

A Star Alliance

A Star Alliance é a maior aliança entre companhias aéreas do mundo. Foi fundada em 1997 por cinco grandes empresas (Air Canadá, Lufthansa, Scandinavian Airlines, Thai Airways e United Airlines) para compartilhar vôos, salas VIP, programa de milhagens, dentre outras coisas. Uma empresa que também é considerada uma das fundadoras é a Varig, que se juntou ao grupo poucos meses após a sua criação, mas foi suspensa em 2007 quando foi reestruturada e não se adequou mais aos pré-requisitos para continuar na aliança. Atualmente a Star Alliance voa para 1.167 aeroportos em 181 países e possui mais de 1000 salas VIP em todo o mundo.

tam star alliance

A TAM na Star Alliance

Há algum tempo que a TAM vem se reestruturando para atender a todos os pré-requisitos solicitados para ingressar na Star Alliance, já que não adianta apenas o convite para entrar. Uns dos principais itens a se cumprir é a utilização do mesmo sistema de reserva de passagens em todas as empresas, pois com a integração do sistema, qualquer pessoa pode comprar na TAM uma passagem para qualquer destino operado pela Star Alliance (por enquanto apenas na teoria pelo site da TAM) e fazer um único check-in, independente do número de conexões realizadas pelo passageiro, tendo a sua bagagem retirada apenas no destino final.

Outra mudança significativa acontece com o programa de pontos da TAM, o TAM Fidelidade. A partir da entrada da TAM na Star Alliance, qualquer vôo que o passageiro fizer em uma 27 das companhias aéreas que pertencem à aliança, acumulam pontos no fidelidade TAM. Essa aliança também permite que, o passageiro que tiver pontos no seu cartão fidelidade da TAM, poderá emitir uma passagem prêmio em voos operados pelas companhias da Star Alliance, independentemente da origem e do destino, basta que tenha pontos suficientes. Os passageiros que possuem o cartão azul e o vermelho, já possuíam algumas vantagens ao viajarem pela TAM, como prioridade de check-in, embarque/desembarque, uso da sala vip, dentre outros. Agora o cartão azul será equivalente ao silver (prata), e o vermelho ao gold (ouro) da Star Alliance, onde há vários benefícios para o passageiro e não somente na TAM, mas em todas as companhias pertencentes à Star Alliance nos aeroportos de todo o mundo.

Programa de milhagens TAM e Star Alliance

Os benefícios acrescentados, são:

Benefícios Star Alliance Gold (TAM fidelidade vermelho):

– Lista de Espera de Reservas Prioritárias (Não autorizado para Bilhetes-Premio da rede Star Alliance) – quando não há lugares livres no voo que escolheu, te dá prioridade caso algum lugar fique livre.
– Espera Prioritária no Aeroporto – te dá prioridade máxima enquanto espera por um voo no aeroporto (Não autorizado para Bilhetes-Premio da rede Star Alliance).
– Check-in Prioritário no Aeroporto – permite fazer o check-in no balcão da Classe Executiva e/ou de Primeira Classe.
– Tratamento Prioritário da Bagagem – as suas malas têm um tratamento prioritário, tal como você, e estão entre as primeiras a serem desembarcadas.
– Autorização de Excesso de Bagagem – 20kg adicionais ou uma peça de bagagem adicional (Aplica-se em voos entre a América do Norte e a América do Sul) o que significa que pode fazer o check-in de três malas em vez de duas.
– Embarque Prioritário(Quando disponível) – aproveite a liberdade de embarcar quando lhe convir, juntamente com os passageiros da Primeira Classe e da Classe Executiva.
– Acesso a Lounge do Aeroporto – disponível em todo o mundo para você e para um amigo seu(Os convidados devem se registrar com um cliente Star Alliance Gold e devem partir numa companhia aérea da rede Star Alliance, embora não necessariamente no mesmo voo) quando viajar com qualquer companhia aérea membro da rede Star Alliance, indiferentemente da classe em que viaja.

Benefícios Star Alliance Silver (TAM fidelidade azul):

– Lista de Espera de Reservas Prioritárias (Não autorizado para Bilhetes-Premio da rede Star Alliance) – quando não há lugares livres no voo que escolheu, te dá prioridade caso algum lugar fique livre.
– Espera Prioritária no Aeroporto – te dá prioridade máxima enquanto espera por um voo no aeroporto. (Não autorizado para Bilhetes-Premio da rede Star Alliance).

Por enquanto ainda não é possível subir (fazer “upgrade”) de classe utilizando milhas nas outras companhias Star Alliance, somente nos voos TAM, como já acontecia.

Compra de passagens Star Alliance

Tentamos comprar passagens da Star Alliance pelo site e na loja da TAM no aeroporto de Brasília e também, no site da Star Alliance.
No site da TAM ainda não é possível fazer a compra de voos da Star Alliance, apenas os voos de companhias aéreas que já tinha parceria anteriormente. Na loja da TAM no aeroporto de Brasília, nós conseguimos comprar passagens pela Star Alliance tranquilamente e com as mesmas formas de pagamento para os voos TAM. No site da Star Alliance foi o processo mais fácil e simples. Conseguimos cotar uma viagem de volta ao mundo com 14 destinos diferentes e operados por diversas empresas (incluindo a TAM) e por um preço abaixo da média. Os trechos foram:

Brasília – São Paulo – New York – Washington – Paris – Zurich – Madrid – Lisboa – London – Bangkok – Sydney – Auckland – Los Angeles – São Paulo. Sendo que os trechos Brasília – São Paulo – New York, são operados pela TAM e os demais pelas outras companhias membro da aliança.

Inlusive, como o site da Star Alliance é bastante interessante, vamos fazer um post só sobre ele.

O Site da Star Alliance é www.staralliance.com. A TAM criou um site específico para divulgar a sua entrada na Star Alliance, o www.tamstaralliance.com

Autor

- Diego Paiva
  • Andre Augusto

    Finalmente alguém esclareceu o que muda. Já tinha visto várias notícias mas nenhuma mostrava o que muda para os clientes. Nem mesmo no site da TAM achei essas informações. A TAM podia colocar um link pra cá pro site de vocês.

  • Leandro

    Bom Leonardo, ótimas suas informações. Porém, o que eu realmente gostaria de saber é quando a TAM vai aplicar as mesmas regras dos outros programas de milhagem ao fidelidade. Emitir vôos locais com apenas 3 meses de antecedência (incluindo América do Sul) e vôos ao exterior com 6 meses é um tempo curto, já que as demais companhias permitem a emissão com 1 ano. A validade das milhas é outro problema: Na maior parte dos programas as milhas valem por 3 anos e não por 2, como na TAM. Já liguei no call-center e ninguém diz nada sobre essas adaptações. Creio que isso singnificaria se adaptar ao mundo moderno. É bem possível planejar uma viagem em 3 meses, mas supondo que a passagem aérea deve ser a primeira coisa a ser comprada (antes de hoteis, traslados e passeios) é interessante que ela se adpate à realidade. Hoteis Ibis, por exemplo, lotam muito rápido em determinadas datas o que dificulta reservas com menos de 3 meses. Passagens aéreas internas costumam ser mais caras e com menor disponibilidade. Enfim, eu utilizarei o Victoria, da TAP, como meu programa de milhagem da Star Alliance (já que é muito mais fácil encontrar vôos pelo mínimo de milhas, bem como emitir trechos de outras companhias do que pela TAM). Pela TAM está impossível, pelo menos prá mim. E olha que chequei Europa e EUA em um monte de trechos e datas, hein!
    Abraços e parabéns pelo blog!

    • Leonardo (Melhores D

      Leandro, assino embaixo do seu comentário. Veja que esse post está sendo feito com quase um mês de atraso, isso não foi por acaso. Está difícil encontrar as informações que os passageiros precisam e percebe-se que a TAM ainda está entrando na Star Alliance. Tem várias coisas que ainda não foram implementadas. Nunca tentei emitir passagens para o exterior pelo TAM Fidelidade, mas dentro do Brasil a minha experiência com o Smiles tem sido muito mais feliz.
      É claro que com a entrada da TAM na Star Alliance o Tam Fidelidade tem tudo para ser muito melhor que o Smiles, mas as coisas ainda estão caminhando… Pelo visto ainda vamos fazer vários posts sobre o assunto.

      []'s

    • Diego Paiva

      Leandro, concordo plenamente….

      Para emitir uma passagem para o exterior é preciso saber a data exata que o voo abre para a emissão do fidelidade e correr para conseguir uma vaga no voo, HORRÍVEL! Uma amiga minha quase não consegue emitir uma passagem para Bariloche por conta disso, e olha que ela ainda arriscou e reservou tudo antes de conseguir as passagens.

      A TAM realmente está se adaptando e ainda não funciona 100% de acordo com as outras companhias membro da Star Alliance, mas espero e acredito que estejam trabalhando para se adequar totalmente e já anunciaram que estão vindo grandes mudanças no Fidelidade.

      Vamos aguardar para ver!

      Espero que seja rápido também…

  • Marcos Fonseca

    Muito interessante o relado, não sabia sobre o mesmo, tomara que as coisas melhorem na TAM com a entrada na Star Alliance

  • Augusto

    E quanto ao acúmulo de milhas de outras Cias Aéreas integrantes da Star Alliance? É possível acumular no programa da TAM um voo feito pela Turkish ou pela Lufthansa, por exemplo, feito antes do anúncio da adesão pela TAM?

    • Diego Paiva

      Augusto,

      Antes da adesão não. Somente depois da entrada oficial da TAM na Star Alliance, é que as milhas voadas nela serão consideradas válidas para todas as cias da aliança. O mesmo vale para o contrário… voos de outras cias serem válidas para o acumulo no Fidelidade TAM somente após o dia 13/05/2010, que é a data oficial da entrada da TAM na Star Alliance.

      • Augusto

        Obrigado, Diego.

  • Eliezer

    Olá essa aliança só vai fortificar o atendimento da tam Brasil um abraço ao melhores destino

  • Miriam

    Simulei uma compra de são paulo para nova iorque os preços sairam exorbitantes, não achei nada compensatório 🙁

    • Diego Paiva

      Miriam, na verdade a entrada da TAM na Star Alliance não influi nos preços das passagens.

      Ela apenas passou a oferecer mais serviços para os passageiros e mais opções de destinos internacionais.

      Cada companhia continua com os seus preços e suas promoções…

  • excelente matéria! que a adesão fique a 100% logo!

  • Rosanne

    Caro Leonardo,
    Ainda não entendo direito essa questão do compartilhamento das milhas, pois geralmente cada uma das companhias que integram a Star Alliance possui um programa de fidelidade. As milhas, computadas em cada companhia e seu respectivo programa, podem ser somadas para fins de compra de passagens em companhias filiadas? Exemplo: tenho na Turkish 10.000 milhas; na TAM, 8.000; e na Lufthansa, 6.000. Eu poderia juntar as milhas das duas últimas e comprar uma passagem de ida (10.000) na TAM, por exemplo?
    Como é feito o controle das milhas e como podemos ter acesso a nossa pontuação, como um todo, na Star Alliance?
    Obrigada pela resposta e PARABÉNS pelo site, sempre útil aos viajantes.

    • leandro

      rosanne,
      vou usurpar a função do Leonardo…
      Cada companhia tem seu programa de milhagem, portanto você não pode somar os pontos, infelizmente. E nem nunca poderá, já que isso é estratégia individual de cada empresa.
      O que v. tem que fazer é concentrar seus pontos em apenas um deles. Com a Star Alliance você pode pontuar no fidelidade voando por qualquer companhia integrante da aliança. Se você voar, por exemplo, pela TAP, ao invés de apresentar seu número Victoria, apresenta o seu Fidelidade e pontua nele. Idem com Lufthansa, Turkish, etc.
      O que não é o ideal é fazer isso que v. fez, ou seja, pontuar em diversos programas. Use sempre um deles como referência e pontue apenas por ele.
      Se tiver tempo, estude esse assunto, compare suas necessidades. Se seu interesse for voos nacionais, compensa v. ter um fidelidade e pontuar por ele. Já se for Europa, o Victoria é mais interessante para os residentes no Brasil. Estados Unidos ambos são fracos, mas o Fidelidade é melhor já que a TAM voa com aeronaves próprias para lá, e apesar de dificuldade de localizar assentos disponíveis pelo mínimo de pontos, é melhor do que depender de companhia parceira onde a restrição é ainda maior…
      Ainda compensa você verificar eventuais promoções de dobra de milhas no cartão de crédito (Recentemente a TAP fez um com o Itau Personnalite) e a LAN tá com um em vigência com o Santander. Já o Fidelidade não dobra pontos, mas tem a vantagem de pontuar em posto de gasolina, etc…
      Cada um tem suas vantagens e desvantagens…

      • Diego Paiva

        Exatamente Leandro, falou corretamente.

        Inclusive, quando a Varig estava à beira da falência e ninguém sabia o que aconteceria com as milhas Smiles que muitas pessoas tinha na época, ao ser perguntada a direção da Star Alliance disse que não poderia fazer nada e que as minhas não teriam nenhum valor após a saída da Varig da aliança…

        Então siga o conselho do Leandro e concentre todas as suas milhas na cia de sua preferência e aproveite os benefícios que ela poderá te proporcionar.

        Breve estará aqui a tabela com quantidade de milhas para resgate de bilhetes Star Alliance pela TAM.

        • Rosanne

          Muito esclarecedoras as respostas, meninos. Obrigada pela ajuda.

  • cristiana

    muito boa a materia

  • Mila

    Bom dia!

    Ainda quanto à questão das milhas, quantas milhas serão necessárias para emitir uma passagem para a Europa? Continua necessitando de ser ida e volta, caso não seja com a TAM?

    Quanto ao Smiles, apenas uma observação: discordo que ele será pior no sentido que ele tem uma enorme vantagem que é a de poder emitir apenas um trecho com a companhia aérea parceira (Air France e KLM), além de ser o mesmo valro de milhas independente se é alta ou baixa estação. Já com a TAM, só se pode emitir com a parceira se for ida e volta, e o vlaor de milhas muda se for alta ou baixa estação.

    Outra questão é o call center da GOL que é bem melhor e capacidade deles de resolverem exceções e problemas de passageiros. É cem vezes mais eficientes e ágeis que na TAM. E o Fale com o Presidente da TAM pocuo resolve. Saudades da época do Comandante Rolim…

    Abraço a todos!

    • Leonardo (Melhores D

      Oi Mila, muito importante essas suas observações sobre o Smiles.
      Assino embaixo de tudo que você disse.

  • Adriana

    Com o cartão fidelidade azul da tam posso levar 3 malas em

    uma viagem internacional, posso ter esse beneficio se eu viajar por outra cia dessa aliança, a TAP por exemplo?

  • Lucas

    Encontrei no site da Star Alliance a parte para orçar essa viagem de volta do mundo. É realmente muito legal, mas convenhamos que essa é uma viagem bem utópica para a maioria.

    Mas achei engraçado não encontrar a parte mais óbvia e útil, com os melhores preços para uma viagem de simples ida e volta. Só voo pela TAM por conta do Fidelidade TAM e, nessa linha, também quero voar com os parceiros para desfrutar das vantagens. Tentei orçar uma viagem ida e volta entre Belo Horizonte e Nova Iorque e uma entre Belo Horizonte e Tel Aviv, mas encontrei apenas indicações de combinações entre as parceiras para chegar oa destino. Essa parte não existe mesmo ou eu não apenas não encontrei?

  • Diego Paiva

    Olá Adriana,

    A informção que tenho é que esse benefício é válido apenas para voos TAM. No entanto eles ainda estão adequando os benefícios e pode ser que seja estendido.

    Indico que você antes de efetuar a sua reserva se informe com a cia aérea os benefícios que eles compartilham por serem da mesma aliança.

  • Diego Paiva

    Concordo plenamente Lucas, mas também precisamos informar a essa minoria de que existe essa possibilidade. 🙂

    No caso de voos que a própria TAM opera, eles dão a opção dos voos TAM e também das cias parceiras. Pode ser o filtro de pesquisa que você está utilizando que não permite que visualize os da TAM em primeiro lugar.

    Com certeza o trecho BH – Tel Aviv serão operados pelas parceiras, pelo fato da TAM não voar até lá, mas eles também oferecem opções de voar TAM até uma parte do caminho e depois uma conexão com uma parceira.

  • Marco Aurélio

    Viajei pela SAS e, no momento do chek in desatraquei de mostrar e solicitar o crédito das milhas/pontos para o fidelidade TAM. Seria possivel siolicitar agora? Como proceder? guardei o boarding pass, ajuda?

  • eduardo

    Amigo, com os pontos do fideliadade TAM eu consigo atraves do site Victoria Tap procurar e emitir passagens premio?