O que fazer em Las Vegas – 52 dicas para a sua primeira viagem

Monique Renne 3 · julho · 2015

Diversão em tempo integral é o que Las Vegas promete aos viajantes. E a promessa, acreditem, sempre é cumprida! Para quem ainda não conhece essa fábrica de felicidade o Melhores Destinos preparou um post com 52 dicas para a primeira viagem a Las Vegas. Encare de frente a maratona de atividades, onde pirâmides são vizinhas da Estátua da Liberdade que, por sua vez, tem vista para a Torre Eiffel.

Tenha em mente que será impossível esgotar a cidade em apenas uma viagem. Mais provável que você volte de lá precisando tirar férias para recuperar as energias. Seja bem-vindo ao maior parque de diversões do mundo! Nós apostamos todas as fichas que você também vai amar Las Vegas!   

O que fazer

1 – Deixe os preconceitos de lado. Las Vegas é uma cidade pautada em exageros que beiram o brega. Não há porque ir contra eles. Entre no clima o mais rápido possível e seja feliz! Você irá se divertir muito mais. Não perca tempo discutindo absurdos como pirâmides do Egito, Torre Eiffel, Coliseu e Estátua da Liberdade na mesma avenida. Em Vegas não nade contra a maré. Apenas curta! Exageros existem e sempre existirão na cidade. Aproveite cada um deles!

2 – Comece pela Strip. Nada como iniciar um passeio em Vegas por uma das mais famosas avenidas do mundo. As luzes coloridas e os cenários megalomaníacos tomam conta dos 6 km principais da Las Vegas Boulevard. Este trecho, repleto de hotéis, cassinos, shoppings, restaurantes e casas de espetáculos, é o cenário principal para quem pretende se divertir. Não se iluda ao achar que em uma voltinha rápida você será capaz de percorrer toda a Strip. A cada passo sua atenção se voltará para uma descoberta que tomará muitas horas do seu dia. O melhor a fazer, ao invés de tentar vencê-la, é se juntar a ela! Não se apresse e aproveite cada segundo na apaixonante Strip.

dicas-de-las-vegas-61

3 – Entre em todos os hotéis da Strip. Grande parte das atrações de Vegas está dentro dos enormes complexos hoteleiros localizados na principal avenida da cidade. Se você ficar apenas andando pela calçada da Strip perderá boa parte dos atrativos e da graça da cidade. Os hotéis são tão grandiosos que dificilmente você dará conta de conhecer mais de três em um dia. Eles vão muito além de quartos para dormir. Os luxuosos hotéis da Strip têm cassinos, restaurantes maravilhosos, casas de espetáculos, shoppings, spas, capelas, piscinas incríveis e às vezes um canal com gôndolas, uma montanha russa ou uma Fontana di Trevi! Perder-se dentro deles é fácil.

4 – Tente a sorte nos cassinos. Não custa nada jogar algumas moedinhas nos luxuosos cassinos de Vegas. É divertido e ainda poderá render um dinheirinho extra para as compras. Tudo depende da sua sorte. Se for especialista na jogatina, aproveite para experimentar as mesas de pôquer e blackjack. Independente do montante apostado, enquanto você estiver tetando a sorte será servido de bebidas alcoólicas gratuitamente. A estratégia dos cassinos é deixar o jogados mais feliz para gastar mais! A dica é oferecer uma gorjeta (1 ou 2 dólares) às garçonetes a cada copo. Você será sempre bem atendido e poderá pedir a bebida que quiser.

dicas-de-las-vegas-38

5 – Mesmo que não jogue, entre em todos os cassinos! Independente da vontade de apostar, os cassinos fazem parte do roteiro turístico da Vegas. E cada um tem características, atrações e temáticas específicas. Aproveite os bares e restaurantes, as casas de espetáculo ou mesmo só o clima do lugar. Os cassinos de Las Vegas vão muito além das máquinas de caça-níqueis. Eles estão localizados dentro dos grandes hotéis e, à primeira vista, podem parecer apenas um amontoado de máquinas. Não se engane! os cassinos são repletos de atrações. Ah! Diferente do que é difundido entre os turistas, não há nenhuma regra oficial que proíba fotografias dentro dos cassinos. Apenas tenha o bom senso de não fotografar diretamente os jogadores para não ter problemas com a segurança.

6 – Assista várias vezes ao show das fontes do Bellagio! Se você precisa de uma ajudinha para entrar rápido no clima de Vegas, siga para uma das mais clássicas atrações da cidade. O show das fontes do Bellagio é lindo, emocionante e te ajudará a cair de amores pela cidade em apenas uma música. O dançar da água é hipnotizante e não será nenhum sacrifício parar para assistir toda vez que a música começar a tocar. A cada apresentação uma nova trilha sonora e “coreografia” são apresentadas, o que torna ainda mais interessante o espetáculo.

7- Divirta-se com os canais do Venetian e Palazzo. Eles talvez sejam o símbolo máximo do exagero e extravagância de Las Vegas. Os canais artificiais nos hotéis Venetian e Palazzo simulam os famosos cenários de Veneza. Não perca tempo achando que tudo é muito brega. Você será bem mais feliz achando tudo muito divertido! Aproveite o azul do céu artificial (sim, há vários ambientes com um espetacular céu artificial em Las Vegas) e faça muitos cliques românticos diante dos gondoleiros que arranham músicas em italiano. Se quiser ir ao extremo, faça um dos passeios e vire alvos de muitos flashes dos turistas que percorrem as lojas no shopping ao redor dos canais.

8 – Entregue-se à montanha russa do New York New York. Forte concorrente dos canais de Veneza no quesito extravagância, o Hotel New York New York expõe uma enorme réplica da Estátua da Liberdade na Strip. O cenário faz parte do trajeto da Big Apple Coaster Arcade, única montanha russa da avenida. O brinquedo passa por dentro de uma réplica de Manhattan e faz um looping ao ar livre atrás da Estátua da Liberdade. O passeio sai por US$ 14.

dicas-de-las-vegas-95

9 – Dê alguns gritos nos brinquedos radicais da Stratosphere Tower. Eles estão localizados no alto da torre que abriga o hotel Stratosphere. Você poderá se lançar lá de 350 metros de altura preso apenas por uma corda, descer em velocidade no brinquedo que mistura gangorra e montanha russa ou rodopiar em alta velocidade com vista para o belo deserto. Se você não for adepto de brinquedos radicais, aproveite a visita e peça um drink no Level 107 Lounge, o mais alto bar de Vegas. O Stratosphere oferece também um bom restaurante com vista panorâmica.

10 – Suba na High Roller ao anoitecer. Uma das mais novas atrações de Las Vegas é também uma das mais imperdíveis. O visual da mais alta roda gigante do mundo – com 160 metros de altura – é mesmo emocionante. Dentro das grandes cabines de vidro, iluminadas por luzes coloridas, você verá quão grandiosa e brilhante é Las Vegas. No pôr-do-sol o espetáculo é de tirar o fôlego, no entanto a cidade se mostra por completo apenas quando as luzes se acendem em meio ao deserto. A High Roller está bem no centro da Strip, o que torna o visual ainda mais espetacular. O ingresso pode ser comprado com hora marcada e os valores variam de acordo com o período do dia escolhido. O ticket individual mais barato é US$ 26,95 e o mais caro US$ 52. É possível reservar uma cabine privativa para festas ou, quem sabe, um casamento.

dicas-de-las-vegas-118

11 – Experimente um jantar romântico no alto da Torre Eiffel. Ela marca o centro da Strip e é um dos cenários mais fotografados de toda a cidade. A Torre Eiffel do Hotel Paris é um sucesso entre os casais apaixonados, que não se importam em estar apenas diante de uma réplica. No alto da torre a vista para a Strip é maravilhosa, especialmente para curtir o show das fontes do Bellagio. Una o útil ao agradável e marque um jantar lá no alto. O ingresso para visitar a Torre é US$ 14, até 19h15 e US$ 19 a partir de 19h30.

12 – Invista no jantar de um grande chef. Las Vegas reúne grandes nomes da gastronomia mundial em um pequeno espaço. Será difícil escolher entre tantas opções. O importante é não deixar passar a oportunidade de degustar um jantar preparado por renomados chefs mundialmente famosos. Qual a vantagem de Vegas em relação a outras cidades? Os preços que os grandes mestres cobram é mais baixo do que nos restaurantes de origem, com a mesma qualidade e muitas vezes o mesmo menu. Em Paris, o menu degustação mais simples do chef francês de Guy Savoy custa 390 euros. Em Vegas, no Caesars Palace, sai por 290 dólares. Alguns nomes de destaque, entre chefs e celebrities chefs (os famosos dos programas de TV) são: Joel Robuchon, com dois restaurante no MGM; Nobu Matsuhisa, no Caesars Palace; Gordon Ramsay, com três restaurantes de carne na cidade; Wolfigang Puck, Buddy Valastro, Mario Batali e Thomas Keller com o Bouchon no Venetian; Steve Martorano, no Paris, Julian Serrano com o Picasso, no Bellagio e vários outros. O que não falta em Vegas são bons restaurantes com a assinatura de grandes chefs.

13 – Ganhe alguns quilos nos buffets. Eles são o exagero de Vegas transportado para um ambiente de restaurante. Os buffets são enormes e oferecem uma quantidade de comida inimaginável. Impossível experimentar tudo. Você ficará tão perdido entre as ilhas de massas, saladas, carnes, pratos asiáticos, hambúrgueres, frutos do mar, sobremesas e tantas outras iguarias que provavelmente não conseguirá se decidir pelo que colocar no prato. Eles são uma boa opção para quem quer comer de tudo, em porções tamanho animal, e pagar um valor fixo. Os preços variam de acordo com o refinamento e qualidade do buffet. Podem variar de USD 9 a USD 52. Há buffets de café da manhã, almoço, brunch e jantar. Há buffets que não incluem bebidas, enquanto outros oferecem até drinks com champanhe. O importante é estar com muita fome pra encarar o desafio. Alguns buffets que estão entre os preferidos dos visitantes são: Bacchanal Buffet (Caesars Palace); Aria Buffet (Aria Hotel); The Buffet at Bellagio (Bellagio Hotel); Spice Market Buffet (Planet Hollywood); Studio B (M Resort); Le Village Buffet (Paris Hotel); The Buffet (Wynn); Wicked Spoon (Cosmopolitan); The Buffet (Golden Nugget); e Carnival World Buffet (Rio).

dicas-de-las-vegas-54

14 – Assista a um espetáculo do Cirque Du Soleil. Las Vegas é recordista em apresentações simultâneas da famosa companhia de circo canadense. Difícil será escolher entre tantas opções. Os preços do Cirque du Soleil são um pouco salgados, mas a emoção é impagável. Invista os dólares com a certeza de que o retorno, em felicidade, será imenso! Como os espetáculos são muito concorridos, não deixe para comprar na última hora. Adquira os ingressos antecipadamente pelo site oficial do Cirque Du Soleil e garanta vaga nos espetáculo!

 15 – Assista a vários espetáculos! Nem só do Cirque Du Soleil vive Las Vegas, muito pelo contrário! A cidade oferece um número imbatível de shows e espetáculos todos os dias do ano. Seja qual for o período em que estiver na cidade, você nunca ficará sem opções. Antes de embarcar, verifique a agenda de espetáculos para ver o que estará em cartaz durante a sua viagem. Alguns clássicos, como Blue Man Group e David Copperfield, dificilmente saem de cena. Ao mesmo tempo, Vegas reserva bons shows de curta temporada. Será uma questão de sorte coincidir a agenda do seu artista favorito com a sua viagem. Mas se ele não estiver por lá, não se preocupe, vários outros poderão fazer a sua noite mais feliz!

dicas-de-las-vegas-86

16 – Nunca deixe de ver a tela de promoções do Tix4Tonight. Mesmo que você não esteja procurando um espetáculo, ao passar em frente a um stand do Tix4Tonight, não deixe de conferir as promoções. Nunca se sabe quando aparecerá um ingresso para o Cirque Du Soleil pela metade do preço, não é mesmo? A empresa vende tickets com desconto apenas para a mesma noite. Os ingressos que não foram adquiridos até o dia do espetáculo são vendidos com ótimos preços pela Tix4Tonight, por isso, fique sempre atento! Além dos ingressos para espetáculos também são oferecidos descontos para restaurantes.

17 – Vá às compras nos shoppings da Strip. Eles são uma perdição para quem não abre mão de algumas compras. O pior (ou melhor, depende do ponto de vista) é saber que será praticamente impossível escapar dos shoppings de Las Vegas. Eles estão em todos os hotéis, colados aos cassinos, em todas as esquinas. Você poderá resistir uma, duas, três vezes… Dificilmente resistirá durante toda a viagem. Os melhores shoppings na Strip são: Fashion Show Mall; Grand Canal Shoppes; Miracle Mile Shops; The Forum Shops; The Shops at Crystals; e Town Square (um pouco mais afastado da Strip). Veja mais sobre compras em Las Vegas.

dicas-de-las-vegas-47

18 – Vá às compras nos outlets. Você pode até dizer que não está em Vegas para fazer compras e que foi pego de surpresa pelas maravilhosas lojas nos hotéis da Strip. Mas se você decide ir até um outlet, não há como negar que o seu objetivo é mesmo comprar! Las Vegas oferece uma enorme vantagem em relação a outras cidades americanas. Os outlets estão muito próximos do centro. Há um na saída sul e outro na saída norte, os dois a menos de 15 minutos de carro do ponto mais movimentado na Strip. A principal diferença entre os dois outlets, além de estarem localizados em pontas opostas de Vegas, é a climatização. Tratando-se de uma cidade que está no meio do deserto este pode ser o fator decisivo na hora de optar por um ou outro. O Las Vegas North Premium Outlets, recentemente ampliado e agora com 175 lojas, funciona como um grande shopping ao ar livre. Já o Las Vegas South Premium Outlets, com 140 lojas, tem ambiente fechado e com temperatura controlada. Os dois oferecem excelente mix de marcas e farão a felicidade de todos com consumidores ávidos por incríveis descontos. Veja mais sobre os outlets e as compras em Las Vegas.

19 – Visite as lojas de penhores. Esta dica é especial para quem gosta de comprar produtos exclusivos, garimpar objetos inusitados ou simplesmente se diverte vendo quantas coisas surpreendentes é possível se encontrar em uma loja de penhores. A mais famosa em toda Las Vegas é a Gold and Silver Pawn Shop, conhecida pelo programa Trato Feito. Porém ela não é a única, na mesma rua é possível visitar outras, como a Lost Vegas Antiques, com acervos maravilhosos. Veja mais sobre as lojas de penhores e as compras em Las Vegas.

20 – Caminhe pelo elegante The LINQ. Um dos mais recentes espaços inaugurados em Las Vegas, o LINQ foge à extravagância da cidade e apresenta aos frequentadores um estilo mais clean e elegante. O corredor de lojas, bares e restaurantes liga a Strip até a High Roller e é um respiro em meio ao frenesi de Las Vegas. Aproveite para visitar o Museu da Polaroid e comprar um cupcake na máquina de ATM 24h. 

dicas-de-las-vegas-121

21 – Passe uma noite na Fremont Street. Berço de Las Vegas, a Fremont Street sedia os mais antigos e clássicos cassinos da cidade. O lugar andou por muitos anos em decadência, mas vem passando por um constante processo de revitalização. Cada dia mais a Fremont atrai visitantes em busca de uma Vegas mais real. A grande atração da Fremont Street é o gigantesco painel de led que cobre toda a rua. Além do espetáculo de luzes, você poderá conferir vários shows gratuitos e se divertir com os artistas de rua caracterizados como super-heróis ou artistas renomados (eles estão mais para caricaturas do que para sósias). Não perca a chance de fazer uma foto com um Elvis decadente ou um Spock mal humorado. Eles são a alma e a graça da Fremont. No local também há várias casas de striptease, restaurantes mais em conta e lojinhas de souvenires. 

dicas-de-las-vegas-18

22 – Pratique a arte do “people watching”. Las Vegas é um paraíso para quem gosta de observar outras pessoas. Seja o comportamento, o modo de vestir, as atitudes ou as maluquices de cada um. Se você é o tipo de turista que gosta de reparar nos outros você certamente vai se divertir muito em Vegas! O que não falta é gente estranha, atitudes inesperadas e pessoas sem o menor pudor de passar vergonha. Seja-bem vindo ao paraísos dos malucos! A regra é não condenar e apenas se divertir. 

23 – Visite os bares de Downtown Vegas. Para quem foge de lugares excessivamente turísticos, Downtown Vegas é o lugar! Este é pedacinho mais autêntico de Las Vegas e onde é possível vivenciar a cidade sem a maquiagem da Strip. Experimente o Atomic Liquors, estabelecimento que foi cenário do filme Os Bons Companheiros e ostenta a credencial de primeiro bar de Vegas. Tente a sorte no Hogs & Heifers, onde a parede é decorada com soutiens e as garçonetes gritam com os clientes motociclistas em megafones. Ou, para quem gosta de uma excelente trilha sonora acompanhada de boa comida, o Pizza Rock pode ser a melhor opção! Os bares se concentram principalmente na região conhecida por Fremont East. Downtown Vegas é lugar para quem deseja se divertir sem nenhum limite ou pudor.

24 – Passe a noite percorrendo Downtown Vegas em um Cycle Pub. Há quem não goste de ficar parado ouse entediam com facilidade em um mesmo bar. Pensando nesses turistas foi criado o Cycle Pub. A ideia é beber enquanto se vê Las Vegas acontecer. Pedalar é um mero detalhe, já que a bicicleta que leva o pub e os clientes é elétrica. Por isso, os participantes terão a única obrigação de se divertir. É excelente, especialmente para quem está em grupo e quer beber sem a preocupação de dirigir.

dicas-de-las-vegas-78

25 – Mergulhe de cabeça em uma pool party! O programa é para quem está disposto a se divertir com muita, muuuuuita gente em uma mesma piscina. Vista o seu traje de banho, prepare os dólares (as bebidas custam verdadeiras fortunas) e enfrente o desafio de uma pool party. Os eventos costumam atrair DJs renomados e um público apaixonado por festas. As pool parties acontecem apenas nos meses mais quentes, normalmente a partir de maio. Você poderá emendar a festa na piscina, que costuma começar de dia, com a balada noturna. Boas pedidas são o Encore Beach Club, XS Night and Swim, Daylight Beach Club e Marquee Dayclub.

26 – Participe de uma bus party! Se você gosta de diversão em grupo, não deixe de frequentar uma bus party. O ônibus, que mais parece uma casa noturna, leva os participantes para várias baladas em uma mesma noite. Você fará um tour entre várias festas, com direito a drinks e entrada VIP. Excelente para quem procura companhia e não quer parar a diversão nem por um minuto!

27 – Frequente as baladas mais VIPs de Vegas. O esquenta costuma ser nos bares dos mais refinados cassinos, onde os drinks abrem caminho para a diversão da noite. Quem é fã de uma boa festa certamente não irá se decepcionar em Vegas. Fique atento ao dress code das casas noturnas, ao calendário dos DJs mais famosos, compre os ingressos com antecedência e enfrente a noite de Vegas. Hakkasan, Marquee, Tao e XS são boas pedidas, mas as casas noturnas mudam com as estações. Fique atento ao chegar à cidade para não perder a melhor balada da temporada.

dicas-de-las-vegas-101

28 – Faça uma foto do letreiro de Vegas.  A famosa placa dá boas-vindas aos turistas que procuram nada mais do que diversão. Desde 1959 ela estampa a entrada da Strip. O sinal luminoso é a marca registrada da cidade e pode ser visto reproduzido em todo tipo de suvenir e vitrine de loja. O “Welcome to Fabulous Las Vegas” é parada obrigatória para uma foto, principalmente para os recém-casados em uma das capelas da cidade. A placa fica logo depois do Mandalay Bay, um dos últimos hotéis da Strip.

29 – Case-se em Vegas! Romantismos à parte, casar-se em Vegas é um evento! O pedido de casamento poderá ser aos pés da Torre Eiffel. Você poderá escolher entre vários Elvis para realizar a cerimônia e assinar os papéis em uma capela drive-thru. Que tal a uma festa nas cabines da High Roller e fotografar o trash the dress em uma limousine sob a placa oficial de Vegas? Para a lua de mel, escolha uma bela suite com vista para a Strip e seja feliz! Veja mais sobre casamentos em Las Vegas.

dicas-de-las-vegas-96

30 – Dirija uma Ferrari. Os apaixonados por carros ficarão malucos em Las Vegas. É imensa a quantidade de belas máquinas passeando pela Strip. E você poderá ser um desses felizardos a circularem em um carro dos sonhos por uma das mais belas estradas do mundo. Escolha entre uma Ferrari 458 Italia, um Lamborghini LP570-4 Spyder ou um Audi R8 V-10 para dar uma volta pelo Red Rock Canyon. A experiência custa US$ 500 e quem leva é a World Class Driving. Quem não quer ir até o deserto pode acelerar uma Ferrari 430 F1 no autódromo. O número de voltas vai depender de quanto você tiver no bolso. Para cinco voltinhas, o valor é de US$ 299; para 20 voltas, o preço sobre para US$ 1,100. Qual é o tamanho do seu sonho? Quem leva você para realizá-lo é a Exotic Racing.

31 – Durma até mais tarde. As luzes de Vegas não existem à toa. A cidade realmente ferve quando a noite chega. No início da manhã as ruas são mais vazias. Aproveite para dormir até mais tarde e assim poder curtir a cidade no auge. Se você for do tipo que aguenta firme 24h de diversão, aproveite cada minuto!

32 – Respire ar puro no Downtown Container Park. Não vamos negar que Downtown Vegas é para quem quer curtir a bagaceira. Porém há um lugar especifico que foge completamente ao estereótipo da região. O Downtown Container Park é um pequeno parque onde lojas e restaurantes funcionam dentro de containers. É lindo, descolado, com área verde e ao ar livre. No Container Park é possível curtir shows excelentes sempre em um clima leve e agradável. É um dos mais surpreendentes ambientes de Las Vegas. Ótimo para desintoxicar, no bom sentido!

dicas-de-las-vegas-79

33 – Voe de helicóptero! Os destinos são variados. Você poderá optar por um voo panorâmico sobre Vegas ao anoitecer ou ir até o Grand Canyon e pousar para um piquenique. O importante é o meio de transporte que você terá escolhido para o passeio. Andar de helicóptero já é um evento, sobrevoar Vegas é a cereja do bolo! O custo é alto, mas a experiência é única. Se deseja fazer o passeio, organize-se financeiramente para um custo a partir de USD 120 por pessoa (para sobrevoar Vegas) até USD 650, em passeios até o Grand Cayon e que incluem outras atividades, como rafting no rio Colorado. As principais empresas que realizam passeios de helicóptero são a Papillon e a Maverick. Os passeios podem ser contratados pela internet ou direto nos balcões de atendimento das empresas em Vegas.

34 – Não deixe de visitar o Grand Canyon e outras regiões de natureza. Uma das paisagens mais impressionantes dos Estados Unidos, e uma das Sete Maravilhas Naturais do Mundo, está bem perto de Las Vegas. Programe um dia ou dois para visitar o Grand Canyon. A área mais próxima da cidade é a West Rim (borda oeste), localizada a apenas 2h30 de viagem do centro de Las Vegas. Nesta borda está a Skywalk (passarela com chão de vidro que passa sobre o Grand Canyon). Apesar de mais popular, a West Rim não é a área mais bonita do Grand Canyon. A região mais bela é a South Rim (borda sul) onde está o Parque Nacional do Grand Canyon. A paisagem da South Rim é tão grandiosa que fica até difícil comparar com a West Rim. A desvantagem de ir até lá é o tempo de deslocamento: uma viagem de carro leva, em média, 5 horas. No entanto, se você realmente quiser ver o verdadeiro Grand Canyon, corra para a South Rim. Os passeios são amplamente oferecidos em Las Vegas. Você poderá optar por um tour de helicóptero, ônibus, avião, barco, carro ou um mix de vários meios de transporte. Além do Grand Canyon outros destinos populares entre os amantes do turismo de natureza são: Valley of Fire, Death Valley, Red Rock Canyon e o incrível Zion National Park. Algumas empresas que realizam os passeios para essas regiões são: The Canyon, Canyon Tours, Pink Jeep e Grand Canyon Tour Company.

dicas-de-las-vegas-129

35 – Veja de perto a imensidão de Hoover Dam. Construída entre 1931 e 1936 para servir de reservatório e abastecimento aos estados de Nevada e Arizona, a Hoover Dam é considerada Monumento Histórico Nacional dos EUA e uma das maiores obras de engenharia dos EUA. A construção da represa atraiu 21 mil operários ávidos por trabalho e, nos momentos de folga, diversão em Vegas. O fenômeno contribuiu para o crescimento e vocação da cidade. Hoover Dam faz parte da rota de vários tours, porém quem desejar visitá-la com calma deve ir, preferencialmente, por conta própria. Para fazer os tours disponíveis na represa será necessário um pouco mais de tempo. Os ingressos têm custo de USD 15 e USD 30, a depender do percurso escolhido.

dicas-de-las-vegas-126

36 – Visite os museus de Vegas. Os espaços culturais de Las Vegas são ótimos para quem precisa de um respiro em meio a tanta agitação. Variados, os espaços agradam a todos os públicos. Para os buscam conhecer um pouco mais sobre Vegas, o melhor é começar pelo MOB – Museu do Crime Organizado. A trajetória dos mafiosos confunde-se com o crescimento dos cassinos. Entre marcas de tiros e fotos de época, você será transportado à Old Las Vegas.

Para dar ainda mais sentido à história, o Neon Museum apresenta peças de letreiros que já decoraram os cassinos, lojas e hotéis da região. É como voltar no tempo: divertido e nostálgico. À noite, ele permanece todo iluminado e é ótimo cenário para ensaios fotográficos. Outro período importante no passado da cidade é contado pelo National Atomic Testing Museum. Você terá a chance de conhecer a fundo como aconteciam os testes nucleares no deserto, as verdades e os mitos sobre a Área 51 e até que ponto eles influenciaram o crescimento de Vegas.

É muito grande a variedade de assuntos tratados nos museus locais. Alguns dos mais procurados pelos amantes dos carros são o Car Museum (no Palazzo) e o Auto Collections (no The Linq). Há ainda os populares Madame Tussauds (com as estátuas de cera dos famosos), Bodies, The Exhibition e Titanic, The Artifact Exhibition. Para quem busca um acervos mais tradicionais, com obras de arte, a sugestão é a Bellagio Gallery of Fine Art. Difícil será encontrar tempo para ver todos esses e tantos outros museus temáticos da cidade.

dicas-de-las-vegas-83

Quando ir

37 – Evite o verão. Diferente da maioria das cidades americanas, Vegas não é um bom destino durante o auge da estação mais quente (de junho a setembro). A cidade está localizada no meio de um grande deserto e o clima castiga bastante os visitantes. Dias de chuva são raríssimos. A baixíssima umidade deixa o passeio bastante difícil. O calor excessivo dos meses de verão transformam a viagem em um desafio. A sensação é de estar constantemente com um secador de cabelo no rosto. Por isso, prefira viajar na primavera e no outono, quando as temperaturas são mais amenas e caminhar pela Strip será bem mais agradável.

38 – Os finais de semana são sempre mais lotados. Quem prefere conhecer os destinos sem uma multidão de turistas deve evitar Vegas nos finais de semana. De sexta a domingo a cidade lota de visitantes. Os hotéis têm tarifas mais altas, os restaurantes não têm vagas e os ingressos para os espetáculos mais disputados esgotam-se rapidamente. Aproveite os dias do final de semana para fazer os passeios fora de Vegas, como o Grand Canyon.dicas-de-las-vegas-37

39 – Verifique a agenda de grandes eventos antes de marcar uma viagem. Vegas recebe grandes eventos durante todo o ano, como campeonatos esportivos, festivais de música e convenções. Eventos muito disputados transformam datas improváveis em altíssima temporada. Nestes períodos as diárias dos hotéis ficam caríssimas! Se não estiver com dinheiro sobrando, fuja desses eventos.

Onde ficar

40 – Dê preferência aos hotéis localizados na Strip. O trecho de 6 km da Las Vegas Boulevard, onde estão alguns dos mais famosos hotéis do mundo, é chamado de Strip. É lá que está a maior parte das atrações da cidade. A Strip é a cara de Vegas e hospedar-se neste trecho da avenida facilita muito a vida do turista. Você estará no centro dos acontecimentos. Na Strip estão alguns dos mais extravagantes e luxuosos hotéis de Vegas, quase sempre acompanhados de um cassino espetacular. Os preços, especialmente durante a semana, não são abusivos. Vegas é excelente para quem deseja experimentar um hotel de luxo a preços acessíveis. O centro da Strip é marcado pelos hotéis Caesars Palace, Bellagio, Flamingo, The Link e Paris. Quanto mais próximo deles, mais no burburinho você estará. A área movimentada da Strip segue até o Wynn (ao norte) e o Mandalay Bay (ao Sul).

dicas-de-las-vegas-74

41 – Os hotéis fora da Strip, no geral, têm melhores preços. Se você está com a verba de viagem contada e não encontrou uma boa diária na Strip, não se desespere. Os hotéis localizados fora da região mais famosa de Vegas oferecem preços mais em conta. A distância não ajudará no deslocamento, mas a diferença de valor pode ser fundamental na hora da escolha. Preferencialmente, opte por hotéis que estejam ao longo da Las Vegas Boulevard. A avenida é mais segura, movimentada e é servida pelo ônibus que percorre quase todos os pontos turísticos da cidade. Se estiver de carro, o deslocamento não será um problema.

42 – Para um ambiente tranquilo, evite os hotéis com cassino e grandes piscinas (especialmente no verão). Parte fundamental do turismo em Vegas, os grandes hotéis-cassino são as principais atrações da cidade. Durante 24h eles permanecem abertos ao público. Em muitos casos o mesmo acesso é utilizado por hóspedes e visitantes. Por isso, se desejar um ambiente mais reservado e calmo, evite os hotéis com cassinos. O mesmo vale para os hotéis que oferecem piscina, onde acontecem grandes “pool parties”. Principalmente durante o verão, há um grande risco de você dar de cara com uma enorme festa na piscina do hotel. Dependendo do seu objetivo isto poderá ser excelente ou péssimo.

43 – Os hotéis cobram taxas incompreensíveis. Esteja preparado para gastar mais do que imaginava! Em Vegas o valor da diária quase nunca será o valor final da conta. Muitos hotéis da cidade cobram o que eles chamam de “resort fee”. A taxa, adicional ao valor da diária, cobre serviços como piscina, sauna, internet, academia, shuttle e qualquer outra coisa que o hotel queira incluir. O valor é cobrado por quarto (sobre cada dia de hospedagem) e varia entre USD 5 e USD 35. Alguns poucos hotéis não cobram a taxa. Veja a lista atualizada de valores da resort fee em las Vegas.

44 – O imposto sobre as diárias nos hotéis é de 12%. Alguns poucos estabelecimentos incluem este valor na resort fee. Ao fechar o pacote de hospedagem, verifique se o valor da diária já inclui ou não os 12% para não ter surpresas no final.

Como se locomover

45 – Prepare-se para longas caminhadas. Vegas é uma cidade para ser vivida de perto. Aproveite para andar o máximo possível! Você entenderá que tudo é desenhado para levar o turista de uma atração à outra. Use um calçado confortável e exerça a maravilhosa arte de bater pernas. É maravilhoso percorrer vários hotéis e assim ir descobrindo a sua própria Las Vegas. Apesar de ser a melhor maneira de se locomover, durante os meses de verão caminhar poderá ser bastante difícil e nada recomendável. Tudo o que você irá desejar é um bom ar-condicionado. Pensando nisso Vegas oferece passagens para pedestres fechadas, passarelas suspensas e até escadas rolantes entre os hotéis, o que permite passar longas horas caminhando sem sentir o calor (ou frio, no caso dos meses de inverno).

dicas-de-las-vegas-72

46 – Alugue um carrão por um precinho. Há quem não resista a alugar um carro. Se este é o seu caso, Vegas é um convite à extravagância. Os preços das diárias de automóveis são muito baratos e a diferença entre um carro popular e um carrão estiloso não é tão grande. Para os apaixonados por automóveis, Vegas oferece a maravilhosa oportunidade de dirigir por uma das mais famosas avenidas do mundo. O automóvel será útil para se deslocar em grandes distâncias, fazer compras ou mesmo tirar uma onda na Strip. Ainda que a opção seja muito atraente, é preciso ficar atento ao fato de que o trânsito em Las Vegas é bastante engarrafado. Quem está de carro poderá perder muito tempo no deslocamento. Se for percorrer curtas distâncias, prefira ir a pé.

dicas-de-las-vegas-73

47 – Há fartura de estacionamentos. Quem decide alugar um carro não precisará se preocupar com estacionamentos. Todos os grandes hotéis oferecem vagas para os visitantes. A regra, apesar dos estacionamentos serem gratuitos, é dar gorjeta aos manobristas.

48 – Não é permitido beber e dirigir. Seguindo as regras de trânsito do Brasil dificilmente o motorista terá problemas nos Estados Unidos. Mas como se trata de Vegas, não custa dizer: se for beber na balada, não dirija! Há outros meios de locomoção em Vegas e dirigir bêbado não é uma opção segura, além de ser contra lei.

49 – Vá para a balada em uma limousine! Afinal, this is Vegas, baby! E a diversão em Vegas não tem limites! Onde mais você poderia alugar uma limousine para 8 pessoas, com motorista, por apenas USD 70 a hora? Aproveite e eleve a extravagância ao máximo patamar. Em Vegas você pode! Veja algumas empresas que te levam para a balada, ou onde mais você desejar, em uma limousine: Party Tours, Earth Limos, Abraham Limo Vegas, Las Vegas Limo, Top Limos Las Vegas, Presidential Limo.

dicas-de-las-vegas-67

50 – Vá de ônibus e não se preocupe em dirigir. Vegas oferece aos visitantes um excelente sistema de transporte público pensado totalmente para os turistas. O Deuce e SDX são dois ônibus que passam por quase todas as atrações mais visitadas da cidade. O percurso segue pela Strip e vai até Downtown Vegas. Os ônibus circulam por toda a região dos hotéis, levam aos Outlets Premium South e North e passam pela Fremont Street, Downtown Container Park, Little White Chappel, Stratosphere, Circus-Circus, Pawn Shop (a loja de penhores do programa “Trato Feito”) e outras atrações fora da Strip. São rápidos, eficientes e excelentes opções para quem não deseja alugar um carro ou quer beber sem preocupação.

A principal diferença entre os dois é que o Deuce é 24h e funciona como um tipo pinga-pinga. Já o SDX, com funcionamento de 9h a meia-noite, tem uma rota expressa, com paradas em pontos estratégicos. Os dois ônibus operam com o mesmo sistema de bilhete, que pode ser adquirido em máquinas nas paradas ou direto com o motorista do SDX (eles não dão troco). Os valores são: 2h – USD 6; 24h – USD 8; 3 dias – USD 20; e 30 dias – USD 65. Veja mais detalhes sobre os ônibus de Las Vegas ou acesse o site oficial da empresa.

51 – Experimente o Las Vegas Monorail. Além dos ônibus, Vegas oferece mais uma opção para circular pela Strip: o Monorail. O trem faz um circuito curto ao longo da Strip, passando pelo fundo dos hotéis do lado leste (MGM, Paris, Flamingo, Harrah’s), e segue até o Sahara Hotel (um pouco antes do Stratosphere). O bilhete custa USD 5, para uma viagem. Há também a opção do passe ilimitado (de 1 a 7 dias), com o custo de USD 12 a USD 56. Esse não é o meio de transporte mais prático e as estações são difíceis de achar (ficam no fundo dos hotéis), porém é a maneira mais rápida de se locomover na Strip. Os hotéis Mandalay Bay, Luxor e Excalibur oferecem uma pequena linha de monorail gratuita entre eles. Esse trecho não faz parte da linha paga. Veja mais informações sobre o Las Vegas Monorail.

Pronto para conhecer Las Vegas? Além das dicas de Las Vegas neste post você poderá conferir muito mais no nosso Guia de Las Vegas . Lá você encontrará tudo para curtir a cidade. Os melhores cassinos, como chegar, quando ir, onde ficar, como se locomover, onde comer, tudo sobre as principais atrações e passeios e até como se casar em Vegas! Se você já esteve por lá, aproveite para deixar as suas dicas e avaliação no Guia de Las Vegas. Nossos guias são feitos com a ajuda de vocês! E não se esqueça da última e mais importante dica sobre Las Vegas…

52 – O que acontece em Vegas, permanece em Vegas! Boa viagem e divirta-se muito!

dicas-de-las-vegas-76

Autor

Monique Renne - Editora de Destinos
  • Paulo Fillipe

    Passei minha lua-de-mel lá (preferi já ir casado haha) setembro passado. Saudades! Lugar sensacional.

  • Lucia

    Indescritivel. Amei. Impossível morrer e não conhecer Las Vegas. é uma judiação sem tamanho. rs Parabéns pelo trabalho .

  • Rafael

    Só não concordei com o 21. Fui em outubro de 2014 e fiquei 8 dias. As ruas estavam lotadas 24h por dia inclusive de manhã.

  • valeria

    The best!!! Vegas é sencasional!! Contando os dias para voltar!!

  • Diego Santos

    Tem um pequeno erro na parte que fala que do centro de Las Vegas para o West Rim a viagem dura 1 hora. Só se for de helicóptero, pois de carro dura cerca de 2h30.

    • Monique Renne

      Obrigada, Diego! Corrigido 🙂

  • Paulo Fillipe

    Pensei a mesma coisa. Eu e minha esposa somos mais diurnos, e acordávamos cedo para bater perna. Era tudo cheio o tempo todo (manhã, tarde, noite e madrugada!).

    • É que a Monique é a baladeira aqui do MD! =)

      • Monique Renne

        kakakakakakakakakakak! Sou do tipo que aproveita Vegas 24h ;D Mas realmente percebi uma diferença considerável entre o movimento de manhã e à noite.

  • Eliane Letnar

    Estou indo em Agosto…quero assistir o show do Rod Stewart…será que vale a pena comprar o ingresso on line, no site do Ceasar Palace ? ou arriscar comprar lá? Alguma sugestão?

    • Monique Renne

      Eliane, se você não quer perder o show de jeito nenhum, sugiro que você compre antecipadamente pelo site. Nem todos os espetáculos têm ingressos vendidos com desconto na hora. Deixe pra comprar lá só o que não for realmente importante pra você.

  • anemyky

    Amei Vegas! Em out/2014 passei meu aniversário de casamento lá! Fiquei no Mandalay Bay!!! Valeu cada centavo neste hotel! Fomos no Monster Energy Cup, campeonato de motocross, divino!!! A cidade estava bem lotada!

  • Alzerino Oliveira

    Gostei muito das dicas, parabéns!

    • Monique Renne

      Obrigada, Alzerino! Estamos preparando mais algumas boas surpresas sobre Vegas!

  • Bells

    Adorei as dicas! Já fui uma vez, porém fiquei apenas 3 dias e segui viagem, agora ficarei mais tempo, poderei ver mais coisas tendo noção melhor para aproveitar meus dias graças às dicas! Só estou assustada pelo fato de mencionar tanto calor, quando comprei nem pensei nisto! 🙁
    Parabéns pelo trabalho!

    • Monique Renne

      Bells, no verão é calor de verdade. Muito mesmo!

  • Rodrigo

    Vegas é realmente demais!!

    O mais impressionante é ouvir gente que acha que Vegas é só jogos e cassinos! Gente, fomos a Vegas pela primeira vez a dois anos, de lá pra cá ja fomos 5 vezes! E ainda tem coisa que deixamos de fazer!

    Voce pode fazer compras, voce pode atirar em clubes de tiros, andar de Ferrari e outros carrões, você pode conhecer todos os hoteis (lindos e todos com estacionamento gratuitos!), podem casar, enfim… Não tenho palavras

    Para quem interessar, fizemos um resumo de uma de nossas idas para lá:

    Parte 1: https://www.youtube.com/watch?v=OckvaEuhSN8
    Parte 2: https://www.youtube.com/watch?v=ffW2ZWk2iP8
    Parte 3: https://www.youtube.com/watch?v=lmRE-43IvaY
    Parte 4: https://www.youtube.com/watch?v=j7yiA-hAG1A
    Parte 5: https://www.youtube.com/watch?v=n8FwECvnFgE

  • Robinson Fernanda

    Bem-vindo ao Hospital Geral de Toronto, Hospital Especialista que compra rim ($ 370,000.00 Dollars), Você deseja vender seu rim em troca de dinheiro? Se sim, em seguida, contacte o médico Anthony Craig hoje para obter uma transação confiável e bom para um bom dinheiro e para uma cirurgia melhor, contacte-nos Via: torontogeneralhospital@aol.com

    Esperando o seu responde … ..
    Cumprimentos….
    Dr. Anthony Craig

  • Carla Perfeito

    Meu marido e eu queremos passar 4 dias, pois seguimos viagem para outro Estado. Estou um pouco receosa com o clima, meu marido tem pressão baixa e nossa viagem será em setembro. Amo calor, para mim não será problema. O que não podemos deixar de fazer em hipótese alguma, rs? Vale a pena desembolsar a grana para ir aos Canyons de helicóptero?