Finalmente! Vem aí o programa de fidelidade do Nubank!

Leonardo Cassol 12 · setembro · 2016

O Nubank começou a testar hoje seu novo programa de fidelidade. Segundo o jornal O Estado de São Paulo, a empresa selecionou um grupo de clientes que usam celulares com sistema operacional Android para acessar o novo serviço. Em outubro será a vez de alguns usuários de Iphone. Eles passarão a acumular pontos de acordo com o valor das compras realizadas com o cartão, que podem ser usados para pagar passagens aéreas, diárias em hotéis, além de viagens com a Uber e mensalidades do Spotify e Netflix.

nubank-pontos-milhas
Divulgação

A startup informou que o programa de fidelidade do Nubank foi desenvolvido internamente, visando fazer algo diferente dos outros cartões. “Não queríamos ter um programa de fidelidade igual ao dos outros cartões”, disse a vice-presidente de desenvolvimento de negócios, Cristina Junqueira, em entrevista ao Estado. “Esperar até o fechamento da fatura para saber quantos pontos foram creditados não faz parte da experiência que queremos oferecer.”

Até o fim do ano todos os usuários deverão ter acesso a essa opção. A má notícia é que quem quiser fazer parte do programa de fidelidade terá de pagar uma anuidade. O valor ainda não revelado, mas, de acordo com as informações divulgadas no Estadão, os primeiros 30 dias serão grátis. Ainda assim, só aguardando o custo exato para saber se vai compensar pagar para ter o benefício!

Mas calma! Quem não estiver interessado no programa poderá continuar usando o cartão sem pagar nenhuma taxa.

Como funciona

Cada R$ 1 em compras o cliente acumula 1 ponto. Os pontos não expiram. O saldo será atualizado em tempo real, sempre que o usuário fizer uma nova transação com o cartão.

Para utilizar os pontos, o consumidor compra a passagem aérea ou reserva o hotel no site que preferir, pagando com o cartão Nubank. Depois, basta acessar o programa de fidelidade pelo próprio aplicativo e “apagar” a despesa usando os pontos. O valor é abatido da próxima fatura imediatamente.

No aplicativo, apenas as despesas com passagens aéreas, hoteis, viagens com o Uber, além de Netflix e Spotify aparecerão como elegíveis para a troca por pontos. Outras despesas não fazem parte do conjunto que pode ser “apagado”, por enquanto.

De acordo com os executivos da empresa, com o programa de fidelidade o Nubank espera atrair consumidores com renda maior que o dobro da média de seus clientes atuais. Segundo fontes do mercado, o acúmulo de milhas que podem ser usadas para trocar por passagens aéreas é a principal demanda desse público e fator de decisão na escolha do cartão de crédito. Segundo a vice presidente do Nubank, a empresa tem quase 500 mil pessoas na lista de espera para ter o cartão.

Publicado por

Leonardo Cassol

Editor

  • LuRodamilans

    Li, reli e não entendi!

    • Focu

      esse é o momento que você vê o passar da sua vida diante de seus olhos, lembra das vezes que bagunçou na escola, seca a lágrima que cai e decide assistir o episódio 1 do telecurso 2000.

      • Pacheco Jr

        hahahahahaha Que resposta maravilhosa!

      • Renato Carvalho SA

        kkkkkkkkkkkk

      • LuRodamilans

        Engano seu, sempre fui bem na escola e dificilmente me apeguei ao telecurso 2000, aliás nunca utilizei por falta de oportunidade/necessidade… Porém, assim como eu, várias pessoas ficaram na dúvida a respeito do assunto, muitas questões “indefinidas” ou “a serem divulgadas”.

      • HAHAHAHAHAHAHA

      • Marcos_Brazil

        Comentário grosseiro que não agrega nada.

    • kadug

      Um bullet points pra ficar bem fácil:

      – Quem quiser participar paga uma “anuidade”, quem não quiser continua com o cartão sem anuidade.
      – Cada R$ 1 comprado com o cartão gera 1 ponto para o cliente
      – Você usa o cartão pra comprar normalmente e descarta as despesas da fatura usando os pontos depois.
      – Não vale para todo tipo de despesa. Vale para passagens aéreas, hotéis, Uber, assinatura de serviços como Netflix, entre outros.

      É isso.

  • Wanderson Reis

    A grande sacada da Nubank seria não deixar os pontos expirarem ou derem um prazo de 5 anos nos pontos adquiridos, aí sem dúvida deverá valer a pena pagar a adesão.

    • Viny Azevedo

      “Cada R$ 1 em compras o cliente acumula 1 ponto. Os pontos não expiram. O saldo será atualizado em tempo real, sempre que o usuário fizer uma nova transação com o cartão.”

      • AG.47

        Isso realmente é inovador no mercado. Falta saber quanto vale de fato esses pontos na hora de abater as compras.

  • Carolina Caires

    Hmmm, legal.
    Agora é só saber quanto vai custar essa “anuidade”. Dependendo dos benefícios, pode ser interessante.

    • kadug

      E quantos pontos são necessários pra “apagar” uma compra. Também é uma informação importante.

      • vnsvini

        Sim! Isso que vai determinar se vale ou não. Pq por exemplo, gasto R$ 2000 no cartão = tenho 2000 pontos. Esses pontos valem quanto pra “abater” uma passagem? Se for 1 ponto pra 1 real, maravilha!

        • AG.47

          Impossível ser 1 ponto pra 1 real. Será bem menos.

          • Luis Gustavo

            tb acho que é por ai…

          • kadug

            Concordo. Jamais será 1 ponto pra 1 real, é inviável para o negócio.

          • FGomes

            Será que tão baixo? Estava na expectativa de algo em torno de 20 centavos… Seria bem interessante nesse patamar. Pouco provável, no entanto…

          • Pedro Pereira Queiróz

            Difícil que seja 20 centavos. Se fosse assim, poderíamos tirar uma passagem de R$ 2.000 por 10.000 pontos. Também acredito que deva ficar entre 2 e 5 centavos mesmo.

          • Davi Teixeira

            Se valer isso tudo até eu farei um (Tenho petrobras e santander free). Nos demais cartão varia entre 1,7 e 3 centavos por ponto (só que para ganhar uma ponto se deve gastar entre 2 e 5 reais) ou seja R$ 1 em compra gera menos de 1 centavo de real.

          • Paulo Gottardi

            Eu chutaria isso tem, mas acho que pra começar e pensar em usar, teria que ser no mínimo 4 centavos.

        • Luis Gustavo

          sonhar não custa nada….rsrsrsrsrs

  • Leonardo da Fonseca Martins

    Pelo que entendi, os pontos poderão ser utilizado apenas para “apagar” despesas de sua fatura. Não são pontos que podem ser convertidos em milhas.

  • vnsvini

    ACHO QUE ESSA É A GRANDE QUESTÃO
    Uma passagem de 800 reais vai precisar de quantos pontos para ser abatida por exemplo?

  • kadug

    Não se pode ter tudo. Programas de fidelidade custam dinheiro para as administradoras do cartão. E pra mim não dá pra julgar se é vantajoso ou não, já que não sabemos quantos pontos são necessários para apagar compras – e esse detalhe é fundamental.

    • Sim, mas atualmente uso Santander Platinum sem anuidade e sem tarifas. Claro que precisamos aguardar os valores para ver se vale a pena, mas conforme dito na matéria, o foco do programa de fidelidade será quem tem gastos bem elevados.

      “De acordo com os executivos da empresa, com o programa de fidelidade o Nubank espera atrair consumidores com renda maior que o dobro da média de seus clientes atuais”

      • Luis Gustavo

        só que para ter esse santander sem anuidade e sem tarifa a manutenção da tua conta lá deve ser bem baratinha rsrsrsrsrsrsrs

        • Uma vez por ano tem que ligar ameaçando mudar de banco, sempre funciona.

          • Marcos

            Por caso você recebe salário no Santander, paga seguro de carro lá ou algo assim?

          • Não, só o cartão mesmo. Até pouco tempo eu recebia bolsa e tinha que ser pelo BB, por isso centralizo tudo lá. Só o cartão de crédito é no Santander mesmo, mas tenho tido um giro alto nele.

          • Marcos

            Aí, sim. Por isso que a ameaça de mudar de banco sempre funciona!!! Explicado.

      • Alencar

        Tbm utilizo o Santander Platinum, sem nenhuma tarifa… e sem tarifa de manutenção de conta tbm…

        Para mim, o melhor dos bancos Brasileiros…

        • Rafael Sibemberg Turik

          Pessoa fisica ou juridica ?

          • Alencar

            Pessoa fisica…

      • maria lucia

        Atenção pq o Santander já enviou correspondência informando que não basta ter aplicação acima de 100.000 e nem renda alta.

        Tem de ter um determinado gasto mensal no cartão ou então passou a ter anuidade a partir de 01/set/2016.

        È desrespeitoso para com a base de clientes mas essa é uma das características do Santander Brasil. Afinal, qdo o Real comprou o Boavista, depois o ABN e aí virou Santander eles aproveitaram parte do slogan do antigo Boavista: “novas idéias e antigos ideais”. A parte do ideais foi convenientemente esquecida, ficaram só com as “novas” idéias.

        • Isso aí é só para o Santander Free, não é mesmo? O meu é Platinum e não recebi isso.

          • maria lucia

            Eu tenho um Platinum, um Platinum Style e um Black. O único que está fora do que descrevi acima (pgto anual compulsório)é o Black pq aí eu já pago anuidade (cara inclusive) mesmo.

      • Lucas R. Martins

        Como eles sabem a renda dos consumidores se eles não pedem comprovação?

  • Ainda não foi divulgado.

  • Leonardo da Fonseca Martins

    Não existe almoço grátis, pessoal. As taxas de anuidade é que pagam suas passagens aéreas. Só funciona porque muita gente deixa os pontos expirarem. Como vocês acham que o NuBank vai deixar você “apagar” despesas sem cobrar na conta de alguém? Esse programa de pontos está parecendo mais um “cala a boca” pra quem falava que “só falta um programa de milhagens”.

    • Felipe Meyer

      Nossa, falou o entendido em. O que gera milhas sao os gastos que voce faz com o cartao, pois cada gasto uma fatia da compra (de 1 a 5%) fica com a administradora de cartoes. As milhas geram viagens. Simples, agora nao fala mais essa bobagem pra mais ninguem nao.

      • Leonardo da Fonseca Martins

        Meu caro, por que então a NuBank vai cobrar anuidade pra quem aderir ao programa de pontos? Alguém tem de pagar a conta, pois ela não vai tirar um tostão do lucro pra atender ao pedido de um programa de “milhas”.
        As milhas distribuídas pelos bancos são compradas das companhias aéreas. Elas vão tirar esse custo do lucro que recebem nesse percentual da venda? Obviamente, não.
        Gastos no cartão não “geram” nenhuma milha. Cada banco decide quanto vai distribuir das milhas que comprou pra cada tipo de cartão com base no perfil de uso.
        As milhas têm o objetivo de fidelizar o cliente e de fazer com que ele aumente seus gastos com cartão, gerando mais receita, não de distribuir o lucro.

        • Roger Aaron

          A cobrança de anuidade, é pra forçar os clientes a usarem somente o cartão deles. Nenhum cartão da pontos gratuitamente, mesmo o que não cobram anuidade, exigem uma média de gasto mensal.

          • Davi Teixeira

            O Petrobras não exige sei disso pq tenho um Santander Free e Um Petrobras. O Santander passou a exigir gasto mínimo (cem reais), mas o Petrobras não.

  • Paula Carvalho

    Se cada 1 real é 1 ponto, tem que ter gasto pelo menos 800 reais para ter esses pontos já acumulados…

    • Renan Gleyson

      É ruim heim!!!
      Se for assim com uma fatura de $1500 a pessoa ja vai ter 1500 pontos, se for por este raciocínio a cada 1500 o cara já resgata uma passagem internacional ida e volta com esta fatura!
      Deve ter algo tipo, R$1 de uma CIA aérea equivale a 20, 50, 100 pontos Nubank, deve ser por aí, ainda falta bastante informação…

  • Gabriel

    “o Nubank espera atrair consumidores com renda maior que o dobro da média de seus clientes atuais”
    deveriam começar revendo a política de análise
    minha renda deve ser pelo menos o triplo do cliente médio deles, nunca atrasei uma conta na vida e tenho cpf limpo, mas eles nunca aprovaram meu cadastro

    • Felipe Meyer

      Renda nao e’ tudo, checa se seu nome ta bom na praca… Ao mesmo tempo, as vezes vc nao tem costume de fazer compras online ou no seu cpf sei la.

      • Gabriel

        Tudo ok no meu nome
        Quanto à comprar online, a única coisa que não faço online é feira

        Não tem motivo, no BB sou platinum, não tenho black pois teria que pagar uma anuidade nonsense. No Nubank sou rejeitado. wat?

        • Luis Gustavo

          teu passado te condena kkkkkkk

        • Marcos

          Está tudo ok no seu nome, logo você não está com a corda no pescoço. Se estivesse, acredito que teria sido aprovado para te cobrarem juros, essa é a sacada!

        • Lucas R. Martins

          Vai ver esse é o motivo, você já tem bastante crédito na praça e eles não acham você rentável. Dizem que quem atrasa aa contas é quem dá mais lucro pra eles.

  • AG.47

    Se sabermos as taxas de conversão de pontos para reais e o valor da anuidade não se pode afirmar nada ainda.

  • Eduardo Lobo Sosa

    Amigo. Eu fazo uma pregunta. Sirve este sistema para cartaos argentinas? Bl. Obrigado.

  • Bruno Diniz

    Alguem teve oportunidade de testar? Olhei no meu e não fui “eleito”

  • Lucio Daou

    O Nubank é muito bem-vindo e necessário nesse meio, trazendo inovação. Porém, acho que eles estão meio enganados quanto a ganhar mercado de maior poder aquisitivo tão facilmente. Muitos cartões de companhias têm prioridade de embarque e de check-in, alguns até translado para o aeroporto. Trocar de cartão entre os existentes já é meio seis por meia-dúzia hoje em dia, tendo benefícios e pagando anuidade… a escolha de cartão às vezes depende também por qual companhia aérea ou aliança se prefere voar.

  • Victor Pinho

    Bah mas se for assim vou continuar a usar mais meu cartão @submarino que é administrado pela @cetelem. Sem anuidades e com pontos para usar na loja. Já resgatei uns 700″temers” ..ah sim e sem anuidade alguma…

    • interessante! hmmm sem anuidade nenhuma?

      • Victor Pinho

        Sim o meu é sem nenhuma anuidade….

        • legal! qual o nome do seu cartão?

          • Victor Pinho

            o nome está em ali em cima.. m meu comentário. Abs

  • jorge moraes

    Como a administradora do cartão vai saber se o cliente tem alta renda se ela não pede comprovantes de renda? E mesmo que saiba, oferecendo um cartão com limite baixo ( como costuma fazer) não vai empolgar esse público.

  • kadug

    Seu raciocínio está errado: quando você gasta R$ 1 com o cartão, o Nubank não lucra R$ 1, lucra apenas uma pequena porcentagem. O Nubank não é instituição filantrópica, eles precisam que o negócio seja rentável (o que é bom para os usuários, pois significa que o negócio é sustentável a longo prazo e não vai acabar).

  • Emmanuel Kalispera

    Posso estar errado kadug, mas entendi que você ganha pontos com todas as compras mas só pode resgatar em passagens, hotéis, Spotify, uber etc…

  • Thiago

    Só acho que não adianta muito focar no público de alta renda e oferecer o programa de fidelidade e ao mesmo tempo emitir cartão Gold. Pelo menos pra quem participar do programa de fidelidade eles deveriam voltar a emitir Platinum.

  • EuMesmo

    Leonardo, é bom ressaltar que o programa permitirá que o cliente compre suas passagens e reservas de hotel em qualquer empresa, o que significa que poderemos aproveitar uma “bugpromo” divulgada aqui, por exemplo, com pontos! 😀 Só de terem feito dessa forma já é bem inovador e nos dará liberdade de escolha! Quanto a mensalidade, a Nubank informou que será menor do que costumam cobrar nos cartões MasterCard Gold e Platinum (eles emitiam Platinum, e de sorte tenho um, agora só emitem Gold) e que não será mais de 200 reais anuais! Esperando ansiosamente o programa ser lançado para cancelar o Clube Smiles!

  • Alencar

    Ok, respeito tua opinião.
    Mas não troco meu cartão Santander Style Platinum, por um “Nubank”.

    Sobre o esfera, programa de fidelidade do Santander, na minha opinião é ótimo.

  • Davi Teixeira

    Como chegaste ao valor de $0,05 por ponto (a cada um real gasto)? Isso equivaleria a 5% do valor transacionado no cartão, sendo que muitas maquinas de cartão cobram inferior a 5% do logista a cada compra e estes valores são divididos entre a bandeira de cartão (No caso seria a Mastercard), o emissor do cartão (neste caso o Nubank) e a maquina de cartões (rede, cielo, santander ou qualquer outra). Como seria possivel o nubank devolver (pontos) mais do que todo o sistema de cartões recebe? A exemplo de comparação o santander tem um cartão que devolve 2% do valor gasto no cartão, e a anuidade é de 35 reais mensais. Como o Nubank teria uma anuidade inferior a metade do que o santander cobra e devolveria mais do que o dobro para os clientes. Obs: não estou criticando, apenas quero entender para saber da viabilidade de eu utilizar ou não um Nubank.

  • Observador

    Você paga R$ 120,00 em anuidade, ganha 12.000 pontos no ano e descobre que para trocar por uma passagem aérea de SP -> RJ você necessitará de 90.000 pontos, também verá que para trocar seus pontos por uma faca Tramontina faltará apenas 40.000 pontos. Parece justo, só que não.

    • FGomes

      você pegou esses dados de alguma referência ou da sua cabeça mesmo?

      • Observador

        É isso que ocorre em outros cartões e provavelmente é o que ocorrerá nesse. Programa de milhagem compensa para aqueles que usam muito o cartão, e muito que digo é mais de 3k/mês. Para reles mortais com faturas de 500,00 mês não será nada novo.

        • FGomes

          ou seja, vc pegou da sua cabeça, e não de alguma fonte de verdade. entendi. eu to querendo saber de verdade quais são as conversões, não especulação.

        • FGomes

          e sério, vc quer ter beneficio pagando 500 reais por mês de cartão? claro que não vai ter nada. aonde você encontraria algum beneficio pra quem gasta míseros 500 reais por mês?