American Airlines anuncia mudanças significativas no AAdvantage em 2016

Leonardo Cassol 17 · novembro · 2015

A American Airlines anunciou hoje grandes alterações no AAdvantage para 2016. As mudanças são bem negativas para os usuários do programa, que até então era considerado o melhor programa de fidelidade do mundo por especialistas e pelos leitores do Melhores Destinos. A American segue a mesma linha já adotada inicialmente pela Delta e copiada pela United. Em síntese: (i) o acúmulo de milhas passará a funcionar com base no valor pago pela tarifa e não mais na distância voada 🙁 ; (ii) haverá uma nova tabela de resgate de passagens com pontos, com valores bem maiores que os atuais 🙁 ; (iii) o número de cupons de upgrade para membros com status Executive Platinum será reduzido de 8 para 4 🙁 ; (iv) o cálculo de qualificação para status elite foi simplificado 😐 Todas as mudanças entram em vigor em 2016, mas em momentos diferentes. Confira os detalhes dessas e de outras mudanças!

AAdvantage-2016

Acúmulo de pontos em voos

A partir do segundo semestre de 2016, o acúmulo de pontos em voos American Airlines passa a depender do valor pago pela tarifa aéreas (exceto taxas) e do status elite no AAdvantage, copiando o modelo já implantado pela Delta e pela United Airlines:

Na prática, isso reduz pela metade o acúmulo de pontos em tarifas promocionais, mesmo para os clientes com status máximo no AAdvantage. Por exemplo, nas recentes promoções da AA anunciadas pelo Melhores Destinos, com passagens de São Paulo para Miami por cerca de US$ 280, hoje o cliente acumularia 8.144 pontos no sistema que pontua pelas milhas voadas. Com a mudança, um cliente sem status passará a acumular apenas 1.400 pontos. Com status Gold 1.960, Platinum 2.240 e Executive Platinum 3.080. Sem dúvida, é a pior mudança para aqueles que viajam com tarifas mais baixas, ao mesmo tempo em que favorece quem voa pagando tarifa cheia. Veja o contra exemplo: Uma passagem São Paulo x Miami x São Paulo comprada por US$ 2.000 pontuaria 22.000 pontos para um cliente com status Executive Platinum.

Parece mesmo uma tendência irreversível, que em pouco tempo deverá ser seguida pela maioria dos programas de fidelidade, de parecida com o que já fazem GOL e Azul no Brasil, e fará a TAM a partir de 2016.

Nova tabela de resgate de passagens com pontos

A partir de 22 de março de 2016 os custos para resgate de passagens com pontos vão ficar bem mais caros, tanto em parceiros, como em voos da própria American. Até 21 de março será possível emitir passagens na tabela vigente, mesmo com voos programados após essa data. Então, fica a dica para quem tiver pontos acumulados no programa: aproveite para usar seus pontos antes da mudança! É hora de usar milhas da AA!

As alterações mais significativas foram em trechos operados por parceiros, bem como em voos em cabines de classe executiva e de primeira classe. Mas voos em classe econômica econômica operados pela American Airlines também foram afetados. Exemplo: o valor mínimo de resgate de passagens do Brasil para os Estados Unidos subiu de 20 mil para 30 mil pontos por trecho. Por outro lado, o custo de resgate de trechos domésticos no Brasil operados pela parceira TAM foi reduzido de 10.000 para 7.500 pontos o trecho. No entanto, resta ainda saber qual será a disponibilidade de assentos que a TAM vai liberar para emissão pelo AAdvantage, que hoje já é bem limitada e pode ficar mais restrita após a mudança.

Nova tabela: classe econômica – voos partindo do Brasil (em vigor a partir de 22/03/16)

Novo-AAdvantage-2016

Nova tabela: classe executiva – voos partindo do Brasil (em vigor a partir de 22/03/16)

Novo-AAdvantage-2016-American

Confira em detalhes as novas tabelas para emissão de passagens com pontos em empresas aéreas parceiras e em voos AA partindo de outras origens além do Brasil.

Cupons de upgrade

A partir de janeiro de 2016, quem se qualificar para o status máximo Executive Platinum (100 mil milhas de qualificação) receberá 4 ao invés de 8 cupons de upgrade (systemwide ugprades), que podem ser usados para fazer upgrade da classe econômica para executiva ou da classe executiva para a primeira classe, em passagens compradas com tarifas pagas. Após a obtenção do status, serão concedidos mais 2 cupons a cada 50 mil milhas de qualificação adquiridas, limitados a 4 por ano. Em relação ao upgrade de 500 milhas, membros Gold e Platinum passam a receber 4 upgrades a cada 12,500 milhas de qualificação voadas durante o ano. Quem optar por comprá-los, passa a pagar US$ 40 ao invés do valor atual de US$ 30.

Essas mudanças atingem apenas quem voa com muita frequência, mas é um balde de água fria para quem estava acostumado a se beneficiar dessa política. Apesar as mudanças, os upgrades continuam sendo um excelente benefício, devendo ficar mais fácil usá-los no futuro, em função da menor quantidade de cupons disponível.

Qualificação para status elite

A partir de 2017, o status passará a valer até 31 de janeiro do ano seguinte, e não mais até fevereiro como funcionava hoje. A boa notícia é que o critério de acúmulo de milhas para qualificação de status elite continua sendo por milhas voadas, da mesma maneira como já fazem Delta e United. Os níveis de qualificação foram mantidos, com a diferença que não existem mais pontos de qualificação, permanecendo apenas milhas e segmentos de qualificação elite, como indicado a seguir.

Níveis de qualificação 2016

Star_Integration_tierMapping_rev

Continua sendo preciso voar ao menos 4 trechos na American durante o ano de qualificação para obter qualquer categoria elite.

Passagens em classe econômica emitidas em tarifa cheia, classe executiva e primeira classe nos vôos operados pela AA vão ajudar a acelerar a obtenção de status, como indicado a seguir:

  • 3 EQMs por milha – Classe Executiva e Primeira Classe emitidas em tarifa cheia
  • 2 EQMs por milha – Classe Executiva e Primeira Classe emitidas em tarifa com desconto
  • 1,5 EQMs por milha – Classe Econômica emitidas em tarifa cheia
  • 1 EQM por milha – Classe Econômica emitidas em tarifa com desconto

Compare a pontuação por tarifa, no modelo atual e no novo, em detalhes:

FullSizeRender

Promoção de acúmulo diferenciado de milhas em classe executiva e primeira classe

O prêmio de consolação fica por conta da empresa manter até o primeiro semestre de 2016 a promoção que oferece acúmulo adicional de milhas para passageiros que voarem pela AA ou por parceiros qualificados em bilhetes comercializados pela AA (com número de voo AA) em classe executiva e primeira classe. Ainda assim, favorece apenas passageiros que pagam bem mais caro pelas passagens.

Conclusão

Na nossa avaliação, tirando o fato das alterações terem sido comunicadas de maneira clara e com antecedência, não há praticamente nada de positivo nas mudanças. O AAdvantage perdeu praticamente todos os seus diferenciais em relação aos principais concorrentes MileagePlus e Skymiles. Ainda é um programa com atrativos, mas entrou na vala comum dos principais programas de fidelidade. Por mais que as mudanças fossem previsíveis, ou até inevitáveis, no caso do modelo de acúmulo de milhas, havia esperança de que a American apresentasse alguma inovação em relação ao que já havia sido implantado pela Delta e pela United. O que, de fato, não ocorreu! Realmente uma pena!

—————–

Mais informações na página oficial do AAdvantage. O conteúdo ainda não foi traduzido para o português e não está disponível até o momento na página da AA Brasil, apenas da AA EUA.

E você, o que achou das mudanças anunciadas? Comente e participe!

Publicado por

Leonardo Cassol

Editor

  • Paulete

    Que palhaçada, de 20 mil para 30 mil o trecho do Brasil para Estados Unidos.

  • Patrick Ferreira

    Depois falam do similar digo smiles.

  • Álvaro

    Smiles fazendo escola!

  • Gustavo Pavelski

    O programa era um diferencial! =(

  • Rodolfo Nelson Santana Braga

    Já estou revendo o conceito de cartão com milhas. Não sei se ainda vale a pena, está caro acumular milhas e caro emitir as passagens.
    Em breve abandono as milhas e pego um cartão cash back para usar esse dinheiro e aí sim comprar a passagem.

    • Marcio K.

      Minha mulher pegou um city com 2% de volta, pelo calculos vale muuuito mais que acumular milhas, mas nem tudo deve ser flores, começamos a usar este mês, vamos ver…

      • O Gato Viajante

        Como funciona esse esquema e quais são suas conclusões após 2 meses de uso?

      • Tathiane Oliveira

        Também gostaria de saber como funciona e o que está achando.

  • kleber silva

    más o smiles ainda vai piorar apartir da semana que vem com a nova tabela.
    américa do sul 50mil milhas o trecho.
    trecho domestico apartir de 30mil pontos.
    já parei de usar cartão de credito pois não faz mais sentido.
    também não apresento mais o numero fidelidade pois o valor em milhas acumulado é pouco demais já que só viajo com tarifa promo.

  • Tarcísio Medeiros

    O acúmulo de milhas para a TAM continua o mesmo, né? o.O

    • diogo

      tbm quero saber disso

      • Tarcísio Medeiros

        Leoonardo, esse link que tu me passou foi pra acúmulo da TAM na AAdvantage, não? A minha pergunta foi se voando American houve alteração pra acumular no TAM Fidelidade, acho que não disse claro mesmo, hehehe

        • Opa, aí não muda nada. Pelo menos por enquanto..

          • Tarcísio Medeiros

            Valeu, ainda bem heheh

          • Almir

            Me tira mais uma dúvida Leonardo, quem já comprou as passagens mas só vai viajar depois de março de 2016, as milhas acumuladas serão pontuadas de acordo com a nova ou antiga tabela de milhas?

          • Deyvisson F. R. Almeida

            Que bosta, me fudi. Estava todo esperançoso de poder viajar para o Canadá com essas milhas 🙁

          • Emite antes do dia 22/3 se puder

          • O acúmulo só muda no segundo semestre.

          • Deyvisson F. R. Almeida

            Aham, mas eu só viajo para o japão em abril, ou seja, já vai ter mudado a tabela. Sofri.

  • Marcio Correa

    Pois é, não esta fácil p’ra ninguém….

  • Viajante

    Alguém que comprou no bug da AA conseguiu incluir o nº do AAdvantage na reserva?
    Na época da compra não tinha cadastro no AAdvantage e nem me atentei para isso. Agora fiz o cadastro, mas quando tento incluir o nº do AAdvantage na reserva ocorre erro dizendo que o nº não existe.
    Será que não é possível incluir o nº agora?

    • Hermes Hs

      Não sei se é o caso, mas antigamente tinha regra de precisar se encontrar escrito no programa antes da viagem para o qual prentende acumular! Tentei há uns dois anos atrás para minha mãe e não foi possível, mas tinha essa informação bem clara, que o associado não estava na base antes do início da viagem.

      Mas era no site antigo, talvez tenham mudado até os avisos.

    • Jorge

      Na hora do checkin é só fornecer o número que eles colocam no sistema.

  • diogo assuncao

    E o acumulo de milhas para a tam ? ficou da mesma forma ?

      • diogo assuncao

        ok

        • Se for para acumular no TAM Fidelidade voos da AA, aí não muda.

          • Almir

            Então compensa no momento do checkin dar o número do tam fidelidade?, acumula mais?, por exemplo pra um vôo internacional comprado no promobug da AA.

          • Em que data, Almir?

          • Almir

            25 de março 2016 pra Roma

          • Almir, em março ainda vale a regra antiga da AA. Você deve acumular mais pontos pela AA, mas pegará a tabela de resgate nova. Se você não for viajar frequentemente para os EUA, recomendo pontuar na TAM

          • Rodolfo Mello

            Se eu tenho o cartão AAdvantage e estou escrito no programa, voando de TAM para os EUA também acúmulo milhas no AA? Ou só ao contrário?

          • diogo assuncao

            no caso estou em busca de upgrade no tam fidelidade quero me tornar red e percebi que voos pela AA para europa com conexao nos eua da para acumular em torno de uns 20 mil pontos qualificaveis para upgrade na tam , entao isso nao ira mudar ?

          • Não!

  • Marcelo Calvario

    Na verdade sempre foi 30k. 20k é off peak. Na tabela não mostra disponibilidade de comprar off peak após a mudança. Será que quando mudar não irá abrir passagens off peak para comprar por 20k?

    • Pela nova tabela o off peak acaba após a mudança.

      • Marcelo Calvario

        Entendi. Mas tem off peak para a europa. Vai acabar somente para a América do sul?

        • Se as informações divulgadas até o momento estiverem corretas, parece que sim. Vou mandar essa pergunta via assessoria de imprensa pra ver se eles confirmam pra gente.

  • Almir

    Ahhhhh não é possível 🙁 🙁 só pq tô juntando milhas no cartão citi advantage e tenho viagem pra Roma em 25 de março.
    Parece que não tem mais nenhum programa que compense juntar milhas.

    • PPKX XD

      Então, mas não ficou claro como é o acúmulo pelo cartão, porque no cartão a regra é 1 dólar = 1 milha, se mudar pelo mesmo valor de milhas voadas base (1 dólar = 5 milhas) vai valer muito a pena, mas acho que não, quem sabe o @leocassol:disqus pode esclarecer isso pra gente

  • vinicius

    fiz uma pesquisa agora rapida e ainda vejo trechos por exemplo GRU – LAS ate junho 2016 por 40mil ida e volta…. tem trechos em setembro e outrubro tambem… a data LIMITE para emitir com valores mais baixos é ate março, mas podemos voar até onde tiver disponivel…. fica a dica para gastar antes do dia 22 de março

  • Carlos Alexandre Rieg

    Quem se deu bem foi apenas o povo de Manaus que passou para South America Region 1 e terá por 17.5K na baixa e 20K na alta.

    • Carlos Alexandre Rieg

      O jeito é comprar promo para embarcar em MAO.

    • gilberto

      E a exec. ficou quantas milhas ?

      • Carlos Alexandre Rieg

        Ficou 30k.

  • gilberto

    Sou EXP,e não usei nenhum dos 8 upgrades,vão me tirar 4 ou eu fico com os 8 com validade até 2.017 ?

    • O que você acumulou permanece como está. Muda de 2016 pra frente apenas, para o que for acumulado

      • gilberto

        Valeu Leonardo, qualquer hora te levo no meu restaurante na asa sul, de tanto que vc. já me ajudou he he

      • Riccardo Martin

        Leonardo, to precisando de uma orientaçao sua, especializada..Como faço pra te enviar um email com anexos? Nao da pra eu te dizer por aqui pq envolve informação e dados de 3os….

  • Hermes Hs

    Para os EUA, só sobrou a Copa com programa de milhas e não de dinheiro…..por enquanto!!!

    • Fabio

      O Gerente Geral da Copa no Brasil informou de pes juntos no evento comemorativo dos 15 anos da empresa no Brasil que eh questao de honra para o programa deles manter 1 milha voada no minimo equivalente a 1 milha acumulada. Eh com esse diferencial que eles esperam ganhar mercado nao soh no Brasil, mas nos USA

  • Ana Carla Carvalho

    Meu noivo conseguiu no checkin

  • Ana Carla Carvalho

    Essa mudança no acúmulo vale apenas para novas passagens compradas? As compradas anteriormente mas voadas a partir de 2016 mantém a regra de acúmulo do momento da compra, não é?

    • Rodrigo eugenio

      Com certeza, mesmo que os voos sejam para o segundo semestre, eles hão de honrar – por bem ou por mal – as condições vigentes no tempo da compra do bilhete. Eu tenho meu regresso de Hong Kong em julho e, se não honrarem por bem, terão de honrar na marra.

      • Eduardo

        Terão que honrar na marra com certeza… Estou na mesma situação. Viajo para BKK em 03.07.2016

        • Rodrigo eugenio

          Numa situação parecida que passei com a Continental (United) eles não quiseram honrar por bem, me obrigando a ajuizar demanda, que, por óbvio, sagrou-se vitoriosa. O que conta não é a data do voo, como eles defendem, mas as condições vigentes na data de compra do bilhete. O Código do Consumidor não admite alterações unilaterais por apenas uma das partes, ainda mais tão danosas ao consumidor como estas.

          • Eduardo

            Com certeza Rodrigo. Sou advogado aqui no Rio e as decisões seguem realmente nesse sentido. Inclusive, registro aqui minha indignação com essa publicidade da AA acerca do stopover gratuito, que na prática – pelo menos na minha experiência pessoal, não funciona. Eles tem uma tarifa para ida-e-volta e outra completamente diferente para “múltiplas cidades”. Vou voltar a voar de United em 2017

  • Adriel Marcos

    Poxa, mais um programa que está fazendo mudanças negativas 🙁 (só não fico totalmente triste pq moro em Manaus! 20K para USA aí vou eu hehehe)

    • gilberto

      O hotel jungle palace dai é bom Adriel ?

      • Adriel Marcos

        Olha, nunca fui pessoalmente no Jungle Palace, mas os cometários em relação a ele são bastante positivas. Já fui no Ariaú (que é tbm um hotel de selva). Me falaram que a comodidade e serviço do Jungle é parecido com a do Ariaú. Se for, pode-se considerar o Jungle um palácio na beira do Rio Negro!

  • EIion Tallet

    Cadê a nova tabela daquele programinha que começa com S e termina S? Já entraram em vigor as novas regras deles?

    • Patrick Ferreira

      a partir do dia 21

  • Victor Oliveira

    Ainda não tenho status nem no AAdvantage nem no Iberia Plus. Comprei várias passagens na promobug da AA anunciada aqui pelo Melhores Destinos e pelos meus cálculos, por serem trechos em executiva, chegaria rapidamente (antes de 31 de março de 2016) ao status platinum na AA e acumularia quase 100 mil milhas. Entretanto, dado o recente anúncio das medidas negativas, acreditam que compensa pontuar no Iberia Plus, tendo minha necessidade maior em emitir para Europa do que EUA e o fato do IB Plus continuar a cobrar somente 25k o trecho entre SP-Madrid? Obrigado

    • Acho que no seu caso convém pontuar no AAdvantage de qualquer forma, pois você terá o bônus da tarifa e do status (quando conseguir).

      • Victor Oliveira

        Obrigado Leonardo. Pontuarei na AA então pelo bônus tarifário e de status pq pelos meus cálculos, já alcançarei gold ao voar até hkg de executiva e esqueci de dizer que tenho outra ainda na econômica para a Austrália. Embora em economica, pela distância renderá um bom número de milhas já que a viagem será ainda sob as regras do sistema atual. Sabe qual status alcanço no AAdvnatage saindo do zero, com uma ida e volta GRU-HKG em executiva e depois uma ida e volta GRU -SYD em exonomica? Pelos meus cálculos viraria platinum. Está correto? Obrigado!

    • Andre

      vale a pena inclusive vc comprar mais uma pra alcançar o executive platinum se tiver perto de 100.000 milhas voadas.

  • Marcos Ignacio

    E as milhas necessárias para EUROPA, pq não aparece na tabela?

  • Roberto Pacheco

    As passagens do bug AA estao pontuando?
    Tenho 1 em dezembro, 1 em fevereiro e 1 em maio. Melhor mandar p AA ou TAM?
    Obrigado

    • Gabriel

      Pontuando. Acabei de voar para Ásia em Business, e recebi também o bônus promocional por voar em Business além das milhas regulares. Vale mais pontuar na AA por conta do bônus do status (lembrando q a TAM não pontua bônus por status em voos que não sejam TAM), e se você voar em Business ou First ainda vai receber o bônus promocional.

      • Roberto Pacheco

        Ola gabriel,

        Desculpe a ignorancia, mas como funcionam esses bonus? Minhas 3 sao em business. Grato

        • Gabriel

          Os detalhes do bônus promocional (link no artigo no trecho “Promoção de acúmulo diferenciado de milhas em classe executiva e primeira classe”)

          Exemplo do que pontuei na Business DFW – GRU (1 trecho):

          5111 milhas voadas
          7667 milhas de bonificação (AAdvantage Platinum – 100% das milhas voadas + 50% por ser business)
          6000 milhas de bonificação promocional

          18778 milhas para 1 voo somente. Na TAM isso renderia somente 5000 milhas + 2500 por ser business.

          Você fez um ótimo negócio comprando todas em Business. Eu só emiti Ásia em Business, acabei emitindo uma segunda passagem para EUA – Europa na Economy.
          A passagem da Ásia rendeu, sozinha, uma ida e volta EUA (mesmo na tabela nova).

  • Fernando-RJ

    Isso aí! Quem pode, emita antes dessa reformulação…

  • Rogerio

    Acho que já cansaram de ficar no primeiro lugar do ranking de melhor programa de milhagem, agora querem ser um dos últimos. Só não vão ficar em últimos porque ainda existe o Smiles.

  • leandro

    Sou novato nesse mundo das milhas e tenho a seguinte dúvida: Comprei duas passagens na promobug da AA (gru-jfk-mia-gru e gru-dfw-hkg;nrt-dfw-gru todas em executiva e voando antes de junho de 2016) e gostaria que vc me disse se é melhor pontuar na American ou na Tam? Quantas milhas eu ganharia em cada programa com as novas regras? Na American não possuo status nenhum e na Tam sou azul? Com esses voos eu consigo algum status na AA? Obrigado

  • Marcio K.

    Nossa, ainda bem que acabei de esgotar minhas milhas do aadvantage. Disparado era o melhor programa.

  • Mah

    There is no free lunch.

  • Thomas Hisamura

    Leandro, como a regra de acumulo de milhas baseada no valor pago só entra em vigor no segundo semestre, eu acumularia na AA mesmo. Além disso, a regra de pontuação de milhas qualificadas (para aquisição de status), mudou para melhor. Imagino que suas passagens foram emitidas na classe I (executiva promo), e a pontuação nessa classe passou de 1,5 para 2 milhas qualificadas por milha voada. Portanto, calculo que os trechoa que vc comprou te deem o status platinum.

    • Leandro

      Obrigado pela resposta.
      Minhas passagens são gru-jfk (i),jfk-mia (p), mia-gru (d) e os demais trechos em (i) Como faço pra saber quantas milhas eu ganharia na AA e quantas eu ganharia na Tam?

      • Thomas Hisamura

        Na AA, todas essas classes (I, P, D) acumulam 2 milhas de qualificação para cada voada, e 1,5 milhas para uso em resgate de premios, para cada voada. Essa brincadeira toda sua vai dar umas 69.000 milhas de qualificação (com 50.000 vc vira Platinum) e umas 52.000 milhas para uso em premios (ou mais, dependendo de quando vc atinge o Gold, aí as próximas viagens acumulam mais milhas ainda). Na Tam, melhor esquecer…

  • Mah

    Pra quem tem poucas milhas, como eu (25k), compensa emitir com milhas um trecho interno nos EUA, e pegar uma promo daqui pra lá.

  • Fabio

    A AA foi comprada pela Gol?

    • Antonio Silva

      Parece néh ?! kkkkk

  • Antonio Cunha

    Duvida, desculpe a ignorância, comprei passagens na economica .. bug da AA, Rio x losangeles x TAHITI (PPT) (stoppover na ida e a volta de 3 dias em LOS Angeles

    e comprei uma outra passagem RIOx MCO x LONDRES X NY….
    eu pontuo na TAM OU NA AA,??? AMBOS SAO ECONOMICAS, EU GANHARIA QUANTAS MILHAS NA AA? E NA TAM??
    NAO TENHO CADASTRO NEM NA TAM E NEM NA AA NOS PROGRAMAS DE MILHAGEM, QUAL QUE VOCES INDICARIAM?
    DESDE JA AGRADEÇO

  • Abbadon Azazel

    Mudou para pior….!!! E agora, o que vou fazer ? Tenho 21k de milhas AA e a minha esposa tambem. O que dá para fazer com elas ?? Tenho férias em fevereiro.

    • Mah

      Trechos internos nos EUA.
      Se eu fosse você, emitia saindo de MIA, e comprava uma passagem na promo daqui pra lá, que tem o tempo todo.
      Calculei 25k ida e volta -MIA/SFO
      Perceba que há dias que as milhas necessárias dobram, fique de olho no calendário.

      • Abbadon Azazel

        De acordo com o AA, eles me falaram que tenho de usar as milhas em epoca de baixa temporada e juntar com as de minha esposa, para eu so pagar um voo e a um custo decente.

    • Eduardo

      Se cada um tem 21k dá pra pegar um bilhete de ida e volta para os Estados Unidos por exemplo. O outro bilhete você compra no dinheiro.

    • Andre

      vc tem um trecho pra usar. Tem q emitir a ida ou a volta por outra cia.

  • Andre Luiz Gomes Dantas

    cadastre-se na tam e pontue lá, importante é que deve se cadastrar antes do voo senao nao terá direito.

  • Breno Vieira

    @leocassol:disqus, como faço pra resgatar bilhete da Tam com milhas AAdvantage ?

    • Edgard

      Salvo engano, precisa ligar na central de atendimento.

      • Breno Vieira

        Poxa =/
        Mas tem como ver os trechos disponiveis online ?

        • Edgard

          Olha, nunca fiz, mas acho que sim… vc teria que pesquisar os trechos que quer no site da TAM, simulando o pagamento com milhas, depois ligar na central pra tentar emitir pro trecho escolhido usando suas milhas AAdvantage… isso partindo do pressuposto que os trechos disponíveis com milhas TAM tb estão para as milhas da AA…

        • Isso mesmo, pela central. Não tem como ver online. Uma dica é ver os trechos pelo site da TAM que têm resgates promo ou clássico que as chances são boas. Restrito você provavelmente não vai encontrar disponível na AA. Mas vale sempre conferir na central.

  • Carlos Magalhães

    Conseguiram pioram, de forma significativa, o melhor programa de milhagens. Recentemente fui a Honolulu DUAS vezes, mandei meu filho e a namorada para Vancouver e a mãe dele também para Vancouver.
    20.000 milhas cada perna.
    Tenho que fazer as contas, agora,

  • brunofranca

    Poxa, eu achando que era jeitinho brasileiros do Smiles e Multiplus.

    VALE A PENA CANCELAR O CARTÃO DE CRÉDITO BB SMILES PARA FAZER UM CARTÃO CITY AAADVANTAGE AINDA?

  • Beto Karioca

    Pessimo, pessimo, pessimo… pq não acabam de vez com esses programas ? Pq do jeito que esta, nao faz muito sentido, ja que o cliente agora tem q vender a alma ao diabo p conseguir uma simples ida e volta !

  • Eric Šeparović

    Estou concluindo que não vale mais a pena centralizar os gastos em cartão de crédito. Melhor barganhar desconto a vista em cada comprinha. O saving de cada operação você guarda em uma conta apartada (rendendo DI/CDB, etc.) e você trata isso como se fosse o valor das milhas. Daí resgata o “investimento” e investe numa viagem independente destes programas que cada vez mais dificultam nesse contexto de dólar a R$ 4.

    • Andre

      faz muito sentido pra maioria das pessoas mesmo. fora q tão dificultando isenção de anuidade cada vez mais.

  • Diogo Vieira

    O meu programa de milhagens sempre foi assim: compro passagem nas melhores cias, mas em promoção! Sou fiel ao meu bolso! Para os simples mortais que viajam pouco, esses programas sempre foram uma ilusão. Agora para quem viaja com frequência, na maioria das vezes com o dinheiro das empresas que trabalham ou a negócios, aí sim vale a pena… No resto, é como nadar e morrer na praia… Porque sempre vem as mudanças, como essa!

  • Marcelo

    Bom dia !
    Possuo 51000 milhas no AAdvantage e nunca usei o programa. Vou viajar agora em marco. Qual a melhor maneira de usar essas milhas ? Compensa comprar o que falta de milhas nessa promoção de bônus para emitir passagens pra mim e pra minha esposa ?

  • Érica

    Comprei 4 passagens para a família na Promobug da AA SP-MCO-SP. Consigo pontuar todos no meu programa de milhas? É vantagem pontuar AA ou TAM?

  • Andre

    Depende. A tam também vai mudar. Teoricamente se vc nao tem status na American vai acumular uns 8000 por pessoa. Na Tam até Abril se não me engano vc ganha 10.000 depois não sei. 8000 na american é mais dificil de conseguir fazer algo do que a tam, portanto eu sugiro tam

  • Andre

    marcelo, com 40.000 vc emite uma ida e volta pros Eua, portanto poderia comprar a sua ou da sua esposa com milhas e a outra em $.

    • Andre

      na verdade o ideal é, inclusive, vc emitir a ida volta da sua esposa com milhas, e a sua comprar, pois ai vc acumula uma pontuação nos 11.000 q sobrarem, sendo miami vai acumular pelo menos uns 8000, chegando em 20.000 vc teria mais um trecho (mas somente até dia 22/03), portanto tem q usar rapidinho caso viaje no meio do mes.

  • Andre

    nao era assim nao diogo, ganhei muita viagem free pagando um pouco a mais na american e mantendo status. Tudo depende de fazer contas. É igual milha de cartão de credito, gasta-se R$ 2000 numa anuidade pra ganhar 1 milha mais por dolar. Precisa gastar muito dinheiro pra valer a pena.

  • Andre

    vai pra tam, até abril a tabela tá melhor

  • Andre

    em executiva ainda da mais milhas para a AA. Vc consegue o Gold.

  • Bruno

    Além do aumento da pontuação por trecho fica muito, mas muito difícil juntar as milhas voando. E o pior, mesmo gastando com o cartão de crédito, agora precisamos de 4 reais para trocar por 1 dolar =1 milha! Deixou de ser Advantage.

  • Cristiane Muscari

    Gostaria de saber se vale mais pontuar passagens AA no Multiplus ou no AAdvantage?