GOL lança nova malha com 970 decolagens diárias no sábado

Denis Carvalho 21 · fevereiro · 2013

Não perca mais nenhuma promoção!

Promoções no e-mail

Faça como 1 milhão de brasileiros. Cadastre seu email e receba as melhores promoções de passagens!

Promoções no Whatsapp

Agora você pode receber promoções direto no Zap! Escolha se quer receber todas ou só as melhores!

A partir do próximo sábado, dia 23 de fevereiro, a GOL inicia as operações de sua nova de malha.  A reorganização dos trechos, necessária após a compra da Webjet, acordo com a Delta e outros fatores, foi feita com base na conveniência de horários e rotas, inclusive dos que envolvem conexões para todos os destinos da empresa de suas parceiras.Com 970 decolagens diárias a companhia é a que tem o maior número de voos no Brasil.

Há mais de dois meses, temos recebido inúmeros e-mails de leitores questionando a alteração dos voos das Gols. Muitos não conseguiam encontrar encontrar horários e conexões, já que a malha foi sendo alterada aos poucos.

A partir de sábado, a GOL voará para 51 destinos domésticos e 14 internacionais, dentro de 10 países nas Américas. Segundo a empresa, as principais rotas terão aumento de frequência, com novas possibilidades de voos diretos e os horários “mais convenientes” a quem deseja fazer conexões para destinos dentro e fora do país.

São Paulo mantém-se como a principal mercado da companhia e o aeroporto de Guarulhos, o mais importante para a distribuição dos voos aos destinos nacionais e internacionais. Nesta base, 10 novas decolagens serão realizadas todos os dias para o aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, o que possibilitará à GOL ter a maior oferta de assentos da rota.

Além da capital paulista, Rio de Janeiro e Brasília serão outros importantes polos de distribuição de voos e conexões. A partir do aeroporto do Galeão, a GOL inaugurará duas novas operações diárias, uma para Campo Grande e outra para Cuiabá, tornando-se a única aérea a realizar estes trechos. Já com origem no Distrito Federal, a reprogramação dos voos conta com o aumento de frequência para Maceió, Palmas e Teresina e com o início de um voo diário para Natal.

A nova malha terá ainda duas novas operações para Vitória, que decolarão de Salvador e Recife. Em Minas Gerais a GOL aumentará a frequência de voos entre Belo Horizonte e Montes Claros, Recife e Salvador. Além disso, será integrado à malha da companhia um voo diário entre a capital mineira e as cidades de Fortaleza e Natal, com uma escala em Salvador.

A GOL informou que com a proposta da nova malha, clientes que adquiriram passagens até 31 de dezembro podem ter alterações nos horários e/ou numeração de seus voos. Caso não tenham recebido alerta da companhia com a informação da alteração, devem conferir os dados de seu voo no site da GOL, na seção “Seu voo”, ou por meio da Central de Relacionamento com o Cliente, que está à disposição 24h no telefone 0800 704 0465.

Anac

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac)  informou que vai monitorar o processo de mudança na malha aérea da GOL. A agência vai verificar o cumprimento da Resolução nº. 141/2010, que prevê os direitos dos passageiros, dentre eles aqueles relativos à alteração de datas e horários pela companhia aérea.

Em casos como esse, a empresa é responsável por assegurar o adequado atendimento aos clientes, prestando assistência integral aos passageiros que porventura possam vir a ser afetados durante o período de alteração da malha aérea. Caso a modificação proposta pela empresa não atenda as necessidades do usuário, a primeira alteração feita pelo passageiro deve ser realizada sem a cobrança de quaisquer custos ou taxas.

Em caso de cancelamento, atraso ou preterição de embarque, os passageiros têm direito à acomodação em outros voos ou ao ressarcimento do valor integral pago pela passagem, se preferir, conforme prevê a Resolução n°141/2010. O descumprimento da resolução pode gerar sanções, inclusive para os casos de preterição de embarque de passageiros e ausência de assistência material aos clientes que já adquiriram os serviços da empresa. A multa pode variar de R$ 4 mil a R$ 10 mil por infração.

Caso os passageiros se sintam prejudicados ou tenham seus direitos desrespeitados, devem procurar a GOL para reivindicar seus direitos como consumidor. Além disso, o usuário poderá encaminhar à ANAC, aos órgãos de defesa do consumidor e ao Poder Judiciário as tentativas de solução do problema para os quais a empresa não apresentar resultado. A Agência possui canais de comunicação destinados a receber manifestações pela Internet (Fale com a ANAC) ou pelo telefone 0800 725 4445 (que funciona 24 horas, sete dias por semana, inclusive com atendimento em inglês e espanhol).

Autor

Denis Carvalho - Editor chefe