Está no ar o Guia de Los Roques, um dos mais incríveis destinos do Caribe!

Monique Renne 24 · agosto · 2016

Não perca mais nenhuma promoção!

Promoções no e-mail

Faça como 1 milhão de brasileiros. Cadastre seu email e receba as melhores promoções de passagens!

Promoções no Whatsapp

Agora você pode receber promoções direto no Zap! Escolha se quer receber todas ou só as melhores!

Está no ar o Guia de Los Roques. Veja todas as dicas sobre este incrível arquipélago no Caribe da Venezuela. Saiba tudo sobre como chegar em Los Roques, as mais belas praias e ilhas, onde ficar, quando ir, o que fazer em Los Roques, os melhores mergulhos e tudo mais sobre este destino ainda pouco conhecido entre os brasileiros. Descubra Los Roques!

los-roques-como-chegar-004
Arquipélago de Los Roques

O Melhores Destinos perguntou qual era o destino predileto no Caribe entre os nossos leitores no Facebook. As respostas foram várias, mas um destino em especial chamou a atenção pelos comentários e declarações sempre apaixonadas: Los Roques! Sim! Este Caribe venezuelano, ainda pouco conhecido e explorado entre os brasileiros, é destes lugares que causam comoção e paixonite. E se tantos leitores são loucos por Los Roques, estava mais do que na hora de irmos conferir pessoalmente se o arquipélago venezuelano é mesmo tudo o que dizem. Sem suspense, posso garantir que sim! Los Roques é mesmo espetacular e absolutamente apaixonante!

Viajar para Los Roques envolve uma boa organização e até um certo grau de coragem. Digo coragem no sentido de “enfrentar” tantos comentários contrários ao roteiro. Não podemos ignorar o fato de que Los Roques é um arquipélago que pertence à Venezuela, país que passa por um grave momento político e econômico. Antes de viajar, bate mesmo aquela incerteza sobre estar fazendo a escolha certa. E só indo até lá para termos certeza de como estão as condições turísticas da região. Por isso, contrariando todas as previsões, mantivemos a viagem e seguimos rumo a Los Roques!

los-roques-onde-ficar-013
Voo para Los Roques

Organizar uma viagem para Los Roques exige um pouco de paciência. Há poucos voos até Caracas (nenhum direto do Brasil) e os voos para Los Roques (sempre em aviões pequenos) não são vendidos online. É preciso entrar em contato com a companhia aérea por e-mail, telefone ou mesmo realizar a compra com a ajuda de intermediários, como guias locais ou a pousada escolhida para hospedagem. Aliás, a escolha da pousada também está entre os fatores mais difíceis da viagem. Não por serem ruins, muito pelo contrário! Los Roques oferece pousadas charmosas, com excelente comida e, quase sempre, com todo o serviço incluso.

Você poderá optar por pacotes com café da manhã, o almoço para levar à praia e o jantar. Ou seja, você não se preocupará com quase nada. E, só para constar, a comida em Los Roques é sempre maravilhosa! Os preços agradam a todos os bolsos. Com USD 35 por pessoa você já garante um bom quarto com café da manhã e jantar. Pagando USD 150 por pessoa é possível se hospedar em uma das melhores pousadas do arquipélago, com tudo incluso! Na dúvida, nós nos hospedamos em cinco delas! 

A questão do dinheiro pode gerar muitas dúvidas entre os turistas que desejam ir a Los Roques. O câmbio na Venezuela não é nada estável e os valores podem mudar muito em pouco tempo. A vantagem é que a ilha tem uma economia praticamente dolarizada. Los Roques segue os valores do câmbio negro e você não precisará de muitos bolívares (moeda oficial) para ir até lá. Dólares são amplamente aceitos. Caso deseje trocar alguns dólares ao chegar no Aeroporto Internacional Simón Bolívar (o aeroporto internacional não é em Caracas, mas sim em Maiquetía, localizado a 20km da capital), tome cuidado para não cair em golpes dos cambistas. A chance é razoável de passar algum aperto. Já em Los Roques tudo é bastante tranquilo, até mesmo o câmbio. Para evitar problemas, veja mais sobre câmbio e dinheiro na Venezuela.

los-roques-madrisqui-002
Madrisquí

Ao começar a organizar a viagem para Los Roques será fácil perceber que não é um bicho de sete cabeças. Basta um pouco de tempo e paciência e tudo se resolve.

Com as passagens em mãos e a pousada escolhida, é hora de sonhar com as praias de Los Roques. E esse sonho começa a virar realidade quando o aviãozinho sobrevoa o arquipélago e o mar ganha uma infinidade de tons que compõem a paleta de cores entre o azul e o verde. É tão emocionante que você nem percebe o pouso na pequena pista da ilha de Gran Roque, principal povoado do arquipélago.

Voo para Los Roques

Quando os turistas botam os pés em terra firme, e percebem que estão naquele paraíso, toda angústia de viajar para um destino “fora dos padrões” passa instantaneamente. Dali pra frente é só curtir! A maior dúvida será escolher uma pequena porção de paraíso para passar o dia. E, diferente de grande parte do Caribe, estamos falando em paraísos praticamente desertos. Você poderá, por exemplo, escolher um banco de areia rodeado pelo belo mar para passar o dia. Se preferir as belezas submersas, não faltarão opções para mergulhos em barreiras de corais, mangues ou mesmo nas piscinas naturais que se formam em várias ilhas de Los Roques. Vale até encarar algumas aulas de kitesurfe e curtir o mar de uma maneira um pouco mais… acrobática! O espetáculo está entre os mais belos!

los-roques-cayo-vapor-002
Cayo Vapor

Os passeios em Los Roques levam vantagem em relação a outros destinos caribenhos, especialmente quando falamos em valores. Visitar outras ilhas (os turistas se hospedam em Gran Roques, mas fazem passeios para outras localidades) custa entre USD 3 e USD 20 por pessoa. E estamos falando de ilhas lindíssimas e quase sempre vazias. A única preocupação será retocar o protetor solar (lá o sol parece ser muito mais forte) e decidir entre a cerveja gelada ou o banho de mar. Vale até levar uma boia para “navegar” em câmera lenta. Ah! E não esqueça a câmera. Vai ser difícil segurar o dedo por lá, por isso, lembre-se também de cartões de memória extras e acessórios para alguns retratos subaquáticos!

Carenero

As opções de ilhas são muitas, assim como a rota de passeios. Uma viagem de dez dias não será suficiente para conhecer tudo, mas dará uma boa idéia do que é Los Roques. Não perca destinos como Cayo de Água, Sebastopol e Carenero, as três entre os melhores passeios do arquipélago. Vale conhecer também as ilhas de Francisquí, Madrisquí, Crasquí, Noronquí e Espenquí; os bancos de areia de Cayo los Viejos, Cayo Vapor, Saquí Saquí e Cayo Muerto (para mim, um dos mais lindos de todo arquipélago); e as áreas para mergulho de Boca del Medio, Boca de Cote, Laguna de Rabusquí e Boca de Sebastopol. E se você perguntar a um morador qual delas é a mais bonita, a chance é enorme de ouvir um sonoro “todas elas”. E os roqueños não estão errados.

los-roques-cayo-muerto-001
Cayo Muerto

Como Los Roques não é um destino muito agitado, prepare-se para descansar, esquecer os problemas, comer muito bem, mergulhar em águas de diferentes cores e ver o mais lindo pôr do sol da sua vida. Pois é! Los Roques tem dessas coisas. A chance é grande de você repetir, em vários momentos da viagem, a frase “o mais lindo da minha vida”. Seja bem-vindo a Los Roques! O inexplicável Caribe venezuelano.

los-roques-por-sol

Quer conhecer mais sobre Los Roques? Acesse o Guia de Los Roques e veja detalhes sobre como chegar, onde ficar, o que fazer, onde comer, as melhores praias e ilhas, os passeios e dicas sobre câmbio, segurança e serviços de guias. Certeza que você também se tornará um apaixonado por Los Roques!

Autor

Monique Renne - Editora de Destinos Jornalista e repórter fotográfica viciada em passagens aéreas. Com um mundo inteiro a ser descoberto.