Latam reduz tarifas elegíveis aos upgrades cortesia para clientes Black Signature, Black e Platinum!

Leonardo Cassol 8 · novembro · 2018

Não perca mais nenhuma promoção!

Promoções no e-mail

Faça como 1 milhão de brasileiros. Cadastre seu email e receba as melhores promoções de passagens!

Promoções no Whatsapp

Agora você pode receber promoções direto no Zap! Escolha se quer receber todas ou só as melhores!

A Latam parece que tem uma meta de divulgar uma notícia ruim por semana… Dessa vez, sem aviso prévio, a empresa restringiu as tarifas elegíveis ao upgrade cortesia de cabine oferecido aos clientes Latam Fidelidade Black Signature, Black e Platinum, aproveitando o lançamento da sua nova família de tarifas, onde as passagens mais baratas não oferecem mais pontos e nem marcação gratuita de assentos em voos internacionais.

O que mudou

Até 2017 todas as tarifas de classe econômica vendidas pela Latam eram elegíveis ao upgrade cortesia de cabine, que permite que clientes com status Black Signature, Black e Platinum no Latam Fidelidade utilizem cupons para viajar em classe Premium Economy ou Executiva. Em março de 2018 a Latam restringiu esse benefício para as tarifas Acess, Base e Control. Agora, com a nova família de tarifas, a política ficou bem mais restrita. Apenas os dois tipos de tarifas mais caras permitem o upgrade: a Plus e a Top.

Como ficou a política de upgrades da Latam desde 20/10/18

Como era a política de upgrades da Latam até 20/10/18

Segundo a Latam, quem comprou a passagem antes de 20 de outubro de 2018, as tarifas elegíveis continuam sendo Access, Control e Flex.

Felizmente as passagens emitidas com pontos ainda não sofreram alteração e continuam permitindo o upgrade cortesia! Porém, é possível que isso não dure muito tempo, já que a nova política cria uma distorção: praticamente inviabiliza o upgrade cortesia em passagens pagas (as tarifas elegíveis custam tão caro que em muitos casos é quase o preço da executiva, sem o risco de pagar caro e não ter vaga para o upgrade), e por outro lado é totalmente livre nas tarifas com pontos (inclusive todas as passagens compradas nos sites que comercializam milhas, que a Latam tanto se preocupa em combater)…

Infelizmente quem sai prejudicado é o cliente mais fiel da Latam, que compra sua passagem pagando em reais e viu seus benefícios ruírem esse ano, com nova política de qualificação de categoria, meio que fora da realidade, dois aumentos na taxa por bagagem despachada, cobrança por marcação de assento e antecipação e voo e o recém anunciado aumento nos preços para resgates de voos das parceiras oneworld, que entrará em vigor em 2019. Não está fácil não!

Veja mais informações sobre a política de upgrades cortesias no site da Latam.

Autor

Leonardo Cassol - Editor Economista, apaixonado por viagens, aviação e milhas! Especialista em programas de fidelidade do Melhores Destinos