LAN e TAM iniciam processo de fusão, que deve ser concluído em cinco meses

Denis Carvalho 31 · outubro · 2011

As companhias TAM e LAN anunciaram o início dos trabalhos de preparação para a criação da Latam, grupo que será criado da fusão das duas. Enquanto aguardam a aprovação pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), última autorização pendente para a conclusão do negócio, as empresas contrataram consultorias para os preparativos necessários e anunciaram os diretores do novo grupo, que deve ser criado em março do próximo ano.

“A TAM e a LAN deram início aos trabalhos técnicos e preparatórios de integração, por intermédio de empresas internacionais de consultoria, com o objetivo de preparar a futura fusão entre as empresas. A expectativa das companhias é que o Latam Airlines Group seja criado até o final do primeiro trimestre de 2012, condicionado às aprovações finais das autoridades competentes e à concordância dos acionistas não controladores da TAM e da LAN”, destacaram as companhias em comunicado oficial à Imprensa e acionistas.

Segundo especialistas, a composição da diretoria da nova empresa, que terá  Maurício Rolim Amaro como presidente do Conselho de Administração e Enrique Cueto como o CEO (Chief Executive Officer) privilegia a empresa chilena. Ainda é difícil, contudo, avaliar que impacto isso terá nas ações do novo grupo.

O acordo entre a TAM e a LAN prevê a gestão compartilhada da Latam entre os acionistas controladores, brasileiros e chilenos. Além disso, serão criados quatro comitês de assessoramento ao Conselho da empresa. São eles: comitê de auditoria e finanças; comitê estratégico; comitê de liderança e pessoas; e comitê de marca, produto e FFP (programa de fidelização de clientes). A cargo deste último estará, entre outros assuntos, como será a integração dos programas TAM Fidelidade e Lanpass.

A fusão resultará em um dos dez maiores grupos de empresas aéreas do mundo – um dos três maiores, em valor de mercado –, oferecendo serviços de transporte de passageiros e carga para mais de 115 destinos em 23 países, com uma frota de mais de 280 aeronaves e quase 50 mil funcionários.

O processo de fusão teve início em agosto de 2010 e já foi aprovado no Chile e na Europa, onde recebeu aval dos governos italiano, alemão e espanhol. Por aqui, a fusão não recebeu restrições da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), da Secretaria de Acompanhamento Econômico (SEAE) e da Secretaria de Direito Econômico (SDE), restando apenas a aprovação do Cade. A expectativa é que o conselho divulgue uma decisão favorável ainda em novembro.

Mais informações no site da Latam

Autor

Denis Carvalho - Editor chefe
  • Denis Martins

    Apenas um comentário: até agora todos falavam "a Latam". Nesse comunicado eles vieram com "o Latam Group", mas no texto continuaram usando o feminino. Afinal, será que a nova empresa é menina ou menino? Pelo visto nem eles sabem! rsrsrs

    • edson sieg

      Minha maior dúvida: A TAM saírá necessariamente da STAR ou A LAN sairá da ONEWORLD??

      Isso fará uma grande diferença p nós consumidores.

      Alguém sabe

      • guilherme

        o governo do Chile aprovou a fusao com a condicao de nao participarem do mesmo grupo da avianca. È bom lembrar q a avianca està entrando na Star no proximo ano…

      • na dúvida já resgatei todas as minhas milhas!!! =P

        recomendo o mesmo, tire logo as passagens antes da festa acabar! Voei de primeira classe na Lufthansa por uma merreca de milhas mais R$120… o valor da passagem seria de R$12.000, está moleza certamente já era.

        A/O Latão, não ser nada bom pro consumidor, fato!

        • Janderson

          Ola Luiza! Como vc fez emitir o trecho de milhas e fazer o up grade de classe pagando?

    • Pedro

      Latão? '-'

  • Segundo torres

    EM que ficou a decisão lá do comitê que determinou que, para que haja a fusão, a companhia teria que sair do grupo star alliance?

    • Denis Martins

      Está mantida esta determinação.

  • Luciano

    Muito curioso para saber como será a integração dos programas TAM Fidelidade e Lanpass !!! Hj tenho pontos nas duas e gostaria de passá-los para uma apenas até o meio do ano q vem ! Alguém aqui se lembra como foram essas fusões de outras companhias ? Será que em pouco tempo eles nos dariam essa possibilidade ? Grato.

  • A pergunta que não quer calar… Isto baixa os preços? rs rs Espero que sim.. Quem sabe ano que vem não é uma boa um passeio pelo Chile….

  • Floriano

    Só esperamos que com a Fusão a TAM passe a ter precos mais competitivos. A TAM usa as operadoras do Brasil para praticar preços baixos(e estas operadoras vendem pacotes caros), e pratica com os usuários diretos preços absurdos nas viagens internacionais impedindo o acesso a preços mais acessíveis, para forçar a adquirir com suas "parceiras", atravessadoras. Perdem clientes e fica com fama ruim.

  • Alex

    O sexo da criança ,ao meu ver, é oque menos importa, quero ver o contraste que vae dar entre uma empresa que faz ótimos preços para viagens internacionais – LAN,com a outra que faz preços exorbitantes para dentro do Brasil.

    • Thiago

      Vc acha mesmo que pagaremos mais barato em viagens internacionais pela TAM? Eu não tenho essa ilusão! Se melhorar qualquer coisa é lucro.

  • Guilherme

    Qual sao as vantagens e as desvantagens para os clientes?

  • Thiago

    Eles precisam realmente esclarecer como fica o programa de milhagem e tb a questão da Star Aliance. Aguardamos definições. Enquanto isso, sou Smiles até o fim!! 🙂

  • nico

    alguma ideia sobre o q vai acontecer com os pontos nas contas LanPass e Tam Fidelidade?

    Abç

    • Denis Martins

      Difícil saber. No caso da TACA/Avianca criaram um novo programa, LifeMiles, e todas as contas e milhas foram transportadas.

      • nico

        td mundo perdendo milhas no caminho como eu to imaginando?….

  • RABUGENTO

    Pelo visto os usuários pagarão a conta mais uma vez.

    Tanto é que já aumentaram bem a necessidade de "milhas" para converter em viagens.

  • Oscar Luiz

    Isso vai ser uma mudança e tanto: A TAM vai sair da Star Alliance e vai para a Oneworld (lembrem-se isso não é uma fusão: a LAN comprou a TAM). Daí a Gol vai para a SkyTeam e o dono da Avianca terá uma excelente oportunidade de colocar a Avianca Brasil na Star Alliance.

  • João Alfredo

    Como eu já previra anteriormente, parece que acharam uma maneira de escapar das respon-sabilidades das indenizações milionárias pela queda da aeronave, cujos familiares acredito que não receberam as mesmas ou será que já pagaram antecipadamente antes da efetivação da transação? e o seguro? mais um calote para o povo segurar.

  • edson sieg

    O q tem a ver uma coisa com a outra, meu caro??

  • Costa

    Pessoal.. A saída da TAM da star alliance já é fato!! Nao se iludam!!