Aeroporto Santos Dumont terá lanchonete popular com preços reduzidos

Denis Carvalho 18 · março · 2013

Não perca mais nenhuma promoção!

Promoções no e-mail

Faça como 1 milhão de brasileiros. Cadastre seu email e receba as melhores promoções de passagens!

Promoções no Whatsapp

Agora você pode receber promoções direto no Zap! Escolha se quer receber todas ou só as melhores!

O Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, terá em breve uma unidade do programa lanchonete popular, que oferece lanches a preços controlados. A Infraero publicou no Diário Oficial da União da última sexta-feira o contrato para a implantação do estabelecimento, que já faz sucesso em outros terminais. Com a assinatura do contrato, a  instalação da lanchonete já pode ser iniciada, sendo que o prazo máximo previsto para que a loja entre em funcionamento é de quatro meses. O prazo de vigência do contrato é de 60 meses, com um valor total de R$ 6 milhões para a exploração comercial da área concedida.

A lanchonete ficará em um espaço de 120 m² localizado no pavimento térreo do terminal de passageiros. O diferencial do estabelecimento é a oferta, entre as opções de alimentação, de 15 produtos com preços tabelados, estabelecidos por meio de pesquisa feita pela Infraero no mercado local. O valor de cada produto é estabelecido pela Infraero, com base em uma pesquisa de preços na cidade, buscando adequar os valores cobrados no aeroporto aos do comércio normal e evitando os abusos comuns nos terminais.

Confira a tabela de preços da lanchonete carioca:

O planejamento da Infraero prevê que todos os aeroportos das cidades-sede da Copa administrados pela empresa instalem lanchonetes populares. Os demais terminais da Rede também poderão contar com essas lojas de acordo com o planejamento do mix comercial. No momento, os aeroportos de Curitiba e Londrina (PR), Recife (PE) e Natal (RN) já contam com o estabelecimento. Outros aeroportos que já iniciaram o processo para instalação das lojas são Galeão (RJ), Congonhas (SP), Porto Alegre (RS) e Salvador (BA).

Autor

Denis Carvalho - Editor chefe