Hotel Aria – Las Vegas

Monique Renne 22 · outubro · 2015

Não perca mais nenhuma promoção!

Promoções no e-mail

Faça como 1 milhão de brasileiros. Cadastre seu email e receba as melhores promoções de passagens!

Promoções no Whatsapp

Agora você pode receber promoções direto no Zap! Escolha se quer receber todas ou só as melhores!

Esta avaliação do Hotel Aria – Las Vegas faz parte do post Hotéis em Las Vegas, com a avaliação de 30 hotéis pela equipe do Melhores Destinos. Veja mais sobre os hotéis de Las Vegas.

O ar moderninho do Aria não é uma ilusão. O hotel realmente agrada àqueles que desejam um ambiente clean e, ao mesmo tempo, tecnológico e sofisticado. O conjunto arquitetônico, coberto de vidros espelhados, atrai quem passa pela Strip. Com um aglomerado de formas geométricas prateadas e obras de arte a céu aberto, o Aria não decepciona e se alinha bem à classificação Five Diamonds que carrega. As altas tarifas são compatíveis às facilidades. Caso deseje uma experiência digna de um ambiente de luxo, o Aria é o seu lugar. Vale ficar atento aos valores de hospedagem, que muitas vezes surpreendem e baixam para quase USD 100. Mesmo as belas suítes, com preços divulgados a partir de USD 275, valem o investimento. Até porque os felizardos que estão hospedados em uma delas terão mimos maravilhosos, como piscina exclusiva e um lounge 24h com comidas e bebidas (incluindo alcoólicos) sem custo adicional.

LAS VEGAS ARIA HOTEL-4027
Aria

Informações gerais

  • Localização: Apesar de não estar exatamente no centro da Strip, o Aria tem uma excelente localização, ainda dentro da área de maior movimento da avenida. Além disso, ele oferece um trem que o liga o hotel ao Bellagio, Vdara e Monte Carlo, gratuitamente.
  • Valor da diária do quarto mais simples: Para o período da nossa viagem encontramos diárias entre USD 125 e USD 406. Em pesquisas posteriores encontramos diárias entre USD 104 e USD 575. No geral os preços ficam entre USD 150 e USD 300. O hotel divulga ter tarifas entre USD 139 e USD 799 para quartos e a partir de USD 275 para suítes (encontramos valores a partir de USD 237). Consulte as tarifas para o hotel Aria no Booking.com
  • Resort Fee: USD 32 (no momento da nossa reserva a taxa era de USD 29).
  • Wi-Fi: Gratuito em todas as dependências do hotel para número ilimitado de aparelhos.
  • Café da manhã: O hotel não oferece café da manhã incluso na diária.
  • Check-in: 15h, com early check-in gratuito no caso de quarto disponível a partir de 11h.
  • Check-out: 11h, com possibilidade de late check-out até 13h, sem custo adicional. O hotel oferece check-out pelo sistema de televisão, telefone fixo do quarto, mensagem de celular, email e balcão.
  • Estacionamento: Gratuito.
  • Programa de recompensas: M Life
  • Serviços disponíveis no hotel: Concierge, piscina, spa, academia, salão de beleza, capela para casamento, locadora de veículos, casa de câmbio, lavanderia, loja de conveniência, shopping, room service, business center, sala de jogos (vídeo games) e centro de convenções. 
  • Cassino: O Aria oferece um dos mais belos cassinos de Las Vegas. O ambiente é amplo, confortável e extremamente elegante.
  • Temática do hotel: O Aria não tem temática.

Atrações e shows

A principal atração do Aria é o show Zarkana. O espetáculo mescla a modernidade das encenações do Cirque du Soleil aos números clássicos de circos que picadeiro. Hóspedes poderão negociar descontos com o concierge do hotel. Para os amantes de obras de arte o Aria oferece alguns belos trabalhos em exposição, muitos deles em áreas públicas. Um mapa ajuda no percurso para encontrá-las pelo hotel, onde há obras de Henry Moore, Maya Lin, Jenny Holzer, Claes Oldenburg e James Turrell. 

Shopping

O moderno conjunto de formas geométricas entre o Aria e a Strip é o The Shops at Crystals. O espaço de compras é o mais sofisticado de Las Vegas e destina-se especialmente a marcas de alto luxo como: Balenciaga, Bulgari, Cartier, Christian Dior, Dolce & Gabbana, Donna Karan, Emilio Pucci, Fendi, Gucci, Hermes, Jimmy Choo, Prada, Saint Laurent, Stella McCartney, Tom Ford, Valentino e Versace. A compras são para poucos bolsos, porém o passeio é lindíssimo. Os corredores são amplos, cheios de obras de arte e as vitrines atraem os fashionistas, com ou sem dinheiro na carteira.

Restaurantes e bares

O Aria pode até não oferecer muitas atrações, mas está repleto de bons restaurantes. O padrão segue o luxo do hotel e os preços podem ser bem salgados, porém há também opções mais populares e acessíveis. Os principais restaurantes do Aria são: Bardot Brasserie, barMasa, Blossom, Carbone, Javier’s, Jean Georges Steakhouse, Julian Serrano, Sabe, Tetsu, Five50 Pizza Bar, Lemongrass, Jean Philippe Patisserie e um Starbucks. Vale destacar que o Aria oferece também o Buffet, no famoso sistema all inclusive de Las Vegas. Além dos restaurantes há diversos bares da área do cassino. Aproveite para tomar um drink antes de ir pra balada. As opções são: Alibi Cocktail Lounge, Baccarat Lounge, Lift Bar e Liquid Pool Lounge (área de piscina onde acontece a pool party do hotel).

Piscina

O espelhado prédio do Aria contrapõe o verde que cerca a área de piscinas do hotel. O azul da água de junta ao céu e oferece aos hóspedes um dos mais belos parques aquáticos de Vegas. Ao todo são três piscinas disponíveis, sendo que uma delas é exclusiva para hóspedes das Sky Suites. As piscinas oferecem boas espreguiçadeiras, além de cabanas exclusivas para hóspedes mais abonados. Em uma área fechada está a Liquid Pool, onde o que prevalece é o ambiente de pool party, típico de Las Vegas. Apesar de pequena, quando o DJ começa a tocar, a festa se torna enorme.

Informações sobre o quarto

A princípio a nossa reserva era para um quarto padrão Deluxe, o mais barato do Aria. No momento do check-in recebemos um upgrade e ficamos hospedados na Aria Suite de 1 quarto. Por isso avaliaremos este quarto e não o modelo da nossa reserva inicial. A Aria Suite faz parte do segmento Sky Suites, onde serviços VIPs e exclusivos são oferecidos aos hóspedes. A suite segue o padrão de um apartamento. O primeiro ambiente é formado por sala de estar e copa, além de um lavado. O segundo ambiente oferece o quarto e banheiro. O tamanho total da suite é de 97m². Boa parte do quarto é automatizada. Cortinas, luz, som, temperatura e televisores podem ser controlados por um tablet.

A copa é bastante simples, apenas com mesa, pia e alguns utensílios básicos, como abridores de garrafa, coqueteleira e saca rolhas. Há dois refrigeradores, um eletrônico (com produtos controlados por sensores) e outro livre. O ambiente é integrado à sala, onde há um sofá, duas poltronas, gaveteiro, TV de tela plana e uma pequena mesa de escritório. No quarto há mais uma TV e uma cama extremamente confortável. O Aria oferece também cofre, ferro e tábua de passar roupas.

O destaque é para o banheiro, onde há vários detalhes excelentes. Os amenities vão bem além dos básicos shampoo, condicionador e sabonete. No Aria há também kit de higiene bucal (com enxaguante, escova e pasta de dente), lâmina de barbear, creme de barbear, demaquilante, kit costura, lixa de unha e cotonetes. As toalhas são de excelente qualidade e há ainda roupão e pantufas. O ambiente do banheiro ofere uma porta exclusivamente para a cabine sanitária que, diga-se de passagem, segue o padrão japonês e oferece jatos de água e aquecimento. O chuveiro e a banheira são separados e uma TV  ajuda a passar o tempo no banheiro. Há ainda secador de cabelo, balança, espelho de aumento, toalhas de vários tamanhos e de excelente qualidade.

Quem se hospeda em um dos quartos da Sky Suites conta ainda com serviço de quarto durante o dia (com distribuição de chocolatinhos), preparo da cama ao anoitecer, jornal na porta ao amanhecer, piscina exclusiva e um lounge 24h com acesso a bebidas e comidas.

LAS VEGAS ARIA HOTEL-4346
Quarto do Aria – Sky Suite

A experiência do Melhores Destinos

  • Data da hospedagem: 07 de agosto, sexta-feira
  • Tipo de quarto: Reservamos o Deluxe e recebemos um upgrade para a Aria Suite
  • Quanto custou a diária: USD 217,50
  • Quanto foi a conta no total (com resort fee e imposto): USD 276,08
  • Quem pagou: Melhores Destinos

O Aria era um dos hotéis pelos quais tínhamos mais expectativas, especialmente por estar entre os mais bem avaliados em Las Vegas e oferecer um padrão de qualidade superior, com classificação Five Diamond. Ele prometia ser uma das melhores experiências da viagem. Durante as pesquisas de preço para fazer a reserva fomos surpreendidos por preços bastante razoáveis. Encontramos tarifas de USD 125 para o período que estaríamos na cidade. Posteriormente, vimos preços de até USD 104. Um excelente negócio para um hotel de alto luxo.

Chegamos ao Aria utilizando o trem gratuito do hotel que faz conexão também com o Bellagio, Vdara e Monte Carlo. Uma mão na roda, especialmente em dias de calor intenso. Chegamos às 13h para fazer o check-in, aguardamos meia hora na fila e, ao sermos atendidas, fomos informadas que o nosso quarto estava pronto. Já estávamos com as nossas chaves em mãos para aproveita a estadia quando a atendente, extremamente simpática, puxou papo perguntando o motivo de tantas etiquetas de hotéis na nossa mala. Explicamos que estávamos nos hospedando em vários deles para contar sobre a nossa experiência. Pode ter sido ato falho, mas o fato é que a atendente, que já havia nos entregue a chave do quarto, perguntou se não gostaríamos de esperar um pouco mais para ganhar um upgrade (o quarto superior ainda não estava pronto). Nós aceitamos a oferta. Só não esperávamos que fosse um upgrade tão espetacular. Este foi o único hotel onde aconteceu um upgrade deste tipo e creditamos à conversa com a atendente. Optamos por aceitar para avaliar um serviço mais VIP e termos noção de quanto vale pagar por um upgrade e se a diferença de preço entre um serviço básico e um luxo é grande. 

Ao recebermos as chaves, fomos informadas que estávamos nas Sky Suites e que teríamos, além de um quarto maior, acesso a vários serviços VIPs. Achamos que seria uma boa oportunidade para avaliar até que ponto reservar um quarto superior faria diferença na experiência da hospedagem. E podemos garantir que vale!

Enquanto esperávamos o nosso quarto ficar pronto, seguimos para a piscina, onde há um espaço exclusivo para quem está nas Suites Sky. A Sky Poll oferece mimos como toalhinhas geladas para refrescar o rosto, protetor solar e espreguiçadeiras com guarda-sol, além de serviço de bar e restaurante. A piscina é menor que a principal, porém mais tranquila. Ainda que o ambiente VIP seja excelente, a piscina maior, aberta a todos os hóspedes, não deixa nada a desejar. Todo o parque aquático é cercado por verde e oferece bastante conforto aos frequentadores. Quem desejar ainda mais exclusividade poderá optar por uma das cabanas privativas. Uma terceira piscina atrai os hóspedes mais animados. É na Liquid Pool onde acontece a pool party do Aria. O espaço é pequeno, mas bastante festivo! Ótimo pra quem deseja curtir em um ambiente descontraído, mas não tão grande (como as pool parties do MGM e do Wynn).

Depois da piscina, subimos para conhecer o nosso quarto. A entrada da torre onde estão as Suites Sky é exclusiva e com grande controle de segurança. Há um lobby próprio, lounge com bebidas e comidas e acesso exclusivo para táxis e manobrista. Tudo no hotel é bem moderno. No quarto não era diferente. Ao entrarmos, levamos um susto com o tamanho da suite. Era facilmente comparável a um apartamento de dois quartos. Os móveis prezavam pelo conforto, eram clean e nada ostensivos. Um tablet ajudava a controlar cortina, temperatura ambiente, iluminação da suite, música e televisão, além de permitir chamar o serviço de quarto quando necessário. Apesar de acharmos ótimo estar em um quarto e sala, o que mais chamou a nossa atenção foi o enorme banheiro. Além de espaçoso, ele oferecia amenities como lâminas e espuma de barbear, enxaguante bucal, escova de dente e outros mimos como pantufas e roupão. Destaque para o vaso sanitário no padrão japonês (com ducha e secador). A vista do quarto, apesar de ser de frente para a Strip, não era tão atraente. À noite ela se tornava mais interessante ao ser refletida nas janelas espelhadas do hotel. Vale destacar que no Aria, apesar de ser proibido fumar em todos os quartos, o nosso estava com um cheiro muito forte. Parecia que o odor de fumaça vinha pelo ar-condicionado e era bastante desagradável, especialmente para um hotel não fumante. 

Todo o Aria oferece uma maravilhosa experiência. O hotel é extremamente espaçoso, com pé direito alto, ambientes amplos e decoração muito moderna. Uma delícia de passear. O Shops at Crystal segue o padrão de qualidade e é um ótimo ponto de apoio para quem está no Aria e deseja passear, fazer compras ou experimentar um bom restaurante. Enquanto estivemos no Aria assistimos ao espetáculo Zarkana, do Cirque du Soleil. Esta é de fato a única atração noturna do hotel. Não ter nenhuma balada pode ser ruim para alguns hóspedes e bom para outros. Na prática, o Aria é um hotel bastante tranquilo, especialmente se comparado ao vizinho Cosmopolitan. É uma boa opção para quem deseja um ambiente refinado mas sem muita festa.

A localização do Aria dificulta um pouco a circulação para quem deseja ir até a Strip. Apesar de estar, teoricamente, localizado na avenida, será necessária uma boa caminhada para de fato chegar à Strip. Pode ser cansativo, mas nada que atrapalhe a experiência. Também adoramos a facilidade do trem que liga ao Bellagio, ao Monte Carlo e ao Vdara. Uma ótima maneira de economizar em caminhadas.

Nossa experiência no Aria foi realmente muito boa. Os funcionários eram sempre muito gentis e solicitos, tudo era bem organizado e extremamente limpo. Destaque para o lounge exclusivo para os hóspedes das Suites Sky, onde estão disponíveis comidas e bebidas 24h. E isso faz uma boa diferença no orçamento em um hotel onde a coca-cola na máquina sai por USD 5. Nosso check-out foi feito pela televisão, a conta veio certinha e com pesar nos despedimos do nosso belo quarto no Aria. De lá fomos para o Treasure Island.

Já esteve hospedado no Aria? Conte pra gente a sua experiência e ajude outros viajantes.

Consulte as tarifas para o hotel Aria no Booking.com.

Clique nos links abaixo e vá direto para a avaliação dos hotéis onde a equipe do Melhores Destinos se hospedou.

Clique nos links abaixo e vá direto para a avaliação dos hotéis que a equipe do Melhores Destinos visitou. 

Autor

Monique Renne - Editora de Destinos
  • Marcelo Curado

    Faltou somente o Mandarim Oriental… eleito um dos 5 melhores hoteis de luxo do mundo.

  • Ana

    Acho que, como vocês informaram que estavam indo a vários hotéis para avaliá-los em um site, essa avaliação não é muito confiável. Vcs receberam benefícios que provavelmente não serão oferecidos aos demais hóspedes. Dificilmente um hospede apenas simpatico vai obter esse upgrade de graça. Então, o kit de amenidades voces naõ sabem se é o mesmo nos quartos comuns, o atendimento, espaço do quarto, toalhas, roupões etc também não.

    • Monique Renne

      Oi, Ana! Conforme contamos no post, isso aconteceu apenas neste hotel. De todo modo, avaliamos o quarto que recebemos e deixamos claro que era um quarto mais caro e não o quarto pelo qual pagamos. Dá uma olhadinha na avaliação do MGM e você vai ver que passamos por situações bem ruins também. Fomos a todos os hotéis como hóspedes reais. Este caso de upgrade foi único. Mas pode confiar na avaliação. O quarto era realmente excelente. Se vale, encontramos um casal na piscina que tinha recebido o mesmo upgrade que a gente, simplesmente porque o quarto deles não estava disponível. Foi uma boa experiência para sabermos até que ponto vale pagar por um upgrade. Acredite, o Aria é um excelente hotel.

      • Ana

        Eu não questiono que é um hotel com dependencias de qualidade e que os serviços para clientes vips são excelentes e, sim, a experiência como um todo. Vocês, por exemplo, ficaram 30 minutos esperando na fila pra fazer o check-in e citaram isso de forma muito coloquial na avaliação. Talvez se não tivessem recebido o upgrade, isso teria um impacto maior na imagem do hotel. Meia hora em uma fila para fazer check-in sem receber um pedido de desculpas, sem oferecerem um copo d’água que seja enquanto estão em pé é absurdo pra um hotel que cobra 270 dólares por uma noite de hospedagem em um quarto básico. Mas já que receberam o upgrade, essa sensação ruim pode ter sido diluída. Nâo é uma crítica à isenção moral dos avaliadores e, sim, à isenção factual. Quem recebe um benefício gratuíto e inesperado sempre fica feliz e acaba deixando passar uma coisa ou outra que talvez não deixasse em outra situação. Ao contrário de vocês, o casal que você citou no comentário, devido a uma falha do hotel em entregar o quarto no horário combinado. Isso mostra que eles tentam solucionar rapidamente e de forma satisfatória as falhas (e esse tipo de falha, com a solução dada por eles é até mais agradável do que chegar e o seu quarto estar pronto rs). É um ponto positivo, mas não deve acontecer com muitos hospedes essa “sorte”.
        Acho normal por desatenção deixar escapar uma informação como vocês fizeram, mas o simples fato de atendente do check-in prestar atenção na mala com etiquetas demonstra que eles estão atentos para oferecer o melhor do hotel quando são avaliados. Mesmo dentro dos quartos superiores vocês não tem como saber se receberam o atendimento padrão ou se eles colocaram uma nota no sistema deles informando que vocês eram avaliadores para um site e, com isso, receberam ainda mais mimos e atenção que o normal.
        Quanto ao MGM, vocês receberam o pior quarto do hotel (um pouco de azar talvez), mas foram prontamente trocadas de quarto quando solicitaram. Claro que o atendimento não foi bom, se há um quarto bom vazio, não há porque colocar hospedes no pior espaço e ponto. Mas, convenhamos que é um hotel que custa quase um terço do Aria, então, compará-los com os mesmos critérios não é mt justo.
        Ainda não li todas as avaliações, mas, das que li, apenas no Aria (que é um dos mais caros e luxuosos), vocês tiveram que esperar tanto assim pelo check-in e, como não disseram nada sobre receber algum tipo de atenção durante essa espera, suponho que tenham ficado na fila sem ninguém dizer ou fazer nada. É uma super falha de atendimento, que talvez essa demora também ocorra com os hospedes dos quartos básicos caso necessitem de alguma coisa durante a hospedagem.

  • Carol Campello Andrade Dias

    Olá. Gostaria de saber se o frigobar livre existe apenas na suíte. Vcs têm essa informação? Estou prestes a fechar um quarto Deluxe (o mais simples) e gostaria de saber…