Após levar a Webjet, GOL estaria negociando compra da Passaredo

Denis Carvalho 9 · dezembro · 2011

O jornal carioca O Globo estampou na edição de ontem uma matéria sobre a intenção da GOL em comprar a empresa regional Passaredo, aumentando seu espaço em Guarulhos e sua malha de destinos. De acordo com o jornal, há cerca de duas semanas o presidente da Gol, Constantino de Oliveira Júnior, sondou a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) sobre a possibilidade de herdar os dez slots (espaço físico e horários de pouso e decolagem) da Passaredo no movimentado aeroporto paulista.

Segundo rumores do mercado, o negócio estaria praticamente fechado, tendo o presidente da GOL adiantado uma quantia de R$ 20 milhões, a título de sinal. O Globo informa ainda que um executivo ligado à Gol confirmou que a companhia tem interesse na Passaredo e pretende fechar a compra assim que concluir o processo de aquisição da Webjet no Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

Nos bastidores da aviação, há tempos este boato tem circulado. Além da matéria do Globo, alguns fatos fizeram com que ganhasse força, como a recente encomenda de turboélices ATR pela Passaredo já pensando em um foco ainda mais regional para alimentar voos da GOL. Além disso, a companhia regional, que há um ano mantém acordo de codeshare com a empresa dos Constantino, solicitou a mudança de todos os seus voos do disputado aeroporto Santos Dumont para o Galeão – o que facilitaria uma futura integração com os voos da GOL.

A Passaredo nega a informação. Já a GOL enviou a seguinte nota ao Melhores Destinos: “A GOL informa que já negou publicamente o interesse em adquirir a empresa Passaredo Linhas Aéreas e, por ser uma empresa de capital aberto, não comenta especulações do mercado”.

A Passaredo voa para 26 cidades em todas as regiões do país. De acordo com dados da Anac, a Passaredo tem apenas 0,68% do mercado, atrás da Trip, com 3,81%.

Resta acompanharmos o desenrolar dos fatos e, se confirmada a intenção da GOL saber se o Cade permitirá que duas empresas aéreas sejam engolidas praticamente ao mesmo tempo, reduzindo ainda mais a concorrência no setor.

Autor

Denis Carvalho - Editor chefe
  • luciano

    seria uma lastima para o mundo da aviação civil no Brasil, imagina daqui a alguns anos so existir a TAM e a GOL? e mais a PASSAREDO que recentemente foi considerada a melha companhia aerea do brasil ao inves de usar isto a seu favor para atrair novos passageiros.

  • Carlosbcamargo

    Daqui uns tempos(pouco tempo )não conseguiremos

    + viajar com preços justos.A Tam e a Gol

    Estão comprando tudo,acabando com a concorrência

    Acabando c promoções,acabando com vôos de cidades

    Pequenas por conta de + vagas nos aeroportos

    De rio e Sp.e os órgãos competentes NADA!

    • Carlosbcamargo

      Este sim e o nosso pais!

  • Brum

    Putz, q droga!

    Ainda bem q ja garanti umas 4 viagens pro ano q vem, compradas com antecedência e aproveitando as promoções…pq pelo visto se restarem só GOL e TAM, vamos pagar uma baba pra viajar até mesmo pra distâncias curtas.

  • Anderson Brito

    Ave Maria!

    Tamo ferrado!

    Eu viajo de 5 a 7 vezes por mês, sempre para SP, BH e outro destino que as vendas me levam…

    Daqui a pouco não compensará fazer negócios com outros estados pelo preço das passagem,e em Brasília nada mais funciona a não ser se for comercializado com o poder estatal…

    So resta chorar e usar as minhas 7 passagens compradas pela Webjet abusadamente baratas.

  • Rodrigo Marconi

    Pessoal, concordo muito com o fato de que a concorrência é benéfica e essencial para o consumidor.

    Acho sim que termos poucas empresas vão fazer com que a concorrência diminua, mas analisando melhor, a compra da Webjet é muito pior do que a da passaredo, pois a passaredo não é uma competidora voraz de TAM e Gol e nunca teve preços e promoções que fizessem as duas se movimentar para não perder mercado.

    Tal atitude não se aplica à Webjet, que com promoções já fez a Gol e a Tam se mobilizarem antes.

    Mas mesmo com tudo isso dito, vamos pegar os dados recentes e verificar. Tivemos diminuição das promoções de Gol e Tam? Tivemos diversas promoções das duas durante o ano todo, inclusive em períodos que historicamente não tinham grandes promoções.

    Creio que no caso das empresas aéreas o CADE tem visto que não basta proibir aquisições e fusões, já que esse é um mercado que vem sofrendo uma consolidação mundial, e à partir do momento que as empresas nacionais puderem ter maior participação de estrangeiros (como tem sido feito lobby para acontecer) seria difícil negociar e frear a compra por parte deles sem empresas sólidas e de porte.

    • Ricardo Daniel

      Tudo bem Rodrigo, concordo com você em partes, mas temos que pensar que não basta fazer promoções constantemente, mas sim oferecer serviços de qualidade. Chegará um momento em que as duas maiores empresas tomaram conta do mercado e ai as promoções serão da maneira delas, a preços que elas quiserem e de preferência mais caros para evitar o tal do overbok. É isso!

      • tf.moura

        nao entendi o que o overbooking tem a ver com isso….???

  • Erik

    Alguém já voou pela Passaredo? Me falaram que é mais conhecida como PassaMedo ! É verdade?

    • Luis

      Eu já voei, é verdade… Passamedo, passabarulho e passapertado…

      kkkkk

      • Paulo

        Também acho exagerado. Já voei varias vezes e nada a reclamar . Os jatos Embraer são muito bons e o serviço idem,

        Paulo

    • Bruno Caporalini

      isso é piada. já vOEi lá e não tem medo nenhum. jatos embraer novos e um ótimo serviço. esPero que a gol comprando mantenha sjp e faça promoções

    • Hugo

      Passamedo eram os ônibus dessa empresa que circulavam na minha cidade. Os motoristas pareciam que estavam apostando corrida no meio da cidade.

      Já a companhia aérea, nunca vi ninguém reclamando da qualidade dos serviços.

  • Ricardo Daniel

    É uma pena se for verdade. Veja só, como os companheiros já comentaram, daqui algum tempo só irá ter no Brasil as duas companhias aéreas: TAM e Gol. Há quem possa ainda suspeitar de cartel e para os passageiros, só resta adquirir passagens a preços mais caros sem haver concorrência para barateá-las. É uma pena!

  • Marcel

    Bom, eu comprei umas passagens com a Passaredo para o ano que vem. E a compra foi tudo tranquilo, já está confirmado. A Passaredo é seguro.

  • DANILLO

    MALDITA GOL E MALDITA TAM.

  • Emerson Reis

    Na verdade o maior problema é de nossos governantes que não ampliam a capacidade de nossos aeroportos e as empresas se veêm obrigadas a comprar as menores para poder aumentar a capacidade nos voos centrais de grande capacidade. Enquanto não tivermos aeroportos modernos e com infraestrutura suficiente para atender empresas aereas e passageiros a unica solução para as empresas, será comprar as concorrentes, pior para o passageiro…TERCEIRO AEROPORTO EM SÃO PAULO JÁ!!!!!

  • titobosco

    Tomara que nao compre a TRIP. que com suas conexoes malucas, sempre tem preços atrativos e avioes de qualiadade.

  • tf.moura

    Nao adianta tambem nao deixarem as fusoes e as empresas falirem ou fecharem as portas…no final vai restar TAM e GOL da mesma forma. Vide que isso ia acontecer com a Webjet se nao tivesse sido comprada.

    • tf.moura

      Eu acho sim que certos preços sao um pouco abusivos sem a menor necessidade mas tambem sei que não é fácil montar uma empresa aérea e viver so de passagens promocionais a 9 ou 29 reais… se todos os bancos forem a esse preço nao paga nem o querosene usado pra viagem…isso que as pessoas nao entendem

      • tf.moura

        E o preço absurdamente caro em uma rotas é que alimentam a diferença de outras absurdamente baratas…acho que o leo ja explico isso uma vez..

  • Ricardo Daniel

    Overbooking é prática realizada na aviação do mundo todo. Consiste na empresa aérea vender mais bilhetes do que o disponível no vôo com base na média de desistência dos vôos anteriores. Se eu sou empresa aérea, compro uma outra companhia, coloco a minha marca e faço promoções acirradas, haverá risco sim de acontecer uma super lotação mais emissão de passagens para mais passageiros. E qual a saída? Promoções relâmpagos ou então promoções com preços bem mais salgados que é pra nem todo mundo comprar. Entende?

  • Stéfanie

    Desculpa gente, mas esse apelido é devido as aeronaves Brasilia 120, que hoje não são mais utilizados pela empresa a bastante tempo. E sim jatos da embraer, muito confortaveis e silenciosos.

  • Danilo

    Comentario que em nada acrescenta ao debate. A passaredo eh uma cia excelente, com otimo serviço e avioes novos. seria. uma pena se o nogocio se concretizasse.

  • Regis

    Muito stress por pouca coisa. Sempre vão surgir novas companhias aéreas para aumentar a competição. Olha só o market share que a Azul já alcançou: 10%. Além disso, no passado a Varig já comprou a Cruzeiro, a Nordeste e outras companhias e o mercado da aviação não se abalou. E se o mercado ficar mesmo concentrado em duas companhias, provavelmente o governo vai permitir a entrada de competidores estrangeiros…

  • pedro v

    Achei ruim o grupo cvc ter vendido a webjet tão facilmente,que tinha um péssimo serviço eu concordo,mas é o preço por se voar assim,pena vai ser ver o site da webjet sair do ar assim como o da varig,mas só para dar uma idéia a gol,se eu fosse ela colocaria a varig em vôos internacionais,operando Boeing 787 e 777 ,a gol voando para a américa do sul toda como low cost fare,e para as capitais do Brasil com os 737-800SPF e 737-900ER,a webjet como low cost fare para voar dentro do Brasil com os 737-900 (bem, a webjet tem uns -800 para receber em janeiro),e a passaredo com os jatos embraer para vôos regionais,sendo low cost fare também.

    Já viajei muito de webjet e vou viajar daqui a duas semanas de novo,mas o preço dessas passagens que eu comprei foi bem diferente de quando a webjet era da CVC.

  • Alguém da Avi

    Bom. Em primeiro, a grande sensação do momento é a Azul, empresa que vem crescendo e "assustando" a concorrência e batendo records em vários setores da aviação comercial com números extraordinários. Segundo, conquistou uma excelente fatia do mercado se destacando em vôos regionais (cidades menores do interior), entretanto há 2 concorrentes: Trip e Passaredo. Por isso a Gol quer comprá-la para absorver boa parte desta fatia.

    OBS: Temos hj algumas empresas aéreas de boa qualidade: Azul, Trip, Avianca/Ocean Air, entre outras.

  • Alguém da Avi

    P/ Regis.

    Atenção: Os estrangeiros estão aqui há muito tempo e já dominam a aviação BR.

    Ex.:

    Antes TAM, atual LATAM (comprada pela chilena LANCHILE)

    Antes Gol, atual VRG (fusão Gol/Varig) tbm comprou a WebJet (esta ñ haverá fusão) será mantido a marca WebJet… Hoje existem inúmeros acionistas estrangeiros, o ultimo é dono da Delta Air Lines.

    Antes Oceanair, atual Avianca (Colombiana).

    A própria Azul, tem seu dono-fundador o David Neeleman (norte-americano) um dos maiores empreendedores do mundo da aviação!!