Saiba como ter franquia de bagagem internacional em voos domésticos!

Denis Carvalho 26 · julho · 2013

Atualizado em abril/2014

Para aproveitar as recentes megapromoções de passagens internacionais, postadas com exclusividade pelo Melhores Destinos, muitos leitores compraram passagens saindo de outras cidades, como Porto Alegre ou Campo Grande. A grande dúvida agora é como conciliar as franquias de bagagens diferentes dos voos domésticos, que permitem uma mala de até 23 kg, com os internacionais, onde o passageiro pode levar duas malas com até 32 kg cada.

Se é esta a sua situação, saiba que é possível evitar as taxas de excesso de bagagem e conseguir a franquia internacional também no voo doméstico, mesmo que você não tenha comprado os bilhetes juntos. As companhias aéreas GOL e Avianca Brasil oferecem essa possibilidade sem custo para seus passageiros, enquanto TAM e Azul não adotam essa prática. Neste post vamos explicar como funciona e como solicitar.

1. Franquias de bagagem

O primeiro ponto a esclarecer é que as companhias aéreas são obrigadas por lei a oferecerem as franquias de bagagem. Então todo o voo internacional que saia do Brasil garante ao passageiro levar até duas malas de 32 kg cada, exceto para países da América do Sul, que permitem apenas uma mala de até 20 kg.

franquia-bagagem

Se você comprou o trecho saindo de sua cidade com conexão em outro aeroporto nacional, como São Paulo ou Rio, fique tranquilo que sua franquia internacional está garantida desde o trecho nacional. Por exemplo: você comprou uma viagem saindo de Goiânia para Roma, com conexões em São Paulo e Madri. Em todos os voos, no Brasil e na Europa, poderá levar duas malas com 32 kg sem taxas.

2. Comprando separado

Quem compra separado os trechos nacionais e internacionais não está coberto pela lei. Mas como veremos agora isso não quer dizer que terá que pagar excesso de bagagem. Esse é o caso, por exemplo, de quem comprou uma promoção saindo de Porto Alegre para Orlando, mas mora em São Paulo. Nesse voo de São Paulo a Porto Alegre, só terá direito a uma mala de 23 kg, a menos que solicite à companhia aérea uma equiparação de franquia. Veja como fazer:

2.1 Avianca Brasil

A Avianca Brasil é a companhia mais generosa quando se trata de honrar as franquias de voos internacionais em seus voos. Os passageiros que voam com a companhia têm a possibilidade de levar a bagagem extra seja qual for a companhia internacional com a qual tenham voo internacional.

como-voar-avianca

“Cliente de voos internacionais com conexão nacional em voo Avianca Brasil tem um prazo de até 6 horas desde o embarque ou desembarque para usufruir da Franquia de Bagagem estabelecida pela companhia responsável pelo trecho internacional”, informou a companhia, por meio do serviço de atendimento ao cliente.

Segunco a empresa, o passageiro deverá apresentar seu bilhete aéreo internacional de ida ou volta no check-in da Avianca para ter direito ao benefício: “Não importa qual companhia fará o voo internacional, somente será necessário se atentar à diferença de horários entre embarque e desembarque dos voos”.

A informação também consta no site da Avianca Brasil

2.2 GOL

A GOL também oferecia o benefício a seus passageiros, mas ele foi encerrado no dia 3 de abril de 2014, valendo apenas para compras anteriores a esta data. Agora a companhia só honra bilhetes comprados juntos, mesmo que os trechos domésticos e internacionais sejam em companhias parceiras ou pela própria GOL. Saiba mais neste post.

800px-Voegol_Airlines_737,_EZE,_18th._Jan_2011

2.3 TAM

A TAM tem uma política mais inflexível com relação à franquia de bagagem. A posição oficial da companhia, enviada ao Melhores Destinos, é que serão honradas as franquias somente se as passagens forem compradas juntas, mesmo que os voos nacional e internacional sejam operados pela TAM ou sua parceira LAN.

avaliacao-tam-linhas-aereas(31)

“A franquia de bagagem é considerada de acordo com o contrato (passagem). Se o voo doméstico estiver no mesmo contrato que o voo internacional, a franquia será honrada, mas se os voos estiverem em contratos separados a franquia será separada em doméstica e internacional, de acordo com cada contrato”, explicou a companhia. Mais uma vez, isso não impede que se tente evitar o pagamento da taxa de excesso de bagagem com uma boa conversa. Muitas vezes funciona!

Já conseguiu que a companhia nacional honrasse a franquia internacional em seu voo doméstico? Ou teve que pagar excesso de bagagem? Conte nos comentários como foi!

Saiba mais sobre bagagens em viagens de avião em nosso post especial sobre o assunto.

Dica do leitor Thiago Ambrósio

 

 

 

Publicado por

Denis Carvalho

Editor chefe

  • Engraçado, aqui no Galeão a política que eu ouvi no balcão da TAM é de que eles SEMPRE honram a franquia internacional. Em 2010 voei de Qatar para Kuala Lumpur e o trecho GRU-GIG na volta foi feito pela TAM, que honrou a franquia sem problemas. Devem ter endurecido as regras recentemente. Uma pena.

    • Seu trecho GRU-GIG estava dentro do bilhete internacional? Se sim, por isso que eles honraram como ficou bem claro na matéria 😉 Bilhetes separados, em tese, a TAM não honra mesmo se for CIA parceira. Já tentei vindo de MIAMI e não rolou…

      • ANDERSON

        Mesmo tendo o fidelidade Azul ou vermelho a Tam não dá direito a mala extra??

      • Philippi

        Em 2010 voltamos de Miami por Manaus pela TAM e nosso destino era Brasilia. Voamos o trecho MAO – BSB com a GOL que nada nos cobrou de excesso, alias bota excesso nisso.

    • Flávio Bezerra

      Pois é, eu mesmo já fiz JFK-GIG pela American Airlines e GIG-REC, separado, pela TAM, e honraram a franquia internacional normalmente…

    • Nina

      Presta atenção na explicação do melhores destinos…. com certeza o seu voo nacional foi comprado no mesmo bilhete do internacional.

    • Realmente, já usei Avianca e Gol, sem problema algum. A TAM é uma empresa que acha que é melhor que as outras. Uma pena.

      • Soraya

        rafael, mas por qual companhia internacional você viajou? Era um membro star aliance?

    • Carlos

      Joao quando você compra o bilhete conjugado, ou seja todos os trechos de uma só vez no site da companhia, mesmo que tenha trecho de outras companhias parceiras (star alliance) as franquias são honradas, caso contrário pagará excess.
      Ps: trabalho na Tam

  • Já usei da avianca sem problemas

    • Soraya

      Rodrigo, mas por qual companhia internacional você viajou? Era um membro star aliance?

  • djhaga

    A TAM é inflexível para TUDO. Apesar de não ser lá grande coisa, ainda prefiro os desconfortos da GOL que voar de TAM, justamente porque já consegui muita coisa com a GOL através de contato justificando ( exemplo: cancelar bilhetes sem custos após uma mudança de residência inesperada; alterar horário do voo para mais tarde e sem custos para passar o dia em uma cidade que fui a trabalho e voltaria pela manhã cedo; cancelar bilhete promocional emitido em menos de 24 horas sem custos). Não é garantia conseguir, depende do atendente e da sua educação, mais na TAM é um copo de suco e um pão com apresuntado e não se atreva a pedir mais nada, sempre NÃO.
    Valeu MD!

    • Pessoal, apesar de minha história não ser referente a bagagem, no final de 2012 eu fiz um voo com a TAM e só para encurtar era o trecho VCP-GIG, o voo atrasou mais d 4 horas, perdi um transfer do GIG para Búzios (detalhe esse transfer tinha uma difrença de 3 horas do meu horário de chegada no GIG, já antevendo atrasos), enfim, fomos pessimamente atendidos em Viracopos, não havia funcionário no embarque, só no momento do embarque, chegou no Rio, piorou, (nada contra carioca) mas viram que eramos de SP e nos trataram super mal no atendimento da TAM, enfim, entramos com uma ação no Juizado Especial do Aeroporto do GIG (e vale ressaltar que lá os cariocas me surpreenderam em atendimento, por ser um serviço público, foi ótimo, super educados) e nos informaram que A TAM ERA A CIA QUE NUNCA FAZIA ACORDOS NA HORA COM OS PASSAGEIROS, ERA A PIOR CIA PARA ENTENDER E SOLUCIONAR AMIGAVELMENTE QUALQUER CASO!, enfim, super educados nos orientaram a levar todos os comprovantes de despesas e etc.. na volta para que pudéssemos dar entrada no processo ali mesmo! Assim foi feito e a ação julgada como procedente! Enfim, a TAM é uma CIA, claro super diferenciada em conforto e padrão de vôo – exclui padrão de segurança!

      Não bastasse esse problema já tive outros problemas com a TAM que posso dizer que é a que menos se importa com o cliente, portanto, não esperem flexibilidade e fidelidade da TAM ao cliente, a fidelidade da Tam é só no sentido inverso, do cliente para a CIA! Em atendimento, a GOL sempre é melhor para ouvir os clientes, apesar de um padrão inferior ao da TAM, acredito valer a pena o atendimento (j´pa tive problems de atendimento com a GOL tbm… claro, porém, sempre mais flexíveis e solucionados)

      • Cesar Macedo

        Concordo em gênero, número e grau! Se fosse possível, eu não voaria mais de TAM… só acabo voando quando a diferença de tarifas é enorme… porque prefiro pagar um pouquinho a mais na GOL, Avianca ou Azul, a escolher a TAM, que só quer arrancar o seu dinheiro… te forçam a remarcar vôos via Central de Atendimento (e para tanto, cobram R$ 40,00 por emissão de ticket por telefone, sem te darem a opção de remarcação via internet!!!); inflexibilidade para atraso no check-in, sendo que o avião deles estava atrasado 3 horas!!! E por aí vai…

  • Leandro Esteves

    Excelente dica, ainda mais pra quem, assim como eu, comprou as passagens pra roma saindo de guarulhos mas vou embarcar no rio. Vou poder comprar passagem pela gol e usar a franquia internacional, uma vez que a iberia é parceira 🙂 economizei com MD novamente rs

  • em outubro eu respondo pra vcs… O trecho SP/Poa da Avianca pra mim sai muito mais caro, não compensa….

  • Eu tive que pagar excesso, praticamente todas as vezes. Da última, liguei na Gol e perguntei se eles tinham parceria com a Taca e me informaram que sim e isso constava no site. Não sei o que aconteceu, acho que na volta já tinham rompido essa parceria, eles não quiseram honrar o que tinham me falado antes de eu comprar a passagem. Resultado: Paguei mais de 300 reais de excesso. Quando cheguei em casa reclamei e eles me concederam o que eu paguei como crédito. Mas só consegui isso porque de fato a informação constava no site. Acho super chato e super caro. Na minha opinião, mala extra, deveria ter um preço fixo, como acontece nos Estados Unidos, caso as companhias não sejam parceiras.

  • Eu emite com milhas AA para EUA. E como a AA não esta emitindo saindo de Porto Alegre, tive que comprar separado.
    Comprei pela Avianca. GRU-POA por R$138,00….muito mais barato que Tam e Gol. A unica tarifa menor era a Azul, mas pela comodidade da bagagem optei pela Avianca.

    Francine

  • Uma pena a Avianca Brasil não ter vôos pra Goiânia!

  • Eu já necessitei utilizar dessa franquia de bagagem grátis com a GOL em um trecho internacional saindo de Natal para Lisboa operado pela TAP. Quando cheguei ao balcão, eu expliquei que sempre preferi os serviços dessa empresa, porém para o trecho internacional desejado, não se tornava conveniente utilizar um vôo de parceiro saindo de São Paulo. Bom, essa história foi somente um exemplo de que as vezes é possível se você pedir né? hehe

  • No meu caso, que comprei a ultima promo da UNITED saindo de POA e moro em Campina Grande-PB, vou tentar dessa vez pela Avianca, que não tem voos pra cá, mas tem pra João Pessoa que é bem pertinho pra mim 😉

    MD, só pra esclarecer pois não entendi direito, no caso meu voo POA-JPA tem que ser no máximo 6 horas depois da chegada do meu voo vindo dos EUA até POA? Estou confuso…

  • Final do ano voltei de Paris pelo Rio de Janeiro pela Air France e no voo para Manaus que foi comprado separado, a TAM se negou a aumentar minha franquia de bagagem, apesar da minha solicitação. Como comprei separado, acabei pagando o excesso. Não gosto de viajar GOL, mas a partir daquele momento comecei a mudar meus conceitos.

  • Ótima e esclarecedora postagem.
    Vale elogiar quando necessário: viajei Janeiro de 2012 para Miami pela LAN e quando retornei a Natal (de SP, com as citadas 32kgs), a GOL questionou (pró-ativamente) qual companhia aerea eu tinha viajado. Se fosse parceira, eles concederiam o "excesso de bagagem". Na época, a GOL era parceira e eles concederam.
    Valeu MD!

  • Marcos Reis

    Promoção GOL por R$ 39,00 somente neste final de semana… Já mandei o e-mail pro Denis, vamos aguardar! 🙂

  • Ricardo Cauterucci

    Excelente o post!!! Parabéns!! A TAM, como sempre, nem ae para o passageiro…. excelente saber q Avianca e Gol são mais tolerantes…. COM CERTEZA vou levar isso em consideração na próxima viagem!

  • Jorge

    Excelente matéria!!!

  • Oséas Moura

    Pude constatar a política inflexível da TAM numa viagem pela KLM. Trouxe 2 malas de 32 Kg e tenho cartão TAM azul. Foi-me cobrado pelos 34 Kg adicionais valor superior ao TKT nacional São Paulo/Teresina. Se soubesse, teria certamente emitido pela Gol. Parabéns pela esclarecedora matéria.

    • valeria

      Estou voltando ao brasil pela KLM com direito a duas malas de 32 k. comprei bilhete TOP da TAM no site francês. paguei 28.000 pontos para ter direito aos 20 k + 23 e o que descubro 0 que não tenho direito a nada alem dos 23 kilos e que gastei essas milhas à toa.

  • Giovani

    Na verdade, discordo em parte do texto publicado pelo MD. Em abril desse ano, voltando de Miami para Manaus e com um voo 3 horas depois, saindo de Manaus para Curitiba (comprado em bilhetes distintos), a TAM me cobrou excesso de peso. Paguei quase R$ 700,00 à vista (não oportunizaram parcelamento do valor).
    A discordância tem base no artigo 223, do Código Brasileiro de Aeronáutica, o qual serve de base para uma ação que movi em face da TAM perante o Juizado Especial de Curitiba/PR. Essa semana tivemos audiência de conciliação, mas a TAM não propôs conciliação, preferindo o julgamento do processo. O dispositivo legal citado dispõe o seguinte: "Art. 223. Considera-se que existe um só contrato de transporte, quando ajustado num único ato jurídico, por meio de um ou mais bilhetes de passagem, ainda que executado, sucessivamente, por mais de um transportador." Já antecipo que ato jurídico possui conceito distinto de negócio jurídico, pois acaso a expressão "negócio jurídico" estivesse no lugar de ato jurídico, mudaria completamente a interpretação do dispositivo legal.
    Portanto, na parte da matéria que fala em que a lei não ampara o consumidor – no quesito franquia de bagagem – quando compra bilhetes separados, tomo a liberdade de discordar já que acho o exposto acima de utilidade pública.
    Sou leitor assíduo do MD e de fato já me beneficiei de muitas dicas, principalmente em descontos em tarifas aéreas, de modo que me senti na obrigação trazer informação àqueles que diariamente são lesados pelos fornecedores de serviços como é o caso das cias aéreas.
    Informarei à quem tiver interesse do desfecho da demanda judicial em face da TAM.

    • Giovani, obrigado por sua colaboração. Por favor nos informe desse desfecho! Um abraço!

      • Leonardo Azevedo

        Olá Giovani,

        Pelo seu email presumo que voce é advogado. Também sou advogado, e peço vênia para discordar do seu raciocínio. Nao entendo como a compra distinta de dois bilhetes aéreos separados pode ser interpretada como um único ato jurídico. Lembro que ato jurídico é gênero e negocio jurídico é espécie.

        Dessa forma, na minha humilde opinião, nao se aplicaria o art. 223 do CBA, pois a compra dos bilhetes, ao meu ver, nao foi ajustada no mesmo ato jurídico.

        De todo caso achei sua tese muito interessante a gostaria de saber o desfecho.

        Abracos e boa sorte.

        • Giovani

          Leonardo, em que pese as interpretações divergentes sobre a fundamentação legal da minha ação, depois da audiência de conciliação recebi um email da advogada da TAM propondo acordo para devolução do dinheiro, mais juros e correção monetária. Aceitei o acordo e o processo foi extinto.
          Pedia na ação a devolução em dobro. Se a única forma for via judicial, sempre utilizarei quando necessário. Abraço.

          • Bruna

            Giovani, vc pode me enviar o modelo da sua petição? Ainda vou viajar, mas já tenho certeza que passarei por isso, pq tentei negociar antes e nada.

            bruninharafaela@yahoo.com.br

          • Leonardo

            Giovanni, tudo bem!? Pode me enviar o modelo da sua petição!? Estou me antecipando porque tou retornando da Ásia e acho que a tam vai me cobrar. theopix@yahoo.com.br

          • pedro

            Giovani, você vai disponibilizar pra gente isso?

      • Giovani

        Denis, a TAM propôs acordo para pagamento do valor que paguei, mais juros e correção monetária. Aceitei prontamente. Pediram quinze dias úteis para depositar o valor do acordo em minha conta, mas pagaram em uma semana.
        Eu pedi na ação a devolução em dobro, mas aceitei o pagamento corrigido. Abraço.

        • katia

          Giovani, tive o mesmo problema com a TAM em outubro/2013.
          Paguei quase R$ 600,00 de excesso ao voltar dos EUA, descendo no Rio e voltando para Salvador (também pela TAM). Bilhetes comprados separadamente.
          Será que ainda posso ajuizar ação, quase 4 meses depois?
          Poderia, por gentileza, enviar cópia da sua petição?
          Obrigada
          katia.arnold@hotmail.com

    • Jorge André Wetzel

      Giovani, tive o mesmo problema com a TAM. Cobraram um absurdo de excesso de bagagem e não pude fazer nada. Tentei comprar antecipadamente, pois sabia que iria extrapolar e na época não existia esta modalidade. O valor, como hoje, é um percentual sobre a tarifa mais cara. Ok. Preparei-me para um valor em cima da tarifa de quando comprei a passagem. Acontece que o pagamento do excesso é feito próximo do embarque e a tarifa "cheia" aumenta muito. Daí o valor foi pra "estratosfera". De acordo com a ANAC, o valor da tarifa a ser utilizado é da data da compra. Entrei no Ministério Público contra a TAM já faz quase dois anos para que isso seja apurado. Consegui juntar uma vasta documentação acerca do caso e do assunto.

    • Thiago

      Giovani, vc poderia me enviar a cópia da sua ação? Comprei passagens agora pela TAM e tenho certeza que terei problemas… tcoliveiraufc@gmail.com
      Agradeço antecipadamente.

    • valeria

      Estou retornando ao Brasil pela KLM após um ano na França e Comprei bilhete TOP trecho São Paulo Belem, pela TAM. Paguei com milhas e eles me dizem que não tenho direito à franquia de bagagem que está descrita na página da internet aqui na França. Tenho intenção de entrar na justiça, se puder me auxiliar com referências agradeço.

  • Thays Ribeiro

    Olá , vim de AA de Miami em Janeiro e o trecho GRU-CNF vim de gol, eles honraram de boa e no quadro ela nem aparece no quadro de parceiras.

  • Marcelo

    Viajei pra Los Angeles pela Korean Air e, na volta, em GRU, não tive problema algum em despachar as malas pela Gol. Quando a primeira mala foi pra balança a atendente perguntou se estávamos vindo do exterior e por qual empresa. Quando disse que era pela Korean Air, ela apenas fez um sinal de positivo com a cabeça e continuou o atendimento normalmente. Ou seja, ao menos no meu caso, eles efetivamente honraram o que consta no site. Ponto pra Gol.

  • Diego

    Olá Dênis… me tire uma dúvida… estou viajando Recife-Frankfurt… pelo arquivo que recebi junto com a passage terei direito apenas a uma mala de 23 Kg… esse informação de dois volumes de 32 Kg cada realmente é válida para todas a companhias? Vc poderia me confirmer essa informação. Abraços.

    • Debora

      Fiz o trecho REC-FRA semana passada e foram 2 de 32kg, porque o voo iniciava-se no Brasil. Duas malas de 23kg acontece para o caso do seu voo iniciar-se fora do país, ao que eu sei…
      Boa sorte na lata de sardinha da Condor. =P

    • Ramon

      Sao duas de 32kg sim. Fiz esse mesmo vôo em janeiro.
      Sinceramente nao achei uma lata de sardinha. Nada muito menor do que a classe econômica da TAM. O único ponto negativo è a ausência de um sistema de entretenimento individual. Mas na minha opinião o preço da passagem compensa.
      Abraço e boa viagem!

  • Diego

    Olá Dênis… me tire uma dúvida… estou viajando Recife-Frankfurt pela CONDOR… pelo arquivo que recebi junto com a passagem terei direito apenas a uma mala de 23 Kg… essa informação de dois volumes de 32 Kg cada realmente é válida para todas a companhias? Vc poderia me confirmar essa informação. Abraços.

  • Nelson Godoy

    Comprei GRU-ATL pela Delta e o Trecho SSA/GRU com smiles.
    Tudo perfeito. A franquia foi na hora sem problema nenhum.

  • Fabricio

    Ano passado comprei passagem de BSB para Nagoya (NGO) via GRU, sendo domestico pela Tam e internacional pela Delta. Comprei pela Submarino o trecho todo e valeu a franquia de 2x32kg à partir de BSB e na volta idem. Inclusive no embarque em BSB já pediram o visto americano. Este ano comprei Ribeirão Preto à Nagoya, via GRU. O trecho doméstico foi via Passaredo. Compensou comprar separado, e paguei excesso de bagagem na Passaredo. Se comprasse o trecho inteiro sairia muito mais caro.

  • Alessandra

    Voei para EUA pela Copa(2011) e pela Avianca (2013) e das duas vezes a Gol respeitou a franquia internacional, show de bola.

  • Vera

    Há três anos atrás, voltando de Miami pela LAN, com conexão Brasilia-Cuiabá pela TAM (passagens compradas separadamente. Acho que na época ainda nem eram oficialmente parceiras), a atendente da TAM fazendo meu check-in concedeu a franquia sem problema. E me afirmou que era procedimento padrão. Seis meses depois, Miami-GRU-Cuiabá, sendo o trecho nacional em milhas da própria TAM (portanto passagem marcada separadamente), os atendentes da TAM foram absolutamente inflexíveis. Resultado: mais de R$700 de excesso de bagagem. Abri a mala alí mesmo, tirei o máximo de coisas que pude, coloquei em duas bolsas menores, e carrreguei como bagagem de mão. Ainda assim, quase R$350 em excesso! Um desgosto!

    • O mesmo aconteceu comigo voltando dos EUA. Vim pela Lan e a atendente da tam foi completamente inflexível. Paguei excesso com o maior desgosto.

  • Fernanda

    Pessoal, comprei as passagens na promoção da United saindo de São Paulo, como não é parceira da Gol terei que pagar excesso. Alguém sabe informar se valor do excesso é igual em todas as companhia ou em cada uma é um valor?

    • Olá Fernanda!!
      Estou com a situação idêntica a sua! Mas vou de Gol ou Avianca, já que pela dica do MD são as mais flexíveis!!
      Se vc tiver alguma novidade por favor me avise!!!
      Bjo
      Dênis, obrigado por esse esclarecimento!!
      Abraço

    • Patricia

      Estou na mesma situação que vocês Fernanda e Jefferson.
      Viajarei pela United para os EUA e comprei separado o trecho de Florianópolis para SP, que farei pela Gol.
      Um amigo meu já solicitou que a Gol fizesse a franquia de bagagens com a United e conseguiu. Espero que também dê certo para nós.

      • Também estou na mesma situação! 🙂
        Seu amigo solicitou antes e conseguiu?

        • Patricia

          Juliana, esse meu amigo sempre viaja pela United e ele pede para a Gol honrar a franquia de bagagens sempre na hora do embarque. Acredito que isso deve depender do atendente, já que a United não é parceira…

      • Rodrigo Araujo

        Também Comprei Orlando, saindo de Guarulhos pela United. Separadamente, comprei Brasília a São Paulo, via Gol. Entrei em contato com a Gol e a atendente informou que a United não é parceira e que neste caso, o peso é de 23kg.

        • Tatiana

          Que confusão!! Comprei são paulo-orlando, porém saio de maceió. Ao ligar na Gol, a atendente me informou que a GOL honra sim as bagagens de 32kg, mesmo eu tirando as passagens de milhas. Vai entender!!!

          • Tatiana

            Ahhh, comprei pela United.

    • Rodolfo Sarney

      A United em si não é parceira, porém a Continental Airlines é parceira, e a United se fundiu a Continental, dessa forma pode alegar isso que eles aceitam.

  • naduvida

    Tive problemas com relação a remarcação de data numa passagem comprada com a Alitalia. O vôo era Rio-Milão com conexão em Roma. No retorno, mudei a data para 1mês depois. Não fui informada sobre regras diferentes de franquia de bagagem até que cheguei no Aeroporto de Linate para o embarque…

    A atendente num primeiro momento disse que eu estava com excesso. Falei que meu vôo partiu do Brasil e a franquia é diferenciada. Depois disso, ela "me fez um favor" e deixou passar. Fiquei com a dúvida.

    Falando com uma amiga ela disse ter passado algo semelhante quando remarcou sua passagem comprada com a AirFrance. Alguém saberia falar mais sobre isso?

    • Cleber Z

      Naduvida, as cias aéreas européias as vezes consideram os trechos voados dentro da europa como internos. Isso já aconteceu comigo na Lufthansa no trecho Linate-Frankfurt (depois era Frankfurt-Galeão) onde eles queiram me enquadrar nas regras de vôos internos (apenas uma mala de 20 kg). Expliquei para a atendente que o vôo era internacional já que eu só pegaria minha bagagem no Brasil e ela "concordou" (as áspas são pelo muxoxo dela no ato da concordância). E a coisa piora se for stopover: aí mesmo que eles não abrem mão da franquia ser de apenas uma mala com 20kg e uma só bagagem de mão. Então, cuidado.

  • Camila

    Não tive problemas com a Avianca. Sequer perguntaram o horário do vôo anterior. O Atendente somente perguntou se voltávamos de viagem internacional.

  • Glauco

    Minha dúvida é a mesma da Fernanda. Eu e minha família também compramos os bilhetes na promoção da United para Orlando saindo de Guarulhos. Como moramos em BH, pelo que foi informado na matéria do MD, não teríamos direito à franquia de bagagem nos trechos de ida (Confins-Guarulhos) e volta (Guarulhos-Confins), MAS…..
    A United é membro da Star Alliance, assim como a TAM ainda é (ainda, pois pelo que li, a TAM sairá da Star Alliance em 2014). Alguém poderia esclarecer se o fato da United e TAM serem membros da Star Alliance não dá direito a este benefício da franquia da bagagem?
    Obrigado. Parabéns pela matéria oportuna.

  • Glauco

    Minha dúvida é a mesma da Fernanda. Eu e minha família também compramos os bilhetes na promoção da United para Orlando saindo de Guarulhos. Como moramos em BH, pelo que foi informado na matéria do MD, não teríamos direito à franquia de bagagem nos trechos de ida (Confins-Guarulhos) e volta (Guarulhos-Confins), MAS…..
    A United é membro da Star Alliance, assim como a TAM ainda é (ainda, pois pelo que li, a TAM sairá da Star Alliance em 2014). Alguém poderia esclarecer se o fato da United e TAM serem membros da Star Alliance não dá direito a este benefício da franquia da bagagem?
    Obrigado. Parabéns pela matéria oportuna.

    • Wesley

      Pelo fato de serem parceiras (TAM e UNITED), acho que não vai influir em nada. Como consta na matéria, a TAM não honra a franquia de bagagem internacional se os bilhetes estiverem sido emitidos em separado. MAS, acho que ninguém observou que consta como ‘parceira’ da GOL a Continental Airlines. Logo, se eu fosse viajar de UNITED, argumentaria que em meu favor que a Continental e United são hoje uma mesma empresa. Logo, vale tb para a UNITED a tabela acima.

  • Ano passado passei por isso. Peguei o voo Sydney-SP e depois tive que pegar o trecho nacional SP-BA pela GOL. A atendente perguntou q cia eu tinha feito o voo internacional, daí eu respondi LAN. Aí ela perguntou "É parceira da Gol"? Eu não acreditei q ela havia me perguntado isso…eu respondi meio envergonhada "deve ser" – kkkk, quem não chora não mama, não é mesmo?! Mas daí ela perguntou p/ outra atendente que lançou um olhar fuzilante p/ ela. Acho q depois disso ela ficou com raiva, cobrou todo o excesso e nem deu um descontinho! (Com a TAM, em outra oportunidade, eles tb me cobraram excesso, mas cobraram razoavelmente menos do que a quantidade de quilos extras q eu tinha)!

  • Comprei o trecho Guarulho-Madri-Porto com a empresa Iberiae TAP (2 viagens em períodos diferentes).
    Depois comprei o trecho Florianópolis-Guarulhos com Smiles.

    A GOL aceitou a franquia internacional sem problemas.

  • Mariângela

    Fiquei com muito ódio da Gol. Comprei passagens só de volta de Miami a GRU. Comprei o trecho GRU – VIX, com o Gol pq estava a metade do preço. Porém a GOL me cobrou o extra das garagens e fez questão de dizer que se fosse qualquer outra companhia honraria, mas com a TAM, nunca!!!

    Já em outra ocasião fiz GRU- MIA com Avianca e internos com a Gol. Não cobraram nada!

  • Desculpa perguntar aqui. Comprei a promoção poa mco só q o vôo sai de Sp. Não tem nenhum jeito de embarcar em Sp sem ter q ir pra poa?

    • MattOKiller

      Não, caso contrário sua viagem será cancelada

  • Não Rodrigo! Vc perde todos os trechos,pq dá No show!!!

  • A Gol honra direto das parceiras,sem questionamentos…mas agora tb irei de Gol para pegar o voo da United em GRU,pelo visto será outra situação!

    • Vai uma dica, não sei se vai funcionar, mas vale tentar, lógico, pedindo com jeitinho, falando que prefere os trechos domésticos pela GOL (que adora a GOL… rsrsrs… mesmo que não goste) enfim, pedindo com gentileza e jogando uma conversa legal acho que dá!

      No site da GOL consta a CONTINENTAL AIRLINES como parceira, vale lembrar que após a fusão da Continental com UNITED, a Continental deixou de existir, portanto, podem tentar no check-in informar a atendente que a GOL tem parceria com a Continental Airlines que virou tudo United, portanto a parceria se mantém com a United!!! É uma dica para tentar com o atendente do check-in, pois, eles podem não ser informados.

      Podem utilizar esse argumento com a GOL, que acho válido!

  • Paula

    Vale comentar que o valor do excesso não eh um absurdo também. Quem vai aos EUA, por exemplo, e economiza em suas compras não pense que vai perder toda mamata no balcão da cia. Para um vôo GRU POA de volta pra casa, paguei 25,00 por uma mala extra cheia. A outra, com mais de 23 quilos também, a atendente fez que não viu. Tudo isso na TAM sem relação com cia parceira.

  • Ana Carla

    MD, vocês são demais! Mais uma vez prestando um serviço de utilidade pública! Parabéns! E obrigada! Comprei a promoção da Iberia com a ajuda de vocês e saio do Rio para SP. Vou usar essa franquia com a Gol!

  • Patricia

    Fiz uma viagem para os EUA pela Avianca em 2011, e emiti os bilhetes separados no trecho Curitiba x GRU. Na volta, a GOL nos cobrou o excesso de bagagem, mesmo com a questão da parceria que existia entre Avianca e Gol. Na verdade, esse problema de excesso não segue nenhuma política, e sim é feito de acordo com cada atendente, pois eu paguei, conheço pessoas q não pagaram, e aqui mesmo há relatos de pessoas q não pagaram…. Depois dessa, nunca mais comprei bilhetes separados.

  • Cleo Martellet

    Muito boa a matéria! Denis, comprei via submarino as passagens pela Delta na promo, indo de POA a Miami, no dia 18 de nov, próximo! Volta dia 28 de nov. Gostaria de ficar mais uns 4 DD, até por dia 29 de nov ser a Black Friday! Marquei assentos de ida, e nao achei assentos de volta disponíveis ( só 4 especiais, que se paga uma taxa alta para utilizar!), então nao marquei. Seria possível a troca, para mais 3 ou 4 dias? Aconselha a ligar direto no submarino? Ou na Delta? Terias idéia do valor da multa? Nao achei no site! Grato pela atenção e parabéns pelo site novo! Ficou ótimo! Abc

  • Carlos Henrique

    Caros colegas;

    Excelente post..mais uma vez parabéns ao MD.

    Dúvida: Como descubro antecipadamente o valor da tarifa econômica normal (Y), para evitar surpresas?

    RETIRADO DO SITE DA GOL
    "Será cobrado 0,5% da tarifa econômica normal (Y) do trecho, por quilo em excesso, para voos nacionais. Em caso de viagem internacional, é cobrado 1% da tarifa econômica normal (Y) do trecho, por quilo em excesso. E a bagagem poderá ser despachada desacompanhada em um próximo voo."

    • Cíntia

      Liga para gol e pergunta, eles não dão um valor especifico, mas informam uma previsão que, no meu caso foi um valor absurdo, eles me falaram algo como se a tarifa de um voo entre Rio e Salvador fosse mais de mil reais um único trecho….mas como postei abaixo, na hora do embarque fiz a última tentativa e perguntei se poderia embarcar com mais bagagens pois estava vindo de um voo internacional e apesar da BA não fazer parte das parceiras da GOL eles deixaram e não me cobraram nada por isso…Resumo: leva o dinheiro para pagar, mas antes de perguntar sobre taxas e cia no balcão entrega as malas e diz que vem de um voo internacional, vai que cola…

  • Vocês sabem me dizer qual empresa nacional é parceira da United?

  • Já utilizei franquia internacional em vôo da Gol utilizando outras companhias. Isso foi em 2010, mas a gol me deu uma franquia maior e o meu vôo internacional era da South African. Apenas pediram o meu cartão de embarque e colocaram algo no sistema…

  • PP

    Ótimo serviço. Super útil. Parabéns pelo novo site. A propósito do assunto deste post, pergunto se, no caso do trecho doméstico ser operado pela TAM, não seria vantajoso comprar antecipadamente alguns quilos de bagagem? Grato.

  • Apenas uma ressalva, alguns aeroportos não permitem malas de 32kg, não importa se você tem franquia, cartão fidelidade, acesso VIP é rei, rainha. O que for. Simplesmente é padrão das esteiras e ordem trabalhista, qualquer mala pode ter no máximo 30kg, acima disso deve ser despachada como carga, não pode ser mala.
    Singapura, é 25kg, Londres acho ser 30kg, alguns aeroportos americanos possuem despacho diferenciado exigindo até embalagem apropriada. E o mais importante, em toda a Europa sua bagagem pode ter no máximo 32kg, não adianta chorar com os 33, 35kg pagando excesso, simplesmente não existe essa possibilidade, você vai ter que esvaziar a mala até os 32kg.
    Dica: Check sempre antes de embarcar e principalmente verifique se você fará escala ou conexão em algum aeroporto, e não exceda os 32kg, no Brasil, já vi companhia aceitar até 40kg como mala, lá fora isso é impossivel.

  • Roberta

    Fiz um voo
    Las vegas – Teresina q tinha emitido pelo tam fidelidade em parceria com United e AA nas conexoes. Como o voo para Teresina era muito tarde de Guarulhos resolvemos comprar um bhete Gol de Gru para The e a gol respeitou a franquia de bagagem qd mostrei o tkt de um dos trechos que eu tinha voado por vimpanhias parceiras da nmesma. Show de bola!!

  • A TAM é inflexível em absolutamente TUDO. Por isso que quando é ela (raro) que precisa de mim, não dou moleza (dependendo do caso!). Meu irmão já ganhou 3 ações judiciais contra essa empresa, e ele não hesita em procurar a Justiça quando se sente lesado.
    Em duas oportunidades comigo, vindo de vôo internacional e embarcando em SP no voo doméstico comprado separado daquela, a TAM nunca honrou a franquia de bagagem internacional. Em ambos os casos tive que pagar pelo excesso, que não é barato! Usei de todos os argumentos, inclusive que os dois vôos (int e domest) eram da TAM, e mesmo assim me foi cobrado excesso.
    A TAM tá pouco preocupada com passageiro. Ela quer é lucro, somente lucro. Tem os aviões com os piores assentos, pitch absurdo, serviço de bordo cada dia pior, site horrível e pouco intuitivo, horários péssimos, despachantes estressados, programa de upgrade confuso etc. Até o assento espaço+ (assento conforto) é mais caro que algumas outras empresas.

  • Sheyla

    amei esse post!!! vcs sempre me surpreendem! parabéns!!

  • Cíntia

    É verdade, não custa pedir…sou de Salvador e viajei para Londres pela British Airways que só sai do Rio de Janeiro e São Paulo. Comprei bilhetes separados e liguei várias vezes para GOL perguntando o que teria que fazer e TODAS as vezes me falavam que teria que pagar bagagem extra e colocaram mil dificuldades, fui preparada e chateada para pagar caro pelos quilos extras, mas quando cheguei no aeroporto fiz a ultima tentativa 🙂 expliquei que vinha de um voo internacional, mostrei o bilheite da BA e sem questionar nada eles me deixaram embarcar do Rio para Salvador sem pagar nada 😀

  • Marcílio Dias

    A TAM é realmente péssima! Comprei separado Brasília SãoPaulo e São Paulo Sydney em julho e como a minha mãe tinha feito o trecho Brasília São Paulo Vancouver não me preocupei com esse detalhe da Tam pois a Gol não cobrou o trecho domestico. Na próxima vez vou pela gol ou avianca. Após quase um dia de viagem tive que pagar 100 reais pra Tam, realmente um absurdo.

  • Leonardo Rodrigues

    Ja usei a Gol com a Ibéria havia comprado os bilhetes separados, não sabia de nada ja estava preparado para pagar, porém quando o atendente viu a etiqueta na minha bagagem questionou e perguntou se eu tinha o ticket, simples assim nao cobrou nada disse que minha franquia se aplicaria ao voo.

  • Hellen

    A TAM é um lixo! Ano passado aproveitei uma promoção que MAO/MIA, e comprei o trecho Bsb/ MAO separado, todos pela TAM. Na volta meu pai teve de pagar R$ 600,00 de excesso por ter trazido sua franquia internacional, ou seja, 2 peças de 32 Kgs. Como entender que a mesma empresa não pudesse assumir a franquia… funcionários despreparados, arrogantes, inflexíveis estes de Manaus! Fora todas as outras vezes em que tive problemas diversos com a TAM… Tento sempre comprar minhas passagens pelas empresas americanas que são muito corretos e não enrolam os passageiros.

    • A TAM é péssima em atendimento… os funcionários, quase em sua totalidade são arrogantes e TAM inflexível, não ouvem o cliente e seus problemas desejam fidelidade do cliente mas não tem fidelidade para o cliente.

  • Comprei passagem para Orlando na última promoção pela United. No email de confirmação lá dizia que a franquia era 1 mala de 32kg. Alguém observou isso? Isso procede?

    • ta escrito isso no meu bilhete.

      A concessão de bagagem de/para Brasil é 2 malas de 32 quilos/70 libras cada

  • Cleyton

    Já desembarquei em CNF vindo de MIA pela AA, e depois voando Azul, a atendente olhou uma tabela e me cobrou uma taxa de R$40,00 pela mala extra, negociei com ela, e elogiei também ela concedeu um desconto 😀
    Em setembro volto do JFK pela Delta pra GRU, depois trecho domestico de Gol, tomara que funcione.

  • Mikeil

    Moro em Curitiba. Quando viajei pela United aos EUA sai de SP. Na volta comprei um voo de SP-Ctba pela Gol, e acreditava que ia pagar excesso, pois não conhecia esta regra da GOL.
    Minha sorte é que o funcionário que fez o check-in pra mim em GRU percebeu que eu vinha de LA e avisou que nao precisava pagar o excesso. Obviamente agradeci muito ao rapaz e parabéns à GOL.

  • Leonardo Azevedo

    Olá Dênis,

    Parabéns pela matéria.

    A Gol informa que a Continental é parceira. Mas a Continental agora não é United?

    Será que dessa forma a parceria se aplica à United?

    Abraços.

    • Me fiz essa mesma pergunta… Comprei a promoção pra Orlando em novembro saindo de GRU e tenho que comprar o trecho BSB-GRU-BSB.
      O ideal é ligar na Gol e perguntar. Mas, por via das dúvidas, se o trecho nacional pela Avianca estiver só um pouco mais caro melhor não arriscar…

  • Elisa

    SUGESTÃO!
    PARA GARANTIR COM A GOL, perguntem no CHAT que aparece no site (cliquem em "Teclar com Atendente", imprimam a resposta e levem no dia do vôo.

    Eu comprei pela American para os EUA saindo de GIG, o trecho GIG-POA comprei pela GOL e me confirmaram no CHAT com todas as letras que eles honram porque a AA é parceira deles. Mas no site ela não consta como parceira, só que é! ou seja, é a resposta do CHAT que vai valer, porque o atendente representa a empresa!

  • Já voei com todas, ou quase todas, as companhias aéreas nacionais, e a Avianca é a única que te trata como se você fosse, de fato, uma pessoa. As outras te tratam como se fosse um robô…

  • Pessoal, mais uma vez, vale ressaltar, inclusive com os posts feitos aqui que comprovam isso que a TAm é a menos ou quase nada flexível com o cliente! Apesar de um padrão superior em conforto, comparado a GOL por exemplo, o atendimento é arrogante e péssimo! Detesto a TAM, pois já tive diversos problemas com a TAM e a GOL e a TAM perde em disparada na fidelidade da empresa para o cliente, o que eles querem é só fidelidade do cliente para a Empresa!!!!

  • Pessoal, estou com esse problema farei um voo doméstico de Goiânia para Cuiabá pela Azul que não tem parceria com a Delta, gostaria de saber qual o valor de excesso de bagagem da Azul. Compensa vir com 32kg e pagar o excesso entre Cuiabá a Goiânia.

  • Oi as datas que seguem ao lado dos valores promocionais da passagem precisam ser respeitados, ou seja ,gostaria de permanecer mais tempo em viagem, principalmentenas internacionais. 7 dias as vezes não vale a pena. Obrigada

  • Jorge

    Alguem pode me informar quantas horas de voo Recife Frankfurt?

    • Gabriel Q.

      Olá Jorge, dá uma perguntada lá no fórum, porque este tópico é sobre franquia de bagagens.
      Vamos todos zelar pela boa organização do site.
      Abraços

  • Eu não vou nem discutir a questão da transição de franquia internacional para domestica, mas acho muita exploração cobrar 800 reais por uma mala extra de Guarulhos para o Nordeste, sendo que uma mala extra dos EUA para o Brasil custa 100usd??? Nao espero favor de ninguém, mas com esses preços que a TAM pratica, fica realmente complicado. Cobram 0.5% da tarifa cheia (30 reais). Quer dizer que a tarifa cheia custa 6000 reais???

  • Voltei de Lisboa para Salvador de Tap e comprei Salvador Florianópolis com a Gol. A Gol cobrou excesso de bagagem. Consigo um histórico no site para tentar reaver o valor? Sendo que a Tap é parceira Gol?

  • Galera, uma dúvida. Comprei POA – MCO, só que moro em BSB. Estou indo pegar o voo em POA. Tanto na ida e na volta e voo da United parte de GRU. Vou de POA para GRU e GRU – POA de TAM. O que estou querendo fazer. Na volta, eu comprei de GRU para BSB e não vou pegar o voo da TAM de GRU para POA. Será que dá algum problema? Fiquei mais preocupado ainda porque eu voo de GRU para BSB é pela AZUL e ai entra a questão da diferença de peso das bagagens.

    O que vcs acham sobre o caso?

    • Fiz isso porque não achei nenhum Voo de POA para BSB que fosse no mesmo dia, isso sem falar na diferença de preço.
      Agora estou muito preocupado com o excesso de bagagens. aiaiai

  • Eu gosto muito da Gol, nunca tive um problema com a companhia e nesse ponto eles SEMPRE assumiram minha franquia de bagagem, voando com companhia parceira ou não, além das parceiras, já assumiram minha franquia voando de AA (após o fim da parceria), BA, Qatar (2 vezes, antes da parceria) e até pela TAM, muitas vezes nem precisei pedir, eles perguntaram somente se eu vinha do exterior e já me concediam a franquia. Esse ano passei alguns meses morando na Europa e ja voltei pro Brasil usando toda a franquia internacional da Ibéria, no freeshop ainda comprei cerca de 20kg (bebidas), o que fez com que minha bagagem ultrapassasse a franquia que a Gol deveria cobrir, achei interessante que a atendente me perguntou se eu havia pago excesso de bagagem na Ibéria, pois se eu tivesse pago lá a Gol iria cobrir inclusive os quilos extras, o que eu achava totalmente improvável!! Mais uma vez a Gol me surpreendeu positivamente, acabei nem pagando o excesso por causa do meu cartão smiles que dá direito a 20kg extras. Já a TAM é uma negação, certa vez eu estava voltando da Itália pela KLM e o bilhete havia sido comprado ROMA/GRU/GIG (no mesmo bilhete), sendo Roma/GRU pela KLM e GRU/GIG pela TAM, eu tinha 3 malas de cerca de 12kg cada, ou seja, bem abaixo do limite da franquia, a TAM se recusou a despachar minha bagagem alegando que eu só tinha direito a 2 volumes de ate 32kg, como eu tinha 3 volumes teria que bagar o excesso pela terceira mala!!!! Pior, no checkin de transferencia me perguntaram quantas malas eu tinha e não me disseram que eu teria que pagar, primeiro pegaram minhas malas e colocaram na esteira, para só depois me informar do pagamento – inadmissível!! Eu disse que minhas malas tinham pouco peso e que eu iria reorganiza-las para caberem em duas, entao a TAM me disse que não poderia me devolver as malas pq elas já estavam na esteira, dei um escandalo até que deram um jeito de me devolver, stress totalmente desnecessário, depois de uma viagem de um mes em que eu já tava morta de cansada. Enfim, a TAM sempre decepciona enquanto a Gol entrega mais do que promete, por isso sempre acabo preferindo a laranjinha 😉

  • Muito bom o post tirou varias duvida que tinha, então eu vou passar me relato diferente do que todos colocaram, em Outubro de 2012 fui para Dublin, sou de Curitiba e comprei uma promoção indicada aqui pelo MD do Rio para Dublin pela Lufthansa, e depois em outra promoção comprei a passagem domestica pela Gol, Minha ida foi tranquila pois fui com meia mala mas na volta após 30 dias pela Europa voltei com 2 malas e meia…rsrsrs… Meu voo de retorno foi adiantado pela Lufthansa enquanto eu estava na Europa por uma mudança nos voos vindo para o Brasil então acabei chegando 12 horas antes do meu voo domestico Galeão x Curitiba fui até um guichê da Gol e pedi para adiantar meu voo como comprei a passagem com Milhas paguei uma taxa de RS$ 80,00 Reais para esta remarcação, e na hora de embarcar que fui descobrir que a Lufthansa não tinha parceria de bagagem com a Gol…Ai bateu o desespero, mas como acabei sendo atendido por uma excelente funcionaria da Gol ela me ajudou e passou a mala de 30 Kg na franquia e a outra de 25 Kg eu paguei bagagem extra e pasmem paguei RS$ 68,00 reais achei um valor Justo e não reclamei de nada… Só para informação tive problemas com a Ryanair (Low Cost) na Europa com 1 mala extra e tive que pagar EUR 80,00 Euros por ela…Então estava muito satisfeito com a Gol… E em contrapartida a Tam com seu péssimo atendimento até hoje não creditou as milhas desta viagem e alegou que só pontuam classe Executiva ou 1º Classe da Lufthansa “Econômica não gera milhas”!!! Depois disso só compro passagens com a Gol e depois deste Post agora mais ainda… Obrigado MD…

  • Leonardo Azevedo

    Prezados,

    Estou viajando com minha família para os EUA, e comprei pela promoção da UNITED, indo e voltando pro São Paulo. Meu destino final é Recife, mas ainda não comprei o trecho nacional.

    Li que a Gol oferece a mesma franquia de bagagem internacional de 2 bagagens de 32Kg caso o voo internacional seja por uma companhia parceira.

    Vi que a United não consta no rol de parceiras, mas a Continental consta como parceira.

    Ocorre que a continental foi incorporada pela United.

    Desta forma gostaria de saber se eu emitir as passagens para minha família pela GOL, no trecho de GRU-REC, terei o direito de usufruir a mesma franquia do vôo internacional de 2 malas de 32 kg por passageiro? Pergunto isso considerando que a Continental (parceira) agora é United (não parceira).

    Essa informação será fundamental para decidir a companhia que comprarei a minha passagem.

  • Gustavo

    Enviei um questionamento para a Gol e ela disse que honra a franquia da United desde que o prazo para embarque na Gol seja de ate 24 hrs da chegada ate a partida.

    • Entrei em contato no chat e a resposta foi a mesma. Resposta da atendente: "Ja que a United Airlines é uma companhia parceira da Gol, entao se os voos respeitam uma regra a Gol honrará a franquia"
      Segui o conselho do colega lá de cima e imprimi a conversa para levar no dia… vai ter que valer! heheheh

  • Guilherme

    Eu também enviei um questionamento no chat da Gol e tive a mesma resposta do Gustavo. Que honram a franquia internacional da United desde que o prazo para embarque domestico seja de 24 horas

  • Paulo

    A GOL também não é essa maravilha toda. Pesamos a mala em casa e tinha menos de 23kg. Na balança do aeroporto de Salvador pesou 24kg e não houve argumentação válida, ou tirava alguma coisa ou seria cobrado 1kg de excesso. Ou a funcionária tinha dormido de “calça jeans” ou sei lá, nos fez tirar um casaco e uma bíblia da mala, sem dar ouvidos a uma possível margem de erro ou tolerância. Ce la vie!

  • Gustavo Sardinha

    Já tive problemas com a TAM por duas vezes em GRU, comprando as passagens conjuntas, mas voando doméstico TAM e internacional de empresa parceira.
    Em uma delas, por causa de mal tempo, perdi uma conexão em Washington. Bagunçaram toda a minha volta e disseram que o contrato não era o mesmo e que eu teria que pagar o excesso para o voo GRU-GYN.
    Tenham cuidado, pois mesmo sendo o mesmo contrato como a TAM alega aceitar, quando são voos de companhias distintas o sitema deles parece não entender bem… Procurem a gerência e reclamem.

  • Miriam

    Já tive uma péssima experiência com a TAM. Viajei pela Copa Airlines para Orlando saindo de Manaus e comprei os trechos nacionais, já que moro em Brasília, pela TAM!! Ai se arrependimento matasse…rsrs Na ida, tudo tranquilo, malas vazias, mas na volta, o atendente foi super grosso e irreticente, ainda pedi com jeito que considerasse pois era cliente TAM Fidelidade, um outro atendente do balcão ao lado ainda disse que poderia aceitar em até 24 (vinte e quatro) horas, mas mesmo assim o nosso atendente foi super irredutível e nos fez pagar, deu praticamente R$1000,00 (mil reais) as minhas e as do meu namorado, mas por um erro deles na hora do cálculo, seria muito mais…
    Em contrapartida meu irmão mais novo vive rindo de mim, diz que eu sou azarada, que ele SEMPRE, passa com os excesso em TODAS as companhias que ele pega voos separados dentro do Brasil, seja qual for o destino internacional! É…acho que sou eu!!rsrs
    Mas para não ter surpresa, já comprei o trecho interno de volta, dessa viagem que faremos pela UNITED, pela Avianca, já havia feito essa pesquisa e achei melhor não arriscar!! Sai pra lá zica!!rs

  • Tiago

    Sou do RJ e comprei uma viagem para Orlando saindo de Guarulhos pela United. No chat da Gol confirmaram (tirei print e imprimi) que caso compre o trecho domestico rio-sp com eles garantirão a franquia internacional de bagagem, pois a United é parceira deles, apesar de não constar na lista do site. A conferir, minha viagem é em outubro…

    • Thatiana

      E então Tiago, deu certo? A GOL manteve a franquia do trecho internacional da United?

  • Eu me pergunto qual o motivo da TAM ser tão irredutível nesse aspecto. É claramente uma grande vantagem para a concorrência. Eu só escolherei GOL nessas condições descritas de agora em diante.

  • Rose Diniz

    Oi Pessoal,

    Ano passado fiz uma viagem para os Estados Unidos pela AA REC-LosAngeles e não me deixaram trazer uma mala extra, nem pagando e deram uma desculpa lá. Agora pergunto era a Cia ? Peguei a promoção da Delta saindo de SP – NY, EXISTE PROBLEMA COM RELAÇÃO A TRAZER UMA MALA EXTRA PAGANDO? E caso seja possível , alguém sabe quanto seria?
    Obrigada.

  • Daniela Guarato

    A Passaredo e a Webjet foram compradas pela Gol, isso quer dizer que as duas honram as franquias de bagagem do mesmo modo que a Gol?

    • A Passaredo não foi comprada pela GOL (pelo menos não oficialmente). A Webjet não existe mais

  • Thiago Salgado

    Olá MD! se possível me tirem uma dúvida. Em um vôo londres-madri-salvador-recife, sendo a parte internacional operada pela air Europe e a doméstica pela TAM, esse trecho nacional honraria a franquia de 2 x 32kg? As passagens estão aparecendo combinadas, achei no Skyscanner… muito obrigado

  • joice

    Boa tarde!
    Comprei minhas passagens com as minhas milhas da Mileage Plus, voo domestico da TAM BH-RJ, RJ- HOUSTON, HOUSTON -C.MEX., gostaria de saber se a regra de 32 kg, se aplica no meu voo domestico? estou realmente preocupada em pagar esse excesso de bagagem nesse preco absurdo!

  • Beatriz

    Caso eu compre o trecho inteiro pelo Submarino, por exemplo: Curitiba > Rio > Londres, e a Tam operar o vôo doméstico, a TAM honrará a franquia de 2x32kg? Só pra ter certeza! Outra coisa, todos os trechos que aparecem no Submarino, mesmo que a volta seja operada por uma outra companhia internacional, é considerada uma única compra e portanto seja qual for a cia doméstica, ela terá que honrar a franquia internacional? Obrigada!

  • Renato

    A GOL honrou a franquia de bagagem de um voo que fiz da American Airlines, atual parceira da TAM. É a segunda vez que me concedem. A Azul não quis nem saber da vez que precisei e paguei excesso. A GOL ganhou muitos pontos comigo.

  • andreia

    Alguém sabe dizer se tivermos apenas uma bagagem com 38kgs por exemplo, se tem que pagar excesso, ou o fato de não ter a outra pode isentar do excesso?

  • Suzana

    Vim de AA dos Eua, e na volta GRU-CGB honraram a franquia de bagagem (e olha que as passagens foram remacardas pq na época o aero de Cgb estava em reforma!!)

  • Ola pessoal,

    Muito bom esse forum e as dicas do MD. Parabens.

    Eu sempre ouço dizer que existe uma tal convenção internacional que permite em viagens de e para o Brasil, essa franquia de 2 malas de 32kg por pessoa.

    Eu ja viajei pela Africa do Sul, Emirates, Qatar, Copa e nunca tive problemas com isso. Porem dessa vez eu vim pela Asiana, e quando sai do BR eu nao tive problemas, porem agora na volta, quando eu ligo na Asiana, eles insitem em dizer que sera seguida a franquia da Asiana, que é somente 2 malas de 23kg cada.

    Para piorar, eu olhei a politica deles e simplesmente nao existe o "paga por kg". É uma tarifa unica, de US$200 para o excesso de peso. Estou frito, com minha esposa e 4 malas de 32kg =/

    Sera que existe algum lugar na internet, algum documento, que fala sobre essa tal convenção e de preferencia, em ingles?

    Agradeço se alguem puder mandar uma luz p/ mim! =)

  • Marcela

    GEEENTE! Não sabia disso! Vou viajar com a Ibéria e comprei separado trechos da Gol!
    Eu iria pagar excesso sem nem sonhar!

    MD, VOCÊS SÃO O MÁXIMO!

  • Julia

    Pessoal, pelo que li aqui, várias pessoas compraram passagens promocionais pra Orlando pela United saindo de GRU. Gostaria de saber se a TAM honrou, em algum caso, a franquia internacioal de bagagem, caso alguem tenha comprado trecho doméstico de GRU pra outra cidade brasileira (no meu caso, comprei GRU/FOR pela própria TAM).
    O fato de a United ser membro da Star Alliance (assim como a TAM) presume que ambas as cias são parceiras, porém parece que isso não se aplica quando o assunto é franquia de bagagens….

  • Fabio Rudolfo

    Amigos do MD, gostaria de deixar registrado que consegui a franquia de bagagem em Vôo GIG-CWB (02/12/2013) pela GOL após ter retornado de MIA com a AA, mesmo não sendo Cia. parceira. Fui muito educado com a atendente e ela flexibilizou, fiquei realmente satisfeito com a GOL!!!

  • Ellen

    Sensacional!! Obrigada MD! Vou fazer uma viagem para Orlando pela Copa e comprei o trecho doméstico separado..estava achando que ia morrer no excesso de bagagem, mas vi que a Copa é parceira da Gol. Valeu!

    • Jorge

      Mesmo trocando de aeroporto (GRU/CGH), num período de 24 horas, a GOL aceita a franquia. Somente confirmar se realmente a Copa é parceira. Já utilizei com Ibéria e AeroMéxico.

  • Mariana

    Ola pessoal…Vou aos EUA em Maio e na volta meu voo sera ORLANDO X RIO.
    Assim, gostaria de saber qual é franquia de bagagem operada pela GOL?Alguem que voltou
    dos EUA poderia me ajudar?Pois no site fala que na area da AMERICA DO NORTE voos partindo do Brasil sao 2 x 32kg; e partindo de outros paises será 1 x 23kg somente.
    Liguei para a Gol e a atendente disse que era 1 de 23 kg.
    Depois liguei novamente e uma outra me informou que voos entre EUA e Brasil seria 2 x 32kg mesmo.

    Mas fiquei confusa e nao sei ao certo.Nao gostaria de ter surpresas na hora do embarque.
    Alguem poderia me tirar esse duvida???

    Grata!!!

  • Pedro

    Bom dia!

    Eu estou pensando em comprar o seguinte trecho pela TAM: CNF>JFK e LAX>CNF. Todos os dois com conexões em outros aeroportos, mas a minha grande questão é em relação ao voo dentro dos EUA. Como a TAM não inclui o trecho JFK>LAX, como que fica a minha franquia doméstica nos EUA? Tenho que arcar com todo o excesso? Agora, se eu comprar todos os trechos (CNF>JFK ; JFK> LAX ;LAX>CNF) com o mesmo localizador pela American Airlines eles vão honrar as minhas bagagens? Mesmo tendo um espaço de mais de 7 dias entre o primeiro bloco de voo (CNF>JFK) para o segundo bloco(JFK>LAX)?

    Obrigado!!!

  • Comprei passagens ,classe executiva, Delta , pelo smiles para os eua. Como não havia o trecho completo, comprei a volta via gol. Alguém sabe se a franquia de 3 bagagens de 32 kg será cumprida? Grata, Naiana .

  • Renato

    Um dúvida em relação à franquia de bagagem despachada informada no site da COPA, estou comprando um vôo multi-cidades, com os seguintes trechos, sempre com conexão no Panamá:
    1-Brasilia-Orlando (informam que a franquia é de 2 malas, cada uma até 32kg)
    2-Orlando-Punta Cana (2 malas, cada uma até 23kg)
    3-Punta Cana-Brasilia (1 ou 2 malas, desde que a soma nao passe de 32Kg)
    O fato do vôo sair do Brasil e de ser uma só reserva nao faz com que a regra de 2 malas de 32kg cada seja aplicada?)
    Parabéns pelo site, obrigado, Renato

  • Isabella

    Eu comprei o trecho SP-Orlando-SP pela United, porém resido em BH. Porém, antes de comprar, pesquisei bastante, inclusive pelo atendimento da Gol, que informou que honraria com a bagagem internacional. Ocorre que agora, 5 dias antes da viagem, a Gol simplesmente informou que mudou o procedimento em 30/03/2014 e que só honrará com os trechos emitidos com o mesmo localizador. Dá para acreditar?

    • Débora

      Isabella, se vc comprou antes da data da alteração da regra, vc tem direito a franquia (caso o voo seja de empresa parceira), inclusive no site ainda não mudaram a regra, ou seja, propaganda enganosa… liguei hj na Gol e anotei o numero do protocolo de atendimento, caso no dia do meu voo não queiram honrar a franquia de bagagens, sem falar que imprimi a informação do site com a data de hj também!!

  • fatima

    gente eu tenho um voo de atlanta para recife com a delta , conexão em são paulo,pela Tam, para recife! mas comprei pela decolar, eu vou pagar excesso de bagagem:; de sao paulo a recife continua minha mala c direito a 32kg, ou e 23:]

    • Helio

      Voo doméstico a franquia é de 23Kg.

  • Juliana

    Olá! MD, Vocês são demais!
    Gostaria de saber se isto poderia valer para vôos domésticos nos Estados Unidos também, já que por lá, até a primeira bagagem despachada é cobrada.
    Comprei promoção do MD United (GRU – Newark, Newark – GRU) e para vôos domésticos nos EUA: US Airways (Washington-Orlando) e United (Orlando Newark).

    Obrigada!!!

    • Juliana, realmente não tenho essa informação! Só checando com a companhia mesmo!

  • Débora

    Comprei trechos separados (localizadores diferentes) CWB/GRU (Gol) e GRU/MlIA (Delta), então liguei para a Gol só para confirmar se eles iriam honrar a franquia de bagagens da Delta (2 x 32kg)… me informaram que a Gol alterou a regra para franquia de bagagens com empresas parceiras, desde 03/04/2014 não aceitam mais a mesma franquia!!!
    Porém como comprei as passagens antes de 03/04/2014 eles vão honrar … detalhe, que no site ainda não consta a mudança da regra!!!

  • Lucas

    A informação no site da GOL contradiz o que esta na matéria …
    no site esta escrito:
    "BAGAGEM INTERLINE
    Para reservas Interline ou Codeshare, a franquia de bagagem internacional é honrada somente para os voos emitidos no mesmo localizador, com empresa parceira; e o voo da conexão deve ser dentro das 24 horas do voo original.
    Para voos emitidos trecho a trecho, mesmo que com companhia parceira, a franquia de bagagem internacional não deve ser honrada. Neste caso, aplica-se a franquia do voo doméstico."

    Ou seja, se o localizador é diferente, eles não honram a franquia. Um passo pra trás pra gente =/

  • Lucas

    E-mail da GOL:

    Em atenção ao seu e-mail, informamos que a GOL honrará a franquia de bagagem de voos Interline de todas as companhias parceiras se as reservas Interline ou Codeshare, a franquia de bagagem internacional é honrada somente para os voos emitidos no mesmo localizador, com empresa parceira; e o voo da conexão deve ser dentro das 24 horas do voo original.

    Para voos emitidos trecho a trecho, mesmo que com companhia parceira, a franquia de bagagem internacionoal não deve ser honrada. Neste caso, aplica-se a franquia do voo doméstico.

    Voo doméstico.
    A bagagem que exceder a franquia máxima permitida terá a cobrança 0,5% da tarifa (Y) – (maior tarifa do trecho) por kg em excesso.

    Para clientes que adquiriram passagens antes da mudança da regra (03/04/14), honraremos a franquia da Cia. parceira, conforme procedimento antigo.

  • Fernando

    Já li e re-li esse tópico e pouco se fala deste procedimento com a AVIANCA, Dúvida: Sou de FLN, comprei passagem GRU-CAN com a Qatar e pretendo comprar FLN- GRU com a AVIANCA, neste caso, a AVIANCA honra com os 32kg da Qatar?

    • Fernando

      Lembrando que o que diz no site da AVIANCA é pertinente a compra de passagens com trechos internos e Internacionais juntos. OU seja, se eu compra-se FLN- CAN com ela.

      • marcus

        Os passageiros que voam com a companhia têm a possibilidade de levar a bagagem extra seja qual for a companhia internacional com a qual tenham voo internacional, desde que o embarque do proximo voo nao seja superior a 6 horas apos o desembarque na ida e na volta

  • Polliana

    Oi, Pessoal, tenho uma viagem FLN-SCL (Santiago, Chile) e comprei os trechos juntos. Sou Tam Fidelidade Azul, mas minha categoria de viagem está em Básico. Liguei pra central de atendimento para confirmar se terei os 10Kg a mais de bagagem disponível e me responderam que sim. Mas procurando na internet já vi pessoas reclamando que tiveram que pagar o excesso. Alguém sabe como está isso atualmente? Esses 33kg podem ser no mesmo volume ou um volume tem que ser em volumes diferentes?
    Obrigada!

  • valeria

    Gente por favor me orientem. comprei passagem para santo domingos agora dia 12.07. vou visitar minha irma. nao tenho muita experiencia com viagem. Pro exterior so fui a new York e orlando ano passado, qual nao foi minha surpresa quando vi que so posso trazer 23kg!!!!!!!!!!!!!!!!!!quase tive um troco. achei que eram duas malas de 32. mandei email pra gol e nao tive resposta. O telefone so da ocupado. fora a angustia. Posso auentar esse limite pra trazer mais coisas?em orlando paguei excesso mas era uma taxa fixa. li no site que e por quilo que passa e pelo jeito e bem caro? alguem ja passou por isso/ o que fazer ?Tem como aumentar ?li no blog que existe lei e que as companhias aereas sao obrigadas por lei a oferecerem franquias de bagagem e que todo voo internacional que saia do brasil garante ao passageiro levar duas malas de 32kg, e isso mesmo ou entendi errado? . Alguem sabe me dizer se isso se aplica ao meu caso.? se for como proceder para garantir esse direito?Desde ja agradeco a quem puder me ajudar com informacoe. grata

    • Tiago

      É isso mesmo.

  • Ediane Andrade

    Oi MD. Então isso que voce falou da Avianca, tambem serve pra quem está chegando de um voo international e precisa pegar um voo domestico?

  • Ana Maria Burghi

    Prezados
    Minha filha fará mestrado em três países da Europa, em dois anos. Ela sairá do Brasil com duas malas com menos de 25 kilos cada para suas coisas para dois anos .Alguém sabe de alguma lei na Europa para que ela possa mudar de pais lá levando seus pertences sem pagar uma bagagem a mais?
    Obrigada

  • Débora

    Alguém sabe me dizer se aconteceu mudanças na franquia de bagagem da united. Comprei goiania a chicago e no meu bilhete está franquia de duas malas de 23 kg e não de 32.

  • O bilhete está errado, são 2 malas de 32 kg segundo norma da Anac

  • Andrea Nascimento

    Boa tarde… Gostaria de uma ajuda. Emiti uma passagem aérea com pontos, para minha mãe que estava há quase 4 anos na França e decidiu voltar. Alguma chance dela ter direito a duas malas de 32 quilos?

  • Diogo Guerra

    Para eu conseguir essa franquia de bagagem é só na hora do check in eu falar que quero franquia de bagagem e apresentar minha passagem( que está no mesmo contrato da internacional ) ou eu tenho que fazer uma reserva no site da companhia aérea que seria a tam ?

  • Olá Diogo, a TAM infelizente não oferece mais esse benefício

  • Felipe

    Bom dia,
    Gostaria de saber a opinião dos leitores do site.
    Eu emiti dois bilhetes com milhas Smiles de Los Angeles para Curitiba.
    Voei Delta de LAX a DTW, Delta de DTW a GRU e daqui pouco vou voar Gol de GRU para CWB, porém a Gol não quer honrar a franquia internacional de duas malas de 32 kgs. Querem considerar uma mala de 23 kgs e cobrar a diferença.
    A atendente da loja Gol me disse que única coisa que eu podia fazer é ligar no Smiles.
    Estou tentando fazer isso, entretanto não é fácil ser atendido na central…
    Estou pensando em pagar a diferença e depois recorrer às pequenas causas.
    O que vocês acham?

  • Claudia

    Boa noite,preciso de uma ajuda urgente. Comprei passagem pela Tap para o trajeto : Rio -Lomdres Paris -Porto e Porto -Rio . Preciso saber quantos quilos e quantas malas posso levar durante todo o trajeto já que comprei as passagens juntas e interligadas pela mesma companhia.

    • Se comprou todo o trajeto junto, em um mesmo ticket, são duas malas de 32 kg todo o trajeto

      • Gabriel Domingues

        Denis eu tenho um voo GRU x TLV em abril pela Alitalia, porém moro em Cuiabá. No caso a AVIANCA honrariam minha franquia de bagagem?

  • Ela costuma sim oferecer essa ampliação como agrado aos passageiros, mas confirme com a companhia para ter certeza

  • Danilo

    Voei com a COPA e fiz o trecho CIG – CWB com a GOL, e na época que eu comprei a GOL honrava a franquia de companhias parceiras, mas entre eu comprar a passagem e a viagem a politica mudou mas como eu abri uma reclamação informando que eu comprei anteriormente a data de corte eles honraram.

  • Joao Batista Closs

    Primeira experiência internacional … fui de Guarulhos para Buenos Aires (Ezeiza) pela LAN e não tive problemas com a bagagem … na volta, contudo, voamos pela TAM a partir do AeroParque e nos cobraram 17 KG de excesso no total de US$160,00 … pagamos, mas achei um absurdo.

    E a compra foi casada … compramos ida e volta no mesmo ato.

  • Analisa Simon

    denis e a azul?

  • Comprei um vôo para Santiago pela Decolar.com. O vôo foi pala TAM/LAN, na compra pela decolar estava descrito DETALHADAMENTE – MALA1 -até 23kg, MALA 2 – até 23kg.
    Fui para Santiago normalmente, mas quando retornei fui OBRIGADO, a pagar a segunda bagagem. Foi um inconveniente total, uma tremenda vergonha. Fui ameaçado se não pagasse o excesso de bagagem ficaria sem embarcar meus pertences. Mostrei para os atendentes da LAN o print da tela que me assegurou no momento da compra as duas malas, mas eles me disseram que o problema era meu e que eles não tinham nenhuma responsabilidade pelas compras efetuadas pela decolar. Resumo, tive que pagar algo que não estava previsto, fui humilhado e fiquei com medo de não ter meus pertences comigo. Informei a Lan que falou que foi uma propaganda enganosa da Decolar, a Decolar informou por uma atendente que a “LAN TIRA O SEU DA RETA” palavras da atendente. E eu tive que pagar indevidamente uma despesa ilegítima. Comprovei aos atendentes da LAN o documento da compra, mesmo assim fui desprezado. Pobre de nós clientes.

  • Raphael

    Olá,
    sou do RJ e viajarei com minha esposa e alguns amigos para Miami partindo de SP em setembro. Estávamos preocupados com a taxa extra de bagagem na volta.
    Ao ler sua dica eu entrei em contato com a Avianca e eles confirmaram as informações. Entrei em contato via chat pois assim a conversa fica gravada.
    Muito obrigado pelas dicas
    Grande abraço

  • diogo338

    Alguém sabe como ficou a Avianca depois que ela entrou na star aliance? Se ela ainda está cumprindo a cota internacional em voos nacionais?

  • Leonardo Nicleviscz

    Comprei uma passagem saindo de JFK para o Galeão com a TAM, porém sou de Curitiba (aproveitei a promoção de 45.000 pontos na executiva). Ainda não comprei o trecho Galeão-Curitiba. Iria comprar com a TAM também, mas tem o problema com a bagagem. Fui ver no site da Avianca e parece que agora honram somente de empresas parceiras, no caso da Star Alliance. Agora estou na dúvida se arrisco com a TAM, vou de Avianca, ou cancelo minha passagem e compro Nova Iorque – Curitiba (65.000 pontos). O que será que faço??

    Obrigado!

  • Paula Pimenta

    Não achei essa informação no site da avianca, apenas empresas Parceiras. Melhores destinos, vcs podem confirmar por favor?

  • Raphael Pontes

    Infelizmente a Avianca agora só honrará as franquias de empresas parceiras (Star Alliance).
    Uma pena para passageiros (como eu) que estão precisando neste momento…

  • Cecília Alcântara

    Olá! Alguém sabe me esclarecer qual a franquia de bagagem que tenho direito para os trechos MIA-SAN, SAN-MCO voando delta emitido pelo Smiles? Toda vez que tento esclarecer com algum atendente do Smiles eles me informam uma franquia diferente. Agradeço desde já quem puder me ajudar!

  • diogo338

    Eu confirmei no chat da avianca, pelo menos da american airlines ainda honram, tenho salvo no meu e-mail a conversa, a atendente pergunto qual cia era, falei que era american airlines e eles falaram que honrariam, devem ter algum acordo com ela, é só confirmar no chat que vai saber.

    • Daniel

      Poderia me passar? liguei lá e não confirmaram isso não.
      danielmdl gmail

  • Luisa

    Tive que pagar excesso na TAM, não teve conversa! =)

  • Elizabeth Milla

    Tem alguma atualizacao deste assunto. Comprei alguns trechos, todos juntos indo cwb/lax dia 23, depois saio dia 01/02 de lax/orlando, e por ultimo a volta miami/cwb, terei direito as 2 malas de 32 k nos trecho interno de lax/orlando? Obrigado..

  • Gustavo Mello Aguiar

    Gol me cobrou 354,00 por 21kg Gru-Fpolis, R$16,85 kg o site diz que é 0,5% da tarifa maior do dia por kg, ou seja uma passagem de uns 3.370 reais, será que existe ou eles mentem??

  • Otavio Melo

    MD, acho que vale atualizar esse topico que é muito importante para nós.

  • Ramon Medeiros

    Achei algo interessante no final desta página:

    http://www.tamtrade.com.br/Brasil/TAM-LINHAS-AEREAS/bagagens/Article-bagagem-despachada

    Tenho passagens GRU-JFK pela Avianca. No entanto, para chagar à GRU, tenho JPA-GRU pela TAM. Será que vou conseguir que a politica de bagagem da Avianca prevaleça? Preciso entender o que diz no final deste link acima. De qualquer forma vou entrar em contato com a TAM e posto aqui alguma novidade.

    Se alguém puder adiantar …

  • Soraya

    Eu comprei uma passagem pela Avianca trecho BSB-SP, e sem ser por conexão, comprei separadamente pela Air France trecho SP-Budapeste. No entanto, a Avianca está alegando que não posso levar 2 bagagens de 32kg nesse vôo doméstico, mesmo eu dizendo que vou para um internacional. Posso recorrer a isso?

  • Esse tópico é excelente… podia mesmo dar uma atualizada nele, ehn MD? Infelizmente a política das companhias vem mudando, pelo que percebi… uma pena total, pois a maioria das promoções fica mesmo entre GIG e GRU e quem vai de fora pra lá acaba perdendo a chance OU tendo que optar por malas menores. :-/

  • Marcia Bento

    Alguém sabe qual a política da Azul?

  • Anibal

    Estou por emitir um vôo POA-GRU-LAX e volta SFO-GRU-POA… quero emitir com pontos, mas emitindo partindo de GRU achei por 35k pontos… Partindo de POA por 50k (daí vai faltar ponto, somos 3)… Agora que não parece ter nenhuma cia honrando a volta, alguma sugestão?

  • Alex K

    Agora com a Avianca só se estiver no mesmo bilhete…

    NOTA 3: Honraremos franquia de bagagens de passageiros que possuem seus trechos emitidos em bilhetes separados se emitidos por parceiras até o dia 1 de julho de 2016.