Brasil e Estados Unidos iniciam processo para o fim da exigência de vistos

Denis Carvalho 12 · julho · 2012

Os governos do Brasil e dos Estados Unidos iniciaram ontem formalmente o processo para o fim da exigência de vistos para seus cidadãos. Em uma declaração conjunta, os dois países se comprometeram a facilitar a emissão de vistos nas viagens entre os dois países e a trabalhar com o objetivo de eliminar definitivamente a necessidade do documento. O fim da exigência, contudo, não deve ocorrer em curto prazo, já que o Brasil ainda não cumpre todas as exigências do programa de isenção Visa Waiver.

O acordo consta de uma declaração conjunta de intenções assinada pelo ministro das Relações Exteriores do Brasil, Antonio Patriota, e pela secretária de Segurança Nacional dos Estados Unidos, Janet Napolitano, que iniciou ontem uma visita ao Brasil.

Para estabelecer a forma como se chegará à eliminação completa dos vistos entre os dois países, Patriota e Janet definiram a criação de um grupo técnico de trabalho, formado por representantes dos dois países, que deverá se reunir pela primeira vez antes de novembro, em Washington.

Hoje, a secretária norte-americana afirmou que as políticas de imigração supõem ‘um desafio’ para todos os estados e reiterou o objetivo de facilitar a entrada dos brasileiros em seu país, embora tenha se recusado a mencionar um prazo para a suspensão de vistos.

Durante encontro em São Paulo, Janet abordou muitas vezes o compromisso anunciado por ambos os governos ontem. A ideia, neste caso, é acelerar a entrada do Brasil no programa ‘Visa Waiver’, que atualmente beneficia 36 países ao eliminar a exigência de visto para entrada nos EUA.

A secretária disse que os requisitos para fazer parte deste programa ‘estão instituídos’ e, por isso, não dependem de negociações, acrescentando que o Brasil está ‘fazendo progressos significativos’ neste contexto, embora tenha evitado a falar sobre datas.

Entre esses requisitos estão a obtenção de um mínimo de 97% de aprovação dos pedidos de vistos dos brasileiros. O Brasil está perto de cumprir a exigência, já que neste ano a taxa está em 96% e em 2011 foi 95%. Outras duas medidas a serem implantadas é que todos os passaportes brasileiros têm de ser digitais, o que deve demandar tempo para ser concluído, e que o governo brasileiro troque mais informações com o americano, o que ainda não ocorre no nível esperado.

“O que estamos fazendo é trabalhar juntos para ver o quão perto o Brasil está de atender a esses requisitos e no que podemos ajudar para que o País se adeque. Vai ser algo que em seis meses vai ficar pronto? Não. Não é possível estimar um prazo, mas estamos absolutamente interessados em ajudar”, explicou Janet.

A secretária disse ainda que o Brasil pode entrar no Global Entry Program, que permite a entrada de estrangeiros nos Estados Unidos apenas pela leitura das digitais, sem a necessidade de passar pela imigração. O programa está restrito a americanos, holandeses e mexicanos e a ideia é instalar um programa piloto no Brasil com 200 a 300 brasileiros para testar.

Pelo que se percebe, foi-se o tempo em que os americanos viam nos brasileiros uma ameaça imigratória ou para sua segurança. O que impede o fim dos vistos com os Estados Unidos é que nosso país cumpra as regras claras, estipuladas pelo governo americano, e que valem para todos os países do mundo. Sem isso, não haverá comissão, reunião, discurso, projeto ou jeitinho que nos livre da burocracia do visto.

Com informações do Terra, Época, Exame e G1 

 

Autor

Denis Carvalho - Editor chefe
  • Marcos Reis

    Já estava mais do que na hora de acabar com essa palhaçada de visto! Espero que nossos governantes tenham autonimia suficiente para terminar logo com a exigência banal.

    • Jucilene

      também acho Marcos Reis.. já deveriam ter terminado com isso há muito tempo!!

    • Artenilson guimaraes

      Verdade, mas do jeito q sao nossas autoridades. Sao capazes de nao compartilhar, so pra ver o povo sempre no mesmo lugar. Acham q apenas os ricos podem fazer turismo,conhecer outros lugars com a Disney… os de pouca condicao tbm merecem!

  • Fabio Almeida

    O que o dinheiro não faz. Money talks my friends! Governador da Flórida e os congressistas de lá devem estar pressionando o governo americano para aceitar-nos. Viram que não somos bicho papões (com exceções de uns malandros que adoram o jeitinho brasileiro) e que nossa economia está crescendo. O bom para eles é que deram certo que agora estamos começando a atender a demanda reprimida dos brasileiros em conhecer o exterior.

  • Se não der certo bem se der amém.

    Os Estados Unidos é esperto com os brasileiros mas esquece que aqui o pessoal é malandro.

    Tomara que tudo dê certo, quero conhecer os chamados ""stats" de forma normal.

  • Camila

    Meu vence em janeiro, até isso se resolver…

    Terei que ir para SP renovar!

    Gastos e mais gastos!

  • Rafael Alves

    Gente, vai ser uma maravilha o fim dos vistos!

    Considerando q para ir para Espanha (e toda a Europa) não precisa de visto, hei, vai ser ótimo!

    Aviões deportados inteiro… e todo mundo q gastou seu rico dinheiro para fzr uma viagem pros 'States', de volta pro Brasil, com cara de tacho!

    Mas é legal não ter mais o visto.

    Pelo menos para inflar o ego de muito brasileiro.

  • Paula

    Sim, mas essa porcentagem de vistos aprovados não é de responsabilidade do Brasil, pois tive 3 vistos negados e recentemente me foi concedido absolutamente com a mesma documentação… Ou seja, visto negado nem sempre é por negligencia de documentaçao de quem está pedindo.

    • Ou você é muito persistente ou precisava mesmo ir para lá…

      Como posso fazer turismo no mundo todo, no dia em que pedir o visto se for recusado uma única vez eu não quero saber mais… Vou gastar meu dinheiro onde ele for bem vindo!

      Aliás, tem muito brasileiro indo pros EUA e que não conhece nem o próprio país… Falar em pessoas que conheçam as maravilhas que oferece o nosso continente então…

      Sim, algum dia quero ir para os EUA… Mas antes vou continuar descobrindo a parte de baixo da América, pq tem mta coisa legal por aqui!

      • Alex Magno

        Nossa Bruno; falou bonito hein ? hehe

        BOA !!!

        Eu to indo com minha esposa pra Orlando, mas a intenção da viajem é meramente lazer e compras… se formos levar pro lado cultural, por aqui tem muito lugar pra ir que deixa o EUA na chinela de longe, como chile, peru, etc… sem mencionar nosso pais imenso cheio de culturas diferentes. Mas acho valido a insistência da moça; tudo depende do seu próprio sonho.

      • Juliana Coelho

        Pois é, Bruno. Tentei uma vez visto para os EUA, foi uma entrevista conjunta com meu marido, provamos ter um apto. em nosso nome, um carro, ele provou ter uma empresa aqui, eu provei ser SERVIDORA pública, mostramos que o motivo da viagem era lua de mel… mas no final fomos humilhados, o entrevistador nem me deixava falar, nem quis ver os documentos que trouxe, disse categoricamente que não via vínculo nosso com o Brasil!!! PRA MIM, PODE CANCELAR O VISTO, NEM ASSIM PISO MEUS PÉS NOS EUA! MEU DINHEIRO VAI SER MUITO MAIS BEM USADO NO CARIBE MEXICANO, cujo país me deu 10 ANOS DE VISTO na primeira tentativa! Simples assim.

  • Fernando

    Que eu saiba ter o visto estampado no passaporte aqui não é garantia de entrada sem problemas lá.

    Assim como na Europa, a famosa salinha está sempre pronta pra uma possível interrogação e conferência de documentos.

  • juliana

    Alguém sabe me dizer quanto tempo está demorando para conseguir um visto americano no rio de janeiro? Acontece que aproveitei uma promoção anunciada pelo site (obrigada ML!) e estou com medo dos prazos. Grata desde já pela atenção.

    • Ronad Barbará

      Juliana,

      Eu e a minha esposa conseguimos os vistos em menos de 1 semana aqui no Rio. Pagamos a Taxa na segunda Feira, marcamos a entrevista no CASV para Quarta e na Sexta fizemos a entrevista no Consulado!!! Visto aprovado!!! 🙂

      • juliana

        Ai que boa notícia, Ronad! Ainda estamos esperando os passaportes ficarem prontos e por este motivo ainda não temos como agendar o visto. Mas seu feedback me tranquilizou bastante.

        Obrigada pela atenção e boa viagem.

    • Thiago A.

      Gente, vários especialistas e o proprio consulado recomendam: NÃO COMPRE PASSAGENS PARA OS ESTADOS UNIDOS SEM TER O VISTO ANTES!

    • Thiago Castro

      Comprar passagem sem ter o visto é uma temeridade!!!!

  • Pedro

    Esse processo deve demorar alguns anos ainda. Acabaram de mudar o processo e fizeram um grande investimento… Não contem com isso no curto prazo.

  • sara

    É pessoal, só que os acordos são para os dois lados, hj um americano para vir para o Brasil tambem precisa de um visto. A economia com está… Eles já estão vindo para o Brasil para trabalhar, daqui a pouco vai ter só imigrante aqui no Brasil. Sou contra a aprovação!

    • Thiago Castro

      Hã?? Vc tá falando sério?? Rs

      • Thiago, em muitos setores, como o de Engenharia, essa questão tem sido muito discutida. A Sara tem razão: nosso sistema educacional é falho e muitos profissionais já estão sendo contratados de fora pelas grandes empresas.

        • LB

          Denis,

          Concordo, mas chegar ao ponto que "daqui a pouco vai ter só imigrante aqui no Brasil" é um exagero IMENSO!

    • Matheus Souza

      Já fui muito a favor da participação do Brasil no Visa Waiver… para que o Brasil se beneficiasse…

      Agora a idéia de reciprocidade proposta pelos EUA nada mais é do que um facilitador para que o Americano venha para o Brasil.

      Se as políticas imigratórias brasileiras não melhorarem, o Brasil será a bola da vez na questão de imigrantes ilegais buscando posições de trabalho.

  • Andre Mello

    Esse blog nao mostra a realidade das pessoas que querem ir para os EUA sem ser como turistas. Vcs realmente acham que o governo ianque vai abrir as pernas pro Brasil enviar alguns turistas a mais (porque ate onde sei, quem tem dinheiro pra gastar quase nao é barrado) liberando juntamente milhares de pessoas que nao conseguem empregos decentes aqui pra ir pra lá lutar por empregos com americanos que estão nadando na crise?

    • "Esse blog nao mostra a realidade das pessoas que querem ir para os EUA sem ser como turistas." Acertou, camarada, esse blog é para turistas!

    • Thiago Castro

      Só faltou vc chamar todo mundo de companheiro e vir com uma conversa marxista. Fala sério né!!!

      Pode liberar visto à vontade. Se chegar lá e não tiver a passagem de retorno, reserva em hotel ou gaguejar numa resposta é mandado de volta sem pena (como acontece na Europa, aliás)!!!!

  • Jose Cristinho

    hahahaha que pérola.

  • Matheus

    Alguem sabe se eh possivel minha namorada fazer a entrevista junto comigo e minha familia?

    • Margareth

      Acho que a entrevista dela será separada; ela não é da "família", mas se vc estiver patrocinando está viagem, pode ser que consiga.

      NÃO pode esquecer os documentos, mesmo aqueles que acha que não pediriam. Ano passado tive que agendar de ultima hora e só consegui em SP, sou do RJ . Levei do comprovante de residencia ao IR , e tinha pessoas com comprovante de mensalidade(escola/universidade. Acabei não precisando mostrar nenhum documento. Mas nunca se sabe?

      Na entrevista , a pessoa tem que estar calma e responder naturalmente as perguntas. Boa sorte.

  • Henrique Silva

    O Brasil sendo do tamanho que é, populoso como é, com tanta desigualdade, duvido que seja incluido no programa Visa Waiver nos proximos anos. Essas negociações anunciadas servem apenas para dar esperanças, acalmar os ânimos dos ávidos em conhecer os EUA que se sentem desprestigiados em precisar de um visto pra tal, melhorar as relações bilaterais nesses encontros entre governos. Parece campanha politica, daqueles sujeitos que vão em bairros menos abastados, tentando ludibriar a população com doces, camisetas, botons e chaveiros. Acredito que as facilidades de obter o visto americano hoje, já seja um grande sinal de progresso. E o Brasil em retribuição deveria fazer o mesmo lá fora, ao menos o dinheiro para emissão dos vistos cobriria os gastos diplomáticos.

    faça parte do Visa Waiver tão cedo

  • Thiago A.

    Eu acho a exigencia do visto importante. O que precisa é desburocratizar. Sabemos que o visto no passaporte nao garante a entrada, mas tenho certeza que se deixar de existir o visto a imigração lá vai ser muito mais exigente e severa. Acho que isso pode fazer muita gente desinformada ir e ser mandada de volta. Queira ou não essa epopéia que é o visto americano, nos obriga a conhecer melhor as leis de imigração do país e não cometer erros. É muita ingenuidade achar que apesar de gastarmos tanto lá, os americanos nos vejam como europeus ou australianos… eles ainda nos veem como chicos latinos que falam espanhol, apenas com mais dinheiro que antes!

  • Ivan

    Olha, o Brasil entrando no tal Global Entry Program, que pelo que entendi faz com que a pessoa que tenha visto não precise passar pelo oficial da imigração, já seria de bom tamanho.

  • André

    Quem tem mais a ganhar com o fim dos vistos é o Brasil. Aliás, não sei porque até hoje o Brasil insiste em manter essa reciprocidade ridícula ao solicitar vistos para os americanos. O país mais rico do mundo são os EUA e portanto com o fim do visto para eles o nosso país seria muito beneficiado com os dólares deles.

    Hoje o americano pensa assim: "Pra que vou perder tempo com essa maldita burocracia do visto brasileiro se posso ir ao Caribe que fica na metade do caminho?"

    Já quanto ao fim do visto para os Brasileiros os EUA estão cagando e andando….

    • Vinicius

      Não concordo nem um pouco com vc… Primeiro que é bem mais barato para os americanos irem para o caribe. Segundo que o Caribe, apesar de serem países mais pobres que o Brasil, tem uma estrutura mil vezes melhor do que qualquer praia nossa. Terceiro, se eles nos cobram visto é recíproco que também cobremos. Tem muito americano morando aqui ilegalmente… Eu mesmo conheço uns três! E nem se compara a nossa burocracia de fazer visto com a deles! A espanha só está melhorando com os brasileiros, pq o Brasil começou a fazer o mesmo.

  • Luis Inácio

    Por mais que muitos não gostem do processo, um visto é uma boa garantia (mesmo que não seja 100%). Chegar lá de de passaporte limpo para ser entrevistado pelos oficiais de imigração vai aumentar o número de deportações consideravelmente. Prefiro muito mais ter um visto negado e chegar de cara na porta para ver ela ser fechada no meu nariz.

    • Luis Inácio

      correção: "…a chegar de cara…"

  • Luiz Junior

    shuahsuahsuas Pérola²²²² kk

  • Wanderson

    Minha dúvida é quando eles vão cumprir as nossas exigências para entrarem no Brasil? Se é que existe alguma exigência!

  • Vinicius

    Já tenho meu visto e pouquíssima vontade de ir para os EUA! Cruz credo para a Flórida… Cheio de brasileiro fazendo muamba e criança indo para a Disney! O que salva nos EUA é NYC, Yellowstone e San Francisco! Mas mesmo assim não compensa vc ir para um país com tanta burocracia para entrar. Parece que estou IMPLORANDO para ir… Sou mil vezes a Europa com sua história, arquitetura e praticamente vc poder ir para qualquer país que será uma viagem inesquecível! E sem contar que NEM olham na sua cara na imigração. São super receptivos e sabem que o turists é importante. Só vou a trabalho agora pros EUA e para cidades bem longe da Flórida!

  • Mariana

    Bruno,

    me desculpe, mas acho que você não deveria falar o que não sabe…

    Quando conhecer os EUA, volte aqui e deixe sua opinião.

    • Marcos

      Mickey, Victoria Secret, Tirar foto com golfinho beijando vc e na frente do globo da Universal… Depois foto no meio da Timesquare só para falar que foi… O realmente legal dos EUA, poucos vão! Atlanta, Dallas, Chicago, San Francisco e NYC de verdade! Enquanto isso outras pessoas vão para Turquia, Qatar, Indonésia, Grécia, Irlanda e realmente veem coisas inesquecíveis!

      • Thiago Castro

        Vc não pode falar oq é importante numa viagem para alguém além de vc mesmo. Viagem é algo extremamente pessoal. Uns curtem tal lugar, outros não. Julgar alguém pq não conhecem o "verdadeiro" EUA é meio ridículo. E se a pessoa achar a Times Square o máximo do máximo?? Pra essa pessoa o Qatar é um deserto e a Indonésia é outro planeta. Mas qual o problema nisso? O importante é ir, gostar e guardar essas recordações!!

  • Verdade! rsrs

  • Henrique Silva

    Acho que a Espanha só caiu na real em relação aos brasileiros, porque tá quebrada, aliás, quase toda europa, infelizmente estão aprendendo a da valor nos latinos da pior forma. Quando aperta do bolso, até a realeza se funde com a burguesia.

  • Thiago Castro

    Vc fala como se o México recusasse visto de alguém!!! Eu tb consegui 10 anos e foi só uma formalidade. Rs.

    Como o colega acima falou, tem a América Latina toda e a altamente recomendável Europa para você aproveitar.

  • Thiago Castro

    Sim, realmente. Já trabalhei com a indústria naval e lá tinha mais estrangeiro que brasileiro. Mas é uma fase de aprendizagem, em um setor ou outro.

    A Sara falou como se fosse ter um monte de americano querendo ser ilegal no Brasil pra ganhar dinheiro, o que está longe de ser o caso.

    • RABUGENTO (@RABUGENT

      Espanhóis e portugueses estão invadindo o Nordeste…..

  • Thiago Castro

    Falou tudo.

  • Thiago Castro

    Eu só sei que a Africa do Sul e Cingapura recebem milhões de turistas a mais que o Brasil. Logo, nossa política pra atrair turista deve estar com algum problema não acham???

  • Wilson Miranda

    Prefiro viajar para a Europa, além de ser mais bonito e ter mais cultura, eles nos recebem muito melhor que esses americanozinhos que se acham. Claro que há exceções, como a Espanha, mas quem precisa viajar para lá quando se tem Paris, Londres, Lisboa, Roma, Milão etc., a nossos pés???

    • RABUGENTO (@RABUGENT

      Aqueles queijos e vinhos todos…. 😉

  • RABUGENTO (@RABUGENT

    Concordo!

    A primeira reunião para tratar realmente do assunto só acontecerá em novembro se não for adiada…

    De qualquer maneira se realmente isentarem, o @RABUGENTO, se ainda estiver vivo, cumprirá a palavra de ir fazer umas comprinhas por lá.

    Afinal meu visto venceu em 2006 e tinha sido tirado em 1996 via despachante…

  • Carlos

    Concordo!

  • Anderson Fláv

    Que eu saiba restrições à migração não são coisas de marxistas. Os governos que mais atuam para barram imigrantes nas nações democráticas são os de direita.

  • Helvio

    Sei que essa questão americana gera muita grita, mas depois que você entra lá há menos burocracia do que na Europa e até do que aqui! Tudo lá é fácil… para quem tem $, é claro. Eles não são "chatos" como os europeus, só são exigentes por medo mesmo, até porque arrumam confusão com meio mundo, né?

  • Camila Trigueiro

    As pessoas são engraçadas, chegam aqui pra falar do seu "nojinho" por Flórida, Disney, que seja, sem acrescentar nada à discussão em si que é sobre o visto.

    Nunca tive problemas em tirar o visto americano, porém, não renovei ainda por esse novo "formato"… Não sei até que ponto seria interessante esta "liberação" também, acho que no final das contas quem ia se dar bem mesmo era a Receita Federal se continuasse com essa operação Canal Vermelho, só taxando as coisas dos enlouquecidos por preços em U$D haha… Da última vez que voltei, meu vôo teve conexão em Miami, voltou uma galeeeeeeera com 6, 7 malas…

  • Anderson

    ui "aqui o pessoal é malandro"

  • mad

    André,

    vc parece akeles caras q acham q os yanks são tudo….fala séééério…vai morar e ser tratado com sub-raça

  • sonia

    Ou vcs são alienados ou muito inocentes. O PIB brasileiro pode ter aumentado, mas ainda somos um país com os maiores índices de desigualmente no mundo. Não temos pobres. Temos miseráveis. E, com as políticas públicas que temos, essa situação não vai mudar nunca. Sinceramente não acredito no fim do visto, principalmente devido ao grande número de brasileiros – incluindo os ilegais – que moram nos EUA. Dizer que hoje, com a situação do Brasil ninguém ia querer mudar pra lá é piada. Muita gente ia querer ir pra lá e não voltar. Desculpem, mas é verdade. Quem realmente conhece aquele país, vê que ainda estamos a anos luz da civilização. Não basta vir com nacionalismos – é até estranho em um país que prefere um macdonalds e um burger king à lanchonete normal – mas é verdade.

  • Junior

    A europa é muito mais interessante…e nos temos facilidade de visitar qualquer pais Europeu sem essa humilhação que somos submetidos sendo o visto consedido ou não só o fato de estar naquele lugar ja é humilhante,porque não há critérios,seja você quem for,tenha o quanto tiver você esta sujeito a ser humilhado por um oficial consular dos EUA,tenho muitos amigos americanos,são pessoas fantásticas,mas aqueles oficiais acham que são Deus!!!

  • Ruan

    A minha primeira viagem internacional foi pros EUA. Lá realmente é PRIMEIRO MUNDO. Depois fui pra Europa, também considerei Primeiro mundo, mas como os Estados Unidos não tem outro. Eu acho muito legal carros bonitos e novos, prédios bonitos e novos, então pra mim os EUA foram perfeitos. A Europa, apesar de MUITO DOIDA, não é tão 'moderna'(e nem deveria ser) como os EUA.

    • Junior

      a Europa é mais cultural…mais historico,pra quem

      • Junior

        europa é pra quem curti algo mais histórico mesmo,agora quem quer se sentir em cenário de filme que viu a vida toda vai pra america do norte msm

  • Junior

    Os EUA não são tudo que pensam ser também…por serem intrometidos tem problemas em escala bem maior que a nossa,lá tem corruptos,pedófilos e traficantes tanto quanto aqui,mas de fato ningué vai explodir nossos arranha-céus…

  • Luiz Alberto

    Muito bem, Bruno. Penso como vc, apesar de não dispensar a possibilidade de ir aos EUA, acho que tanto lá como em outros países (Espanha, por exemplo) os brasileiros não são tão bem vindos. A verdade é que isso está mudando muito, já que nosso poder aquisitivo melhorou e o de lá piorou, mas ainda assim, além de lindos lugares no Brasil, temos também na américa do sul e vale muito a pena ser bem tratado.

  • Rita Jones

    E pensar que tive que passar pela entrevista 3 vezes até conseguir…. mas valeu a pena amei a viagem!

  • Flavio Azevedo

    Nunca podemos nos fechar para mãos-de-obra qualificada. Americanos engenheiros, administradores, físicos, pesquisadores… são e sempre serão bem-vindos. Além do mais acho meio impossível ocorrer um grande exodo americano para terras tupiniquins! Desculpe, mas você viajou legal!

  • Flavio Azevedo

    …completando. Se nos fecharmos para o resto do mundo, jamais evoluiremos. A concorrencia vai fazer com que estudemos mais e sejamos melhores do que somos, pois hoje somos tidos como um povo criativo, porém não inovador.

  • Rodrigo

    Concordo com o Marcos. Quem acha que Quatar é um deserto, que Indonésia é outro planeta e que Times Square é o máximo é tão jacú quanto o estrangeiro que acha que aqui só tem índio. São pessoas sem cultura, com visão limitada, que se satisfazem com lixo. Público do Faustão.

  • Rodrigo

    Bruno, em relação ao seu comentário de "primeiro conhecer as maravilhas do Brasil/América do Sul para depois viajar ao exterior", lembre que a vida não é para sempre. Vamos morrer sem conhecer nada por inteiro, muita coisa boa será deixada de lado, não vai dar tempo. Se você tem tempo, saúde, dinheiro, sugiro que tente destinos diferentes, experiências novas, que abram a cabeça. Deixe para conhecer e vizinhança para quando a saúde não permitir ir tão longe. E aprenda logo a falar inglês!

  • Diogo

    André, quando o país permite que pessoas o visitem sem necessidade de visto, eles dão um limite de tempo que se pode permanecer lá, como nos países europeus.

    Como o Thiago disse, mesmo não exigindo visto, vão continuar exigindo vários comprovantes de que você pretende só visitar e que tem condições financeiras.

  • Diogo

    Cingapura é pouco maior que Florianópolis!

    Duvido que o recebam mais turistas que o Brasil todo rsrs

  • Mario

    Definitivamente você não foi na Alemanha.

  • José

    Inicialmente, como você mesmo citou, tais países, ainda que tiverem um índice turístico maior que o Brasileiro, com certeza absoluta se deve ao fator da liguagem. Ambos tem como lingua oficial o Inglês, logo, é mais abrangente para milhões de pessoas em todo o mundo do que o Português.

    Segundo ponto: Nunca, sob o pretexto de aumentar o faturamento com turismo, pode se deixar de lado a soberania do país. O princípio da reciprocidade é o mais importante em relações internacionais.A dignidade de um povo deve ser sempre mais importante do que a ânsia pelo dinheiro.

    Dignidade não pode ser vendida meu caro. Aqui não é um "País das Bananas".

  • Regis

    O pessoal que reclama das barreiras impostas pelos Estados Unidos esquece que estamos indo pelo mesmo caminho. Hoje o governo brasileiro já tem tentado barrar imigrantes da Bolívia e do Haiti que chegam às centenas todas as semanas. E aí, como fica? Temos que deixar todos entrarem?

    • Gustavo

      Ola gentem….era pra falar de visto…mas todo mundo ta falando de preferencias de viagem…entao pra descordar de todos..eu prefiro a oceania. e ponto.

  • Sergio

    Marcos, não precisa mostrar querer mostrar aqui que conhece mais os EUA só porque foi além dos lugares obrigatórios. Se Dallas, Atlanta e etc fossem melhores que Orlando e NY, teriam maior número de visitantes. Só tá querendo ser "diferente" dizendo que conhece o lado B…

  • Sergio

    Quando você tem o sonho de ir há algum lugar e planeja umas férias só para ir, não é uma recusa de visto que deve te impedir. Imagina a pessoa que sonha em passar as férias na Flórida, tem o visto negado. Ela vai pra outro lugar pensando no sonho com gosto de frustração. Uma viagem não substitui a outra.

  • Sergio

    É verdade. O Brasil, mesmo vivendo um bom momento, está anos-luz dos EUA em crise. Duvido que acabem com o visto pois tem muito brasileiro que vai abusar e ficar por lá ilegalmente.

  • Sergio

    Os EUA podem até ter corruptos, mas não tem tantos como aqui.

  • Sergio

    Sendo brasileiro, fui muito melhor recebido nos EUA do que na Europa.

  • Marcos

    Já fui na Timesquare e lá realmente é legal pelos Jazz, Brodway, as ruas que levam para lugares legais… mas tenho minhas dúvidas se as pessoas que vão lá, vão para fazer isso. Geralmente estavam na Disney e passaram lá só pra falar que foram. O Qatar é maravilhoso e a Indonésia é meu próximo destino. Prefiro que continuem com EUA e deixem o resto do mundo para quem realmente curte viajar! E por favor, não usem muito Victoria Secret!

  • Samuel Silva

    Muito bom Bruno, concordo mesmo contigo. No caso da Paula era um sonho dela e fez bem em ter tentado.

  • Larry Lima

    Primeiro mundo é Alemanha… infraestrutura não tem igual… o povo é cada um na sua e cada um com a sua loucura, e lá tudo funciona mesmo…

    Toda viagem é especial, não importa o lugar. Vale você aproveitar o máximo que cada lugar tem a lhe oferecer, como cultura, festas, compras, etc…

  • Não conhecer o Brasil e a America do Sul com a mesma facilidade de conhecer os Estados Unidos é culpa da incompetência e corrupção que assola a america latina, eu viajei de NY a LA de moto e não vi um unico buraco nas estradas, alguem consegue dar uma volta no quarteirão no Brasil (no Rio pelo menos) sem passar por varios buracos. Construam estradas de verdade, sem pedágio com gasolina pelo preço de lá que eu viajo por aqui também.

  • Nelson Martins

    Concordo com o Rafael. Já falei isso numa outra discussão aqui, e fui crucificado.

    O visto é, SIM, uma garantia. Garantia principalmente para o o oficial de imigracao de que vc ja foi entrevistado, ja teve seus documentos avaliados e foi aprovado.

    Com o Waiver, quem nao tiver visto, tera que ser avaliado na hora, na chegada, no desembarque, por oficiais … Muitas vezes de mal com a vida, que podem não "gostar da cara do sujeito".

    Uma coisa é ser reprovado aqui, em casa, outra é ser mandado de volta … De lá … Da porta!

    #prontofalei

    • Gustavo

      Concordo plenamente Nelson.. Já em varias oportunidades desejei ter feito visto no Brasil, pois já peguei varios oficiais despreziveis que me mandaram pro banco…e ai amigo..eh tudo ou nada…pode se complicar facil…prefiro viajar tranquilo, com visto na mão.

  • Sou contra a taxa, o visto sempre tive, mas pagar por um carimbo é um absurdo. Isso para não falar do passaporte brasileiro, que se tornou artigo de luxo, o antpenultimo que tirei durou dez anos, custou uns vinte reais e foi entregue no mesmo dia, o penultimo custou uns cinquenta reais, levou um mes para ser entregue , o ultimo custou mais de cem reais e levou tres meses só pra marcar a ida a PF e mais um mes para entregar. QUANTO MAIS CARO PIOR!!!

  • Mas vc esquece que los hermanos Argentinos, não precisam de visto para entrar em USA, ou vc não sabia?

    • Fernando

      Certeza? Os argentinos não foram retirados do visa waiver quando aquela crise acabou com o país (aquela do panelaço)?

      Fui ver a lista e acho que os hermanos precisam sim de visto.

  • Incompetência administrativa e corrupção desenfrenada.

  • Andrea

    Concordo!!!!

  • Carlos

    Falou tudo amigo. Já tentei o visto uma vez a 12 anos. Não me concederam mesmo tendo empresa formal, contratos de serviços com empresas privadas e publicas na época. Achei absurdo, pois eu estava com a documentação toda legal, comprovante de renda, declaração de imposto de renda com meus bens todos listados. Fiquei de queixo caído quando o cônsul pegou meus documentos perguntou o que eu fazia (estava com os documentos na mão, podia ele mesmo olhar). Não olhou nada, nada. Falei: Sou empresário. A resposta seca dele foi: Infelizmente o senhor não atende os requisitos. Que requisitos?? O cara não se deu ao trabalho de olhar meus documentos. Só carimbou meu passaporte como negado. Fiquei pasmo. Nunca mais tentei. Coloquei como meta conhecer todos os estados brasileiros, as capitais, ao menos, e cidades circunvizinhas. Conheço todos os estados da região Sul e Sudeste. Nordeste conheço, Bahia – Salvador, Porto seguro. Pernambuco – Recife e cidades vizinhas (maravilhosas praias). Paraíba – João pessoa e vizinhanças. Rio Grande do Norte – Natal e cidades vizinhas. Região norte conheço Manaus. Agora falta para fechar a região nordeste o Estado de Alagoas, Sergipe, Piauí, Maranhão e Ceara. Ai começo a viajar pelo centro oeste e assim vou concluindo minha meta de conhecer o Brasil inteiro, gastar meu dinheiro aqui e depois se não precisar se humilhar para pedir visto aos yankes irei aos eua. Europa vou no próximo ano, Tenho parentes na Itália (Irmã com cidadania italiana), fica fácil, sou casado também com descendente direta de Italianos que está em vias de ter a cidadania reconhecida. Agora nos Eua só vou quando não precisar de visto.

  • Ethiene

    Eu tive o visto negado ano passado, provavelmente pq fui tirar sozinha e morei lá qdo criança… vou tentar de novo agora, dessa vez com meu marido e filha… Sim, eu quero fazer compras em Miami e levar minha filhota p conhecer a Disney… mas isso não me tira a vontade de conhecer meu país… Natal, Maceió, joão Pessoa estão na minha lista tb…

  • Ethiene

    Acho q nem no consulado brasileiro precisam ir…

  • Ethiene

    Não é? Ficam criticando o gosto de cada um… O q seria to azul se todos quisessem rosa… cada coisa…

  • André

    Ah sim, do jeito que o Vinícius fala dá impressão que o Brasil é o novo EUA e os EUA são o México. Pô, é evidente que pra cada americano ilegal no Brasil tem uns 1000 brasileiros lá… E o fato de os países caribenhos terem melhor infraestrutura só corrobora com o que eu disse acima: menos burocracia e melhor atendimento. Ah e você sabia que os EUA cobram visto dos argentinos e a Argentina não cobra essa reciprocidade?? A indústria do turismo dos hermanos agradece!! Vá lá você na Argentina fazer propaganda da "reciprocidade" pra quer o que acontece. E Mad, não acho que os yankees sejam tudo, mas o fato é que eles são pelo menos 10 vezes mais ricos que nós. Questão de PIB, se é que me entende. Apenas sou da opinião que a nossa balança comercial referente ao turismo deveria ser mais equilibrada, isto é, pra cada dólar de um brasileiro gasto do exterior haveria de ter outro gasto pelos gringos aqui. E o fim do visto para os americanos iria ajudar em muito isso.

  • Eduardo

    O nosso poder aquisitivo melhorou, mas a educação é a mesma…

  • Eduardo

    É por aí Régis, fica complicado mesmo. Boa!

  • Eduardo

    Com certeza, os EUA para mim nesse ponto é incrível, mas a Europa tb oferece isso…

    mas o importante é que cada um tenha o direito de fazer o que quiser… eu amo a Califórnia e somente nos Estados Unidos que irei achar aquela "onda". Para mim LA é única, SF idem… as praias de Hermosa, Huntington Beach não tem nada parecido… embora ache as praias do Brasil muuuiiito mas bonitas, mas a Vibe lá é demais… não tem na Europa isso. Deixa o cara ir para a Europa e ficar no circuito "cult", tb é legal, mas cada um no seu quadradao. kkkk!!!!

  • Margareth

    > EUA compras

    > Europa cultura

    É legal diversificar em viagens, não só internacionais, mas para o Brasil que muita gente não conhece.

    Nunca tive problema nas imigrações e nem na entrevista (EUA). Espero que os dois lados cumpram as regras e facilite a nossa entrada e a deles, isto movimentará nosso turismo interno.

  • Porque será esse interesse todo do Gov. Americano em cancelar a exigência do visto para brasileiros?

  • Maurício

    Eu li num blog, que eles precisam obrigatoriamente ter em mãos as passagens compradas pra cá, para conseguir marcar a entrevista…

  • Bruno Costa

    Sinceramente, pra mim o visto tem que continuar e o Brasil tem que ser babaca como os americanos foram conosco por anos e começar a negar vários vistos para eles.

    Agora que a vários americanos querem visitar o Brasil vamos dar pra eles de mão beijada essa!?!?

    Acho o visto uma palhaçada mas não "ganhamos" nada em acabar com eles.

  • O fato é que os EUA sabem como fazer turismo, sabem o poder da industria do entretenimento, do lazer e dos parks temáticos.

    Tb tive meu visto negado em menos de 3 minutos, com uma pasta cheia de documentos que não foram nem se quer visto, e sabem quando eu penso em voltar lá? NUNCA MAIS.

    Só lamento as conexões para os outros destinos que passam pelos EUA e que me fazem um dia pensar em tirar o visto, mas fora isso, quem estão perdendo são eles.

  • beto

    a argentina tem sim sua forma de reciprocidade. ao chegar em ezeiza, cidadãos dos EUA, Canadá e Australia tem que pagar no aeroporto uma taxa no valor igual ao que os argentinos tem que pagar pelo visto desses países… tem um guichê separado para pagar essa taxa… o chile faz algo parecido.

  • Sergio

    Carlos, é louvável essa atitude de conhecer o Brasil. Mas existem muitas coisas boas nos EUA que você não pode deixar de conhecer por causa de um mau profissional que te negou injustamente o visto. Esse agente do consulado errou, e por não terem um contra poder, infelizmente não podemos fazer nada. Mas não é por isso que você tem que mudar sua vida.

  • Alexandre

    Até hoje não entendo os americanos, nos brasileiros nao somos terroristas e sim pessoas com vontade de trabalhar, gastar e desfrutar a vida e é isso que os americanos precisam entender, somos os verdadeiros consumidores ativos.Os americanos tem que colocarem na cabeça que eles fazem parte de um pais que cresceu da imigração que seus antepassados nao são americanos mas sim contribuirão para que o pais crescesse para que hoje eles podem dizer"somos americanos".

    Bom republicanos, acho que já é hora de parar para pensar para que seu pais possa garantir o futuro dos seus filhos porque eles não tem nada com isso.

  • serginho

    concordo plenamente com vc, mas ajudaria bastante nosso governo de merda baixar um pouco os impostos, pois uma passagem rio x buenos aires, sai muito mais barato que rio x natal, rio x fortaleza.. etc…

  • serginho

    toda viagem é especial…

    falou tudo…

    recomendo puket, na tailândia…

    loucura, mas completamente inesquecível…

    povo show, cultura de outro planeta, e lembranças para eternidade…

  • Nadia Reis

    Eu fiz 2 vezes o visto fui negada, sou pensionista federal, pago imposto de renda. Não consegui porque sou solteira não posso casar por causa da minha pensão,sem filho não posso ter, sem casa própria. Dinheiro tenho para ir, mais eles pensa quenos queremos ficar lá , tem muitos que consegue ficam lá, mais não meu caso, era presente de niver de 15 anos. para minha afilhada, ela e a mãe foram no dia 31-1-13, estão lá .realmente Brasil tem muito lugares bonito mais esta caro demais era meu sonho mais não vou perde a esperança a primeira vez a menina foi super seca na segunda vez foi um homem eu falei de novo não ele ficou olhando falou que e norma de lá.Eu sei que Deus existe eu vou conhecer.todas as pessoas que eu conheço já foram estão voltando ,hoje tem 7 pessoas lá , menos eu. sabe eu me senti um lixo, que adianta, pagar imposto que não vale de nada,vou compra casa, entra faculdade para vê se pesa para eu poder ir. Mais mesmo assim quem quiser ir e só tenta todos dizem que e bom. bjs