O que o setor aéreo está fazendo para entreter os passageiros durante o voo

Leonardo Cassol 20 · setembro · 2016

Minha história com a aviação começou em 1986, logo aos 5 anos, quando passei a viajar algumas vezes por ano entre São Paulo e Recife, após o divórcio dos meus pais. Dois anos depois, uma nova mudança de cidade, e eu me tornei um passageiro frequente da ponte aérea entre São Paulo e Rio de Janeiro, na maioria das vezes como menor desacompanhado.

Naquela época voar já era uma grande diversão para mim. Como não existiam ainda os atuais sistemas de entretenimento, eu aproveitava as visitas à cabine durante o voo (antigamente era permitido), dos lanches e refeições caprichados, e de ficar incansavelmente admirando tudo o que passava pela janela. Hábito que até hoje eu preservo, tentando sempre conseguir um assento adequado para admirar tamanha beleza.

O tempo passou e eu nunca deixei de voar. Novas companhias e aeronaves foram criadas, enquanto outras deixaram de existir. E muita coisa mudou na aviação. Uma delas foi o entretenimento de bordo, que passou a estar disponível para todos os passageiros. As empresas aéreas e as fabricantes de aviões investiram bilhões para oferecer novas e melhores opções de entretenimento durante o voo. Afinal, nesse período a tecnologia avançou demais: internet, das TVs de tela fina, smartphones, redes sociais (até me senti velho agora)…

Nesse post vamos mostrar principais opções de entretenimento disponíveis para os passageiros em voos nacionais e internacionais, considerando tanto as companhias brasileiras, como as estrangeiras. Você vai perceber que muito em breve vai ser quase impossível se entediar dentro de um avião, não importando o tempo de voo, a idade ou o perfil do passageiro. Confira!

Entretenimento em voos domésticos

Mesmo nos voos mais curtos, dentro do Brasil, há boas opções de entretenimento, variando conforme a companhia aérea. A Avianca, por exemplo, disponibiliza em parte de sua frota um sistema de entretenimento bem completo, com telas individuais sensíveis ao toque e uma seleção de filmes, séries e jogos. Há inclusive portas USB para conectar e carregar celulares e tablets, o que é excelente. Além disso, a empresa começou a operar voos com internet wi-fi esse mês, com serviço gratuito nos primeiros meses de implantação.

Já a Azul é a única que oferece TV ao vivo, em parceria com a Sky, permitindo ao passageiro assistir futebol, novela, filmes e telejornais em tempo real em 48 canais e em mais 8 com programação gravada, na grande maioria de suas aeronaves. É simplesmente incrível! Por exemplo, durante os Jogos Olímpicos, os passageiros puderam viajar com a Azul sem perder nenhum lance.

A Latam apostou no conteúdo, oferecendo uma ampla programação de áudio e vídeo que o cliente pode assistir em seu próprio celular, tablet ou computador, através do aplicativo Latam Entertainment. É possível também acompanhar todos os detalhes do voo através do aplicativo. Além disso, grande parte das aeronaves das rotas domésticos têm monitores compartilhados, onde os clientes podem assistir a uma parte desse conteúdo.

A GOL está investindo alto na internet Wi-fi, via satélite. A plataforma incluirá também canais de televisão, streaming com filmes, desenhos, conteúdo pay-per-view, música e mapa de voo. A primeira aeronave equipada com a nova plataforma chegou em agosto ao Brasil e deve entrar em operação ainda em 2016, após certificação pelos órgãos reguladores. Em dois anos toda a frota da companhia estará equipada com o sistema e com tomadas de energia.

Entretenimento em voos internacionais

Os voos internacionais geralmente são mais demorados. Justamente por isso recebem uma atenção especial das companhias aéreas quando o assunto é entretenimento. O conforto também varia conforme a empresa e a classe de viagem. Mas mesmo na econômica é possível aproveitar bastante o voo.

Telas individuais com entretenimento sob demanda

Virou um padrão entre as companhias áereas. Atualmente já contamos com entretenimento individual sob demanda, com dezenas de filmes, séries, documentários, música e jogos, em diferentes idiomas, presentes em quase todos os voos de longo curso que saem do Brasil para Estados Unidos, México e Europa.

airbus-a350-tam-039

Em algumas companhias internacionais também já é possível voar navegando na internet, através de conexão Wi-fi. É incrível! E, em poucos anos, é muito provável que a internet a bordo seja tão comum quanto a tela individual de entretenimento.

E que tal assistir ao pouso e à decolagem por diferentes ângulos, através das câmeras instaladas fora de algumas aeronaves? É sensacional! Além disso, é muito bacana poder checar a qualquer momento o mapa de voo, com a localização e altitude do avião, tempo restante de voo etc.

Nos sistemas mais novos já é possível assistir a mais de um conteúdo ao mesmo tempo, em janelas independentes, ou ainda interagir com outros passageiros, teclando, falando ou até mesmo jogando, tudo pelo sistema de entretenimento.

Cabines

Voando em classe executiva é possível dormir ou relaxar em confortáveis poltronas-cama que reclinam 180 graus. Dá pra chegar inteiro no destino e aproveitar cada minuto da viagem. Mesmo na classe econômica, algumas inovações como o skysofá permitem que uma família possa aproveitar melhor o espaço de um conjunto de poltronas.

Algumas aeronaves contam com cabines intermediárias, denominadas geralmente de “econômicas premium'”, com mais espaço e conforto que cabine tradicional e um serviço de bordo diferenciado, intermediário entre a classe econômica e a executiva. Poucas empresas utilizam nos voos para o Brasil, mas a quantidade de companhias que utilizam está crescendo.

E o que dizer as aeronaves que tem bares com bebidas e petiscos disponíveis durante todo o voo, além de um amplo espaço para conversar com outros passageiros? Mas, infelizmente, geralmente essas regalias são restritas aos passageiros da classe executiva e da primeira classe.

Tomar banho durante o voo também já é uma realidade há alguns anos, mesmo a mais de 10 mil metros de altura. Algumas companhias aéreas equiparam suas aeronaves com chuveiros (última foto da galeria acima), disponíveis apenas para os passageiros da primeira classe. O cliente ainda pode agendar o horário do banho conforme a sua preferência. É muita mordomia!


O fato é que a indústria avançou muito nos últimos anos. E o melhor é que temos acesso a quase todas essas inovações voando aqui mesmo, no Brasil.

Agora, para quem ainda assim tem saudade do tempo em que uma das únicas opções durante o voo era admirar a paisagem lá de cima, não há com o que se preocupar. Os aviões mais novos contam com janelas cada vez maiores! E sempre vão ter bons livros e revistas para ler!

E você, o que mais gosta de fazer para passar o tempo durante o voo? Comente e participe!


Leonardo Cassol é editor do Melhores Destinos e um eterno apaixonado pela aviação.

Publicado por

Leonardo Cassol

Editor

  • Raoni Fonseca Duarte

    Nossa, me senti nostálgico lendo o início do post – quando era criança, sempre que voava, aproveitava para visitar a cabine dos pilotos e ficava a viagem inteira contemplando a paisagem pela janelinha do avião… =)

  • Lucas Ribeiro

    Já se sabe quanto custará o uso e as limitações (ou não) da internet durante o voo da Gol?

    • Ainda não, mas está bem perto de divulgar.

      • Lucas Ribeiro

        Obrigado, Leonardo. Você sempre muito atencioso com os leitores 😀

  • Henrique Ofugi Ono

    Leonardo! Sensacional seu relato!! Eu me enxerguei no seu relato…lembro até hoje do meu primeiro vôo…foi num RioSul de Congonhas para Brasília, lembro da refeição (eu jantei na aeronave, muito bom).

    Uma coisa que recentemente vi a bordo dos aviões da United são os canais de áudio, um destes canais é o áudio da cabine. Eu passei todo o vôo sintonizado neste canal! Ouvindo a tripulação interagindo com as torres de controle, muito 10!

    • Nossa, Henrique! Muito bem lembrado. Eu passei dois voos no Airbus A319 só ouvindo isso! Demais! Acho que só tem nas aeronaves Airbus. Mas é bem legal!

      • Bruno

        bom saber. pegarei um voo da united em breve e vou verificar se tem esse canal 😀

  • Leandro Carvalho

    Puxa, Leonardo! Fiquei emocionado com seu post. Iniciando pelas rupturas pessoais, certamente dolorosas, mas que acabaram despertando em você o seu grande talento, passando pela sua agradável capacidade de contemplar o belo e terminando com uma exposição do fino da aviação; tomar banho à bordo… um sonho. É tocante o respeito que vc têm pelos leitores e a sua personalidade: pura benevolência.

  • Wilibaldo

    Leonardo Cassol, parabéns pela tua atenção com os leitores – com certeza esse é o teu melhor post – pois trata-se de algo muito maior do que só passar uma informação – é um relato com identidade – parabéns e que continue auxiliando teus leitores e o MD.

  • Salvatore Carrozzo

    Oi, Leo. Gosto muito do trabalho do MD, mas ao clicar na matéria, achei que ia encontrar novidades, notícias sobre estudos de viabilidade de empresas, o que elas estão pensando para o futuro etc. Se bem que acho que o erro foi meu, pois o título é bem claro: “o que as empresas aéreas estão fazendo para entreter” (ou seja, verbo no presente, rs). Mas seria interessante um texto com novidades, pois tudo que está neste já é de conhecimento de quem acompanha o tema. ABs

    • Salvatore, vamos tentar fazer um assim, mas geralmente as cias escondem as novidades até o lançamento com medo da concorrência copiar. Veja o que aconteceu com a GOL e a Avianca, na internet a bordo. A GOL anunciou tem alguns meses e a Avianca foi lá e lançou primeiro. Abs e obrigado!

  • Raphael Piccardi Calles

    Por incrível que pareça, uma das cias que mais curti até hoje foi a Iberia e sua imensa lata sem entretenimento. Quando fiquei sabendo que ia voar por ela, fiquei revoltadíssimo. No final, conheci gente nova e dormi sem aquela luminosidade da tela do vizinho, que consegue ultrapassar os limites da minha venda para dormir.