Caldas Novas e Rio Quente – dicas pra se divertir nas “praias” do Centro-Oeste brasileiro

Camille Panzera 28 · março · 2017

Caldas Novas e a cidade vizinha Rio Quente são consideradas detentoras de uma das maiores estâncias hidrotermais do mundo! Por um processo completamente natural, várias fontes de água que brotam no chão dessa região são naturalmente quentes, com temperaturas que variam e oferecem conforto ao mergulhar. Não é sem motivo que a região das águas quentes de Goiás, a cerca de 170km da capital Goiânia, tornou-se um dos maiores destinos turísticos do Brasil!

O lugar divide opiniões: alguns gostam muito e visitam Caldas várias vezes ao ano, outros não curtem tanto assim. O fato é que Caldas Novas é um excelente destino para visitar em família, relaxar e não fazer nada além de passar o dia relaxando!

Como Chegar a Caldas Novas

Caldas Novas tem um aeroporto de pequeno porte, com voos regulares da Gol e Azul, além de voos fretados. Por via terrestre as capitais mais próximas são Goiânia, a 170 km de distância, e Brasília, a 300 km. O trajeto muitas vezes é feito de carro ou de ônibus, sendo a viação Paraúna e Alfaluz, as que realizam o trajeto direto entre Caldas Novas e Goiânia e Caldas Novas e Brasília, respectivamente.

Quando ir a Caldas Novas

Caldas Novas e o Rio Quente são “visitáveis” o ano todo. O verão é quente e chuvoso, enquanto o inverno é mais fresco e seco. Como as águas das piscinas são quentes, visitar a cidade no inverno é uma ótima pedida, porque o mergulho é agradável mesmo quando o tempo está friozinho. Nos feriados, férias e fins de semana a cidade costuma ficar cheia, então, para quem procura tranquilidade é melhor evitar esses períodos.

Informações retiradas do site Clima Tempo.

Entendendo a região

Há quem confunda, mas Caldas Novas é uma cidade e Rio Quente é outra. Elas estão a cerca de 30km uma da outra e antigamente eram realmente uma única cidade, mas Rio Quente se emancipou há alguns anos. É em Rio Quente que fica o famoso Rio Quente Resorts.

Enquanto Caldas Novas é uma cidade grande, com muitos edifícios, várias alternativas de hotéis e resorts, opções de clubes e restaurantes, Rio Quente é uma cidade pequena, com poucas ruas, e que é movimentada, basicamente, pelo resort de mesmo nome.


O esquema de viagem para quem fica hospedado no Rio Quente Resorts é um pouquinho diferente de quem fica hospedado em Caldas Novas. Isso porque o Rio Quente é um resort grande e dentro dele tem toda a estrutura necessária para passar alguns dias e por lá mesmo se entreter. Já quem fica em Caldas Novas tem maior acesso à estrutura da cidade: lojas, restaurantes, bares e outras atrações turísticas, então, hospedando-se em Caldas Novas é possível, além de curtir as piscinas, circular pela cidade com mais facilidade.

As pessoas que visitam Caldas Novas desejam, basicamente, passar o dia nas piscinas quentes. Os hotéis e resorts da região costumam ter um clube exclusivo para hóspedes e é nele que o pessoal fica durante o dia, mergulhando, descendo nos tobogãs ou participando de atividades propostas pelas equipes de entretenimento. Muitas das acomodações oferecem também regime de meia pensão e pensão completa, então, passa-se o dia aproveitando da estrutura do hotel e é exatamente por isso que escolher um bom local para se hospedar faz toda a diferença no aproveitamento da viagem!

O Rio Quente Resorts

Inaugurado na década de 70, o complexo hoje chamado de Rio Quente Resorts é a antiga Pousada do Rio Quente. O empreendimento começou com a construção do Hotel Pousada e das piscinas naturais, sendo o principal inventivo para visitar o local as várias piscinas advindas das fontes de águas termais. Com os anos, cada vez mais pessoas foram se interessando pelo recanto que oferecia banhos de água quente; o turismo foi se desenvolvendo e o complexo crescendo.

Hoje em dia o Rio Quente Resorts possui 3 hotéis dentro do complexo, restaurantes, lanchonetes, lojas, o Parque das Fontes, Hot Park e ainda acomodações que ficam fora do complexo, na cidade de Rio Quente. Assim como outros resorts do país, o local é auto-suficiente e lá dentro há diversão para o dia inteiro! Como a propriedade é enorme, lá dentro existe um sistema de transporte para os próprios hóspedes e restaurantes para que não seja preciso deixar o complexo para nada.

Para quem viaja em família, principalmente, o Rio Quente Resorts é uma excelente pedida. Lá dentro os pais têm o sossego que desejam das férias e as crianças toda diversão possível! Hóspedes do Rio Quente podem frequentar o Hot Park e o Parque das Fontes, que fica aberto 24h, gratuitamente, enquanto não-hóspedes devem pagar para visitá-los.

Vale a pena ficar no Rio Quente Resorts?

Bem, o resort tem mesmo uma excelente estrutura, as piscinas naturais do Parque das Fontes são ótimas e o Hot Park cheio de atrações, mas, ser um hóspede do Rio Quente não é muito barato, então é sempre bom avaliar se o custo-benefício se encaixa no seu perfil. Se você quer ter uma viagem tranquila, vale a pena ser um hóspede do resort, mas é preciso saber que algumas acomodações, como o Hotel Pousada estão precisando de uma modernização. O hotel mais novo do complexo, o Cristal, tem uma estrutura melhor e embora fique um pouco mais afastado das piscinas do Parque das Fontes é mais moderno. O Rio Quente Resort é o tipo de hospedagem em que você pode deixar os filhos à vontade, enquanto os pais e avós curtem um banho de sol ou na água.

Atrações de Caldas Novas 

A verdade é que Caldas Novas e Rio Quente não têm atrações tão variadas assim; as principais atrações da região são os clubes e suas piscinas! Veja abaixo alguns dos pontos de interesse da área:

Hot Park – Ele fica dentro do Rio Quente Resorts e é simplesmente um dos maiores parques aquáticos do Brasil! Dentro do parque existem várias e várias piscinas, algumas mais tranquilas e outras com mais emoção. No parque existe playground infantil, tobogãs, piscina com ondas (mais conhecida como a Praia do Cerrado), piscina com correnteza, mergulho, passeio de caiaque, tirolesa, etc. É o tipo de lugar que não dá para perder durante a viagem!

Parque das Fontes – Também dentro do Rio Quente Resorts, esse foi o parque que deu origem a todo o local! Ele é composto por várias piscinas rústicas, que funcionam 24h. Perto das piscinas existem alguns bares, então a programação de muita gente é passar o dia dentro da água, bebendo e petiscando alguma coisa. Ainda que o parque tenha bastante movimento durante o dia, fica super tranquilo à noite, ideal para quem gosta de sossego.

Náutico Praia Clube – Situado em uma área mais afastada do centro, o Náutico não é um clube aquático tão grande, mas é justamente por seu clima intimista que pode ser uma boa pedida para famílias com crianças. Ele tem várias piscinas, equipe de animação e brinquedos aquáticos.

Di Roma Acqua Park – Grande e com atrações variadas, o Di Roma Acqua Park é o parque aquático dos hóspedes da rede Di Roma. As opções de piscinas são muitas, sendo um dos seus maiores destaques o navio pirata, que fica na área infantil e arranca sorrisos dos pequeninos.

Monumento das Águas – O monumento, que tem algumas quedas d’água artificiais foi criado como forma de homenagear as águas que tantos frutos trouxeram para Caldas Novas. Vale parar no local rapidinho para bater uma foto!

Monumento das Águas

Feira do Luar – A feira que acontece aos sábados, domingos e segunda-feira vende comidas típicas, artesanato, roupas, presentes, etc. É um bom lugar para bater perna, comer algo por um preço em conta e conhecer um pouco da cultura regional.

Jardim Japonês – Não se espera que uma cidade tenha um jardim japonês, né? Mas tem! Ele é pequeno e rende um bom passeio ao ar livre!

Jardim Japonês

Centro de Caldas Novas: Passear no centro de Caldas também é uma boa pedida, tanto durante o dia quanto pela noite. Para conhecer uma das primeiras residências da cidade, vá ao Casarão dos Gonzaga, que hoje é um centro de artesãos, ou à Praça Mestre Orlando, que tem alguns barzinhos e fica animada durante à noite.

Shopping Serra Verde – Ele é conhecido como shopping, mas na verdade não tem muitas lojas. O lugar é ponto de parada de várias excursões e pessoas que desejam fazer compras e levar para casa aquela lembrancinha de viagem. Por lá você encontra desde ótimos doces caseiros à bijuterias e roupas.

Onde ficar em Caldas Novas  

Escolher a hospedagem em Caldas Novas é uma parte importante da viagem, senão é a mais importante. Como os turistas passam um bom tempo nas acomodações do hotel, torna-se essencial escolher um lugar que atenda suas expetativas.

No famoso Rio Quente Resorts, você pode ficar dentro do complexo hospedando-se no Hotel Pousada (o mais antigo do complexo), Hotel Turismo e o Cristal. Do lado de fora do complexo ficam os apartamentos do Giardino Suites e Suites & Flats.

Em Caldas Novas, as principais redes de condomínios são a Privé e Di Roma, ambos com variadas opções de apartamento. Algo para se ter em mente é que a maioria das acomodações de Caldas não é de hotéis e sim apartamentos e condomínios privados funcionando sob um regime de hotel. Centenas de pessoas possuem apartamentos na cidade e os alugam por temporada.

Restaurantes em Caldas Novas

Empadão Goiano da Tânia – Um clássico de Caldas Novas, esse é um lugar para conhecer o tradicional empadão goiano. O empadão tradicional leva ingredientes locais, como galinha e o pequi, um fruto típico entre os goianos.

Chicago Steakhouse – O restaurante é um dos mais modernos e descolados de Caldas Novas e tem pratos como hambúrgueres e carnes. É uma boa pedida para comer algo diferente e sair com amigos.

Feira do Luar – A feira de Caldas é também uma alternativa para comer, já que o local tem barraquinhas de comidas de rua e locais.

Ipê – Ele é bar e restaurante, que tem comida brasileira variada e serve uma feijoada aos sábados. Algumas vezes por semana têm música ao vivo e fica animado à noite.

Kaeli – Sorvete é o tipo de coisa que vai bem a qualquer hora do dia, especialmente quando está quente! Para isso, a dica é ir a sorveteria Kaeli, que tem uma grande diversidade de sabores e ainda serve pratos diferentes, como o sorvete assado.

Dicas de Caldas Novas:

•  Evite viajar nos feriados e finais de semana se quiser encontrar piscinas mais vazias nos parques.

•  Caldas Novas é um ótimo destino para pessoas de todas as idades. É possível ir em casal, com crianças e idosos!

•  O sol no local é bastante forte, então vale reforçar o protetor solar constantemente.

•  As lojas locais são voltadas, principalmente, para a moda praia, então é possível encontrar esse tipo de produto por um bom valor.

•  Usar repelente durante à noite é indicado para quem está em áreas com matas, como o Rio Quente Resorts.

Para mais informações sobre Caldas Novas e Rio Quente, leia nosso guia de Caldas Novas, com várias outras dicas, informações sobre como chegar, o que fazer, transportes, hotéis etc!

Autor

Camille Panzera - Camille Editora de destinos
  • Josué Dias dos Santos

    Muito bom, Camille. Parabéns pela imparcialidade!!

  • Wilson Schenfeld Jr

    Muito bom! 🙂

  • Guilherme Sodré

    Muito legal ver um post de uma região bem pertinho de onde moro haha
    O artigo foi muito bem elaborado, mas senti falta do L’aqua Di Roma que não é a mesma coisa do Di Roma, acho lá uma excelente opção custo-benefício, normalmente R$ 450 para 5 pessoas o fim de semana (sexta, sábado e domingo) e acesso ao clube de mesmo nome.

  • Vinicios Ribeiro

    Na última promoção do smiles, tinha passagem por 6 mil milhas ida e volta, do SDU para Caldas Novas!

    • Alexandre Martins

      Vejo falarem tão mal do Smiles mas tenho visto umas boas mamatas pra resgatar passagens.