Valendo! Governo da Argentina elimina imposto de 21% cobrado nas diárias de hotéis!

Leonardo Cassol 3 · janeiro · 2017

Não perca mais nenhuma promoção!

Promoções no e-mail

Faça como 1 milhão de brasileiros. Cadastre seu email e receba as melhores promoções de passagens!

Promoções no Whatsapp

Agora você pode receber promoções direto no Zap! Escolha se quer receber todas ou só as melhores!

Ótima notícia para quem vai à Argentina em 2017! Conforme prometido, o governo do presidente Macri regulamentou recentemente um decreto publicado em 2016 que isenta visitantes estrangeiros de pagarem 21% de imposto sobre consumo (IVA) em hospedagens nos hotéis, pousadas e hotels argentinos. Uma isenção semelhante já vale desde 2001 para compras no país.

Na prática o IVA cobrado será devolvido quando o pagamento for feito com cartões de crédito ou de débito, tornando a hospedagem em hotéis mais barata para brasileiros e demais estrangeiros. Para aproveitar, bastará você escolher seu hotel no site que preferir, como o Booking e fazer o pagamento com o cartão. Mesmo com a cobrança de 6,38% de IOF pelo governo brasileiro para compras internacionais realizadas no cartão de crédito, o desconto é tão generoso que compensa de longe outras opções de pagamento.

Infelizmente o desconto não vale para aluguéis de temporada, como o Airbnb. Também estão excluídas despesas que não sejam com diárias e café da manhã, como refeições, spa e outros serviços prestados pelos hotéis.

Outros países como Chile, Uruguai, Peru, Equador e Colômbia já dão isenção no imposto de hospedagem.

Segundo o governo argentino, a iniciativa pretende “criar novos empregos, aumentar o número de visitantes estrangeiros e aumentar seus gastos no país”. A expectativa é que a medida atraia até 120 mil turistas a mais por ano, com gasto estimado de US$ 90 milhões.

Vamos ver como os preços das hospedagens se comportam a partir de agora, para avaliar o benefício real para os turistas.

Agora só falta baixar as absurdas taxas de embarque dos aeroportos argentinos para um mar de brasileiros voltar a frequentar o país!

Com informações do Boletin Oficial Argentino.

Autor

Leonardo Cassol - Editor Editor e especialista em programas de fidelização do Melhores Destinos.