O que fazer durante uma conexão longa na Cidade do Panamá?

Denis Carvalho 03/08/2012 às 13:29h 82 Comentários

 A companhia aérea panamenha Copa Airlines tem marcado presença constante aqui no Melhores Destinos graças às suas promoções e muitos leitores se deparam com uma dúvida: o que fazer em caso de uma conexão longa na Cidade do Panamá, onde fica o Aeroporto Internacional de Tocumen – batizado pela Copa de “Hub das Américas”? Para responder a essa pergunta, Anna Bárbara, autora do excelente blog Nós no Mundo fez um pequeno roteiro especialmente para os leitores do MD, que certamente será muito útil para quem planeja voar com a companhia. Quem sabe até as belas imagens não inspirem optar por uma conexão mais longa para conhecer uma cidade a mais  durante a viagem?

Com preços atraentes e uma grande opção de destinos partindo das principais cidades brasileiras, a companhia aérea Copa vem conquistando muitos clientes brasileiros. E é assim que o Aeroporto Internacional de Tocumen, na Cidade do Panamá, tem se tornado bastante conhecido entre os brasileiros.

Conexões longas, de 7 horas ou mais, são comuns nos voos da Copa. Dá para sair do aeroporto?

Sim. Brasileiros não precisam de visto para ingressar no Panamá, mas é necessário ter o Certificado Internacional de Vacinação com comprovação da vacina contra febre amarela.Depois do desembarque, é necessário passar pelo controle de passaporte antes de deixar o aeroporto. Não há necessidade de se preocupar com a bagagem. Você despacha as malas no Brasil e só pega no seu destino final (na volta é a mesma coisa). Só não leve muita bagagem de mão…

E o que fazer durante esse tempo todo? Veja aqui as nossas dicas.

O primeiro ponto é atentar-se para o tempo de conexão. Analise se é possível deixar o aeroporto e voltar, sem o risco de perder o próximo voo. Lembre-se de computar o tempo de imigração, o tempo para passar no raio-X e os imprevistos, que, segundo a Lei de Murphy, sempre acontecem. Saiba também que o aeroporto não fica muito próximo do centro da cidade e que engarrafamentos são frequentes na Cidade do Panamá nos horários de pico.

Se, depois dos cálculos, ainda der tempo de deixar o aeroporto, aproveite para passear ou fazer compras!

Compras sem se afastar muito do aeroporto

O aeroporto da Cidade do Panamá tem uma quantidade considerável de lojas. Contudo, não se compara a um shopping. Para quem não quer se afastar muito do aeroporto, uma boa opção de compras é o Metromall.

O shopping fica a 10 minutos do aeroporto e tem algumas boas lojas internacionais como Adidas, Calvin Klein, Nike, Oscar de la Renta, Columbia, Payless Shoes, Puma, Tommy Hilfiger e Tommy Hilfiger Kids, US Polo etc. Além disso, há restaurantes e cinemas.

A grande vantagem, além da proximidade do aeroporto, é a van que faz o deslocamento do terminal ao shopping sem custo algum. O free shuttle passa a cada 30 minutos.

Compras no centro da Cidade do Panamá

Para compras mais sofisticadas, o shopping Multiplaza Pacific Mall é o lugar.

Por lá é possível encontrar diversas lojas de grifes internacionais famosas, como Chanel, Louis Vuitton, Hermès, Guess, Ferragamo, Cartier, Bulgari, Fendi, Emporio Armani, Armani Exchange, Hugo Boss, Diesel, Ralph Lauren, além de lojas como Zara e Mango. MAC Store e Sony Style também estão presentes lá. Veja a lista completa de lojas aqui.

Há alguns restaurantes sofisticados e alguns bares no terraço com vista panorâmica da cidade. Mais detalhes aqui.

Se preferir visitar o maior shopping da Cidade do Panamá, vá ao Albrook Mall. Por lá, não há lojas tão famosas, mas o preços podem compensar.

Visita ao Canal do Panamá

O Canal do Panamá é um dos destinos mais populares entre os turistas que visitam a Cidade do Panamá. Por conta disso, o Centro de Visitantes de Miraflores, de onde é possível avistar a eclusa de Miraflores e o sobe e desce dos navios, costuma ficar sempre cheio.

No local há um museu e um terraço de observação onde se pode observar os navios. Também é possível assistir a um vídeo que conta a história da construção do canal.

O ingresso custa USD 8. Crianças e estudantes pagam USD 5. Os ingressos com acesso limitado ao terraço para observar os navios custam USD 5 (adulto) e USD 3 (menores e estudantes). Menores de 5 anos de idade não pagam.

Quem tiver mais tempo disponível, pode fazer um passeio de barco para navegar por um trecho do canal. Várias empresas locais oferecem esse serviço. O passeio de barco dura cerca de 5 horas e tem custo médio de USD 115.

Sobrevoando a cidade

Para conhecer a Cidade do Panamá em grande estilo, a sugestão é um passeio de helicóptero.

Existem tours que sobrevoam apenas a cidade ou que também incluem o Canal do Panamá.

 

Foto: Divulgação. http://heli-ancon.com/en/destinations/8-canal-tour

City Tour

Diversas agências de turismo panamenhas oferecem city tours pela cidade. Os principais pontos turísticos são o Casco Viejo, com seus casarões coloniais; o calçadão da Cinta Costeira, com vista para os prédios modernos da cidade; as ruínas do Panamá Viejo; o Cerro Ancon, que oferece uma vista panorâmica da cidade; e a avenida Amador Causeway, uma rua estreita que separa a entrada do canal do oceano.

Dê preferência para os tours privados, com saídas e retornos ao aeroporto, para não perder tempo. Uma outra opção é contratar um táxi para ficar à sua disposição. O preço médio da contratação do táxi para ficar à disposição o dia inteiro é de USD 90 a USD100.

Nossa experiência pessoal

Nossa conexão no Panamá era de pouco mais de 8 horas. Optamos por contratar um motorista para ficar à nossa disposição, para fazermos um city tour e algumas compras. Pesquisamos no forum de discussão do Trip Advisor e fechamos o passeio com o senhor Orville Kelly, bem recomendado por lá.

Combinamos o preço e o dia/horário por email (kellyorvill@yahoo.com) e no dia agendado ele estava nos aguardando no desembarque.

Seguimos primeiramente para o Canal do Panamá, onde vimos a eclusa e o vai e vem dos navios. De lá, fizemos uma parada rápida para almoço em uma lanchonete indicada pelo sr. Orville. Fizemos uma volta rápida pelo Casco Viejo, com apenas uma parada para fotos (mas é possível fazer a programação que desejar). Na sequência, fomos ao shopping Multiplaza fazer algumas compras. Na saída do shopping, vimos do carro as ruínas do Panamá Viejo e já voltamos ao aeroporto.

A programação foi bem corrida, mas valeu a pena. Gostei bastante do motorista. Ele é extremamente simpático e solícito, e também nos contou vários detalhes da história do Panamá. A única crítica fica por conta do carro, que era um Corolla um pouco antigo, que estava com o ar condicionado quebrado. O preço acertado foi de USD 90 para ele ficar à nossa disposição durante todo o tempo da nossa conexão no Panamá.

82 comentários para “O que fazer durante uma conexão longa na Cidade do Panamá?

  1. Francisco

    Eu fiz uma conexão de 9 horas no Panamá no ano passado. No meu caso, nós contratamos uma empresa para um city tour direto no aeroporto, e não antecipadamente.

    Ficamos um tempo no Metromall e depois fomos para o Casco Viejo, um local de artesanato próximo ao Canal do Panamá e ao Canal.

    Não me recordo agora quando pagamos, acredito que tenha sido uns 50 dólares mais o ingresso para o Centro de Visitantes da Eclusa de Miraflores.

    Achei que, apesar de corrido, valeu bastante a pena e deu pra dar uma geral na cidade.

    Responder
  2. Paula

    Na minha opinião o Canal do Panamá é imperdível!

    Responder
  3. Clara

    No próprio aeroporto dá para pegar um Taxi para um city tour. O preço é tabelado: U$ 100 por 4h. É super seguro. Vale a pena

    Responder
    1. Paulo

      Esse preço é pelo passeio (carro) ou por pessoa?

      Responder
  4. Hercules

    não sabia que podia sair do aeroporto em conexões…

    isso vale pra qualquer vôo, em qualquer país? (Claro, com a ressalva de visto, etc…)

    Tem que pagar nova taxa de embarque ou algo do tipo?

    Responder
    1. Rogerio

      Poder vc pode sim, tendo o visto quando exigido. O que tem que prestar mais atencao sao nos horarios e tempos de imigracao e inspecao de raio x. Em alguns paises, como Peru e Curacau, por exemplo, ao sair do aeroporto, tem que pagar nova taxa de embarque e isso acaba por ser cerca de 30 dolares. Bom pesquisar antes. abcs

      Responder
  5. Igor - Poa

    Tudo que eu precisava! Muito bom!

    Responder
  6. LeoDangelo

    Sempre que fiz cotações na Copa, pensava no que fazer nesta cidade. Ótimas dicas. Mas e os preços destes shoppings ? São como os do free shop ?

    Responder
    1. Matheus

      Sou fã e seguidor do MD e gostaria de contar um pouco da minha experiência de conexão no Panamá.

      Fui de BH para Toronto e minha conexão na Cidade do Panamá seria de 12 horas. Como o tempo era muito extenso resolvi sair do aeroporto. Dizem que o certificado internacional de vacinação é obrigatório, mas quando fui sair do aeroporto ninguém me pediu nada, mas por causa da minha conexão lá eu tinha preparado por via das dúvidas, aconselho que o façam tb caso não tenham.

      Tinha pesquisado sobre o que fazer lá vi que lá existem algumas pessoas que oferecem o serviço de um tipo city tour com ida ao canal e tal, mas resolvi ir até um shopping chamado Albrook Mall. Estava sozinho e fui perguntar um rapaz de um quiosque já no saguão de fora do aeroporto e ele me disse que eu teria duas opções: táxi que me cobraria na média de 25 a 30 dólares cada trecho de ida e volta, ou pegar o ônibus num ponto bem próximo ao aeroporto que me cobraria 25 cents, isso mesmo, um quarto de um dólar por trecho! Não pensei duas vezes, perguntei como chegaria ao ponto de ônibus e pronto. (Obs: conversei tudo um inglês pois sei muito pouco de espanhol).

      No aeroporto existe um guarda volumes e como estava com minha mochila mais uma mala de mão (não foi preciso pegar minhas malas despachadas que foram direto pro Canadá), deixei minha mala de mão lá pagando uma taxa de 4 dólares. Peguei o ônibus na cara e na coragem. Lotado como estava, cheio de pessoas com caras de bolivianos, fui a maior parte da viagem em pé. Não possuía cobrador no ônibus onde o motorista era quem desempenhava o papel deste tb. E ainda dava troco, não sei se só para mim pq viu que eu era turista. Aliás quase todo mundo me olhava como se eu fosse um estrangeiro, e eu era! Preocupado, pedi ao motorista que me avisasse quando chegasse ao shopping. Toda hora perguntava ele alguma coisa em portunhol pra ver se tava lembrando de mim. Mas não tem erro, o shopping além de ser muito grande era junto com uma rodoviária internacional.

      Chegando lá, era domingo, o shopping não tinha aberto ainda. Resolvi fazer um lanche na praça de alimentação da rodoviária. Depois fui tentar acessar alguma rede wifi pelo meu laptop, tentativa mal sucedia. Resolvi que tinha que ligar para minha namorada e minha família para avisar que tava tudo bem. Nisso eu tinha gastado todas minhas moedas e só tinha nota e não sabia usar aqueles telefones de moeda. Sozinho, 20 anos, primeira viagem internacional. Resolvi pedir uma mulher lá duma lojinha pra trocar pra mim, aí vem minha mancada: “necessito cambiar una moneta para hacer una ligacion!” A mulher ficou toda sem graça e me indicou uma outra mulher num outro quiosque lá. Eu sem entender o que tava acontecendo fui lá, falei a mesma coisa porém acrescentei o gesto na hora de falar “ligacion”, dai ela perguntou “llamada?” Nessa hora minha ficha caiu e respondi “Si si, llamada!” Lembrei meu irmão dizendo pra eu tomar cuidado com algumas palavras que de português pra espanhol são parecidas mas tem significado totalmente diferente. E ligacion significa s#xo! Kkkkk resultado: todas as moedinhas foram gastas em risos no telefone. Uma obs é que a ligação lá na sala de embarque era mais barata que nos outros lugares. Uma diferença grande. De 0,20 para 1,50 de dólar por minuto.

      Enfim o shopping abriu, tem todas lojas que vc pensar. Comprei um tênis da Adidas um relógio da Casio lembrancinha e pronto. Na hora de ir embora muito fácil tb. Ônibus direto, boa sinalização, mas nada de informações de estações no lado de dentro dos ônibus. Fiz a mesma coisa de pedir pra me avisar no ponto do aeroporto. No meio do caminho choveu e deu um engarrafamento que não durou muito graças s Deus, mas eu estava com um tempo de folga para meu próximo vôo.

      No final deu tudo certo. Gastei 50 cents com as passagens. Passei pela imigração tranquila e rígida por sinal, tem que tirar tênis e tal. O aeroporto tem uma estrutura muito boa, muitas lojas apesar de dizerem que são todas do mesmo dono. A Copa oferece transporte gratuito para seus passageiros para um shopping mais próximo chamado MetroMall, não animei pq pensei que talvez fosse mais caro por ter mais turistas levados pela Copa. No geral achei bons os preços do Albrook.

      Ah, atendentes das lojas do free shopping lá não falam nada de inglês e não fazem o mínimo de esforço para te entender caso vc esteja procurando algo, com exceções claro, mas foi o que notei no geral. É isso aí galera. Tudo isso ocorreu no final de 2011 e algumas coisas devem ter mudado como preços por exemplo. Não se esqueçam de levar adaptadores de tomada, tentei encontrar lá pra comprar e não encontrei, e mesmo se o tivesse, com certeza seria bem mais caro. Abraços.

      Responder
  7. Marcos Reis

    Sensacional a matéria, nota 10. Realmente o Panamá é maravilhoso, vale muito a pena conhece-lo.

    Responder
  8. couto

    acabo de voltar para lá e minha conexão era super longa, com direito a pernoite.

    Fiz o seguinte:

    Me hospedei no hotel Riande Aeroporto, com transfer gratuito (USD 154), quarto duplo, com café. Internet super rápida grátis no quarto.

    Às 9:30 peguei um city tour + canal do Panamá coma empresa 'Turista' (USD 30 – saindo e deixando no aeroporto).

    valeu a pena, e para quem vem dos eua, compras no Panamá não é tão interessante assim.

    Responder
    1. daniel

      Oi couto, tudo bem?
      Eu vou pra os eua em duas semanas, mas minha conexão é na cidade do panamá e também é super longa 12 h exatamente.

      Fiquei surpreso com o tour que vc pegou e também o barato que vc pagou. então eu quero saber mais sobre a empresa e se vc acha que é possível fazer isso com 12 h de tempo de conexão, desde já agradeço.

      Responder
  9. Diego

    Fiz esse passeio e confesso que esperava mais. Só valeu a pena porque seria terrível ficar tantas horas no aeroporto… o passeio até o Canal é chatíssimo e só um dos "portões" é aberto aos turistas. É tudo muito corrido – e olha que eu fiz uma escala de 12 horas!

    O Metromall é realmente interessante… vale a pena mesmo.

    As ruínas da cidade antiga são razoavelmente interessantes, mas é tudo muito sujo e o cheiro é horrível.

    Tem ainda o mercado de artesanato panamenho, o povo é muito gentil, mas os preços não!

    Resumindo: se eu for fazer outra escala no Panamá, mesmo que de 12 horas, comprarei um Dramin pra dormir no aeroporto.

    Responder
  10. Carlos Eduardo Perei

    Para quem está viajando para Miami vale a pena fazer compras no Panamá.

    Os preços são equivalentes?

    Obrigado.

    Responder
  11. Diego Ernan

    O que tem com preços bons no Panamá? O que vale a pena?

    Responder
  12. Diego Nascimento

    Vale mais a pena ficar mais dias na cidade no Panamá do que 8 horas, pois há vários pontos irados!

    Mas é claro, que se há uma conexão dessas, o legal mesmo é escolher uma atração na cidade, aproveitar e voltar pro aeroporto :)

    Responder
  13. Gabriel

    "e os imprevistos, que, segundo a Lei de Murphy, sempre acontecem." Essa parte foi ótima! Hahahaha

    Responder
  14. Renato

    Demorou a sair essa matéria! bem legal, pra quem tem conexao no Panamá. Prox. ano quero fazer essa viagem. Ano passado fiz pra NY com parada em Lima e aproveitei pra conhece-la tb.

    Responder
  15. laura

    Tenho uma conexao de 5 horas. Da pra passar todo esse tempo no aeroporto?

    Responder
  16. Thiago Castro

    Vale sim Hercules. É como se fosse um stop (na verdade é um stop mesmo. :) )

    Responder
  17. Thiago Castro

    Não. Miami é mais barato.

    Responder
  18. mariana ribeiro

    desde que voce tenha o cartao de embarque em maos, voce pode sair do aeroporto e retornar.

    Responder
  19. Thiago Castro

    De uma forma geral, tudo. Desde que vc não vá pros States.

    Responder
  20. Thiago Castro

    Dá sim. Esse aeroporto tem um free shopping bacana e internet grátis. Além do mais, com 5 horas não dá pra sair (eu tentei e não deixaram), então vc não tem opção mesmo.

    Responder
    1. Henrique

      Pior que não deixam sair mesmo. Esse ano fiz Porto Alegre – Los Angeles com conexão de 5 horas no Panamá e a imigração não me deixou sair para fumar um cigarro na calçada… ATENÇÃO FUMANTES… Não tem lugar para fumar um cigarro no aeroporto do Panamá, cabines fechadas tipo as que existem em Dubai ou Shanghai e não te deixam sair se a conexão for menor que 5 horas. Somente quem fuma sabe o é ficar 18 horas sem poder acender um cigarro… Deu vontade de acender um cigarro no meio do aeroporto mais fiquei com medo de dar m****.

      Responder
  21. Cleyton

    Em 2011 visitei o Panamá com passagem comprada através de uma dica aqui do Melhores Destinos. Fiquei dois dias na Cidade do Panamá e depois fui para Cólon (3 dias), que fica a aproximadamente 80 km da Cidade do Panamá, fiquei no hotel Melia, um quatro estrelas perdido em um parque, hotel excelente, onde paguei o valor d R$ 95,00 para duas pessoas por dia (sim, em reais), incluindo um bom café da manha. Cólon é uma cidade pobre, exige cuidado principalmente a noite, em seu redor existem várias praias boas para serem visitadas, para quem gosta de pescaria tem o lago formado pelas eclusas, e tem também a visita a eclusa de GATON, não tão conhecida, mas tão ou mais legal que Miraflores, pois você pode praticamente encosta nas embarcações que estão atravessando o canal. Mas o melhor de Cólon é a ZONA FRANCA da cidade, um "bairro" cercado, onde existem mais de 1500 empresas que importam e exportam de tudo isentas de impostos ou taxas, de parafusos a carros, incluindo tb as roupas de griffe, relógios e eletrônicos. Oficialmente não se pode comprar como turista, somente como empresa, mas a fiscalização não é tão rígida, e dá pra comprar sem maiores problemas. É excelente para compras em atacado, principalmente para empresas, sendo todo o processo alfandegário realizado junto a zona franca ( mais de 200 empresas instaladas são geridas por brasileiros). Para quem quer importar da China, ali é um "entreposto" muito perto do Brasil, com preços espantosos e com a vantagem da comunicação em Inglês, Espanhol ou Portunhol (rs). Para locomoção alugamos um carro, valor de U$ 50,00 por dia, a gasolina é quase a metade do valor do brasil, e pra quem dirige em centros maiores no Brasil, lá é bem parecido. Para pode conhecer um pouco melhor a Zona Franca é necessário pelo menos dois dias, boa disposição para andar (é proibido transitar de carro) e um dinheirinho no bolso, pois a tentação pelas compras vai ser grande.

    Responder
  22. Thiago Castro

    Parabéns pelo relato. Realmente bem esclarecedor. O único porém do relato, é que marcar com antecedência pode ser uma furada caso o vôo atrase. Acho q o melhor seria conhecer as opções e escolher na hora.

    Eu fui pra Cancun em 2010 e na volta tinha uma conexão de quase 5 horas. Tentei sair, mas o oficial falou que era melhor não sair pq era horário de rush e não daria tempo. Eu insisti mas ele não deixou. Bem, fica pra próxima.

    Responder
  23. André

    Estive lá em maio de 2011 e os preços são bons. Não vi eletrônicos, mas roupas o preço era legal. Obviamente, mais caros do que nos EUA, mas compensava.

    Responder
  24. André

    Não, nessa caso não compensa nenhum pouco.

    Responder
  25. Julio Amaral

    Na minha conexão no Panamá, que não era tão longa, deu tempo de ir ao metromall. Uma pena que o tempo era pouco, e tbem não dá pra exagerar nas compras devido a não poder levar líquidos e nem excesso de bagagem por causa de ser de mão.Ponto positivo para a internet no aeroporto, deixa a nossa no chinelo.

    Responder
  26. Matheus

    Fiz uma conexao de 12h no panamá e optei por ir para o albrook mall. Conversei com um cara na saida sobre minhas opcoes de transporte. Tinha o Taxi q ele disse q o valor medio era entre 25-30 dolares ou poderia ir de onibus q era 25 cents. Fiz uma cara de assustado e ele confirmou 0,25! Como tava sozinho, nao pensei duas vezes, perguntei onde era o ponto, deixei minha bagagem de mao no guarda volumes do aeroporto que me cobrou uma taxa de 4U$ e fui la. Eh mt simples pegar onibus la. Saindo do aeroporto, de costas pra ele, pegue o onibus que vai sentido sua esquerda escrito albrook, dê o sinal, o proprio motorista tb é o trocador e nao tem erro e no meu caso ele me deu troco, nao sei se eh comum, o shopping eh o ponto final, eh gigante e eh junto com uma rodoviaria. A viagem eh um pouco longa! Bom tb atentar p hrario de funcionamento, tive q esperar abrir, mas aproveitei p fazer um lanche no burger king na pça de alimentação da rodoviaria. Qnto aos preços comprei um tenis na loja da adidas por 145U$ e aqui era 599,00. Comprei um relogio na Casio e alguns presentes pequenos. Nao arrisquei mt pq tava indo pro Canada. Na volta pegue o onibus escrito Tocumen, no meu caso pedi ao motorista pra me avisar o ponto do aeroporto. Foi tranquilo. Outra dica que dou eh em relação às ligações que, por incrível que pareça são mais baratas no aeroporto. Sobre o freeshop, comprei alguns perfumes e a diferença de preço era de +/- 2U$ mais barato.

    Responder
  27. Nós no Mundo

    Olá a todos!

    Agradeço os elogios e a oportunidade dada pelos Melhores Destinos para compartilhar a minha experiência.

    O aeroporto do Panamá tem boas opções de compras e os preços são interessantes. Mas, se for viajar para os EUA, é melhor deixar para comprar lá. Os preços nos Estados Unidos costumam ser melhores e tem mais variedade de produtos.

    Escrevi um post sobre o aeroporto do Panamá e lá tem alguns preços de produtos que vi: http://www.nosnomundo.com.br/2012/03/comprinhas-n

    Concordo que, agendando o city tour com antecedência, há o risco de depois de vc ter que cancelar o passeio, caso o vôo atrase. Mas, deixando para agendar na hora, vc tb corre de risco de pegar um taxista inexperiente e que não saiba dar indicações de passeios ou informações sobre a cidade. Como fizemos o pagamento na hora, ao término do tour, o risco não foi tão grande…

    Bjs, Anna Bárbara

    Responder
  28. joao Lucena

    Esse é sem dúvida um destino que vale apenas conhecer durante uma conecção além é claro que se você pegar uma passagem em promoção a sua viagem vai ficar ainda mais interessante. Acontece que os brasileiros ainda não conhecem esse destino mais tenho informações de um parente que ficou na cidade por 8 horas e se encantou com a cidade do Panama.

    Responder
  29. Ana Clara

    Gente, há um pequeno erro: se a conexao é de menos de 8 horas não se pode sair do aeroporto! Eles nao deixam porque há muito engarrafamento lá e o mais certo é que se perderia o voo. Eu já fiquei 3 horas em um engarrafamento lá e quase perdi o voo.

    Fazer compras lá só se você tiver muita certeza de que o preço é melhor. Se vai para os Estados Unidos, não vale a pena mesmo.

    Recomendo: centro histórico, canal e a ruína.

    Vejam meu tour em: http://abordodomundo.wordpress.com/2011/08/08/cur
    Abraços,

    Ana Clara

    Responder
  30. Anna Cassia Passarel

    Henrique… mais um motvo prá vc tentar parar, pelo beda sua saúde, uai! Vai lá… use isso como desculpa: os não fumantes podem aproveitar melhor o tempo de espera no aeroporto… se é que um dai esperar no aeroporto será um bom motivo prá alguma coisa, que seja por isso! Vamos ver o lado cheio do copo!

    Responder
  31. Lucilene Castro

    Amei o seu relato. Muita coincidência. Ontem eu estava procurando passagem para os EUA e estava em dúvida se comprava da Copa mais barato, ou da TAM, direto, mas mais caro. Com o seu texto decidi pela Copa.

    Eu estava pensando em fazer um city tour naqueles ônibus hop on hop off. A conexão é de 12h. Você acha que dá tempo?

    Obrigada.

    Responder
  32. Thalita

    Mto show!! Eu já estou com a passagem para Toronto e minha conexão é de 11 horas e já estava pesquisando o q fazer neste tempãooo!! Valeu pelas dicas! Agora uma pergunta, compensa comprar no Panamá do que em Toronto? Estava pensando em comprar um casaco reforçado p o frio do inverno, para ao menos chegar na cidade, já q aqui no Brasil, em especial no norte é mto caro!!

    Responder
  33. Gustavo

    Comprei uma passagem para Cancun com escala no Panamá (ótima dica do MD)e optei por uma conexão de 12 horas para conhecer o país.

    Aluguei um carro com todos os seguros no aeroporto (usei meu GPS) gastando o equivalente ao táxi.

    Valeu pela aventura de conhecer uma cidade nova, porém o trâsito é caótico (pessoas com pouco tempo de conexão não arrisquem!!!), o Casco Viejo, em reformas, está muito sujo, fede bastante e é impossível de encontrar vaga.

    Também fui ao Albrook Mall, grande e com boas lojas e ofertas, os preços são melhores que os daqui, mas superiores aos dos EUA.

    Ressalto aos viajantes que levem roupa adequada, uma vez que o local é muito quente e não combina com as de viagem.

    Responder
  34. Juliana Coelho

    Vamos ficar 4 horas apenas no aeroporto, esse Duty Free de lá é bom?

    Responder
  35. Gustavo

    A Lei de Murphy lá se chama TRÂNSITO hehehehe Muito engarrafamento, mesmo nas vias expressas (pagas, diga-se de passagem) e os motoristas muito mal educados.

    Responder
  36. Vicente Cassepp Borg

    Excelente post. Gostaria de ter lido antes de ir ao Panamá. Bom, eu fiz um esquema mais mochileiro. Existe um ônibus de linha chamado metrobus que vai do aeroporto ao terminal de albrook, que é um centro comercial interessante do Panamá. Demora uma hora, mas tem que se pegar a linha que vai via corredor sur, senão demoram duas horas. A passagem é muito barata, poucos centavos de dólar, mas tem que ter um cartão que não se vende no aeroporto, é díficil de conseguir. Eu peguei um taxi quando cheguei, e ganhei o cartão de outra passageira (sim, a gente não é dono de um taxi no Panamá…). Dependendo do tempo de conexão, dá para usar o transporte coletivo, que é divertidíssimo, principalmente quando se pega uns ônibus velhos chamados Diablos Rojos, que custam 35 centavos de dólar. A saber, o dólar é a moeda que circula no Panamá, não precisa fazer cambio.

    Responder
  37. Gustavo Viegas

    Viajar para o Panamá é uma experiência única!! E o que mais impressiona sem dúvida nenhuma é o Canal do Panamá, tanto pela extensão, como pelo seu mecanismo de funcionamento e em uma rápida visita não se demora para descobrir porque o imenso projeto demorou dez anos para ser concluído pelos EUA…

    Responder
  38. Lucas Moreira

    Achei o post interessante, mas diferente das dicas citadas, eu recomendo fazer uma reserva em um hotel próximo ao aeroporto e descansar….

    Foi o que eu fiz. Me hospedei por um período de aprox 8 horas aonde pude almoçar, tomar banho, curtir uma cama, uma televisão, e depois tranquilamente voltar ao aeroporto e voar novamente sossegado.

    Responder
    1. Denis Martins Autor do post

      Lucas, mas isso você pode fazer em qualquer lugar do mundo. Não precisa de dica. né? :-)

      Responder
  39. Francisco Oliveira

    Fiz Uma conexão de 23 Horas no retorno e Miami para Belo Horizonte, e ficamos no centro da cidade em um Hotel casino foi muito proveitoso, contratamos um taxi para fazer varios paasios

    Responder
  40. André

    É o maior Dutyfree do mundo!Porém, as lojas todas se repetem rs, ou seja são várias lojas de perfumes e bebidas, contudo são todas iguais.

    Claro que tem outras coisas, tem Hugo Boss, tem loja de eletrônicos, MAC, loja de tênis, mas chama atenção as de perfumes e bebidas. Legal é que você tem wi-fi grátis por 4 ou 5 horas no aeroporto.

    Responder
  41. Charles

    Pessoal , somente uma ressalva em relação ao aeroporto do Panamá. Quem estiver vindo com muitas compras na mala, tenham cuidado porque eles costumam mexer nas malas. Meu amigo já teve a mala revirada lá e eu voltei esta semana de Miami e perdi um relógio lá. Abriram a lateral da mala e pegaram o relógio dentro da caixa e deixaram a caixa lá de volta. Fechem bem a mala e certifiquem ao chegar no Brasil se foi mexida para poder fazer a reclamação para a Copa , talvez assim eles façam alguma coisa.

    Responder
  42. thais

    das duas vezes que fui pra nova york, fiz conexão no panamá. na primeira vez, fiquei 12 horas na cidade e aproveitei pra fazer um passeio turístico por 25 doláres e também fui conhecer o canal do panamá, como feiras artesanais, e na segunda fiquei 10 horas e tem essa van que é de graça na porta do aeroporto q leva até esse shopping famoso e retorna com vc pro aeroporto. foi bem legal, não foi caro e a conexão não foi cansativa. vale a pena!

    Responder
  43. Matheus

    Vou fazer uma escala longa, pernoitando no Panama. Chego uma segunda-feira as 17:00h e deixo o Panama somente no dia seguinte, terca-feira, as 11:00h Alguem saberia me informar o horario de funcionamento do MULTIPLAZA ?? Pois vou ficar hospedado proximo ao mesmo e o objetivo da escala sao as compras !! Obrigado.

    Responder
    1. Samara

      Eu tb farei uma conexao de 18 horas no panama, chegando numa segunda feira as 17h.. mas nao sei se dara tempo pra fazer compras no Multiplaza pois ainda tem o transito da segunda feira e o shoping fecha as 22h correto?? E ali perto do mltiplaza tem restaurantes bons e abertos apos as 22h de seg feira? Aqui no Brasil por ex seg feirs sao meio mortas neh…

      Responder
  44. Marcos Paulo

    Muito legal a matéria, ajuda muito quem vai fazer a viagem e ficar um tempo lá!

    To com um "problema" parecido, vou viajar pela Delta e ficar quase um dia inteiro em Atlanta.

    Seria interessante uma matéria como esta para Atlanta também.

    Quem tiver dicar, por favor me ajude!

    Rs

    Responder
  45. Fabio

    Eu vou ficar 10 horas no panama.

    Quero ir nesse Metromall e no multiplaza e se der no canal do panamá.

    Esses shoppings são muito longe do aeroporto?

    Me falaram que tem van free do aeroporto para algum shopping.

    Responder
  46. Márcia Abreu

    Olá!

    Pessoal, as promoções de vocês são ótimas!!

    Mas não têm para a Europa… Que tal se fizerem algumas boas promoções para Espanha, Portugal?? Saindo de Brasília, por exemplo.

    Cordialmente,

    Márcia Abreu

    Jornalista

    Goiânia – GO

    Responder
    1. Denis Martins Autor do post

      Márcia, ótima ideia! Só falta as companhias aéreas fazerem as promoções! :-)

      Responder
  47. Bernard Jean Braun

    Muito bacana essa matéria!

    Estive no Panamá em Setembro do ano passado, e realmente trata-se de um país fantástico! A impressão que tive é que lá é uma mini "filial" dos EUA.

    Lojas com preços incríveis, infinitas opçções de alimentação (no Albrook comi Contrafilé grelhado com batata frita, salada e um copo de pepsi por míseros US$4,99), arquitetura moderna, cidade bem sinalizada e povo acolhedor.

    Gostei muito, mas muito mesmo! Minha conexão foi de 9 hrs, e dediquei esse tempo para conhecer e fazer compras no Albrook Mall. Diferentemente de alguns comentários que vi aqui, achei os preços incríveis e algumas coisas até mais barato do que em NY, que era meu destino final. Relogio michael kors 120 dolares, tênis nike 49 dolares, camisetas ecko 10 dolares, tenis adidas 42 dolares (aqui em Goiânia o mesmo tenis custa 399,00), etc..

    Pretendia voltar neste ano para lá, principalmente para conhecer a Zona Libre de Cólon e também o arquipelágo de San Blas. Infelizmente tive alguns contratempos e não poderei ir. Mas em 2013, é certeza que retornarei ao Panamá! Dessa vez quero ficar pelo menos 10 dias.

    Há alguns meses atrás, o Otavio Mesquita fez várias matérias na Cidade do Panamá. Quem financiou essa viagem foi o governo Panamenho, no intuito de "roubar" os turistas que desejam ir pra Miami. Muito interessante, e bastante esclarecedor pra quem ainda está em dúvida de conhecer esse país! Segue abaixo link dos dois videos:

    http://www.youtube.com/watch?v=sismwggp1N0 http://www.youtube.com/watch?v=Cb739B0KZvU

    Com relação ao guia, algumas semanas antes de embarcar consegui contato de um garoto de 18 anos, que é guia. Na verdade, o primo dele tem um táxi e eles fazem esse tipo de serviço. Para o tranlado Tocumen -> Albrook, ida e volta com city tour, me cobrou 50 doláres. Segue contato dele: http://www.facebook.com/kent07 Lembrando que ele não fala nenhuma palavra em português, vão ter que se virar no portunhol!

    Abraços, e boas viagens!

    Bernard.

    Responder
  48. Vanessa

    Estou pensando em fazer uma conexão de 12h e além de fazer algum passeio, imaginei ficar em algum hotel para descansar. Alguém tem alguma sugestão de hotel? Tipo aqueles que cobram apenas pela estadia do dia….

    Responder
  49. Denyo

    Fiquei 12hs no Panamá na ida ao México. Aqui vão umas dicas:

    – Leve pouca bagagem de mão ou quase vazia para que possa fazer compras e enchê-la.

    - No desembarque, ao passar pela imigração, vai haver um guichê de informações turísticas onde paguei U$ 30,00 (trinta dólares) por um city tour, de van, incluindo o Canal do Panamá.

    - Na volta, para não perder tempo, pedi ao motorista que me deixasse no MetroMall já que a van passa em frente, e ai juntei com outros brasileiros e pagamos 15 dólares de táxi para retornar ao aero, ou seja, pouco mais de U$ 3 dólares para cada.

    - No Metromall, na entrada, tem um guichê que vc se apresenta com o passaporte em mão e eles te dão uma "TARJETA DE REGALOS" onde vc ganha de 10 a 50% de desconto, junto vc ganha a relação das lojas e o desconto oferecido.

    Responder
  50. Denyo

    Fiquei 12hs no Panamá na ida ao México. Aqui vão umas dicas:

    – Leve pouca bagagem de mão ou quase vazia para que possa fazer compras e enchê-la.

    - No desembarque, ao passar pela imigração, vai haver um guichê de informações turísticas onde paguei U$ 30,00 (trinta dólares) por um city tour, de van, incluindo o Canal do Panamá.

    - Na volta, para não perder tempo, pedi ao motorista que me deixasse no MetroMall já que a van passa em frente, e ai juntei com outros brasileiros e pagamos 15 dólares de táxi para retornar ao aero, ou seja, pouco mais de U$ 3 dólares para cada.

    - No Metromall, na entrada, tem um guichê que vc se apresenta com o passaporte em mão e eles te dão uma “TARJETA DE REGALOS” onde vc ganha de 10 a 50% de desconto, junto vc ganha a relação das lojas e o desconto oferecido.

    Responder
  51. Eduardo gomes

    Va conhecer SAN BLAS!

    Estique a parada por dois ou mais dias e aproveite as mais paradisiacas ilhas habitadas por indios!

    Responder
  52. Alexandre

    Estive na cidade do Panamá no dia 15/12/12 em razão de um cancelamento do voo da Copa para St. Maarten. Eu e minha esposa aproveitamos para conhecer essa cidade que nos surpreendeu, uma vez que há muitos lugares bonitos para se ver!! O trânsito realmente é terrível, os táxis destruídos, mas após ler este artigo entrei em contato com o Sr. Orville Kelly por email dois dias antes da viagem e marquei com ele em frente ao hotel em que estaria hospedado. Dez minutos antes do combinado lá estava ele, com um corolla vermelho desta vez, bem judiado, mas com o ar-condicionado funcionando. Realmente ele é extremamente simpático, dirige com calma, fica te esperando nos locais e vai explicando sobre a cidade. Cobrou 90 dólares para passar o dia conosco. Recomendo a todos que precisam de um motorista para fazer um tour por um dia naquela cidade!

    Responder
    1. Laura

      Alexandre, você achou seguro contratar o serviço do Sr. Orville? Vou em Fevereiro para o panamá com a minha irmã e somos só nós duas, queria contratar um serviço seguro!
      Obrigada

      Responder
  53. Rogerio da Silva

    por valeu pela dica . valeu meu querido

    Responder
  54. Denise Chaves Carval

    Eu, minha sobrinha, Adriana Ferreira, e mais duas amigas chegamos ontem ao Rio de Janeiro após uma temporada de 8 dias em Punta Cana viajando pela Copaairlines com uma conexão de 12 horas e meia no Panamá na ida por opção.. Assim que fechamos a viagem , no final de dezembro, fizemos contatos com o Riolando Fajardo para os passeios em nossa conexão no Panamá. O Riolando é um brasileiro que mora no Panamá e faz passeios turísticos por lá. No final desse post disponibilizarei seus dados. Bem… desde dezembro passei a trocar e-mails com o Riolando acertando preço (justíssimo) e detalhes dos nossos passeios. Chegando no Panamá, lá estava ele conforme combinado nos aguardando no aeroporto com um simpático sorriso e um Sportage top de linha abastecido com água, biscoitos, barra de cereais e outros mimos. Como ainda era muito cedo, seguimos para Panamá Viejo (a parte mais antiga da cidade que ainda está de pé e que tem um sítio arqueológico Patrimônio Mundial da Unesco). Após passeio a pé e fotos, fomos conhecer o Obelisco em comemoração aos 150 anos da presença da cultura Chinesa passando pela Ponte das Américas. Enquanto fazíamos as fotos e apreciávamos o local, o Riolando obteve a informação de que os navios fariam a atravessia do Canal a partir das 14 horas. Com o conhecimento desse horário, pudemos traçar o roteiro dos próximos passos e optamos por conhecer Amador Caseway (uma avenida estreita construída com os restos do Canal do Panamá que nos leva a uma ilha onde, além de ótimos restaurantes tem um duty free. Nessa região estava localizada a base americana – uma mini-cidade americana e onde a entrada era proibida aos locais) e Casco Antiguo (a cidade colonial que começou a ser construída em 1671, depois que a primeira localidade onde existia o vilarejo – Panamá Viejo – foi destruída por piratas) passando pela Cinta Costera, (uma avenida totalmente reconstruída, que conta com um calçadão à beira do Pacífico) e apreciando Punta Paltilla (um pedacinho da Miami moderna no Panamá com prédios altos – de até 40 andares- revestidos de vidros) sempre com o Riolando descrevendo cada detalhe histórico dos lugares por onde íamos passando e/ou parando para fotos. Após esse belíssimo City Tour, é chegada a hora das compras!!!!! Optamos pelo Albrook Mall, shopping enorme com várias opções de compras onde o Riolando, novamente, foi fantástico disponibilizando um celular para nos comunicarmos e nos ajudando pacientemente na comunicação com os vendedores, solicitações de descontos e com as sacolas de quatro mulheres insandecidas. Rs… Nesse shopping quero destacar a loja Sportline, de tênis, roupas e artigos esportivos com excelente preços, uma enorme farmácia com cremes e outros produtos que deixam as mulheres loucas!!!! Além de lojas com produtos Apple, eletrônicos e roupas de marca. Decidimos almoçar no shopping mesmo e, mais uma vez contamos com as informações e constante ajuda do Riolando. Ao saírmos do shopping, o Riolando já tinha trocado o carro por um Carnival novíssimo contendo os mesmos mimos do carro anterior (esse carro estava em passeio com outro grupo durante a manhã) e seguimos para o Canal onde assistimos a passagem de um enorme cargueiro e visitamos o Museu existente dentro das eclusas de Miraflores conhecendo melhor a história dessa obra monumental. Só não tivemos tempo de assistir ao filme 3D que eles passam lá e é bem recomendado pelo Riolando. Enfim… seguimos para o aeroporto. O Panamá se revelou uma agradabilíssima surpresa e não tenho dúvidas que o Riolando com seu profissionalismo, simpatia, tranquilidade e demais características super positivas foi fundamental para essa impressão. Tanto que eu e minha sobrinha já decidimos voltar para conhecer também suas praias caribenhas e sua zona franca em Cólon sempre na companhia do Riolando, pois, após assistir as loucuras que os taxistas fazem por lá, não teríamos coragem de conhecer mais do Panamá com outra pessoa. Super recomendo!!!!

    Contatos do Riolando Fajardo:

    Celular (507)6578-4858

    Emails
riolando.fajardo@yahoo.com


    conexaopanama@yahoo.com

    Responder
    1. Francisca Pimentel

      Dense muito obrigada por essas informações…já enviei um e-mail ao Riolando…agora é aguardar o retorno dele…Valew

      Responder
  55. Marconi Leite

    ahuahauhauhauhauha

    Responder
  56. Angela Gomes

    Eu, meu marido e meu filho fizemos uma viagem ao Panamá e Cancún. Inicialmente seria somente uma conexão no Panamá, mas resolvemos ficar e conhecer mais a cidade. Mas, por um erro da CVC e da Copa, só ficamos um dia e meio. Uma pena, porque gostamos mais do Panamá do que de Cancún. Contamos o Riolando, brasleiro que mora lá, após ver os comentários da Denise nesse site (Celular (507)6578-4858. E-mail: riolando.fajardo@yahoo.com
). Ele foi super gentil e agradável, nos deu ótimas dicas e nos levou em lugares muito interessantes. Nos pegou no aeroporto e nos levou ao hotel, a dois shoppings e a um city tour com lugares lindos. Com paciência, já que o trânsito lá é caótico, com carros novos e confortáveis e mimos como ar condiconado, água, biscoitos e balas. Quando ele não podia ir consoco, mandava o Henrique, um panamenho muito gente boa, que também dá ótimas dicas. A vantagem é que eles ficam nos esperando, por nossa conta e não temos que nos preocupar com horários. Fomos a até a Marina. Passsamos pela ponte das Américas e pelo monumento a presença Chinesa. Ficamos no Hard Rock Hotel que por sinal é lindo. Adoramos a magia do lugar, sempre ao som de rock da melhor qualidade, os quartos amplos e super equipados, com a melhor tecnologia. O café da manhã é divino. A cidade é muito bonita e está sendo toda reformada e ampliada, até parece que a Copa do Mundo vai ser lá de tanta obra que estão fazendo. Na parte antiga da cidade, estão recuperando os casarios e as praças. Os shoppings são ótimos para compras, Multiplaza e Albruck. O canal é muito legal, mas tem horário pra ver a passagem dos cargueiros. É uma linda cidade com seus arranha-céus que se iluminam a noite. Pena não ficarmos mais tempo, mas prometemos ao Riolando que vamos voltar, pois não é que esquecemos de comprar o chapéu panamá.

    Responder
  57. Petterson Carlos Chi

    Alguem sabe se tem snorkel para vender no aeroporto e protetor solar?

    Responder
  58. Elaine

    Olá!

    Farei uma conexão de 10 horas no Panamá. Alguém tem alguma dica sobre praias?

    Obrigada!

    Responder
  59. sergio

    Esta matéria é bem feita e muito boa. Caso necessitem de mais informações podem entrar em contato comigo. Conheço bem o Panamá. sergionara@ig.com.br

    Responder
  60. Marleni

    Olá!_Eu vou fazer uma viagem a Catagenea e na volta faço conexão no Panamá de 3hs se posso sair do aeroporto?_Quero pegar uma encomenda para um menino que mora com minha visinha aqui no Brasil com o pai dele._Fico grata se alquém me ajudar.

    Responder
  61. Roberto Pechinho

    Pessoal, minha permanencia na cidade do panamá será das 18:00 as 10:00… Alguma dica para se fazer a noite alem do shopping? Valeu!

    Responder
  62. Aline

    Gostaria de saber se preciso de certificado internacional de vacinação de febre amarela viajando dos EUA para o Brasil fazendo conexão no Panamá.

    Responder
  63. Lídia

    Boa tarde!
    Primeiro, parabens pelo post, muito legal!
    Farei uma conexão longa na Cidade do Panamá. Será de 15hs, mas em um horário não muito legal…depois de 17hs. O voo do outro trecho é às 8hs. Será que posso sair do aeroporto e voltar só no outro dia, às 6hs? Porque ninguém merece dormir em banco de aeroporto a noite toda né..rsrsrs..
    Obrigada

    Responder
  64. Belinda

    Adorei a materia e todos os post que se seguiram a ela. Muito legal. Sou brasileira e moro nos USA e viajo com passaporte brasileiro. Meu marido eh americano eh eh claro, viaja com pasaaporte americano. Iremso ao Rio em Marco com a Copa, ja ate compramso a passagem e hoje tivemos a ideia de aproveitar a viagem e a Cidade do Panama . (foi ai que achei a pagina). Na realidade nos so deveremos ficar la por 2 horas, mas ja ate estamso pensando em trocar o voo de vinda e ficarmso la por usn 2 dias. Entendi que nos dosi precisamos de cartao de vacina como febre amarela. Eh so isto mesmo? Li algo de um cartao que a cia area da? Alguem sabe como funciona? Desde ja , super agradecida pro todas as dicas.

    Responder
  65. Flavia

    Olá! Na minha vinda de Orlando para São Paulo, farei uma conexão de 22 horas no Panamá. Devido a esse tempo de conexão, terei que retirar as minhas malas e passar pela Alfândega e nisso as malas já estarão cheias de comprinhas feitas no USA. A dúvida é, a Alfândega no Panamá é tranquilo? Posso correr o risco de abrirem minha malas? Estou viajando pela Copa e passarei a noite lá.

    Responder
  66. juliana

    Sou brasileira vou a ny p compras e na volta vou ficar em panama city,logico vou fazer compras em ny alguem sabe me falar como e a alfandega chegando dos eua em panama, e se me parar qual e o imposto

    Responder
  67. Julia

    Onde consigo o Certificado Internacional de Vacinação? em qualquer posto que eu me vacinar me dão isso? Outra coisa, "Depois do desembarque, é necessário passar pelo controle de passaporte antes de deixar o aeroporto" isso quer dizer que precisa de passaporte para deixar o aeroporto e passear pela cidade?

    Responder
  68. Valquiria

    Vou para Las Vegas e na volta vou ficar algumas horas no Panama, onde é melhor para fazer compras, Panama ou EUA? Em questão de valores e de produtos? Obrigada

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>