Como é voar para a Europa com a Alitalia

Redação 8 · janeiro · 2016

Não perca mais nenhuma promoção!

Promoções no e-mail

Faça como 1 milhão de brasileiros. Cadastre seu email e receba as melhores promoções de passagens!

Promoções no Whatsapp

Agora você pode receber promoções direto no Zap! Escolha se quer receber todas ou só as melhores!

Você já teve a oportunidade de voar com a companhia aérea italiana Alitalia? A avaliação de voo de hoje foi enviada pela leitora Marina Pereira, blogueira do Espelho e Passarela, que voou do Rio de Janeiro até Düsseldorf, na Alemanha, com conexão em Roma.

Para quem não conhece, a Alitalia é a maior companhia aérea da Itália e conta com uma frota total de 120 aeronaves, distribuídas entre Airbus, Boeing e os brasileiros Embraer. Hoje a companhia atua com voos para 81 destinos, 27 deles na Itália e 54 em outros países pelo mundo, em mais de 3.800 voos semanais.

como-e-voar-alitalia-11

Mas será que diante de tudo isso vale a pena voar com a companhia? Saiba como é voar com a Alitalia nessa avaliação completa e tire suas próprias conclusões. Lembre-se, caso já tenha voado com a companhia aérea, não deixe se nos contar através dos comentários ao final desse post, sua opinião certamente ajudará muitos outros leitores e viajantes.

Boa leitura!

Meu nome é Marina Pereira, tenho 22 anos e tenho um Blog chamado Espelho e Passarela. Graças a uma mega promoção divulgada no Melhores Destinos, voei em setembro com a companhia aérea italiana Alitalia até Düsseldorf, na Alemanha, saindo do Rio de Janeiro com conexões em Roma na ida e Milão no voo de volta.

Compra dos tickets

Comprei minhas passagens direto pelo Submarino Viagens e, mesmo com todas as taxas inclusas, o preço estava ótimo. Logo já me foi disponibilizado o código de reserva para acesso no site da Alitalia. Com o código, pude escolher meus assentos em todos os voos e escolher meu tipo de alimentação (sou vegetariana).

Check-in e Voo

O check-in foi super rápido e pontual. Ao despachar minha bagagem recebi uma notícia que me deixou bastante chateada, a Alitalia não possui etiquetas para malas com conteúdo frágil. Tive que confiar e rezar, apenas.

1º Voo
Rio de Janeiro – Roma

O avião que voamos até Roma era um conservadíssimo Airbus A330, que preferi sentar na janela. O espaço era relativamente bom, para mim foi o suficiente para ficar bem acomodada. Sou baixinha e isso é vantagem em todos os voos, claro. O sistema de entretenimento era individual e não tinha nada em português.

como-e-voar-alitalia-03

Um ponto negativo é que os filmes, por exemplo, já eram bem antigos. Neste voo a Alitalia disponibilizou aos passageiros um fone de ouvidos, que por sinal era muito bom mas que era recolhido no final do voo, um pequeno travesseiro e uma manta, padrão das companhias aéreas em voos internacionais.

O voo saiu pontualmente e logo já foi iniciado o serviço de bordo. O jantar veio com restrição alimentar, exatamente como havia pedido, muito completo e delicioso. A quantidade deixou um pouco a desejar, achei muito regrado.

como-e-voar-alitalia-07

Na parte traseira do avião encontramos apenas as bebidas disponíveis, nada de comer. Para um voo de 12 horas, isso pode ser um problema para alguns passageiros. Algumas horas após a primeira refeição foi servido um pequeno aperitivo (torradinhas com bebida a nossa escolha) e, somente 1 hora antes do pouso, foi servido o café da manhã.

2º Voo
Roma – Düsseldorf

O voo para Düsseldorf era de menor duração, claro, com cerca de 2 horas no total. O voo também saiu pontualmente e a aeronave neste caso era um A319, já não tão conservada assim. Um ponto muito negativo nesse voo foi a boa vontade das comissárias de bordo. Já eram senhoras e não foram nada simpáticas, além de não falarem inglês corretamente. O meu assento era novamente na janela mas não lembro de muita coisa além disso, dormi antes de decolarmos.

3º Voo
Düsseldorf – Milão

Já no retorno da viagem, houve um erro de comunicação no voo de Düsseldorf para Milão. O número do voo não constava nos painéis do aeroporto de Düsseldorf e nem nos de Milão (uma amiga me esperava lá e ficou doida sem informações sobre o voo). Segundo minha amiga, nem as atendentes da Alitalia sabiam se existia um voo de Düsseldorf para Milão naquele horário. Saí de Düsseldorf com 15 minutos de atraso e também não vi o serviço de bordo, pois dormi. A aeronave era um Embraer 175, também muito bem conservado.

4º e 5º Voo
Milão – Roma
Roma – Rio de Janeiro

O último voo de retorno até o Brasil, trecho Roma – Rio de Janeiro, atrasou 45 minutos. Não entendi muito bem o porquê, mas estava muito preocupada, pois poderia me atrapalhar no meu voo de volta para Minas Gerais, que era operado com a companhia aérea Azul. A aeronave era a mesma do voo de ida, Airbus A330 e também estava bem conservada. A diferença foi que o voo de volta não estava tão cheio quanto o de ida. A refeição foi um grande problema pra mim, parece que esqueceram da minha restrição alimentar e o meu café da manhã foi o mesmo do jantar.

O sistema de entretenimento estava falho e minha TV não funcionava. Na minha situação de cansaço, isso não chegou a ser um problema, pois dormi durante todo o voo. Os comissários de bordo foram muito cordiais e educados, o que, na minha opinião, foi um ponto muito positivo.

como-e-voar-alitalia-04

Chegando ao aeroporto do Rio de Janeiro tive outro problema. Não sei se é culpa da companhia aérea, mas havia apenas um carrinho para buscar as malas no avião. Até minha mala aparecer na esteira demorou cerca de 50 minutos e eu já estava super tensa, afinal tinha outro voo cerca de 30 minutos depois.

Conclusão

Voaria de novo com a Alitalia sim, mas consideraria levar alguns snacks comigo para o voo. Os comissários de bordo, em regra, foram muito educados e solícitos, além dos aviões estarem em muito bom estado e limpos.

Outro ponto muito positivo foi que, apesar de ser uma viagem com conexões, minha mala estava em perfeito estado quando a recebi no Rio de Janeiro. Nada quebrado e, o melhor, nada faltando.

08

Autor

Redação - redacao