Avianca Brasil e Azul terão novos voos para os Estados Unidos!

Denis Carvalho 19 · fevereiro · 2015

A Avianca Brasil vai começar a voar daqui para os Estados Unidos em breve! A companhia recebeu da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) a autorização para operar 14 voos de ida e volta entre os dois países. A Anac também autorizou mais dez voos de ida e volta para a Azul.

A autorização é o primeiro passo para que as companhias operem as rotas, agora elas terão que apresentar à Anac e ao correspondente nos Estados Unidos os pedidos de rotas, dias e horários em que pretendem voar, dentro das limitações dos aeroportos escolhidos.

Por serem 14 voos, é plausível pensar que a Avianca terá dois voos diários do Brasil para os Estados Unidos. Não é possível saber quais serão os destinos americanos nem as cidades de origem aqui no Brasil. Pela malha da companhia Guarulhos surge como grande favorita, seguida de Brasília ou Rio de Janeiro. Mas sempre pode surgir alguma surpresa.

Vale lembrar que apesar de terem os mesmos donos e o mesmo nome, a Avianca Brasil, que na realidade se chama Oceanair Linhas Aéreas S.A., não é parte do mesmo grupo da Avianca colombiana, que já opera voos para os Estados Unidos, com conexão em Bogotá. As duas companhias, contudo são parceiras e podem estreitar sua união com a entrada da empresa brasileira na Star Alliance.

Azul

Outra boa notícia são os novos voos da Azul para os Estados Unidos. Em dezembro, a companhia começou a operar com bastante sucesso voos de Campinas para Fort Lauderdale e Orlando e as novas frequências serão usadas para aumentar o número de voos para as duas cidades da Flórida. A Azul também prometeu voar para Nova York a partir de meados de 2015.

A Azul tem operado os voos em jatos Airbus A330, que devem ser reformados nesse ano, mas a companhia tem pedido de novíssimos Airbus A350, o avião mais moderno da fabricante europeia, para suas rotas internacionais.

E então, quais são suas apostas para os novos voos da Avianca e Azul? Deixe seu palpite nos comentários!

Confira a publicação no Diário Oficial

Publicado por

Denis Carvalho

Editor chefe

  • guto

    erro no titulo, amigos..

    • Victor

      Título leva acento agudo, não?

  • Pedro

    A Avianca Brasil podia aumentar primeiro suas rotas dentro do país!

    • Fernando-RJ

      Pois é.. Querem voos para o exterior, mas vão se limitar a poucas cidades para trazer os interessados, já que provavelmente esses voos sairão do RJ ou SP . Vamos esperar a estratégia…

    • Carlos

      Verdade. Sou de Belém, ontem viajei o trecho Salvador-Recife e adorei voar pela Avianca Brasil, que está prometendo voar para Belém há tempos e nunca cumpre. Tomara que não demore muito.

      • Felicio

        Nesse mesmo pensamento de expansão das rotas domésticas e ainda considerando Belém, porque também moro lá, acho que a região é carente de voos diretos, e em especial seria interessante rotas diretas com cidades como Recife, já que são duas importantes cidades brasileiras (cada uma da respectiva região)! :-/

    • Patricia

      Provavelmente é mais interessante para eles comercialmente abrir rotas internacionais do que ampliar e diversificar as rotas domésticas.

  • Leandro Ferreira

    Deveria aumentar a oferta de vôos para o oeste norte-americano, tais colocar Las Vegas, Los Angeles, San Francisco e até mesmo a capital, Washington DC.

  • Igor Zocoli

    Wow! ótima noticia por parte da avianca, a azul ja estava nos planos. So fiquei com uma duvida, será que a Avianca Brasil vai operar esse trecho com alguns de seus a320? Ou ela possui encomendas de aviões maiores?

    • Renato

      A AVB tem dois A330 (ou mais) em Toulouse, na fábrica da Airbus, aguardando entrega. Estão parados só aguardando o OK da Avianca para entrega.

  • Rogerio Timoni

    Na minha opiniao, um voo direto Las Vegas e Los angeles seria um atrativo que nao temos disponivel. Vamos la Azul.

    • Kleiton Kretzer

      Verdade! Pretendo viajar para LA em Dezembro, seria ótimo ter mais opções para lá!

    • Renato Azevedo

      Voo direto pra LA existe sim! Dois inclusive. American Airlines e Korean Air.

      • maicon dalmoro

        A tam também vai fazer essa rota.

  • Ronald

    As Aviancas podiam se unir e acabar com esta confusão de vez, pois a confusão de agora em diante tende a piorar. Por enquanto elas operam em GRU em áreas separadas do aeroporto. Já pensaram a confusão que será se forem operar separadas no mesmo aeroporto nos USA ?
    A grande novidade seria se resolvessem operar a partir de uma cidade que ainda não tem voos para os USA, como Cuiabá, por exemplo.

    A Azul deve atacar NYC ou LAS.

    • Frederico Luna

      Não dá por causa da legislação brasileira.

  • Roger

    Alguém poderia me informar onde consigo passagem com bom preço para Barcelona?

    • Moreno

      no skyscanner

  • alex

    ano passado eu comprei passagens BH-Recife pela Avianca.Comprei com 6 meses de antecedencia, faltando um dia para a viajem me ligaram da Avianca avisando que o vôo seria cancelado e que teriamos como opção ser realocados em um voo da TAM porque a Avianca não operaria mais em Confins.

  • Lucca

    Lembrando que a Avianca BR surpreendeu com o primeiro voo internacional pra Colômbia partindo de Fortaleza. O da Azul certamente é Nova Iorque, LAS e LAX só depois.

  • Oscar Luiz da Silva Neto

    Star Alliance cada vez mais perto das duas…

  • Dede

    ótima notícia vamos aguardar!!!!

  • Eduardo Palandi

    adoraria que um dos voos da Avianca fosse Lago Sul-Nova Iorque. mas duvido que a novidade vá partir de Brasília…

    • Thiago

      Eduardo, Os novos voos sairão de Brasília sim ( isso mesmo), o motivo: os voos da Avianca saem de Brasilia para quase todo o país. Brasilia será uma alternativa para SP que já está cheio de empresas q voam para os EUA. Atualmente, é muito mais fácil trazer voos de outras capitais para Brasilia (no caso da AV) fazendo uma conexão do que trazer de São Paulo. Ou seja, a ideia é levar por exemplo passageiros de Curitiba aos EUA passando por Brasilia e não por Sampa. Quanto à união das duas Aviancas, oq se diz é q são duas empresas com culturas organizacionais diferentes, de países diferentes. Não é como US E American q são americanas. Os Grupos Air France KLM, British Ibéria, etc mantiveram certa distância exatamente por isso tb apesar da fusão. Não haverá fusão das duas. Talvez, a Avianca Brasil demore a entrar na Star, infelizmente. Quanto à expansão de rotas, algumas estavam previstas ( São Luiz, Palmas, Manaus, Foz do Iguaçu), declaração dada pelo vice presidente, mas até agora nada foi feito p isso. A empresa segue devagar, mas segue dando lucro e garantindo empregos sem riscos desnecessários. A questão não é apenas aumentar rotas ao gosto do freguês, há muito mais que se ver para fazer isso.

  • Chris

    Torço que sejam partindo de SALVADOR/BA. Acho que a cidade tem demanda suficiente para estrear tais vôos. Além do mais, é ponto central entre o sul/sudeste e os demais estado do norte/nordeste.

    • André Felipe

      Lamento informar a realidade: Salvador não tem demanada para tais vôos. No máximo teria para 3 ou 4 frequencias semanais se houvesse uma boa interconexão com as demais cidades do NE. Recife seria mais apropriado.

  • ricardogobbo

    Quanto mais opções melhor! Depois, a concorrência faz o seu papel…

  • Bruno

    Costa Oeste é uma lacuna que as cias ainda não preencheram. San Francisco, LA, San Diego. Ou até mesmo Vegas.

  • MOACYR LOPES DOS SANTOS

    Suspeita: Azul deve ter voos saindo de BH, seu segundo maior HUB. Não se descarta BSB na parada. Um abraço.

    • Diego Basso

      também acho.

    • Voos diretos de CNF seria ótimo.
      Também acredito nessa aposta Moacyr.

    • Flávio Barros

      Isso… Se olharem a rentabilidade dos voos BH certamente sairão de la

      • chicao

        Já está definido! Azul terá seu voo saindo de Juiz de Fora

    • Igor Zocoli

      BSB, meio impossível, ela ainda tem poucos voos diretos e isso atrapalharia na conexão, acredito que será VCP, Porém CNF ainda deve esta na disputa

      • MOACYR LOPES DOS SANTOS

        BSB é uma opção forte, pois os aeroportos recém privatizados estão fazendo de tudo para cooptar novos voos, dando incentivos às Cias. Um abraço.

        • Igor Zocoli

          Se for por essa questão CNF Tbm foi privatizado e conta com mais opção de conexão, e fora que a azul opera em um segundo terminal em bsb que somente ela opera e sendo que esse terminal é de porte de aeroporto regional.

          • MOACYR LOPES DOS SANTOS

            Eu citei BH também, mais acima, como 1a opção. O terminal 2 de BSB vai ser desativado.

          • Igor Zocoli

            Graças a Deus, noticia boa agr falta a azul aumenta os destinos saindo de BSB. Talvez ela faça isso com a chegada dos a320 neo

          • André Felipe

            Não há previsão de data para desativar este terminal, segundo a própria Azul.

    • André Felipe

      Para Brasília eles teriam de deixar de operar no Terminal 2 e o próprio Gianfranco Beting diz que não há previsão de sair deste terminal.

      • Igor Zocoli

        Mas acho que ele deveria se apressar a fazer isso, o terminal 1 já foi ampliado e tem condições suficientes de receber os voos da azul (Esses que não são muitos).

      • MOACYR LOPES DOS SANTOS

        O plano não é da Azul, é da Inframérica, administradora do aeroporto, pois a asa esquerda (Antigos terminais) estão com capacidade ociosa. Observe que no site do aeroporto já não constam os portões e o terminal 2. Um abraço.

  • Mauricio

    Eu acabei de voltar de Orlando e um coisa eu digo a vcs amigos do melhores destinos, não comprem pela Azul! Um lixo! Meus monitores não funcionaram na ida e na volta. O avião é um sucatão!! Deprimente! As próprias aeromoças diziam para mim, esse avião é velho mesmo. Só em 2017 que trocarão as aeronaves. Eu já fui para os EUA de United, TAM, Copa e agora Azul, e não estaria relatando aqui se não fosse verdade. Muitas pessoas reclamando dentro do avião. Eu sempre tive na minha cabeça que avião grande era o melhor e me surpreendi com a Copa. Mesmo na classe econômica que show de atendimento, tudo perfeito. Azul, nunca mais!! E ainda tem a cara de pau de dizer que vão brigar com a TAM. Nunca serão!!!

    • Marcos Lima

      Aconteceu o mesmo comigo dia 29/12 no voo para Orlando. Os monitores dos assentos 19KH não funcionavam.. os comissários não respondiam ao chamado de comissários…horrível.

    • Ricardo

      Exatamente! O avião é péssimo! E eles só ficam falando que vão reformar os aviões…. só que nossos vôos não serão no futuro! Quem acreditou na azul e comprou passagens agora no início da operação se deu mal. Minha tela estava solta, caiu no meu colo durante a decolagem! E a azul ofereceu uma compensação de R$100,00. Pode? Se soubesse do estado dos aviões antes, comprava em outra companhia. Fujam da AZUL!

    • Fernando

      Tive exatamente o mesmo problema que os colegas, na ida e na volta de Fort Lauderdale. A partir de agora vou evitar voar de Azul.

  • Eduardo

    Bom seria Recife na jogada. Nenhuma nacional faz USA por aqui, e a American Airlines sempre sai com voos cheios!

  • Leonardo Ibiapina

    Parnaíba Piauí

  • Vinícius Barros

    Um dúvida: no texto diz que “a Avianca Brasil (…) não é parte do mesmo grupo da Avianca colombiana”. Mas as duas não fazem parte da Avianca Holdings, controlada pelo grupo Synergy? Ou houve venda, spin-off e as companhias não são mais do mesmo grupo? Pois se fossem tinha mais chance de unificarem as operações a acabar com essa bagunça (para o consumidor) que vai ficar quando as duas operarem internacionalmente…

    • Thiago

      Eu queria saber qual é a grande diferença de se unificarem ou não m! Tem Lan Peru, Lan Chile, etc. Pq num pode haver Av Brasil e Avianca? Não se unifica marca de países diferentes por questão de marketing às vezes. (Air France/KLM, British Ibéria). O passageiro não tem q se preocupar com isso. Tem q parar de encher o saco e aproveitar as promoções e viajar muito. Só isso!

    • André Felipe

      A Avianca Brasil já pertencia ao Sinergy. A Avianca Colombia é parcialmente do Sinergy, pois há ações com o pessoal da TACA também. O processo de unificação das marcas está em andamento, apesar de passos lerdos…

  • Thomas Hisamura

    Meus chutes:
    Azul: VCP-EWR (hub da United e destino popular pra brasileiros)
    Avianca BR: BSB-Florida, pra brigar com a AA e a Tam.

  • Gena

    Espero que surja promoções bem atrativas, para Orlando ou cidades próximas no segundo semestre de 2015.

  • Diego

    Pessoal, desde o ano passado a Azul já deixou claro que pretende voar VCP-JFK. Isso inclusive está em um relatório que entregaram para a autoridade regulatória americana, disponível para consulta na internet.
    Dessas 10 frequências, ao menos 07 obviamente serão destinadas para esse vôo. As outras 03 podem ser para a mesma rota (acho provável), ou, no máximo, para reforçar o VCP-FLL ou o VCP-MCO.

  • Thiago Lima

    Uma pequena correção. A Avianca Brasil, faz sim parte do Grupo Avianca (Avianca Holdings – Synergy Group)

    • Daniel T. Santos

      Entrei no site Avianca Holdings e não aparece a Avianca Brasil na lista do site deles.

  • Cidadão

    Concordo. Voos para a Florida já tem aos montes. Temos poucas opções para ir para o lado oeste

  • Rodrigo

    É uma pena que uma empresa tão limitada em questão de rotas como a Avianca Brasil entre numa aliança tão boa como a Star Alliance, pois poucos poderão aproveitar os benefícios.

  • Fabiano Vasconcelos

    Vamos ver se Fortaleza vai se beneficiar dessa notícia. Ainda temos uma das piores tarifas do Brasil quando se fala de voos para os EUA. Não faz sentido uma das capitais mais próximas da America do Norte ter um voo tão caro para os EUA. Promoção aqui não temos. Temos alívio de tarifa. Até mando as dicas pro MD de quando as tarifas estão baixas, mas o Denis nem publica porque não tem cara de promoção. Mas promoção mesmo, tá é brabo!

    • Felipe Gonzalez

      Pode ser Fortaleza mesmo, pelo menos os voos da Avianca, já que o Estado dá isenção em impostos para voos internacionais partindo da capital. A própria Avianca tem um voo para Bogotá partindo de Fortaleza e a TAM para Miami então… resta saber como é que vai ser esses novos voos.

  • Leandro

    Acredito e espero que as duas companhias optem pelo aeroporto de Brasília como partida para os novos vôos internacionais, pelos seguintes motivos:

    1. Fechou o ano de 2014 como o 2o aeroporto de maior movimentação do país e é considerado o maior hub do Brasil;
    2. Tem a maior capacidade de pista do país;
    3. Tem uma das menores alíquotas de ICMS para querosene: 12%; e
    4. Vôos daqui para os EUA teriam menor duração (comparados aos principais aeroportos).

    Não seria nada mal um nonstop para NYC com duração menor que 9 horas.

  • Renato Azevedo

    Minha opinião:
    Os vôos da Azul vão ser pra NY, creio que JFK se ela estabelecer parceria de codeshare com a JetBlue (que tem hub principal em JFK), tendo em vista que elas são do mesmo dono, além dela já ter voos para FLL e MCO (outros importantes centros para a JetBlue). Como comentaram, não dá pra descartar EWR devido a parceria ja existente com a United. Com 10 frequências semanais talvez ela resolva investir em um voo partindo de BH pra Flórida umas 3x por semana.
    Já a Avianca acho que não dá para esperar muito além de Miami, por enquanto. Se ela tem dois voos diários, devem ser dois para Miami, um saindo de GRU e outro talvez de BSB. Ela entrando na Star Alliance talvez role algum voo pra EWR (hub da United). Acho que qualquer outro hub da United não rolaria (ORD, IAH, IAD, DEN são meio arriscados, LAX e SFO reduziriam bastante as possibilidades de conexão nos EUA. Pra quem for pra NY, por ex, não vale a pena pegar um voo pra LAX pra depois ir pra NY, já o contrário não é tão ruim).
    Acho que vai ser muito difícil uma cia brasileira inicante no mercado internacional arriscar um voo para o oeste americano. A demanda é grande mas nem tanto assim. A Avianca não arrisca voar pra esses lados nem saindo de Bogotá, de onde daria para voar usando um avião menor, mais barato e com menos risco.

  • Ricardo

    Seja qual for o destino a pergunta é:Quando?

  • YURI FAMINI

    Se não me engano a Azul tem um voo em A330 que passa por Recife, deverá aproveitar o voo que faz pra lá diariamente e prolongar até USA. Se a Avianca Brasil estiver no padrão da Colombiana, será bons vôos, porém seria bom ela aumentar sua malha aérea nacional antes.

    • Yuri, na verdade, a Azul estava usando os A330 em voos domésticos até iniciar os voos para os EUA.
      Estavam usando nos trechos de Campinas a Recife, Manaus, Rio de Janeiro (Galeão) e Brasília.

    • Bruno Bastos

      Ainda tem uns GIG-REC de A330, mas não sei se fariam algo além do óbvio (Miami). A Azul deve tentar primeiro um destino já estabelecido.

  • Maria

    i hopped off the plane at LAX, with a dream and my cardigan

  • Raphael Borges de Oliveira

    Desculpe, mas não sei aonde!!!

  • Fernando Espósito

    Com relação a azul, eles precisam urgentemente reformar os aviões. Acabo de fazer VCP – MCO e a volta também e foi decepcionante, inclusive o bom atendimento que estamos acostumado da companhia aqui no Brasil… Esperi que melhorem em breve.

    • Edilene

      Também viajei com a Azul FLL-VCP no fim de semana e tive uma grande decepção na chegada ao Brasil. Não com relação ao atendimento que ao meu ver foi muito bom, mas devido a falta de educação dos passageiros. Ao sairmos, notamos uma grande quantidade de lixo no chão das poltronas e corredores, garrafas de água, refrigerante, sacos dos cobertores, copos, inclusive uma bandeja com restos do café da manhã deixada no chão do assento! E eles avisaram várias vezes que estavam passando para recolher o lixo, fiquei muito decepcionada e com vergonha alheia do nosso povo…

  • Neraide – BH

    Deveria haver vôos para New York partindo de BH, já está na hora não????

  • Adão

    Qual da duas entrará no lugar da Tam na Star Alliance? Acho que foi uma grande perca para a Tam, mais estranhamente ela continua com alguns acordos com empresas aéreas de lá. Agora é aguardar!

  • André

    alguma informação de vôos para america latina (chile, peru e argentina) saindo de VCP ?

  • Alessandro

    Brasilia-Las Vegas! É só inaugurar e lotar de gente!!!! O Brasiliense é o povo que mais viaja proporcionalmente à sua população. E ainda tem a demanda de GO-MS-MT que usa BSB p sair do País.

  • Ricardo

    Acho importante ressaltar que os avioes da AZUL são velhos e sucateados. Por uma questão de isenção e credibilidade do site, sugiro que não comentem os planos de reforma e de aquisições de novas aeronaves, já que não se sabe, exatamente, quando virão. Viajei com a AZUL em janeiro e fui pessimamente atendido.

  • Reinaldo

    Quero voos com saídas da Curitiba, afinal, é um grande polo do sul do Brasil.

  • FGomes

    Eu não entendi, como pode terem o mesmo nome, o mesmo dono, e não fazerem parte do mesmo grupo? Eu procurei por Oceanair, o resultado redireciona para o site da Avianca. Como é o negócio?

  • Os irmãos Efromovich fundaram a Oceanair, depois compraram a Avianca, que era uma companhia colombiana tradicional que estava mal das pernas. Então, trocaram o nome da Oceanair para Avianca Brasil, mas nunca uniram formalmente as duas companhias, que continuam separadas.

  • Thiago Barcelar

    Achei algo meio que errado a Avianca voar para fora, mas nao atender as capitais brasileiras (como o caso de Vitoria que atende a todo o estado do ES e mais parte do leste de MG). Outra questão é que na maioria das vezes as empresas optam por voar para a Florida. Parece que os EUA só se resume em FLL, Miami, Orlando e NY (alguns voo ainda). Porque nao passam a voar para Boston, Centro do Pais (Las Vegas, Denver por exemplo) e Costa Oeste?

    • André Felipe

      a Cia aérea vai voar para onde tem demanda. Não adianta ela apenas operar um vôo para VIX. Teriam de ser vários vôos sustentáveis e rentáveis. Do mesmo modo que não adianta ir para Boston. Ela tem de procurar demanda e valor agregado, algo que nenhuma das cidades que você citou tem a oferecer, com exceção de Las Vegas.

      • Thiago Barcelar

        Concordo que deva haver voos rentaveis..mas pq la em Vitoria existe a Azul, porem a as pessoas por causa de preco preferem voar Gol e Tam?! O certo nao seria ter mais concorrencias?
        Agora vc me falar q nao tem demanda para Boston, isso foi uma piada (com todo respeito)…rsrs!

        • Patricia

          Não tem tanta demanda para Boston quanto para as outras cidades que você mencionou

  • Bruno Campos

    haha, with a dream and my cardigan…

  • Geraldo

    O que eu gostaria mesmo de saber, é quando Brasilia terá voos diretos para Nova York. Demanda tem!!! Alguém sabe?

  • Cristiano Oliveira

    Sou de SP, porém estou torcendo para que os novos voos da AVIANCA sejam:

    BSB-EWR-BSB
    GIG-LAX-GIG

    E PELA AZUL:

    VCP-JFK-VCP
    CNF-LAS-CNF

  • Will

    Os voos da AZUL de Campinas a Fort Lauderdale são péssimos, bem aquilo que poderia se esperar de uma cia iniciando, o avião A330 é MUITO velho internamente, eu tive ida E volta (sim, E volta também) sem NADA funcionar, a tv (do entretenimento a bordo e afins) nem dava sinal de vida.

    Não recomendo a ninguém, é muito fraquinho… depois que reformarem essas velharias e comprarem os A350 NOVOS aí vamos ver, por agora é bem furada pagar 1,800/2mil como tem sido cobrado por esse serviço.

  • Mikael

    Acho que a Azul deveria baixar os seus preços de passagens internacionais se quiserem crescer mais porque os preços para Orlando e Fort Lauderdale estão exorbitantes ainda mais para voar nos A330 deles que da nem foram reformados.

  • Igor Zocoli

    Concordo plenamente com seu comentario! E sim sou mais um acreditar que teremos um boo Lago sul – Nova Iorque pra alegria dos riquinhos de bsb e todos aqueles que iram usufruir de conexão pra todo o brasil.

    • maicon dalmoro

      já tem tempo que ouço que vai ter voo pra NY saindo de bsb, achava que seria pela american airlines, mas isso ainda não foi descartado, também tem boatos que a tam ou a lan vai lançar o voo para santiago para facilitar conexões, e também tem a avianca colombia que logo vai querer fazer bsb-bogotá.

      • Thomas Hisamura

        A Avianca já teve um voo BSB-BOG-SJO que foi desativado por falta de passageiros. E a LAN tb ja teve um BSB-LIM, desativado pelo mesmo motivo.

        • André Felipe

          Engraçado que eu peguei duas vezes esse vôo para Bogotá e ele estava lotado. Já o de Lima eu ouvia o pessoal da LAN dizer que a ocupação era em torno de 40 passageiros por voo, o que é muito inviável para um A319.

  • Ju

    Na minha opinião o que está faltando é a AZUL entrar na STAR ALLIANCE, e isso é beeem urgente na verdade, afinal, a AZUL não voa para Europa e sendo membro da Star Alliance abriria um “leque” de oportunidades para quem é Tudo Azul e para quem ainda não é pode ser. Quer ir para os Estados Unidos vai de Azul, quer ir para Europa vai de outra cia da aliança acumulando pontos em uma só, ou seja na AZUL, eu não pensaria muito antes de transferir os meus pontos de cartão.

  • Matheus Felipe

    Washington DC fica ao leste.

  • J. Machado

    Os vôos da Azul serão para NYC saindo de VCP. Já os da Avianca, creio que partirão de BSB.

  • Claudio Fonseca

    Bom, acredito que mais companhia operando nesse trecho a passagem ficará com excelentes preços para o consumidor, afinal, se não houver cartel as companhias irão disputar cada passageiro. Ótima notícia.

  • Ronald

    Acontece que a Lan Peru/Chile, KLM/AF, etc são subsidiárias do mesmo grupo e operam de modo transparente ao passageiro, inclusive com o mesmo checkin e programa de milhagem. As Aviancas fizeram questão de manter o mesmo nome em operações independentes desde o checkin até o programa de milhagem.

    Sua observação final, apesar de revelar um pouco da sua personalidade e falta de educação, foi totalmente desnecessária e descabida.

  • Jose

    Quanto mais opção melhor. Se possível saindo de Fortaleza melhor.

  • Patti Bandeira

    Particularmente amo a Azul, em todos os voos domésticos o atendimento foi impecável, inclusive as vezes que viajei com minhas filhas pequenas. Nunca viajei com a Azul para o exterior, mas acredito que o atendimento seja igual, fico muito satisfeita com a expansão da Azul.

  • André Felipe

    Como assim?
    o que na legislação proibiria a unificação do check-in?

  • André Felipe

    Ela deixou de operar devido o atraso na entrega das aeronaves. Mas deve voltar a operar em Confins em breve.

  • André Felipe

    Aconteceu comigo também para Fort Lauderdale. Não estou recomendando Azul para os EUA não. Achei desrespeitoso tanta propaganda por um serviço ruim, com aeronave sem entretenimento. O ruim que me deram voucher de desconto para o meu próximo vôo da Azul, mas, pela experiência, não pretendo voar de Azul tão cedo em vôos internacionais.

  • André Felipe

    Ricardo, como foi essa compensação de 100 reais?

  • André Felipe

    Faz parte do Sinergy Group, e não da Avianca Holdings ainda.

  • André Felipe

    A Avianca Colombia irá voltar a voar para Los Angeles ainda este ano.

  • A Azul não tem o mesmo dono da JetBlue. A única coisa em comum é que o fundador de ambas é o mesmo: David Neeleman. Mas a parte disso, organizacionalmente não existem ligações entre as empresas.

  • André Felipe

    Tive uma péssima experiencia de Azul também. Por coincidência, o pior tratamento era dado por uma comissária que estava sem plaqueta de identificação. Pedi o mail de contato para fazer reclamação da Azul nos perfis dela nas redes sociais e não obtive resposta. Ao contrário, quando apresento alguma demanda a TAM pela rede social, prontamente eles me passam o mail de contato para resolver aquele problema. A AZUL tem ambição mas está caindo pela mesma vala de péssimo atendimento da GOL e da TAM.

  • André Felipe

    o atendimento não é igual. é MUITO INFERIOR…

  • Thiago Castro

    Concordo com o Ronald. Comentário desnecessário e que não entende as necessidades dos passageiros além do básico. Eu, por exemplo, teria muito interesse em que o plano de milhagem fosse o mesmo.

  • Cássio

    Quero deixar meu comentário de insatisfação com os voos da Azul. Fui a Orlando no fim do ano. Aeronaves velhas que deram problemas duas vezes: Ida, voo diurno, sem funcionamento da tv e da luz de leitura, ou seja, sem qualquer entretenimento. Isso tornou o voo cansativo e chato; Volta, voo noturno, além do pouco espaço, poltrona não reclinava. Tenho 1,96m de altura e o voo foi o pior que já fiz. Reclamei com a empresa e eles apenas alegaram que a melhora ocorrerá no meio do ano.

  • EdgarFacanha

    Provavelmente oa Azul irá operar nos mesmos destinos nos EUA, o que deve mudar será a procedência talvez Rio de Janeiro (GIG) ou talvez Brasilia.

  • Felipe Kaufmann

    1) a Avianca Brasil poderia entrar o quanto antes para a Star Alliance!; 2) a Azul, poderia entrar o quanto antes para a Star Aliance; 3) Alguma companhia da Star Alliance poderia recomeçar a fazer os voos entre GRU ou GIG para Santiago e Buenos Aires. A United mantem aviões ociosos nestas bases desde de manha ate a noite….

  • Patricia

    Também torço por isso, tenho amigos por lá e promoções são raras. Mas o fato é que pelo jeito, até pelo que vejo por aqui, o grande interesse dos brasileiros é mesmo por Miami/ Orlando e as cias investem nessa demanda.

  • Patricia

    O caso é que com exceção talvez de Las Vegas, pelo que vejo até aqui pelo MD, não há tanto interesse assim por parte dos brasileiros de um modo geral na costa Oeste. Parece-me que o interesse da maioria é mesmo por Miami/Orlando e talvez NY. Mas eu também torço pelo aumento de oferta para a Costa Oeste. Imagino se um voo direto para Seattle seria viável, pra mim seria perfeito!