Avaliação da Thai AirAsia

Wendell Oliveira 14 · fevereiro · 2018
Econômica
DMK - JAI
FD 130
A320-200
26/01/2018

Embarque

Previsto: 20:50h
Efetivo: 20:55h

Partida

Previsto: 21:30h
Efetivo: 21:45h

Chegada

Previsto: 0:20h
Efetivo: 0:40h

A AirAsia é uma companhia aérea da Malásia, frequentemente eleita como a melhor low cost do mundo. O que nem todo mundo sabe é que a empresa possui várias subsidiárias, como a AirAsia X (para voos de média e longa duração), AirAsia China, AirAsia Vietnam, Indonesia AirAsia, Philippines AirAsia, AirAsia Japan, AirAsia India e Thai AirAsia – voos com prefixo FD. 

Esta última atende os voos saindo da Tailândia para 48 destinos, com uma frota de 55 aeronaves, sendo eleita a segunda companhia aérea mais pontual da Ásia! Além da inconfundível bandeira da Tailândia na fuselagem, boa parte das aeronaves da Thai AirAsia possuem a pintura da King Power, conglomerado tailandês de duty-free que detém 39% das ações da companhia. Embarcamos no voo da Thai AirAsia de Bangkok até Jaipur, na Índia. Confira nossa avaliação:


Viajar para a Índia sempre esteve nos meus planos, mas posterguei a ideia o máximo que pude, optando por outros destinos no continente asiático como Mianmar, Laos, CambojaVietnã. Até que uma promoção da Thai AirAsia de Bangkok até Jaipur apareceu. Por U$89 (~R$ 280), não resisti e comprei a passagem.

O visto para a Índia não foi uma preocupação, já que brasileiros estão aptos a obter um visto eletrônico para o país solicitando até 4 dias antes da data da chegada. É só acessar o site, preencher o formulário, pagar a taxa de U$50 e aguardar o recebimento por e-mail. Oficialmente o prazo é de até 72 horas para a aprovação, mas costuma demorar bem menos que isso (recebi o meu após 24h).

Com visto e passagens em mãos, era hora de seguir para o aeroporto. Vale lembrar que Bangkok possui dois aeroportos, mas a Thai AirAsia somente opera no Don Mueang International Airport (DMK)Portanto, se você tem um voo na capital da Tailândia com a Thai AirAsia, nada de ir para outro aeroporto!

Infelizmente o Don Mueang não possui metrô, então o jeito é ir de táxi ou ônibus. Até existe uma estação de trem bem em frente, mas os trens são movidos a diesel, lentos e sujeitos a atraso – só considere caso tenha muito tempo disponível.

Check-in

7,5

Os voos da Thai AirAsia estão disponíveis para o check-in online a partir de 14 dias antes da data do voo. Eles até mandam um e-mail lembrando.

Na hora do embarque a funcionária estranhou a ausência de visto indiano no passaporte, e tive que mostrar o visto eletrônico impresso. Isso levou um certo tempo até que ela checasse e finalmente nos liberasse. Enfim seguimos de ônibus até à aeronave.

Sempre tento ser o mais discreto e rápido possível na hora de tirar fotos do avião, justamente para não atrapalhar o embarque e nem levar bronca dos agentes do aeroporto. Mas para minha surpresa todos os passageiros pareciam querer registrar o momento! Um verdadeiro congestionamento de selfies se formou em frente à aeronave, o que talvez tenha colaborado para os 15 minutos de atraso na decolagem.

Cabine

7

A AirAsia cobra pela escolha de assentos. Como não estava disposto a pagar os 90 baht (~R$9) extra, optei por ser supreendido na hora do check-in. Apesar do voo cheio, felizmente dei a sorte de ir sentado com minha esposa.

Se você for menos pão-duro, pode pré-selecionar um assento ou até mesmo pagar um pouco mais pelo Hot Seat, que possui mais espaço para as pernas (e ainda garantir embarque prioritário!). Os assentos desta categoria são os da fileira 1 a 5 e 12 a 14, com capinha vermelha para destacar.

No geral a cabine estava bem conservada e em boas condições de uso. O assento estava bem justo mesmo para mim, que não sou exatamente um gigante. Imagino que quem tenha mais de 1,80m possa sofrer com o aperto – mais um motivo para escolher os hot seats.

Entretenimento

7,5

Os voos da AirAsia e suas subsidiárias não possuem telas de entretenimento.

Em compensação, a revista travel 3sixty fornecida a bordo é provavelmente a melhor publicação de turismo que já li em um avião, com um conteúdo em inglês bem interessante focado nos destinos da companhia. Um aviso curioso em letras minúsculas na capa avisa: “Por favor, não leve para casa. Obtenha sua cópia online”. Uma lembrança sutil de que estamos viajando em uma low cost.

Além das revistas de turismo e de duty free, há também um catálogo com produtos personalizados da companhia, como camisetas, bonés, miniaturas de avião e kits de voo. Todos aparentemente muito bonitos e com preços acessíveis.

Serviço de bordo

9

Uma palavra define as refeições a bordo da AirAsia: Deliciosas!

Sou suspeito para falar da culinária asiática, mas tenho a impressão que a AirAsia realmente se dedica na hora de produzir os pratos que serão servidos a bordo.

Para tirar maior proveito disso, o ideal é pré-selecionar suas refeições ainda durante a compra das passagens, já que durante o voo nem todas estarão disponíveis – e serão mais caras. Todas as opções possuem uma bebida inclusa (água, café ou refrigerante) e não passam dos R$ 10. Para quem não aprecia refeições apimentadas, também há lasanha de frango e mini-pizza disponível.

Apesar da qualidade da comida, o serviço de bordo foi realizado de forma um pouco atrapalhada pelas comissárias, que pareciam ser novatas e demonstravam algum nervosismo na hora de servir. Minha latinha de refrigerante veio sem copo nem canudo, tive que pedir – e demorou para chegar.

Nada que tenha afetado minha experiência. A comida é sempre muito boa (sugiro o “Nasi Lemak” ou o “Chicken Biryani”) e é servida bem quente.

Comissários e equipe de solo

7,5

A equipe de solo foi bem rápida nos procedimentos e apesar de terem tomado algum tempo para averiguar nossos vistos, tudo ocorreu bem.

Como em qualquer voo na Tailândia com tripulação local, os passageiros são cumprimentados com o tradicional wai, uma saudação típica com as mãos unidas na altura do peito.

Em geral os comissários eram simpáticos, mas faltou proatividade na hora do serviço de bordo. O nervosismo de alguns era nítido na hora de operar os trolleys e servir as refeições, o que é até perdoável para novatos, mas não é um comportamento desejável para se transparecer.

Programa de fidelidade

8

O BIG Loyalty é o programa de fidelidade da AirAsia, que permite o acúmulo de pontos e sua eventual troca por passagens aéreas através de um esquema de pontos fixos, de acordo com a duração do voo. É bem interessante para quem mora na Ásia.

Em geral os voos da AirAsia não costumam ser longos e acumular muitos pontos voando não é uma tarefa fácil. Felizmente a companhia possui parceria com sites de reserva de hotel, bancos e até aplicativos de entrega de comida, o que facilita bastante.

Também vale a pena ser membro do programa e aproveitar as promoções do Big Sale, famoso saldão da AirAsia que vende passagens bem baratas ou até mesmo por 0 pontos – isso mesmo, de graça!

Nota final

7,7

Chegamos com 20 minutos de atraso em Jaipur, em um pouso suave e sem maiores contratempos.

Eu já havia voado com a companhia em trajetos menores e, no geral, a experiência desse voo foi similar às experiências anteriores. Há uma razão pela qual a AirAsia ser frequentemente eleita a melhor low cost do mundo: seus voos seguem um padrão de qualidade que se mantém, independente da rota.

As aeronaves estão sempre limpas e conservadas, a comida é boa, a tripulação é amigável e os preços acessíveis. Viajar com a AirAsia é como ir à uma filial de rede de fast food: você sabe exatamente o que pedir e como será atendido.

E ainda sai com gostinho bom na boca no final 🙂

  • Thiago Mourthé

    Excelente avaliação! Objetiva e completa.

    • rodrigo Resende

      Também curti muito a objetividade e o fato de terem incluído a informação do preço, bastante útil para o leitor conseguir avaliar a relação custo-benefício.

  • José Carlos Gonçalves

    Adorei viajar por essa cia do Camboja para Tailândia. Dez2017.

  • Leonardo F J

    Excelente relato e com boas fotos. E colocou os valores, que considero essencial .

  • José Eduardo

    Os relatos estão cada vez melhores. Parabéns ao viajante!

  • Marcelo Fercondiny

    Eu gostaria de saber quanto custa aquelas aeronaves no catálogo achei as cores das duas tão chamativas