Avaliação da American Airlines

Thayana Alvarenga 18 · novembro · 2016
Premium Economy
GRU - DFW
AA 962
Boeing 787-9 Dreamliner
07/11/2016

Embarque

Previsto: 19h40h
Efetivo: 00h35h

Partida

Previsto: 20h30h
Efetivo: 01h24h

Chegada

Previsto: 9h05h
Efetivo: 11h15h

A American Airlines apresentou recentemente a “Premium Economy”, uma nova classe de serviço em suas aeronaves, que já é uma tendência no mundo da aviação. O Melhores Destinos esteve no voo inaugural para Dallas e mostra como é ir do Brasil para os Estados Unidos aproveitando os diferenciais desta nova categoria. Lembrando que todas as aeronaves da companhia serão adaptadas com a estrutura “premium”. Confira!

Sobre a American Airlines

A American Airlines é uma das maiores companhias aéreas norte-americanas e uma das maiores do mundo. Com uma imensa frota de mais de 900 aeronaves, ela opera voos para cerca de 350 destinos em quatro continentes. Seus aviões até então eram reconhecidos pela pintura metálica, que gradativamente têm sido atualizados com uma nova pintura, que reflete a atual identidade visual da empresa. A companhia é também uma das estrangeiras que mais voos opera saindo do Brasil.

Resumo do review

Destaques positivos: conforto da cabine e logística do serviço de bordo

Pontos a melhorar: Internet Wi-Fi

Check-in

7,0

Embarquei no Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo, com destino a Dallas, no Texas. Cheguei a Guarulhos às 18h30. Fui informada que meu voo estava atrasado por causa de uma forte tempestade na cidade de destino e que teria sido remarcado de 20h30 para 01h15.

Com tempo de sobra, e muito, optei por tirar algumas fotos e caminhar para conhecer um pouco mais do aeroporto e do check-in da empresa.

Por causa do atraso do voo, o atendente do check-in ofereceu a mim e aos demais passageiros um voucher no valor de R$ 75 a serem gastos em qualquer restaurante do aeroporto, válido apenas para aquele dia.

A fila do check-in estava grande, porém havia vários guichês, o que encurtou o tempo do atendimento. Procedimento padrão: passaporte e bagagem a ser despachada em mãos. Tudo foi realizado rápido e sem qualquer problema! Então, hora de comer algo e esperar!

Raios-x e controle de passaportes

Passar pelos raios-x e pelo controle de passaportes também foi bastante tranquilo. As filas estavam quase inexistentes e foram cerca de cinco minutos para os dois procedimentos. Um adendo: Nos raios-x, me foi pedido para tirar o sapato e o notebook da bagagem de mão, como sempre. Claro que nada fora do normal. Após terminar a fiscalização, continuei a caminhada até o portão de embarque.

A área de embarque internacional conta com um imenso free shop logo depois do controle de passaporte. Como de costume, o espaço tem os principais itens entre bebidas, perfumes, roupas e eletrônicos.

Sala VIP

A Admirals Club Lounge, em Guarulhos, pode ser utilizada por passageiros que voam em classe executiva ou com altos status do programa AAdvantage ou de companhias da Oneworld. Quem não se encaixa em nenhum destes perfis, pode pagar a taxa de U$ 59 diretamente na recepção do lounge e ter acesso livre à sala.

O lounge conta com uma decoração em que as cores frias predominam, além de um mobiliários simples. Mas ainda assim é bastante aconchegante. Há vários ambientes, facilitando para quem está acompanhado ou sozinho. É oferecido, também, um espaço para as crianças, com brinquedos e televisão.

A sala dispõe de uma imensa variedade de bebidas alcoólicas e não alcoólicas, como refrigerantes, tônica, sucos, cervejas (marcas nacionais e internacionais), vinhos, whisky e licor. Tem ainda um buffet com sopa, saladas, patês, pães, petiscos, doces e frutas.

Embarque

Com mais alguns poucos minutos de atraso, o embarque iniciou e foi realizado sem muita demora. Havia vários atendentes conferindo passaportes e cartões de embarque, o que naturalmente acelerou o procedimento. Muitos passageiros estavam reclamando na fila sobre o atraso do voo, já que foram cerca de cinco horas de espera até a efetiva decolagem. Mesmo assim, soava mais como um desabafo, já que todos pareciam ansiosos para embarcar.

Os comissários se apresentaram bastante solícitos no embarque, indicando os assentos de cada passageiro. Na sequência, entregaram uma garrafinha de água para os passageiros da Premium Economy.

Cabine

9,0

Premium Economy

A principal diferença entre a Premium Economy e a classe econômica convencional é o espaço e, consequentemente, o conforto dos 21 assentos disponíveis na configuração 2-3-2. As poltronas são de couro e contam com 38 polegadas de inclinação, além de apoio para os pés, pernas e cabeça.

O passageiro consegue dormir bem, já que o apoio para pernas faz toda a diferença durante o voo. Outra vantagem é o espaço entre os assentos, assim quem está do lado da janela consegue levantar tranquilamente para ir ao banheiro, por exemplo, sem atrapalhar quem está do lado do corredor. Fiquei sentada na primeira fileira, assento 9C, então ganhei bastante espaço para esticar as pernas, por não ter ninguém na minha frente. Quem ficou na segunda e terceira fileira não tinha tanto espaço comparado ao que eu estava, mesmo assim era um bom lugar.

A parte ruim de ficar na primeira fileira é a proximidade com o banheiro e a cozinha. Quem tem sono fraco e não quer ser acordado pelo barulho da descarga ou do preparo de bandejas para o serviço de bordo, precisa pensar bem onde é melhor se sentar para ter um voo confortável. Neste caso, as poltronas traseiras podem ser mais eficientes. Obviamente não é nenhum barulho anormal, então vale a pena pensar nos prós.

Entretenimento

8,5

Na Premium Economy, cada assento tem um sistema de entretenimento pessoal com tela sensível ao toque, tomada e entradas USB.

Ao todo, são cerca de 300 filmes disponíveis, incluindo lançamentos, programas de TV e jogos. A companhia também ofereceu Wi-Fi, porém ele não funcionou em momento algum durante o voo.

Amenidades

Ao embarcar, cada passageiro da Premium Economy recebeu um kit com fones de ouvido, cobertor, protetores auriculares, protetor para olhos, travesseiro e produtos de higiene pessoal. O cobertor é preto com as bordas em vermelho, cores predominantes da companhia aérea. E é maior do que o da econômica tradicional. O travesseiro também é maior e melhor que o da econômica. Mas os materiais são os mesmos.

Os fones de ouvido também são bem melhores e merecem destaque, em comparação com o que é oferecido na classe econômica padrão.

Serviço de bordo

8,0

Jantar

O jantar foi servido pouco menos de 30 minutos após a decolagem. Há um cardápio exclusivo para os passageiros da classe Premium. Foram duas opções: salmão com arroz e legumes ou massa com queijo. Como acompanhamentos, salada de alface, cebola e tomate, além de pão, manteiga, salame com outros petiscos, e uma sobremesa de chocolate.

Escolhi a massa. Chegou com uma excelente temperatura e estava bem gostoso. A combinação visual da bandeja também estava bastante harmoniosa. Para beber, escolhi um refrigerante e uma taça de vinho tinto. Entre as opções, havia água, sucos, outras bebidas alcoólicas, outro diferencial da classe Premium.

Notem que a comida é servida em louça de porcelana e com talheres de inox. Além disso, o vinho veio numa taça de vidro. Já o refrigerante num copo de plástico mesmo, semelhante ao da econômica padrão.

Cerca de 25 minutos depois, o serviço de bordo foi finalizado e as luzes apagadas.

Café da manhã

Cerca de 90 minutos antes do pouso, as luzes acenderam e foi iniciado o café da manhã. Havia uma única opção: Um croissant, uma bandejinha com frutas variadas como kiwi, laranja, abacaxi, melão e amora, além de um iogurte de morango. Entre as bebidas, optei pelo tradicional café, mas havia sucos, chás, leite e águas também à disposição dos passageiros.

Apesar de sem recheio, o croissant estava muito gostoso. As frutas pareciam frescas e também valeram a pena.

Comissários e equipe de solo

8,5

A American Airlines deixou uma excelente impressão sobre sua equipe de comissários. Todos foram solícitos, simpáticos e prestativos. Nas companhias americanas, especialmente na American, sei que a comissária é algo meio aleatório, mas não tenho do que me queixar.

Os funcionários do check-in e do embarque também foram eficientes. Tudo com muita agilidade e sem enrolação. Felizmente não houve nenhum problema a bordo.

Nota: os funcionários da American Airlines não tiveram conhecimento sobre o review ou sobre a presença da equipe do Melhores Destinos a bordo. Não houve tratamento diferenciado em nenhum momento. O anonimato nos permite retratar a experiência real que um passageiro terá ao voar com a companhia aérea. Além disso, os comentários retratam não apenas como eu fui tratada, mas como vi os funcionários tratarem os demais passageiros.

Programa de fidelidade

7,0

O AAdvantage já foi considerado um dos melhores programas de fidelidade do mundo. Mas mudanças feitas em 2015 aumentaram os custos de resgate de bilhetes e dificultaram o acúmulo de milhas, que passou a ser em função do valor da passagem em dólar. Os brasileiros foram duplamente afetados, já que o real também se desvalorizou muito perante a moeda norte-americana.

Ainda assim, o programa permite o resgate de passagens aéreas nos voos da American Airlines, das companhias aliança oneworld (entre elas, a Latam) e de outras companhias parceiras.

Uma opção interessante para os brasileiros é pontuar os voos da American na Multiplus/Latam Fidelidade. Grande parte das tarifas geram acúmulo integral das milhas, que são computadas em função da distância voada. Um voo para Dallas gera um acúmulo de 5.111 milhas por trecho ou 10.222 milhas ida e volta.

Nota final

8,0

Pousamos tranquilamente em Dallas, com várias horas de atraso em relação ao horário original do voo, mas 20 minutos antes do previsto, após a remarcação do voo. O pouso foi numa manhã nublada. Na alfândega e no controle de passaportes tudo ocorreu sem problemas e sem muita fila.

Vale a pena pagar para ir na Premium Economy?

Vai depender de quanto a mais você vai pagar em relação a tarifa da econômica tradicional. Não dá pra comparar a Premium Economy com a classe executiva com poltrona cama! Mas, ao mesmo tempo, a poltrona e o serviço são bem diferenciados da econômica padrão. Então, se a diferença for compatível com o que é oferecido, é um bom investimento para quem não tem dinheiro para pagar uma passagem de executiva mas quer mais espaço e conforto do que na econômica tradicional.


E você, o que achou? Pretende conhecer a nova classe Premium Economy da American Airlines? Já voou nela? Qual foi a sua impressão? Comente e participe!

  • Jose Carlos

    Só não entendi a diferença de horas entre a chegada prevista e a efetiva. Os está errada a chegada prevista ou houve menos escalas.

    • César Novaes

      José, o voo é direto, quando remarcaram o voo eles afirmaram que o voo chegaria em determinado horário, porém eles pousaram 20 minutos antes do anunciado.

  • Antonio Silva

    Mesmo com tamanho atraso deu sinal verde em embarque,partida e chegada ?!

    • Marcelo

      O atraso foi causado pelo mau tempo na cidade de destino, que nada tem a ver com a cia aérea e sua qualidade.

  • Não. Foi uma exceção pelo atraso do voo, nesse caso.

    • Mel

      Muito obrigada!

  • Ricardo

    Depois da AA ter respeitado as tarifas com erros no ano passado (promobug), virei fã! A maioria dos vôos foram ótimos, e o serviço do pessoal de terra no Brasil foi muito bom. É uma empresa séria, que por algo é a maior do mundo.

  • ostacildo

    SE o serviço na executiva deixa muito a desejar (principalmente pelos comissários americanos…)…. Quando se paga mais e para uma familia (X4) custo benefício não compensa!!! Td bem se passagem prêmio, promobug etc.

  • jorge moraes

    59 dólares para acessar a sala vip. Absurdamente caro.

    • Luciano Assunção

      É o preço padrão. No galeão a base é por volta de U$50

  • Daniele Cabrino

    Queria saber depois que a tam mudou as regras , viajar nesta economica premiun da american airline , quanto pontua na tam ?
    Categoria da passagem P ….nao existe na tabela da american esta economica premiun . Alguem sabe quantos pontos dao na tam .