Avaliação da KLM

Redação 12 · julho · 2017
Econômica
GRU - AMS
KL 792
Boeing 777-200
05/04/2017

Embarque

Previsto: 18:13h
Efetivo: 18:24h

Partida

Previsto: 19:10h
Efetivo: 19:42h

Chegada

Previsto: 11:45h
Efetivo: 11:38h

A Royal Dutch Airlines – KLM – é uma empresa de origem holandesa, fundada em 1919. Ela faz parte do grupo Air France–KLM e é membro da aliança global Skyteam. Seu principal centro de operações é no eficiente aeroporto de Schiphol, em Amsterdã. A KLM possui mais de 100 aeronaves, voando para 145 destinos no mundo. No Brasil, atualmente, possui voos diários ligando São Paulo e o Rio de Janeiro à Europa, bem como um acordo comercial com a GOL, que conecta os principais aeroportos brasileiros com os voos da KLM.

Nosso leitor Jackson Alves fez sua primeira viagem internacional pela companhia e presenteou o Melhores Destinos com esse relato super completo. Confira!

Esta foi a minha primeira viagem internacional e como acompanho o Melhores Destinos e gosto bastante dos reviews sobre as companhias aéreas decidi relatar a minha experiência. Quero agradecer a equipe por ter dado a oportunidade e por me dar dicas para fazer a avaliação do meu voo.

Essa avaliação é do primeiro trecho da minha viagem (ida) que foi com a KLM. Na volta para o Brasil voltei pela Air France. Veja como é voar na classe econômica da Air France. Espero que gostem deste review, não sou um “expert” mas tentei tirar todos os detalhes desta viagem.

Introdução

O destino final da minha viagem era Berlim mas como a KLM oferece uma parada grátis em Amsterdã (que pode ser na sua ida ou na volta) eu decidi comprar por ela e por saber que ela é umas das melhores companhias áreas para viajar. A minha estadia em Amsterdã durou 5 dias.

Compra

O site da KLM é muito fácil de usar, apresenta diversas opções e combinações de voos. Apesar de ser fácil eu não comprei pelo site da empresa e explico para vocês: moro em Florianópolis e o voo de São Paulo (GRU) direto pra Amsterdã era às 19h10 e as combinações no site não eram tão boas. A primeira era sair 10h da manhã (pela GOL) e pegar uma conexão bem longa e a outra era sair às 17h (pela GOL). De Floripa para SP a duração é de 1 hora, e esse tempo não é o necessário para fazer uma conexão de um voo internacional, mesmo com as bagagens indo direto pra Amsterdã. Atrasos podem ocorrer e obviamente esse tempo não era suficiente.

Liguei para o telefone que estava no site e perguntei se eles poderiam combinar um voo da Latam que saía por volta das 14h de Florianópolis, mas me disseram que só poderiam realizar o que o site estava mostrando. Relatei que este voo das 17h que nunca daria tempo e a atendente me respondeu que “era com base nos voos de clientes”. Depois de ouvir isso só agradeci a informação, pois não adiantaria tentar explicar que era impossível esse mínimo tempo dar certo.

Diante disto, minha compra dos bilhetes foi realizada por uma agência de viagem da minha cidade, onde minha namorada já tinha comprado com eles em viagens anteriores. E com eles consegui fazer a combinação que eu queria, que era pegar por volta de 3h a 4h de conexão.

Check-in

9,5

O check-in abre 30 minutos antes do horário do voo e eu o fiz com muita facilidade. No aeroporto em Florianópolis foi feito pela Latam. Despachei as malas e a atendente me disse que eu as pegaria em Amsterdã. Atendimento rápido e sem filas.

Ao chegar no Aeroporto de Guarulhos fui ao guichê da KLM para verificar se houve alguma alteração no portão de embarque.

Fiquei 7 minutos na fila para ser atendido. O atendimento foi muito simpático e a funcionária nos informou que o portão de embarque havia sido alterado.

Ao esperar o embarque dei de cara com o maior avião do mundo, o imenso A380 da Emirates. Fiquei feliz em vê-lo a poucos metros, coisa que só tinha visto por fotos.

O embarque foi anunciado às 18h13 com as informações de praxe: primeiro prioridades definidas por lei. Logo ao informar isso, foi formando uma fila e confesso que não entendo muito essa pressa de entrar no avião sendo que cada um tem seu lugar marcado. Dois minutos depois a fila já estava bem longa.

Cabine

10

Antes de falar sobre o interior do avião quero destacar um ponto importante: na entrada do avião todos eram recebidos pela chefe de cabine, que deu as boas-vindas com um largo sorriso e com um “bem-vindo” em português.

O voo estava cheio de idosos que iam fazer uma excursão e deu para perceber que a tripulação ajudou cada um com calma e prestatividade.

O avião estava bem limpo, a configuração era 3x4x3 e espaço da poltrona era bem amplo. Não sou alto (1,72m) por isso tirei uma foto de um holandês que estava do lado e que tinha mais de 1,80m para vocês terem uma ideia.

Às 19h23 nosso avião foi autorizado a ir para pista e finalmente às 19h42 o nosso voo com destino a Amsterdã decolou.

Nas vezes que fui ao banheiro, sempre estavam limpos e organizados.

Entretenimento

9,5

A TV de cada assento era On Demand, em que você pode escolher o que quer fazer. Tinha inúmeras opções de filmes, músicas, séries, programas de notícias, esportes, jogos etc. A tela touchscreen da TV era muito boa e o acendimento da luz do teto era feito por ela. Tinha revistas onde ofereciam produtos que poderiam ser comprados ou trocados por milhas (para os associados Fly Blue) durante o voo (relógios, jóias, canetas).

O monitor tinha uma boa qualidade de definição das imagens e uma coisa que me chamou a atenção foi que cada pessoa poderia se comunicar com outro passageiro através de um “chat”. É um ponto positivo para pessoas que não consegue se sentar próximas aos amigos e para quando bater um tédio durante o voo.

Serviço de bordo

9,5

Quando entramos na aeronave já estavam sob os assentos um travesseiro e uma manta higienizada.

Ainda pouco antes do embarque também passaram distribuindo fones de ouvido.

Note que eles vem em uma embalagem lacrada com o logo da KLM.

Às 20h as comissárias começaram a oferecer bebidas e um aperitivo. Havia bastante variedade de bebidas (água, sucos, refrigerantes, tônicas, vinho, uísque).

O aperitivo era amêndoas defumadas (bem gostosas). Pedi um vinho sul-africano para acompanhar. Senti falta de toalhas para a higienização das mãos.

Cerca de 30 minutos depois passaram recolhendo o lixo com o mesmo bom humor. A simpatia das comissárias realmente me surpreendeu.

Por volta das 20h50 foram servidas as primeiras refeições. Aqueles que solicitaram refeição especial (pessoas que não podem comer glúten, vegetarianos, diabéticos etc). Uma senhora que estava na minha frente foi uma destas pessoas que foram servidas primeiro. O cheiro estava bom e deu para ver que a refeição dela tinha legumes no vapor e três frutas (banana, uva, maçã) além das outras coisas como salada, água…

Para quem precisa destas refeições, elas são gratuitas e podem ser solicitadas através do check-in na internet.

No jantar teve a mesma variedade de bebidas que foram servidas junto com o aperitivo. O meu jantar chegou às 21h e as opções eram frango ou peixe. Vi que a maioria pediu frango e também foi minha escolha. Pensei que viria um frango em cubos com arroz, mas não! Veio um escondidinho de aipim (que delícia!) com legumes. Excelente!! A simpatia na entrega das refeições e a boa comida me fizeram esquecer do atraso do voo.

Além do escondidinho, havia também um pãozinho quente e macio (bem gostoso), tempero, salada, uma pequena caixinha que continha uma bolacha de água de sal, manteiga e cream cheese e sobremesa de coco com amêndoas. Um detalhe nesta caixinha me chamou a atenção: a KLM demonstrou que se preocupa com o desperdício de alimentos.

“Se não for comer, não desperdice. Seu vizinho poderia comer dois.”

O serviço foi rápido e eficiente. Fui testar novamente a simpatia da comissária (que por sinal deu para perceber que elas se dividem por corredores). Além da garrafinha de água que vem junto com o jantar, eu pedi um refrigerante, que foi prontamente atendido com um sorriso no rosto. Quando começou a servir a fileira de trás, eu pedi mais um pãozinho que novamente foi dado. Os talheres eram de plástico.

O jantar estava muito bom. Nota 10 com louvor. Meia hora depois passaram servindo licores, Amarula, água, chás, café, conhaque, pra ajudar na digestão.

As comissárias se esforçaram para falar algumas palavras em português arriscaram um “frango ou fish”, “água”, “café com leite”. Ponto positivo, simpatia sensacional. Minha namorada pediu um chá e eu uma Amarula.

Quero destacar que com a KLM não tem miséria. Você pode pedir o quanto quiser.

Detalhe no copo do de chá: um moinho.

Ao servirem estas bebidas elas já aproveitam para retirar a bandeja do jantar. Dez minutos depois passam recolhendo os copos de quem já havia terminado.

No fundo do avião ficam bebidas e barras de cereais para quem quisesse pegar. Na madrugada as comissárias passam oferecendo água e um doce típico holandês: o stroopwafel. Como não consegui dormir peguei alguns para experimentar.

Faltando 2h10 para o pouso as luzes se acenderam e as comissárias passaram oferecendo um pano quente para a limpeza dos rostos.

Vinte minutos depois novamente foram servidas as pessoas que solicitaram refeições especiais. Na fileira da frente consegui ouvir a comissária dizer “diabetics, gluten free”. Logo depois foi servido o café da manhã para o restante dos passageiros. Apesar de ser cedo o bom humor das holandesas não foi deixado para trás. Atendimento impecável e com eficiência.

O café da manhã era farto. Foi servido pão, frutas, água (bebidas a escolha), um bolinho de coco, manteiga, geleia. De principal foi servido um cachorro quente de forno, a massa parecia a de uma torta, estava quente e gostoso.

Depois desta comilança durante o voo posso afirmar que ninguém passa fome na KLM. Você come e bebe o quanto aguentar, nada é regulado.

Faltando 1h para pousar, passaram recolhendo o lixo e ao mesmo oferecendo mais bebidas.

Comissários e equipe de solo

10

Aqui quero destacar que os funcionários da KLM são ótimos profissionais e posso afirmar que fiquei bastante satisfeito com o tratamento que foi dado. A equipe de solo em Guarulhos foi muito gentil e as comissárias foram impecáveis.

Apesar de ser um voo de longa duração, as comissárias fizeram com que o voo fosse menos desgastante.

Programa de fidelidade

10

A KLM, juntamente com a Air France, utiliza o Flying Blue como programa de fidelidade. A empresa tem parcerias com diversas companhias aéreas e aqui no Brasil a GOL é uma delas. Antes de viajar fiz o cadastro e nesta viagem já comecei a acumular minhas primeiras milhas.

A empresa faz parte da aliança global Skyteam, onde oferece benefícios e parcerias em conjunto com empresas como Air France, Aerolineas Argentinas, Aeromexico, Air Europa, Alitalia, Delta, Korean, entre outras. Quem tiver status Elite ou Elite Plus em alguma das empresas da Skyteam, pode desfrutar de vários serviços adicionais ao voar KLM, como check-in e embarque prioritários, franquia adicional de bagagem, assentos preferenciais e acesso às salas VIP (apenas Elite Plus).

É possível resgatar passagens do Brasil para Europa para voar com a KLM a partir de 50 mil milhas Smiles ou a partir de 20 mil para voos dentro da Europa. No entanto, quem desejar acumular milhas de voos KLM no Smiles deve ficar atendo as regras do bilhete comprado, já que parte das tarifas em classe econômica podem pontuar apenas 25% ou 50% das milhas voadas, dado o acordo estabelecido entre os programas.

Nota final

9,7

30 minutos antes do pouso o piloto se pronunciou. Agradeceu por ter escolhido a KLM e desejou boas-vindas à Amsterdã.

Apesar do atraso na saída de São Paulo nós chegamos antes do horário previsto.

No final do voo, ao sair do avião, encontrei com a comissária que ficou no meu corredor e fui agradecê-la pelo serviço. Perguntei o seu nome e disse que fiquei muito contente pelo tratamento e simpatia que ela e a equipe demonstraram. Ela me agradeceu e me perguntou se eu gostava da Holanda. Disse que sim (era a minha primeira vez no país) e ele me deu de presente uma casinha. Essa casinha para quem não sabe é apenas dada para quem voa na classe executiva. As Casinhas Delft Blue da KLM são réplicas de casas típicas holandesas, são feitas de porcelana e no seu interior guardam dentro de si um pouco de gim holandês. Para quem é colecionador há mais de 100 tipos diferentes.

Ao receber este presente fiquei mais feliz ainda e por ter tido a certeza que fiz a escolha certa na hora de escolher a companhia aérea para o meu primeiro voo internacional. Recomendo a todos!


Agradecemos ao Jackson pelo belo relato! Quer ver a sua avaliação publicada no Melhores Destinos? Solicite as instruções, capriche no texto e nas fotos e mande para a gente: avaliacao@melhoresdestinos.com.br

Veja também a avaliação de voo da KLM em classe econômica, e ainda a avaliação da classe executiva da KLM, feitas por nossa equipe.