Como é voar na Transavia, a low cost da KLM

Redação 05/07/2013 às 15:52h 39 Comentários

Para quem quer economizar, é impossível viajar pela Europa sem voar com alguma companhia low cost low fare. Elas estão espalhadas por todo o continente, com suas tarifas atrativas, mas nem todas são iguais, por isso é bom ficar atento. Hoje, apresentamos a Transavia, uma low cost holandesa do mesmo grupo da KLM. Nosso leitor Élder Montes Rodrigues voou com a companhia e preparou um relato detalhado sobre seus pontos fortes e fracos. Se pretende incluir Amsterdã ou  outra cidade holandesa no próximo roteiro não deixe de ler!

Avaliacao-transavia-capa

A Transavia é uma companhia low cost que opera como parte independente do grupo KLM-Air France, tendo como principais bases os aeroportos de Amsterdam Schiphol, Roterdam/Den Haag, Eindhoven e Paris Orly. Fundada em 1966, foi crescendo consideravelmente e foi comprada pela KLM em 1991 (80% das ações) e em 2003 (20% restantes), antes da fusão com a Air France. Tem uma frota de 33 Boeings 737-700 e 737-800 e opera principalmente na Holanda, França, Itália, Espanha, Grécia, Portugal, Turquia, Marrocos, Alemanha e Áustria. Opera nos cinco grandes aeroportos holandeses (Amsterdam Schiphol, Roterdam/Den Haag, Eindhoven, Maastricht e Groningen) para vários destinos europeus e alguns na África e Oriente Médio. A Transavia também opera voos de passageiros da KLM que fazem conexão em Amsterdam para voos intercontinentais. Apesar de low cost, não apresenta muita concorrência com a Ryanair principalmente pelo fato de a companhia irlandesa não operar em Schiphol, e estas não possuírem muitos trechos em comum.

Transavia-avaliacao

Compra

Comprei o voo Valência (VLC) – Amsterdam Schiphol (AMS), voo HV 6332, com cerca de dois meses e meio de antecedência por 45 euros (preço inicial do trecho) sem bagagem de porão. Os preços da Transavia não chegam a ser como os da Ryanair ou da EasyJet, mas no meu caso valia mais a pena, já que os preços de voos para os Países Baixos saindo de Valência pela Ryanair estavam entre 30 e 40 euros (além das taxas de administração do cartão de crédito de 6 euros que eram cobradas na Ryanair, que agora estão reduzidas para 2% do valor da passagem) e não iam diretamente a Amsterdam, e sim a Eindhoven, onde ainda seria necessário pegar um trem que custaria cerca de 20 euros para chegar a Amsterdam.

O site da companhia é fácil de ser usado e apresenta a vantagem de ser mostrado no próprio calendário os dias em que os preços dos trechos estão mais baixos. Ao realizar a compra eles não tentam, como a Ryanair, vender até a própria mãe por 5 ou 10 euros, a compra é muito tranquila, mostrando os extras que podem ser adquiridos mas sem as pegadinhas da Ryanair. Assim que a compra é feita, um comprovante da compra é gerado e deve ser apresentado durante o check-in.

Transavia-avaliacao5

Assim como as outras low cost europeias, o passageiro só temos direito à bagagem de mão, no caso da Transavia, de até 10 kg e dimensões 55 cm x 35 cm x 25 cm. Bagagem adicional pode ser adquirida durante a compra ou depois.

Check-in

O único pequeno problema que tive com a companhia. Como todos os passageiros devem fazer o check-in no balcão, a fila estava relativamente grande e só havia duas pessoas trabalhando nos balcões, esperei cerca de 40 minutos para ser atendido. Um diferencial é que recebemos o cartão de embarque com o assento marcado, como ocorre nas companhias tradicionais.

Tive medo que me pedissem que colocasse minha mochila de camping na temida caixinha onde ela teria que caber para ser aprovada como bagagem de mão (a mochila estava com medidas além das permitidas e estava com cerca de 12 kg), não sei se por sorte ou por amabilidade dos empregados da empresa, não me foi pedido para colocar a mochila na caixinha e ainda me ofereceram despachar gratuitamente minha mochila, já que o voo não estava cheio, e aceitei, para não ficar rodando pelo aeroporto com 12 kg nas costas. Minha mochila foi pesada e mesmo assim não tive problemas com seus 12 kg (já tinha os vários casacos prontos para serem tirados da mochila e colocados no corpo, o que eu e meus amigos chamamos de Ryanair boarding style).

Voo

O embarque foi rápido e sem problemas, o voo não estava muito cheio. O espaço de bagagem era maior que das demais companhias e não precisei comprimir minha mala para que ela coubesse.

Avaliacao-voo-transavia

Os atendentes eram muito simpáticos e todos holandeses, com um inglês perfeito (como quase todos os holandeses), não sei se eles sabiam espanhol, mas creio que há uma grande possibilidade de falarem, já que os holandeses em geral têm um grande nível de fluência em línguas estrangeiras.

 

Transavia-interiorO avião estava impecável de limpeza e cheirava muito bem, as poltronas são mais confortáveis que as da Ryanair e EasyJet, podendo reclinar ligeiramente, e os espaços entre fileiras era maior (notei bem a diferença porque tenho 1,84 m). A visão geral do interior do avião é mais límpida, em verde e cinza claros, em comparação ao amarelo e azul bregas da Ryanair.

Um problema que percebi foi a falta de informação em outras línguas, as informações de segurança eram dadas em vídeo com áudio em holandês e legendas em inglês, e informações adicionais eram dadas às vezes só em holandês. Como o voo saía da Espanha creio que as informações também deveriam ter sido dadas em espanhol, língua que não foi utilizada em nenhum momento durante o voo.

A alimentação também é comprada (cheguei a pensar que poderia haver um lanche grátis já que a Transavia opera voos da KLM para passageiros em conexão). Os comissários, porém, não parecem vendedores de rua que ficam te empurrando comida, perfume, cosméticos, raspadinhas e cigarros como ocorre na empresa irlandesa.

Transavia-avaliacao4

O voo chegou no horário previsto e o desembarque ocorreu com muita calma no aeroporto de Schiphol, que é, até agora, o melhor aeroporto onde já estive.

Visão geral

A Transavia é a melhor companhia “low cost” que já viajei, considero meu voo VLC-AMS melhor que um voo BH-Rio da Gol, os aviões são confortáveis, a tripulação simpática e prestativa. E tem como vantagem fazer voos de vários destinos (Portugal, Espanha, França, Itália, Grécia, Turquia, Egito, Marrocos, Emirados Árabes, Áustria e Chipre) para o aeroporto de Amsterdam, que é muito perto da cidade e que não tem voos da Ryanair.

Transavia-aeroporto

Agradecemos ao Élder por acrescentar a Transavia à lista de companhias aéreas avaliadas aqui no MD, com este excelente relato. E você? Já voou com a companhia? Deixe suas impressões nos comentários! Se você fez ou vai fazer uma viagem com alguma empresa aérea que ainda não foi avaliada aqui no Melhores Destinos ficaremos felizes em publicar sua avaliação: entre em contato pelo e-mail dicas@melhoresdestinos.com.br Você pode conferir todas as avaliações publicadas pelo MD neste post. Não deixe de conferir também nosso Guia de Companhias Aéreas, com dezenas de avaliações e notas dos leitores. Ah, se quiser saber mais sobre viagens de baixo custo leia nosso guia sobre low costs europeias.

Nota: todas as imagens usadas neste post são de divulgação da Transavia

 

39 comentários para “Como é voar na Transavia, a low cost da KLM

  1. Felipe Lauton

    Voa transavia permite acumular pontos no Flying Blue??

    Responder
    1. Ana Cristina Da Roch

      Infelizmente nao, Felipe, voei com eles de Amsterdam a Budapeste e nao consegui juntar milhas. E olha que o voo foi operado pela propria KLM. :-(

      Responder
  2. Samir Peña

    Voei pela Transavia em outubro do ano passado de Paris para o Porto, paguei 50 euros, e realmente a Transavia é uma ótima empresa, quando comprei a passagem não adquiri o transporte de mala e ao chegar no aeroporto de Orly paguei 20 euros, o menor valor que paguei para despachar a mala (na RyanAir me cobraram 60 euros e na EasyJet 30). No meu voo tantos os anuncios como os comissarios, falaram em ingles e frances e nenhum anuncio em portugues (apesar de todos os passageiros serem portugueses).

    Responder
    1. Mendonça J&ua

      Tenho um relato curioso sobre essa companhia.

      Não cheguei a voar pela Transavia, mas em maio, quando estive na Europa, voei de Amsterdam para Londres pela City Jet, cuja avaliação feita por mim aguardo postagem, mas pude ver várias dessas aeronaves da Transavia no aeroporto.

      Achei curioso o fato de algumas delas ter a turbina na cor laranja, já que essa cor não faz parte da logomarca da empresa.

      Quando olhei detalhadamente a ponta da asa, pude ver o símbolo da Gol pintado também de laranja. kkkkkkkkk

      As aeronaves usadas da GOL devem ser adquiridas pela Transvia.

      Nada demais isso, só acho curioso colocar o avião em operação sem que esteja caracterizado com as cores e logomarca da companhia e, pior ainda, possuir detalhes da companhia anterior. kkkkkkkkk

      Responder
      1. Julio Miguel

        A companhia holandesa Transavia faz um arrendamento na alta temporada da Holanda das aeronaves da Gol, que por sua vez no Brasil quando coincide com a baixa temporada. É uma forma da Gol "faturar".

        Responder
        1. Marcos Paulo

          Tanto que elas nem chegam a ser pintadas, e sim adesivadas. Algo raro na aviação e que não chega a ser perigoso mas exige atenção para que todos adesivos estejam bem colados!

          Responder
      2. Denis Carvalho

        Mendonça, sua avaliação é a nona na fila. Acho que publicamos ainda este mês ou no comecinho de agosto. :-D

        Responder
        1. Mendonça J&ua

          Ok, Denis.

          Responder
        2. Salvatore Carrozzo

          Oi,Denis, tudo bom? Mandei no dia 17 de junho o meu relato com fotos dos voos da Air Baltic que fiz em maio. Vcs receberam? Em qual posição da fila ele esta? Rs. Esta fila ta grande, que nem fila p decolagem em aeroporto! Mas que bom q ta assim concorrido, melhor p todos! Abs

          Responder
  3. lucia

    Gente,

    Voei final de semana passado com a Gol (2horas de vôo) e os comissários venderam pacote de amendoim e latinha de coca-cola. Eu comprei porque estava com fome mas, pergunto a vocês que são mais experientes – é assim mesmo atualmente? Todas as empresas estão vendendo as comidinhas e bebidas?

    Responder
    1. Mendonça J&ua

      Não Lucia. Tem coisa pior. Já voei de Arequipa para Cusco com a TACA e não serviram nem venderam nada. Isso mesmo. Não tinha nada. Mas acho também que pelo fato do vôo ter durado apenas 40min. Acho que não dava tempo mesmo.

      Mas tem companhia assim mesmo.

      Responder
      1. Wesley

        Por isso que gosto da Azul , em um vôo de 40 minutos Brasília x Belo Horizonte , ofereceram um ótimo serviço de Bordo! ;)

        Responder
        1. Mendonça J&ua

          Wesley, eu também adoro a Azul. Para mim é a melhor companhia aérea do Brasil.

          Responder
      2. Ronaldo Radünz

        US$ 6 por uma cervejinha a bordo na United, e não tem nem striptease!!

        Responder
  4. Diego

    A Ryanair tá vendendo CIGARROS a bordo agora?? Sensacional!!! Hahahahahahaha

    Responder
    1. Elder Montes

      Sim, cigarros que podem ser fumados durante o voo e com o mesmo nível de nicotina dos cigarros convencionais. Acho que custam 5 euros o maço, mas nunca vi ninguém os comprando.

      Responder
  5. Sergio

    Em maio comprei o trecho Veneza – Paris pela Transavia, mas o trecho foi feito em uma aeronave da Air France. Teve serviço de bordo gratuito, e muito bom por sinal! Acho q tive sorte!

    Responder
  6. Wagner

    Uma coisa é certa: os holandeses tem um inglês muito bom! E a maioria falam várias línguas.

    Responder
  7. Barbara

    Bom saber! Ainda não tive a oportunidade de experimentar a Transavia, mas vou colocar na minha listinha. Até agora a minha low cost favorita era a Wizzair, escrevi um post sobre ela: http://www.brasilnaitalia.net/2013/01/wizzair-se-

    Já a Ryanair, eu espero nunca mais viajar. Companhia péssima, ok, é barata, mas a viagem já começa com stress. É bom economizar, mas tudo tem limite, né?

    Abs aos viajantes.

    Responder
  8. Flavia

    Eu já voei pela Transavia entre Madrid e Rotterdam. A única reclamação que tive foi a questão do check-in (especialmente em Barajas). Mas todo o resto é muito bom, o avião é limpo e os comissário educadíssimos, como todos os comissários da KLM. Para quem está em Paris e deseja ir a determinadas cidades da Espanha também é uma excelente opção com voos diretos (por exemplo, para Sevilla).

    Responder
  9. Bruno Francisco

    Estão mesmo. Eu vi oferecerem cigarros à bordo, sensacional.Viajei várias vezes pela Raynair de maio até julho. O único incoveniente que eu acho é que em alguns casos os aeroportos são longe da cidade de destino, mas pelo preço que se paga vale a pena. Cheguei a pagar 7 euros no trecho Varsóvia-Estocolmo, muito legal. A rede aeroviária na Europa é realmente fantástica, já o trem eu não gostei, é muito caro e há atrasos. A explicação é simples, os trens são estatais e a aviação é privatizada…abs :)

    Responder
  10. Bruno Francisco

    Eles não têm inglês bom, eles falam como os ingleses, perfeitamente. Também falam alemão, francês, etc.. Se há um lugar que se aproxima do paraíso, nesse mundo avacalhado, com certeza é a Holanda. E as "muié", parecem umas bonecas. :) arre.. :)

    Responder
    1. Tito Bosco

      uiaaaa. kd as promos da KLM com stopover pra eu conferir isso la!

      Responder
  11. Bruno Francisco

    hehehe…vai começar em breve, a estréia será a Michelle, mulher do Barack Inácio Hussein Obama, vocÊ quer? :)

    Responder
  12. Danilo Oliveira

    hahahahaahah muito bom!

    Responder
  13. Danilo Oliveira

    Lucia, na Azul eles têm 4 opções de lanche. É ótimo! Se eu fosse rico, teria saudades dos meus tempos de menino (início da década de 90), em que aeroporto era lugar de gente abonada, cada passagem era um talão com inúmeras vias, e os lanches dos voos Vitória-Rio pareciam refeições de restaurantes refinados, rsrsrs… em compensação, o preço das passagens, rsrs… Hoje em dia, se não for na Azul, é melhor se garantir passando num postinho de conveniência antes da viagem ou levando uma marmita de casa, rsrs

    Responder
      1. Fabiana Mello

        Também acho: Avianca é melhor que AZul.

        Responder
  14. Danilo Oliveira

    Já voei pela Transavia em 2011, indo de Berlim a Amsterdã! Tudo muito tranquilo. Check in rápido, fácil e todo o resto que foi comentado acima. Recomendo!

    Responder
  15. ROMULO AUGUSTO DA SI

    Também concordo, mas o preço da passagem sempre é o mais caro.

    Responder
  16. Bruno Ricardo

    Diego, voei na Ryanair de Barcelona pra Roma no meio do ano passado, cigarro eu não vi, mas bilhetes da loteria, e as coitadas das comissarias fazendo propaganda toda hora pra vender alguma coisa, isso não faltou.. hahah

    Eu tive sorte, peguei as poltronas da saida de emergencia das asas, não tive problemas mas meus amigos, tiveram que pagar 50 euros por cada mala, e o mais irritante era que passaram outras malas de mão maiores e eles deixaram passar..

    É uma cia. complicada, se for usar, tem q se atentar a todos os detalhes, pra não ter stress, a gente quase perdeu o voo em Barcelona, pq tinha que carimbar o cartão de embarque que não havia informação em lugar nenhum sobre isso.

    Responder
  17. Bruno Ricardo

    Viajei no final de maio do ano passado de Veneza pra Amsterdam, muito tranquilo, o único trabalho foi por sair de um aeroporto mais longe, mas ainda assim compensou, pelo preço e principalmente pela qualidade. Recomendo quem poder utiliza-la em suas viagens.

    Responder
    1. Humberto

      Olá gostaria de saber como você foi de veneza até o aeroporto, pois pretendo comprar esta passagem de veneza até amsterdã, Se puderes me responder agradeço muito. Obrigado.
      humbertorlima@yahoo.com.br

      Responder
      1. MOLEQUE BRAVIO

        É INDO POR LINDA MELINA CARDINALE E VIRANDO NA 1A DIREITA. EU TOMEI CARONA

        Responder
  18. Melissa B

    e vcs ainda acham que os lanchinhos da azul sao de graça…kkk..pagamos e como por isso.ja me acostumei com compagnias que nao oferecem serviço de bordo gratis.na europa quase todas inclusive as tradicionais cobram pelo serviço e algumas so oferecem lanchinhos ou refeiçao em horarios especificos cafe,almoço e jantar.tanto na klm como lufthansa ja peguei voos com um jantar delicioso e em outros os mesmos amendoins oferecidos pela tam.uma coisa e certa os lanches vendidos aqui pela gol sao extremamente caros.na transavia ja sao super baratos assim como os preços das passagens como ja foi dito.

    Responder
  19. Lucas Silva

    Vou realizar um voo na Transavia agora em dezembro de Paris Orly para Marrakech. No site da cia diz que o Check in somente poderá ser realizado entre 24h e 4h antes da decolagem. Quer dizer que tenho que chegar com mais de 4 horas de antecipação do voo???

    Responder
  20. Alessandra de Paula

    Acho que é online. Espero que seja, vi que tem link no site, mas vai em desacordo com o depoimento do Élder. Quem sabe não mudou, né? Também vou usar a Transavia agora em dezembro.

    Responder
  21. Carolina

    Voei recentemente pela Transavia num voo Veneza-Paris Orly e não tive uma boa experiência. Fila do check-in enorme, poucos funcionários atendendo e a saída do voo atrasou! Olhava para o balcão das outras low costs e não era o caos que estava na Transavia. Enfim, tentarei evitar numa próxima viagem.

    Responder
  22. Carlos

    Tenho voo marcado para o funchal no dia 30/09/2014 e o check-in não está a ser possível online. A resposta é apenas no aeroporto.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>