Como é voar na classe executiva do Boeing 767 da LAN

Camille Panzera 22 · outubro · 2014

Quem acompanha o Instagram do Melhores Destinos (@melhoresdestinos) sabe que nossa equipe esteve recentemente no sul do Chile, visitando as cidades de Pucón e Valdivia, além da Reserva Biológica Huilo Huilo. A viagem aconteceu por um convite da Latam e nos permitiu voar na classe executiva da LAN, no Boeing 767-300 e agora trazemos a avaliação desse voo para vocês, encerrando o nosso especial de avaliações de classes executivas!

O voo em questão foi o LA 750, no dia 19 de outubro, programado para sair de Santiago (SCL) às 7h05 e chegar a Guarulhos (GRU) às 12h. Como a viagem foi a convite da companhia, não houve compra de passagens. Já fiz esse trecho algumas outras vezes, tanto com a LAN, como com a TAM e a GOL. As viagens anteriores, foram em classe econômica e na classe executiva da TAM. 

avaliacao-767-lan-executiva

Check-In
Cheguei ao aeroporto com mais ou menos duas horas de antecedência e as filas nos guichês da LAN já estavam bem cheias. Não consegui fazer o check-in nas máquinas de auto-atendimento, mas isso não foi de todo ruim, porque nesse momento fui encaminhada para o local onde é feito o check-in na executiva. O atendimento é feito em uma área especial, mais reservada, no andar superior ao check-in e embarque convencional da área internacional do Aeroporto Arturo Merino Benitez. No check-in também descobri que o voo sairia uma hora mais tarde porque o Brasil tinha adotado o horário de verão naquele dia.

Na área dedicada à Business, nada de filas. O check-in foi bem fácil, durou apenas alguns instantes e foi feito por uma funcionária atenciosa. Próximo a essa área, fica a dedicada à imigração dos passageiros que viajam na executiva e mais uma vez o trâmite foi muito fácil, também não havia ninguém na fila. Isso é uma mão na roda porque as filas de imigração em Santiago às vezes são grandes.

avaliacao-executiva-lan-20

Embora eu não tenha usado, passageiros da executiva têm direito de utilizar a sala VIP Neruda. A sala estava bem vazia, tinha apenas duas pessoas, e dispunha de poltronas confortáveis para descansar ou tirar um cochilo, computadores, wifi, jornais, televisão, além de uma boa variedade de bebidas e lanchinhos.

avaliacao-executiva-lan-21

Após a espera para o embarque, que passou rápido enquanto eu me entretia com Kenzo, filho de um leitor do MD, pude fazer o embarque e como passageira da executiva, estava disponível o embarque prioritário. Ainda no finger, perto da porta do avião, estavam expostos jornais e revistas chilenos e brasileiros para que os passageiros pudessem ler durante o voo.

Avião
O avião utilizado no voo foi o 767-300, estava limpo e tinha aparência de novo. Os assentos estavam dispostos em três fileiras, cada uma com duas poltronas – 2-2-2. O teto tinha aquele visual sky, mais moderninho. Na poltrona estavam disponíveis fones de ouvido, a revista de bordo, a revista de vendas do free shop da LAN e o menu da refeição do voo.

As poltronas eram muito confortáveis, com um enorme espaço para as pernas e para que o assento se inclinasse completamente. O assento tinha botões para inclinar por completo (180°) ou ajustá-lo em três áreas diferentes; cabeça, tronco e pernas. Nas poltronas, de tecido e couro avermelhado, havia ainda lâmpadas individuais, suporte para casacos, tomada universal para recarregar dispositivos, entrada USB, divisória para ter mais privacidade em relação ao passageiro vizinho e controle remoto com botões para controlar o serviço de entretenimento, acender a luz ou chamar um comissário.

Avaliação Executiva - LAN

Serviço de bordo
Logo após o embarque e acomodação dos passageiros e das bagagens, uma aeromoça passou servindo suco de laranja ou água. Em seguida, outra aeromoça passou oferecendo jornais e revistas e distribuindo um kit conforto com meias, protetor de ouvido, máscara de dormir, caneta e sacola. Mesmo sendo um voo curto, com duração de menos de quatro horas, achei interessante que esse kit fosse dado aos passageiros. A qualidade não era lá grandes coisas, mas achei bacana que pelo menos estava disponível.

A permissão para retirar os cintos durou um pouquinho mais do que o normal, pois assim que avião decolou entramos em uma área de turbulência. Após isso, os passageiros já trocaram suas poltronas por “camas” e as aeromoças começaram a cobrir os passageiros com mantas e a distribuir travesseiros. Há que se mencionar que a qualidade das mantas e dos travesseiros era boa, a manta esquentava de verdade e era muitíssimo superior ao tecido que é oferecido na classe econômica, que pelo menos para quem sente frio, não é suficiente.

executiva-lan3

Refeição
Pouco tempo após a decolagem e todos devidamente acomodados com suas mantas, uma comissária passou entregando toalhas de pano quentes para higienização das mãos. Depois, outra passou cobrindo as mesas com um guardanapo de pano para a bandeja de comida que viria a seguir. Como era um voo curto, estava disponível somente uma refeição, que era o café da manhã.

No bolsão à frente da poltrona estava o cardápio com o menu do dia: os pratos disponíveis para o café eram omelete ou prato com um mix de frios e queijos. Escolhi a segunda opção e não me parece ter sido muito acertada. Achei o prato sem graça e com pouca variedade de queijos ou frios; o que salvou mesmo foram as torradas e as frutas que acompanhavam a refeição.
Para beber havia sucos, chás, refrigerante, café, água, vinho, whisky, cerveja e outras bebidas que foram servidas duas vezes.

Durante o voo, os talheres utilizados eram de metal, os guardanapos de pano, os copos de vidro, os pratos e outros recipientes, como o saleiro e pimenteiro, eram de porcelana. Disso não há o que se reclamar.

Avaliação Executiva - LAN

Entretenimento
Essa é uma área da LAN que eu sempre gosto e que não me decepciona. Em outra oportunidade já assisti a um filme brasileiro antes de estar disponível em nossos cinemas. O televisor à frente da poltrona era grande e tinha funções disponíveis em inglês, espanhol e português.

Na tela, que funcionava com um controle remoto fixado na poltrona, estavam disponíveis uma enorme variedade de álbuns musicais, de artistas de diversos gêneros; jogos, o mapa do voo com trajeto e duração até o destino, temporadas inteiras de seriados e filmes – muitos filmes. Havia títulos lançados há pouco no cinema, como 300 A Ascensão do Império, Hotel Budapeste, Godzilla e A Culpa é das Estrelas (que eu não recomendo se você não quiser chorar durante o voo).

Outro ponto positivo do sistema de entretenimento é que os fones de ouvido isolavam bastante os ruídos externos, o que permitia que você escutasse o que estava passando na TV sem precisar colocar o volume no máximo.

executiva-lan

Chegada
A chegada ao Aeroporto de Guarulhos foi pontual e o desembarque foi feito no novo Terminal 3. Como os passageiros da executiva saem antes do avião e o aeroporto estava vazio, não houve muita fila na imigração brasileira. Não demorou muito, as malas já estavam passando na esteira para que os passageiros a retirassem.

Para quem ainda não passou pelo Terminal 3 de Guarulhos, a primeira chegada é impactante. O terminal está bem moderno e espaçoso quando comparado ao utilizado anteriormente. Agora o free shop fica depois da Receita Federal e está bem maior e com mais opções de produtos.

Conclusão
Achei o conforto e serviços oferecidos pela LAN ótimos. O entretenimento a bordo é excelente e as poltronas que viram cama são sensacionais para quem quer descansar. Não gostei tanto da minha escolha para o café da manhã, acho que eu teria sido mais feliz com o omelete, mas de qualquer forma, o atendimento das comissárias e as regalias de um voo na executiva são ímpares. O voo podia até durar mais algumas horinhas que eu não ia me importar. Quem viaja nessa classe não deve deixar de averiguar a possibilidade de utilizar alguma sala VIP nos aeroportos por onde passar. Não deixe de ler também nossa avaliação da classe executiva da LAN no Boeing 787 Dreamliner!

Publicado por

Camille Panzera

Camille

  • Marco Tulio Coelho

    E as bebidas? Nao tinham opcoes de alcoolicas,”?
    Adorei o post, mas tbm fiquei triste

    • Fellipe

      Provavelmente não haviam opções de bebidas alcoolicas por que o voo era pela manhã. Estou enganado?

    • jorge moraes

      Uma correção finger não é aquele corredor que leva o pax do terminal direto ao avião. Esta é a ponte de embarque. Finger na verdade, é uma grande estrutura onde várias pontes de embarque são conectadas. Por exemplo em Guarulhos, o terminal 3 onde os aviões se conectam ao terminal, é um grande finger.

  • Fernando

    Dênis, e a avaliação do novo voo da Aeroméxico saindo do Rio de Janeiro? Quando irá sair? Aguardo resposta. Obrigado!

  • Adson Silva

    Gostei da avaliação mas tenho uma dúvida: No começo do texto você falou que viajou a convite da companhia. Esse convite foi feito para que você fizesse uma avaliação ou por qualquer outro motivo? Porque eu penso que se foi para uma avaliação, a companhia com certeza faria tudo do bom e do melhor para você , para assim ter uma avaliação boa. Mas caso este não tenha sido o motivo esta empresa é muito boa !

    Abraços

  • Matheus

    Acho que avaliações como essa não deveriam ser feitas quando “a convite”. Lógico que se a empresa convidou, é de total interesse dela prestar o melhor serviço mesmo que esse não seja de praxe. Acho esse tipo de avaliação imparcial. Gosto de uma revista do mercado de viagens que abandonou as avaliações quando algum hotel/empresa fazia o convite. Todas as reportagens de avaliação eram feitas pelos reporteres quando estes pagavam e se passavam por um cliente comum!

    • Matheus, apesar da companhia ter feito o convite, o pessoal de bordo, check-in etc não sabe disso. Não há uma identificação para que eles prestem algun serviço diferenciadp. Basta comparar com a avaliação da LAN feita no 787 pelo Cassol que publiucamos há alguns dias. Nós arcamos com os custos e o atendimento foi o mesmo. Ah, e o convite da companhia foi para conhecer os destinos, eles nem sabiam que faríamos essa avaliação.

      • ARYSON FRANCA

        Isso mesmo Denis, é feito quando compramos com milhas ou em promoção, o pessoal não sabe quem pagou mais ou menos, para eles o que importa é o ticket da Business e ele tem que prestar o serviço desta classe.

    • Fernando

      Concordo Matheus! Para mim, essas avaliações não servem de parâmetro.

  • Ariádine Marques

    Tem algum post sobre a estadia em Pucón? Tem interesse…

    • Camille Panzera

      Ainda não, mas teremos um guia no Guia de Destinos.

  • Olá Adson, como a Camille falou no início do post, o convite foi para conhecer as cidades chilenas de Pucón e Valdivia. Eles não sabiam que faríamos essa avaliaçãodo voo e não houve nenhum atendimento especial nesse sentido – um voo normal com os demais passageiros e o mesmo atendimento dado a todos.

    • Adson Silva

      Entendido !

  • Semana que vem a gente posta

  • Camille Panzera

    No menu havia algumas opções de bebidas alcoólicas. Inclui no texto. 🙂

  • Myrines

    Ola, em junho deste ano aproveitei os jogos da copa e viajei para o Chile. Fui e voltei de Classe Executiva. Sempre viajo de Tam. Então na minha compra foi voos Executiva ida e volta com aviões da TAM. Com várias mudanças de horários voltamos em executiva, em horario adequado pela empresa. Então nos colocaram em um avião da LAN.
    Quanto a estrutura de terra é muito boa. Aeroporto, Sala vip. Porém quando fomos embarcar não pude embarcar com minha mala de bordo que estava nas medidas e peso correto. Quando entramos a decepção foiu maior ainda. As poltrnos eram de tres , porém não usavam a poltrona do meio. Fiquei extremamente decepcionada, porque esperava uma viagem confortavel o que não aconteceu. Desta forma me decepcionei com a LAN.