Como é voar na Air Tahiti

Denis Carvalho 22 · outubro · 2013
O Tahiti é certamente um dos destinos mais desejados do mundo. A visão daquelas cabanas sobre as águas do mar cristalino são mesmo um sonho para qualquer viajante. Pois nosso leitor Alan Marra embarcou com a família para conhecer este paraíso após uma dica de promoção aqui do Melhores Destinos e de quebra preparou uma avaliação esperta sobre a companhia aérea Air Tahiti, a companhia doméstica que voa entre as ilhas. Vale a pena acompanhar o relato, que está imperdível!

Depois de muito viajar com as dicas do Melhores Destinos, surgiu uma oportunidade única através das promoções do site: Taiti, Polinésia Francesa. Tínhamos 15 dias de férias para tirar. Perfeito! 

Avaliacao-Air-TahitiNo fim de julho de 2012, recebemos a dica do MD para viajar para lá através da LAN (http://www.melhoresdestinos.com.br/taiti.html) e depois de avaliarmos nosso “caixa” decidimos: comemoraremos os 40 anos da Marieta (maio de 2013) nessas ilhas paradisíacas… Compramos em 8 vezes sem juros! 

Nossa viagem começou… Para nós, a viagem começa quando compramos a passagem. Nunca decidimos o lugar antes de viajar, pois montamos a viagem em cima das promoções que aparecem. Foi assim com Sydney, Lima, Sul da Paraíba, Amsterdã, Curitiba, entre outras. Tudo via MD!

Somos do Rio de Janeiro, mas nas datas que precisávamos não encontramos as passagens partindo do Galeão. O jeito foi comprar partindo de Guarulhos. Paciência…

Viajamos no fim de abril de 2013, ou seja, nove meses depois da compra. Devido à compra com tanta antecipação, houve duas mudanças de horários de por parte da LAN e acabamos perdendo uma passagem GRU-GIG, comprada separada do bilhete original. Porém, tivemos o lado bom… Diante dessas mudanças no voo original, conseguimos dois stopovers gratuitos: Ilha de Páscoa e Santiago! Ou seja, até o momento três destinos sensacionais!

Iniciou-se a pesquisa sobre o que fazer no Taiti, pois não é do nosso gosto ficar somente num “over water” (bangalôs sobre o mar cristalino) dos grandes hotéis que se espalham pelas principais ilhas: o próprio Taiti, Bora-bora, Moorea, Ragiroa, etc… Sem contar a fortuna que é uma diária nesses locais. Gostamos mais de coisas menores, mais simples, e claro, mais baratas! Decidimos conhecer algum Tuamotu, as pequenas crateras vulcânicas parcialmente submersas.

image7(1)

Aí veio a parte mais difícil: qual Tuamotu escolher? São muitos e cada um mais bonito que o outro. Avaliamos os custos, os horários e o tempo de voo para viajar para cada um deles e nossa escolha foi por Mataiva. Menos tempo de voo e com melhor horário. Um tuamotu com apenas 300 habitantes (dados Lonely Planet 2011), sem acesso à internet e com apenas três pensões familiares, que estão ligadas ao mundo por telefone. A energia elétrica é fornecida através de geradores e/ou placas solares.

image1
Imagem do Google Maps

A companhia

O Taiti tem duas companhias aéreas: a Air Tahiti (voos “domésticos” entre as ilhas) e a Air Tahiti Nui (voos internacionais). O objetivo dessa avaliação é descrever como foi nossa experiência ao viajar entre Papeete, capital do Taiti, e Mataiva pela Air Tahiti.

A pesquisa pelo site é simples, descomplicada (em francês – idioma oficial das ilhas – ou inglês) e aceita cartões de crédito internacionais emitidos no Brasil. Não tivemos nenhum problema na compra. Um detalhe importante, para a finalização da compra é obrigatório o fornecimento dos telefones dos locais de hospedagem, tanto no Taiti (origem) quanto em Mataiva (destino).

Descobrimos depois que essa solicitação é obrigatória nos voos para qualquer Tuamotu e é para comunicar aos passageiros e aos locais de hospedagens as possíveis e frequentes mudanças de data e dos horários dos voos, muito comum por lá em função das condições climáticas (furacões, tempestades, etc). Por causa dessas mesmas instabilidades atmosféricas, somente se tem voos diurnos!

Continuando… Ainda não tínhamos fechado a hospedagem (sempre compramos as passagens primeiro) e ficamos impossibilitados de finalizar a compra na 1ª tentativa. Como o custo de uma ligação telefônica para a Polinésia é um “roubo”, compramos créditos Skype e iniciamos as tentativas de comunicação… Não falamos francês, no Tuamotu raros são os que têm noção de inglês, nosso inglês é macarrônico e o português é uma língua que quase ninguém sabe… Lindo, não? Mas viajante que se preza, se vira!

De posse dos telefones das três pensões do Tuamotu (ajuda primordial do Lonely Planet), iniciamos nossas tentativas pelo Skype até que finalmente conseguimos contato com uma delas! Através de uma comunicação básica, para não dizer tosca, fizemos nossa reserva.

Abrimos novamente o site da Air Tahiti, fornecemos os telefones de nossos locais de hospedagem e realizamos a compra do trecho PPT-MTV-PPT (Papeete-Mataiva-Papeete). Não foi possível o parcelamento e custou aproximadamente R$ 885,00 para um voo de duas horas, com uma escala em Rangiroa. Caro, mas não há outra opção para quem tem pouco tempo. A outra forma de ir para os Tuamotus é através dos barcos de carga que abastecem as populações, porém não são frequentes e só se consegue informações nas empresas que se localizam na região portuária.

image4

Recebemos por e-mail o e-ticket e tudo dentro da normalidade. Franquia de bagagem: 1 peça de 20kg no máximo e outra de mão até 5kg, e só! Como somos mochileiros, não tivemos problema, mas existirá para pessoas que carregam muitas malas.

A logística de peso, número de passageiros e capacidade das aeronaves é bem complexa em função das distâncias que esses aviões têm que voar sem abastecimento. Muitas vezes não se encontra mais passagens no site, mas o voo segue vazio. Isso era bem explicado na revista de bordo e por motivos de segurança.

Nosso quase isolamento na Polinésia estava ganhando forma!

Quatro meses depois, recebemos por e-mail a mudança nos horários dos voos. Não houve modificação de data. Observe a escrita da língua deles: indecifrável!

image2

No dia de partirmos para Mataiva, chegamos ao aeroporto internacional de Fa’a com pouco mais de uma hora de antecedência e estava tranquilo. O aeroporto, apesar de internacional, tem uma estrutura bem básica, inferior aos de algumas capitais brasileiras. Nosso voo estava dentro do horário previsto.

image3

Totens para check-in funcionando perfeitamente. Detalhe para os ventiladores no teto, pois não há ar condicionado neste aeroporto, e é quente!

image5

Sem filas para o despacho da bagagem. Observe as funcionárias da companhia aérea: TODOS os funcionários de solo e comissários se vestem com roupas tradicionais da Polinésia (sempre tecidos floridos) e as mulheres com flores naturais nos cabelos.

image6

Esteira de raio-X

image7

Painel na sala de embarque e a sala propriamente dita (também sem ar condicionado):

image8

image9

Os voos são em aeronaves Air-craft ATR72 de aproximadamente 50 passageiros e o embarque é na pista (ao fundo os cumes de Moorea).

image10

O espaço à bordo é bom, um pouco maior que os dos voos nacionais nas principais companhias aéreas (temos  1,78m e 1,53m).

image12

O entretenimento de bordo no voo que fizemos era apenas uma revista, que era bem redigida em inglês, francês e na língua nativa. Dica: pegue no aeroporto os pequenos guias fornecidos pelo órgão de turismo oficial que contem muita informação interessante. Vale a pena pegar!

image11

Interior do avião no momento do embarque.

image13

No pátio do aeroporto: uma aeronave igual a que voamos ATR-72 e duas da Air Tahiti Nui

image14

Vista da decolagem de Papeete

image15

Serviço de bordo: Gratuito apenas suco de frutas tropicais (no nosso caso, abacaxi). Porém tem algumas poucas opções pagas. Tripulação extremamente solícita e atenciosa.

image18

Escala em Rangiroa:

image19

image20

Aproximação em Mataiva:

image21

image22

Imagens do aeroporto de Mataiva:

image23

image24

image25

Quadro de partida e chegada de voos:

image27

“Esteira” de entrega de bagagens:

image28

No dia do retorno, tivemos que ir ao aeroporto 3h antes da partida do voo para a entrega e pesagem da bagagem. Não era o check-in. Ficamos meio receosos, mas esse é o procedimento, visto que eles precisam checar o peso de tudo antes de partir (como dito logo no início do relato, problemas com peso da aeronave). Normalmente o pessoal da pousada já conhece esses tramites da Air Tahiti e conduz os passageiros no horário certo. O voo estava no horário programado e embarcamos tranquilos e com nossas bagagens.

Nessa região os ventos são constantes e esses turbo-hélices sofrem muito com as turbulências. Pegamos na ida e na volta, mas nada assustador.

Passamos 4 dias e 3 noites nesse local paradisíaco, comemos absurdamente bem, nos divertimos muito, remamos por horas lagoa adentro, praticamos snorkel em vários pontos, conhecemos diversas praias sem pegadas… Sensacional!!

Obrigado MD!!!

Alan Marra e Marieta Andrade

atr72-makemo-en

PS1> Quem não come peixe e/ou frutos do mar poderá ter problemas com alimentação, visto que a base é peixe e coco.

PS2> Em Mataiva existe apenas duas vendas pequenas, com artigos de necessidade básica. Em um deles, já não havia cerveja no 2º dia que estávamos por lá.

PS3> Nosso local de hospedagem foi o Mataiva Super Cool, mas existem também o Maitaiva Village e o Ariiheevai Chez Alphonsine. Todos são pensões familiares.

Agradecemos ao Alan por esta avaliação fascinante e essas imagens que com certeza deixarão muita gente com vontade de pegar o próximo avião para o Taiti! E você, já voou com a companhia? Deixe seu comentário e participe! Veja todas as avaliações de companhias aéreas neste post

Algumas fotos da viagem:

 

Publicado por

Denis Carvalho

Editor chefe

  • Rubens Ferreira

    Excelente!!!

    • katia

      Realmente, bem detalhado, dá ´pra ter uma enorme idéia de como é viajar p lá…
      Amei…

  • Bruno Caravaggio

    Simplesmente sensacional a avaliação. Parabéns!

  • Rodrigo Dourado

    Eu estou em choque, principalmente com as fotos e caracteristicas do aeroportos, achei inicrível!

  • Luiz Cunha

    Relato super detalhado, parabens!
    Fotos super interessantes, é de dar uma enorme inveja "BRANCA"…
    Vou colocar na lista de meus roteiros futuros…Muito obrigado por compartilhar!

  • que lugar "horrível". hehehehe… Excelente relato! Parabéns!!! 😀

  • Viajamos contigo nesta Avaliação!
    Super detalhada. Parabéns!

  • Parabéns pelo relato detalhado. Já espero uma nova promoção desta, quem sabe consigo conciliar com as férias.

  • Meu amigo, com certeza será meu proximo destino… kkkk
    haja dinheiro pra isso tudo, mas é um sacrificio que realmente vale muito a pena!
    parabéns pela viagem e obrigado pelas dicas

  • Alan Marra

    Obrigado pelos elogios pessoal!
    Estamos aqui para responder qualquer dúvida.

  • Caramba!!! Fascinante o lugar e brilhante o relato!!! Parabéns!!!!

  • fabiano

    boa noite, efetuei pesquisa no google com o objetivo de localizar o site de vcs e fui direcionado ( através dos anuncios patrocinados) para o site do viajanet. E , no endereco do site, há o termo melhores destinos. Vcs tem parceria com eles?? Achei curioso.

    • Não há parceria Fabiano. Há uma grande malandragem da parte do Viajanet. Imagina só o tanto de pessoas que já entrou lá por engano.

  • Maria Lucia

    amei.Parabéns pela descrição.

  • Nao tem como nao reler e "viajar" novamente para ver se nao perdí algum detalhe! hehehehe
    Parabens pela viagem e pelo confortavel relato!

    • Camila

      Tbm fiz exatamente isso!!! Reli pra ver se não tinha deixado passar nenhum detalhe! heheheh
      Adoro ler relatos. Esse, então, tá fantástico!! O Taiti está nos meus planos pra comemoração dos 10 anos de casados, em 2015. Mas agora, com 3 crianças, acho que vou ter que escolher um outro "melhor destino"… rsrss

  • moalopes

    Para mim, a melhor de todas até hoje.

    • Alan Marra

      Opa!!! Obrigado!

    • Suzana

      Também achei!
      Sem palavras este relato! Excelente, excelente!
      Parabens MD por divulgar promoções como esta e parabéns Alan pela belíssima viagem!!!
      Mais uma vez, estou sem palavras! Lugar encantador…espero um dia poder ver com meus próprios olhos! Felicidades ao casal 😉

      • Alan Marra

        Obrigado Suzana!

  • 10! 10! 10!…….

  • Nossa… incrível, não tem como não ficar com vontade de conhecer, mas vou ser sincera… acho que não teria coragem de voar em um avião desses… rsrsrs
    Mas vocês tem a sorte grande… conheceram um pedacinho do céu aqui na terra.

  • Luiz

    Para o Tahiti a Lan permite 2 stop overs sempre. Pelo menos foi assim quando fui. Não teve nada a ver com as remarcações dos vôos. Foi uma das melhores viagens que fiz, não se esqueçam que lá é França, e portanto tudo é de qualidade, serviços, cias aereas, policia, fora a educação e simpatia do povo. Morea é uma ilha que está na frente do Tahiti, muito parecida! Bora-bora, usada como base americana na 2 guerra, é muito turistica, super estruturada e é a ilha mais distante. As outras, como Huahine, são lindas, mas o povo já não é tão simpático, ainda ve os estranhos com um certo pé atrás. Entretanto valem a visita!

  • Luiz

    Ah, os polinésios dessa região em sua maioria são pessoas de grande estatura, muitos são altos e gordos, não sei a porcentagem da população que é assim, mas isso é visível nas ruas, então os espaços das poltronas da cia aérea tem que ser maiores mesmo, pois lá eles respeitam o cidadão!!

  • Line

    Nossa que lugar incrivel, e com certeza um dos meus sonhos de consumo!

    Parabens pela avaliacao! Deu vontade de ler o roteiro de vcs! Pra saber tudo dessa viagem incrivel!

    Parabens

  • Dênis Colli

    Parabéns Alan!
    Excelente relato!
    Dênis/Leo poderiam inclusive incluí-los no Guia de Destinos do MD…

  • Oi, Alan! Parabens pelo relato. Achei muito bacana, gosto quando os relatos falam um pouco de quem o escreve, conta coisas pequenas da viagem. Isso dá um molho especial, senão fica aquela coisa seca, como em alguns relatos por aqui que chega dá sono. Sei que nem todo mundo tem o dom da escrita, mas às vezes acho que falta saco pra escrever mesmo (então pq essas pessoas escrevem pro MD? Enfim…). As fotos aereas sao geniais, parabens. Serio, fiquei rindo de nervoso aqui..ehehehehe…Ah, uma curiosidade. A Air Tahiti Nui tem um dos voos mais longos do mundo: Paris/Los Angeles/Papeete. Abs

    • Alan Marra

      Valeu!

  • Luciano Rego

    Um dos melhores relatos que vi. Muito bom. E o lugar é simplesmente magnífico. Entrou na lista de desejos 🙂

  • George Cunha

    D-E-M-A-I-S-!!!!!
    Já estou “corujando” para o caso de aparecer uma promoção parecida.

  • Guilherme Dreyer

    Alguém tem sugestão de empresas para estes destinos (Tahiti)???

    Vou em Lua de Mel California e quero passar alguns dias no Tahiti.

    Pesquiso empresas saindo de Los Angeles para lá, mas os valores sempre são próximo a 5 mil reias. Alguma sugestão de empresa mais em conta ou local de saída mais próximo que facilite a redução dos preços???

    Obrigado!!!!

    • Oi Guilherme!

      O Taiti é um destino caro. Mas isso pq a logística é complicada mesmo, vc está indo para um ponto no meio do Pacífico! De Los Angeles acho q a melhor opção é a Air Tahiti Nui, mas pesquise tb empresas como Air New Zeland (A Nova Zelândia fica à 6h de vôo de Pappete), Qantas, entre outras q voam para o Pacífico.

      Abs!

      • Só uma correção…Auckland fica um pouquinho mais perto de Pappete. Em torno de 4-5h de vôo.

        Abs!

    • Jean Eichelberger

      Eu vou para o Tahiti em 10 dias saindo de LA! Os jeitos mais baratos que achei para ir de lá foram através de milhas Smiles que emitem (ou emitiam até uns 5 meses atrás) pela Air France 20000 milhas o trecho e através de agências de turismo especializadas na Polinésia que costumam incluir o trecho LA-PPT. Eu usei uma agência dessas e o gasto total com hoteis mais voos entre as ilhas ficou quase 20% mais barato do que o que eu geralmente faço pra viajar (booking.com + compra no site da empresa aérea).

      • Alan Marra

        Boa dica! Fizemos tudo de forma autônoma.

  • Alan Marra

    Se não me engano também tem voos também do Japão para o Tahiti.

  • Jose L.Padua

    Muito bom! Coisas de um bom Turista! Relatos oportunos.Sinceramente agradecido.

    • Alan Marra

      José, viajante… Nos consideramos muito mais viajantes do que turistas…
      Valeu!

  • Federico Greco

    Parabéns! Relato muito bom

  • Mariana Sampaio

    Adorei esta avaliação!
    Tbm gosto quando a avaliação conta um pouco da história da viagem da pessoa que escreve!
    Fica mais gostoso de ler!

    Parabéns pela viagem maravilhosa, um dos meus destinos do sonho…
    Espero ainda poder realizar!

  • Post bacana e fotos lindas!

  • Fabi

    Ótimo Relato!
    Só fiquei com uma dúvida. Vcs ficaram qtos dias em Papeete?
    Onde se hospedaram por lá?
    Pretendo ir em breve e suas dicas com ctz me ajudarão. Mas quero ficar em Papeete ou Bora Bora mesmo rs.
    Obrigada.

    • Alan Marra

      Fabi, em Papeete ficamos 2 dias em Pa'a, point kilometer 18, bem perto da praia antes de embarcar para Mataiva. No retorno, pernoitamos no Centro mesmo e em frente ao aeroporto, pois devodo à possibilidade de tempestade, a Lan adiou o voo. Nem todo o perímetro do Tahiti é de praia, pois a ilha é vulcânica, perto do mar não significa perto de praia…

  • Antônio Augusto

    Uauhhh!!!
    Q show!!!!!!!!

  • Gabriel Figueiredo

    Lindo demais! E tudo bem rudimentar mas sem perder o conforto!
    Parabéns pelo relato, foram ótimas dicas.
    Deve ter ganhado vários pontos (estrelinhas rsrsrsrs) levar a esposa para viajar no aniversário dela e para o Taiti, bola cheia Alan kkkk.

    • Alan Marra

      Ganhei foi uma canseira da boa… Hahahahaha
      Bola cheia e dentro!

  • Uilson Santos

    Parabéns por compartilhar esta experiencia !!!!!

  • Beto Viajador

    Parabens pelos detalhes e belo relato. Em 2014 pretendo fazer a transiberiana mas em 2015 com certeza irei a Polinesia e outros paises das regiões da Melanesia e Micronesia. Quero organizar a viagem para o Tonga, Vanuatu, Papua Nova Guine, Ilhas Marshall,Palau, Fiji, Kiribati e outros se o dinheiro perrmitir….

  • Carolline

    Adorei o relatório. Gostaria muito de ir ao Tahiti na minha lua de mel, fiz algumas cotações e o valor médio é de R$ 18 mil, por isso gostaria de montar o pacote, pois tenho certeza que ficará 40% mais barato. Alan, você saberia informar se é muito arriscado fazer o pacote só? Porque quero ir para Moorea e Bora Bora e estou com receio dos deslocamento entre as ilhas.
    Você me sugere algo?

    • Marieta Andrade

      Caroline,
      Nós não fomos para Bora Bora, nossa outra opção seria Maupiti…uma Bora Bora menorzinha. Mas no final das contas o Tuamotu foi nossa escolha pelo isolamento e beleza. Mas acabei pesquisando bem o deslocamento entre as ilhas da Polinésia.
      O deslocamento é de avião mesmo. Tem q pesquisar as grades de horários da Air Tahiti…foi o q fizemos. Entre algumas ilhas vc consegue se deslocar de ferry. Nós fomos de Papeete para Moorea dessa forma. E se não me engano de Bora Bora para Huahine e Maupiti tb há empresas de ferry. Com relação aos custos acho q gastamos em média uns 12mil os dois, com todas as passagens, estadias e custos com refeições e etc. Isso contando que ficamos 4 dias na Ilha de Páscoa, 7 dias na Polinésia e 3 dias em Santiago.
      Uma coisa importante: os vôos mudam de horário mesmo em função das condições climáticas. Na nossa volta para Santiago por exemplo, nosso vôo foi cancelado por conta de uma ameaça de ciclone. Tem q ficar bem ligado nisso!
      No final das contas…se tiver oportunidade vá! Eu falo q nenhuma foto vai mostrar o q realmente vimos lá. É sensacional!
      Abs e boa sorte!

  • Alan Marra

    Carolline, viajar é sinônimo de incertezas. Se vc for boa em resolvê-las, sua viagem será sensacional. Senão, poderá ser a maior dor de cabeça da sua vida.
    Aconselho a não depositar todas as fichas de segurança em pacotes programados, pois até o maior profissionalismo das agências de viagem não consegue prever as variações climáticas da região.
    Excetuando a Austrália, a Polinésia foi o melhor local que já fomos! Vale qquer sacrifício.

  • Adorei! Lindo lugar.

  • Carmen Có

    Iaorana Pessoal!
    Alan e Marieta bárbaro ler o relato de vcs! Re-vivi a nossa viagem à PF maio 2010.
    Essa sempre foi minha "viagem de vida". Estudei e planejei por 3 anos. E, como todos dizem, a realidade superou as expectativas! Estivemos 18 dias e fizemos Pappete, Morea, Huahine, Bora Bora, Rangioroa e Fakarava. Como mergulho, muito do roteiro tb atendeu esse critério.
    Semana q vem estaremos num scapezinho mas prometo a todos em 15 dias vou postar nossa maravilhosa experiência na PF. E, por mais que eu tente, fico sempre com a impressão que não existem palavras ou fotos suficientes que traduzam o espetáculo desse conjunto de arquipélagos e sua gente.
    Viajamos LAN e Air Thaiti. Planejamos tudo direto com a AT e foi perfeito. Nas 6 ilhas!!! E para quem tem vontade de ir, não desista! Mesmo não sendo um destino barato, vale cada centavo investido! E sim, montar a viagem assim fica mais barato. Para quem estiver interessado, o nome do agente da Air thaiti que nos atendeu por meses nesse planejamento é Mr. Eremoara Tapare, um jovem thaitino muito gentil, competente e excelente ingles.
    Boa semana! Carmen
    PS: Lonely Planet foi para nós a bíblia da PF!

    • Alan Marra

      Nós amamos o LP! Junto com o MD eles são uma dupla imbatível!
      Obrigado

    • Marieta Andrade

      Carmen,

      Para nós tb está sendo mto legal reviver essa viagem. Revendo as fotos parece inacreditável q passamos esses dias incríveis lá! Além de td ainda tivemos a sorte de sermos os únicos hóspedes da pensão (sem contar q éramos os únicos brasileiros da ilha). Fomos super mimados! rsrsrsrs

      Abs

  • Vivian

    Essas fotografias emocionam qualquer um. Ótimas dicas! Obrigada.

  • ana lucia de moraes

    Parabéns ao viajantes . Relato e fotos fantásticas.

  • Fabi

    Obrigada a cada um q dividiu conosco sua experiência.
    Já decidi planejar mais tempo p conhecer mais ilhas.
    Cada detalhe é fundamental!
    Esse ano vou p Aruba, Curaçao e Bonaire tenho q curtir bastante p ficar dps só planejando mibha ida a PF rs.