Anac notificará Ethiopian por venda irregular de passagens após matéria do Melhores Destinos

Denis Carvalho 19 · março · 2013

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) informou que vai notificar a companhia aérea Ethiopian Airlines por vender passagens para seu novo voo entre São Paulo e Adis Abeba, com escalas no Rio de Janeiro e em Lomé. Em seu site, a companhia já está vendendo passagens a partir do dia 1º de junho e algumas agências também estão oferecendo os voos, que ainda não foram autorizados pela agência aérea brasileira, que tomou conhecimento da venda após matéria publicada hoje aqui no Melhores Destinos. Segundo a legislação nacional, as companhias aéreas só podem comercializar saindo ou com destino do Brasil após receber a autorização da Anac.

A Ethiopian recebeu hoje autorização para realizar voos saindo do Brasil, mas ainda não apresentou pedido oficial para nenhum voo à Anac. A autorização da Anac foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) e assinada pelo diretor presidente substituto Cláudio Passos Simão. As rotas e horários da companhia ainda terão se ser aprovadas pela Anac e podem sofrer restrições, especialmente pela falta de horários (slots) em Guarulhos. A equatoriana Tame, por exemplo, anunciou seus voos para o Brasil em janeiro, com direito a visita do presidente da companhia, mas até hoje não obteve a autorização da Anac.

De acordo com o site da Ethiopian, os voo serão realizados entre o Brasil e Adis Abeba, capital da Etiópia, com parada em Lomé, capital do Togo. Se for aprovado, o voo ET506 sairá da Etiópia às segundas, quartas e sábados, e fará uma parada em Lomé e outra no Rio de Janeiro, de onde segue para São Paulo. O voo terá duração total de 18h40min, saindo da Etiópia às 1h15 e chegando ao Rio às 20h30 e a São Paulo às 23h25, nos horários locais.

No sentido contrário, o voo ET507 partirá de Guarulhos para Lomé e Adis Abeba aos domingos terças e quintas-feiras. As decolagens serão à 1h15 com chegada à Etiópia às 21h25 no horário local. Os voos serão operados em Boeings 767-300.  Sem a parada no Rio, o tempo de percurso é estimado em 14h10min, com saída de São Paulo às 21h25.

Com informações da Anac

Publicado por

Denis Carvalho

Editor chefe

  • Gilberto P Filho

    Anac plantando dificuldade para colher facilidades!!! Mas ao menos um pais africano não vai achar isso estranho… já devem estar preparando vários assentos em business para a cúpula da Anac liberar as vendas o mais rápido possível!!

    • Wagner

      Verdade, qual a dificuldade da agência em liberar, nenhuma. Pura burocracia de interesses ($$$)…

    • Thiago Castro

      Mas a falta de slots é uma realidade e um problema sério!!!

  • Ingrid Oliveira

    Então, só não entendi a parte que diz que a Tame ainda não obteve autorização da Anac…

  • Mendonça J&ua

    Já estava imaginando que isso iria acontecer ao ler o primeiro post sobre o assunto.

    Assim que li, perguntei-me de imediato: como é que ainda não havia obtido autorização para vender, já que isto se deu somente para voar, e são duas coisas completamente diferentes; mas já estava vendendo no site?

  • Fernando Júni

    E porque nenhuma companhia brasileira viaja para a África?

    • Enrico

      Porque a África é aqui.

  • Diego Nascimento

    MD causando no mundo da aviação!

    Huahuahuahuahua

  • Michel Bellelis

    Falando em irregularidades gostaria de comunicar uma boa noticia e outra nada boa sobre a American Airlines. Desde o dia 06 de março eles estao emitindo bilhetes com apenas 30.000 pontos para os clientes do Citibank. Fiz duas reservas no dia 06, inicio da promoção, porem eles debitaram 40.000 de minha conta. Ainda estou brigando para regularizarem porem nao há a menor boa vontade das atendentes. A promoção para clientes Citibank vai até 05 de abril para quem conseguir encontrar trechos. Reservas apenas pelo telefone.Abraço

  • Tito Bosco

    Moço da ANAC, já que o senhor passa por este site dah uma olhadinha nos voos SSA x NAT. Só tem um direto. Um absurdo.

  • Vitor Borges

    Na verdade esta comercialização dos voos não é de hoje. Desde 24/01 havia passagens disponíveis para resgate no Mileage Plus programa da United Airlines para vôos saindo de São Paulo operados pela Ethiopian. Na ocasião escrevi um email para o Leonardo Marques, porque nada havia ainda no MD sobre o assunto, mas talvez tenha havido algum problema no recebimento. De qualquer modo, a comercialização já vinha sendo feito há bastante tempo.

  • Vitor J. Nunes

    Acredito que lendo a matéria do MD acima e com um básico de reflexão crítica, é, no mínimo, imprudente esse tipo de acusação. Ora, então, a empresa pode vender à vontade sem nem ao menos ter slot garantido? Sei… Se a ANAC permitisse isso, esses mesmos depois diriam que o Brasil é uma bagunça, a ANAC irresponsável, não defende os passageiros, etc.

    Vamos ser um pouco mais responsáveis antes de acusar a ANAC que, na verdade, está cumprindo os procedimentos que devem ser cumpridos.

  • Vitor J. Nunes

    hahahaha

    Muito boa essa! Agora podemos falar com a ANAC através do MD. Quem sabe não respondam. Certa fez entrei lá no site, fiz reclamação sobre um fato ocorrido com a Tam e nunca obtive qualquer retorno. Deve ser porque eles ficam lendo o MD e não dá tempo de atender às demandas.

  • Gladston Lucas

    kkkkkk

  • Mas a Anac vai liberar o que se nem pedido a Ethiopian fez ainda?!

  • É isso mesmo: ela está tentando desde janeiro e já fez vários pedidos, mas sem sucesso. O último é de 20 de fevereiro, mas já teve restrição e também não deve ser aprovado! Todos os voos que ela fez para SP foram charter.

  • Rud Patrick de Olive

    Somente a Varig foi uma empresa de bandeira, hoje em dia no Brasil nao ha mais cias aereas assim.

    Um pais como o nosso com tanta gente que viaja e quem lucra somente e as estrangeiras!

  • Rud Patrick de Olive

    Verdade!

  • Ingrid Oliveira

    Ah, caramba, não sabia disso não… Vi os voos da Tame e já tava planejando ir ao Equador no segundo semestre!! Bora ver se até lá alguma coisa muda.

  • Leandro Fonseca

    Prezados, esta empresa vai começar a operar esta semana ou não? Tem site no Brasil já? Tel de contato? Eu não consegui nada no site internacional? queria saber se é possível o stopover em Lomé e/ou adis adeba…

  • Tatiana Escovedo

    Pessoal, acabo de comprar uma passagem RIO-CAIRO-RIO para o fim de setembro e os vôos fazem conexão em LOME, TOGO e em ADDIS ABABA, ETHIOPIA. Alguém sabe se preciso de visto de trânsito pra esses países?