Anac leiloa novo aeroporto de Natal por R$ 170 milhões

Denis Carvalho 22 · agosto · 2011

Não perca mais nenhuma promoção!

Promoções no e-mail

Faça como 1 milhão de brasileiros. Cadastre seu email e receba as melhores promoções de passagens!

Promoções no Whatsapp

Agora você pode receber promoções direto no Zap! Escolha se quer receber todas ou só as melhores!

O consórcio Inframérica foi o vencedor do leilão do Aeroporto de São Gonçalo do Amarante, na região metropolitana de Natal (RN), que ocorreu hoje na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa). Após 87 lances, o consórcio ganhou o leilão com a proposta de R$ 170 milhões, ágio de 228,82%. O mínimo estipulado pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) era R$ 51,7 milhões.

Com isso, pela primeira vez o Brasil terá um aeroporto federal sob administração privada, com prazo para a exploração da concessão de 25 anos. O contrato poderá ser renovado por, no máximo, mais cinco anos, quando o aeroporto retornará ao Poder Público.
Segundo o governo federal, o mesmo modelo jurídico dessa concessão deverá ser usado nos leilões dos aeroportos de Guarulhos, Campinas e Brasília.

O consórcio Inframérica é constituído pela empresa Argentina Corporación América e pelo Grupo Engevix, no qual é controlado pela Jackson Empreendimentos e composto por mais quatro empresas. O grupo vencedor terá até três anos para construir os terminais.

A estimativa da ANAC é de que o consórcio vencedor invista R$ 650 milhões na construção dos terminais e na operação do aeroporto. O Aeroporto de São Gonçalo do Amarante substituirá o atual Aeroporto Internacional Augusto Severo de Natal (RN) e poderá ficar pronto para a Copa de 2014. A previsão de movimento no terminal é de que alcance 3 milhões de passageiros, em 2014; 4,7 milhões, em 2020; e 7,9 milhões, em 2030.

Com informações da Anac

Autor

Denis Carvalho - Editor chefe