American Airlines terá voo de Porto Alegre e Curitiba para Miami

Leonardo Marques 19 · dezembro · 2012

Desde 2011 sabemos da intenção da American Airlines voar para Porto Alegre, porém sempre soubemos que estava muito longe, já que não havia disponibilidade de horários devido a limitações impostas por um acordo existente entre Brasil e  Estados Unidos. Porém, na segunda-feira a empresa confirmou que irá voar para Porto Alegre e Curitiba no próximo ano.

A notícia é ótima, especialmente para os paranaenses que são obrigados a passar por outra capital brasileira antes de ir para os Estados Unidos. Mas é importante alertar que esses voos ainda devem demorar bastante tempo para começar.

Para iniciar esses voos a American Airlines depende de aprovação da Anac e do DOT, a Anac dos Estados Unidos. Porém antes disso, era preciso haver disponibilidade de voos no acordo bilateral Brasil – Estados Unidos que limita o número de voos entre os dois países. Recentemente foi acordada uma flexibilização desse acordo e isso não é mais um problema.

Um outro problema que ainda precisa ser equacionado são as limitações do aeroporto de Curitiba. A pista do Afonso Pena não permite decolar com um 767 com toda a sua capacidade e um avião menor não teria autonomia para voar direto até Miami. Sendo assim, o mais provável que é o voo seja Curitiba – Porto Alegre – Miami – Porto Alegre – Curitiba.

Uma outra possibilidade seria ter um voo Porto Alegre – Miami – Porto Alegre e o voo de Curitiba passando por Guarulhos. Nesse caso os voos de Curitiba só poderiam começar depois de outubro, já que esse acordo bilateral não permite novos voos de Guarulhos para os Estados Unidos antes de outubro de 2013.

Assim que as solicitações dos voos forem feitas nós iremos publicar os detalhes.

Dica enviada pelos leitores André Cella, Juliano Swarowsky e José Augusto.

Publicado por

Leonardo Marques

Diretor do Melhores Destinos

  • Érica Duque P

    Que venham esses voos…e com bons preços…mas ainda não será possivel,pelo que entendi,voo direto partindo de Ctba…mas de qualquer forma que aumente as ofertas…

  • Tiago Torresane

    Existe um não a mais na frase: " …já que não não havia disponibilidade de horários devido a…"

    No mais, ótima noticia, mais oportunidades pro povo do sul! 😀

  • Daniel Guimar&atilde

    Provavelmente o voo sera:

    MIAMI – CURITIBA – PORTO ALEGRE – MIAMI

    Num esquema semelhante ao que a AA fazia com Salvador e Recife.

    Faz mais sentido do que o que foi proposto na matéria.

    Como o Afonso Pena tem realmente restrição de decolagens/peso, o avião chegaria em Curitiba e de lá iria para POA, onde seria feito o reabastecimento para um voo direto até Miami.

    • Daniel Guimar&atilde

      Acho que o Brasil é o país depois dos EUA que tem disparado o maior número de destinos servidos a partir de Miami…

      Talvez só o Canadá supere a gente.

      • Diego

        Graças à American.

        Se dependesse das cias "nacionais", seria GRU e um ou outro vôo do GIG.

        No mais, faz sentido sim que seja MIA-CWB-POA-MIA. Apenas não sei, contudo, se o Afonso Pena não ofereceria restrições de peso mesmo para pouso de um 767, na medida em que embora o avião chegue "vazio" de combustível virá lotado de muamba.

  • Jose Augusto

    É fazer o que, não tem jeito de fazer puxadinho para aumento de pista …

  • Fabio

    Alguém sabe explicar porque a AA é a única cia americana a investir em novos vôos para o Brasil ?

    As demais não saem do eixo GRU/GIG

  • Daniel Gadelha

    Queria ver abrir voo de FOR. O voo REC-MIA bem que poderia fazer escala em FOR.

    • Tito Bosco

      Parece que a AA está com planos de colocar mais voos saindo do nordeste para MIA, Eu li algum tempo aqui no MD. O de Rec nao poderia fazer escala aí em FOR pois o mesmo já sai daqui de SSA pára em REC e segue MIA. O que poderia mesmo era colocar umas aeronaves menos velhinhas pois ir de 757 deve ser que nem ir de Canudos (BA) São Paulo (SP) no convencional.

      • Rodney Soares

        Recife e Salvador já possuem operações independentes. O vôo que era compartilhado foi desmembrado.

  • Rafael C. Bernardi

    Isso não é problema, o aeroporto já recebe cargueiros muito maiores lotados. O problema é sempre decolar lotado pois precisa de muito mais pista. Mas indo até porto alegre o avião sai praticamente vazio de combustível e não deve ser nenhum problema.

  • Jose Augusto

    “American Airlines, which offers more flights to more destinations in Latin America than any other U.S. airline, has signed agreements to codeshare with both Sao Paulo-based TAM Airlines and Bogota-based LAN Colombia, representing a solid stepping stone in building a stronger bilateral relationship between American and LATAM Airlines Group. Once approved, these new codeshare relationships will provide expanded opportunities for American to serve new markets in Brazil and Colombia and for TAM Airlines and LAN Colombia in the United States.

    In addition, American plans to operate a new Dallas/Fort Worth (DFW) – Bogota (BOG) route beginning in late 2013. American will also add service to Curitiba (CWB) and Porto Alegre (POA), Brazil from Miami beginning in late 2013, demonstrating its mission to provide customers with expanded options through a growing network footprint in Latin America. With the addition of Curitiba and Porto Alegre, American will serve nine destinations in Brazil.”

  • Guinho Par

    Ótima notícia!

  • Mauro

    Não entendí por quê a restrição em CWB. A pista é praticamente igual, com apenas 65m a menos.
    http://www.infraero.gov.br/index.php/br/aeroportohttp://www.infraero.gov.br/index.php/br/aeroporto

    • Diego

      Altitude.

      O Salgado Filho está 10 metros acima do nível do mar, já o Afonso Pena está 911 metros acima. Pode parecer irrelevante, mas gera uma diferença operacional para as aeronaves que é exatamente o que precisa para viabilizar um 767 nessas condições em Porto Alegre e não em Curitiba.

  • Sergio

    Será que não dá pra usar o 757 na rota mais lógica?

  • Bruno Willames

    Vocês acreditam que a GOL tá com a cara de pau de cobrar 50.000 milhas nos trechos nacionais do sudeste pro nordeste pra esse natal/fim de ano? Que absurdo!

  • Sheila

    Leonardo e Denis do MD, será que tem chances de surgir uma promo pra Rússia até em fevereiro? To super a fim de ir pra lá… mas ta meio carinho! rs…..

  • Camila

    Grande notícia!!

    Saindo de POA sempre com troca de aeronave em GRU para EUA torna a viagem muito cansativa….

    Vamos agora esperar estes novos voos e as promocões da AA!

  • Alessandro de Ara&ua

    Acho incrível que nenhuma companhis tenha vôos de Fortal par aos EUA.

    O da Tap para a Europa vive entupido, seja na alta seja na baixa temporada.

    Pra ir aos EUA a gente tem que sair daqui, ir pra Sampa pra depois voltar.

    Que sofrimento!

  • David Fernando Gomes

    Bom espero que estes voos venham logo, sair de Curitiba para qualquer outro lugar é muito cansativo, tudo tem que passar por SP ou pelo RJ e olha que os Curitibanos viajam muito para Fora do pais!!!

  • Arlindo A S Ohlweile

    Pelo que sei, o aeroporto de POA tambem não tem capacidade para um avião lotado decolar

    • Fábio Gra&cce

      Então, será que o A330 da TAP, que faz o trecho POA-LIS, decola com restrição de peso? Acho improvável, caso contrário este vôo, possivelmente, não seria viável.

  • Felipe Reddin Werka

    Está mais do que na hora de Curitiba aumentar a pista do Afonso Pena! Salvo engano tem apenas 2,2km e teria que ter 3,6 pra operar esses voos (Fonte: matéria da Gazeta do Povo).

    Enfim, o voo direito iria abrir portas para outros e baratear a passagem, que hoje fica cara por ter que passar por Guarulhos.

  • Thiago Castro

    Chama a mãe Diná!!! hehe

  • Thiago Castro

    Tinha q derrubar logo esse aeroporto de Curitiba e construir outro maior e num lugar com menos neblina. Aquilo lá é um saco pra pouso e decolagem!!!

    • Jose Augusto

      Apoiado !!!

      Já tinham até estudado em Campo Largo.

    • Tito Bosco

      é o aeroporto mais sem teto do país. direto escuto: nao tem teto. eu heim.

  • Karl Kafka

    Ah, o DOT, que autoriza voos internacionais com origem e/ou destino nos EUA, não é "a Anac dos Estados Unidos". É o Department of Transportation, órgão federal que trata de transportes rodoviários, aéreos, marítimos e ferroviários. Equivale ao nosso Ministério dos Transportes.

    • Karl, na verdade sendo mais criterioso ele não é nem Anac nem o Ministério dos Transportes, mas estamos falando aqui de liberação de voos e isso equivale sim à Anac no Brasil.

  • Matheus de Castro

    Alguém com PROPRIEDADE pode falar sobre a pista de Curitiba? Ninguém me convenceu!!!

  • Ricardo Lopes de Ale

    Alguém sabe quando começa a funcionar o consulado americano em Porto Alegre? Esse vôo deve começar a operar em novembro, se até lá já der pra tirar o visto por aqui será ótimo 🙂

  • Luiza Meneghim

    Joinville é bem pior do que Curitiba. Aqui sim, a gente fica sem teto o tempo todo. E o pior é que se for voar internacional, ou arrisca ir por aqui e perder a conexão, ou arrisca pegar a estrada parada pra Curitiba.

  • Welington Felipe

    Olá . Bom sou de Curitiba e estou torcendo para que Curitiba tenha um voo direto até os EUA . E tambem discordo do que falam sobre as limitações do Afonso pena Por que ja viajei para Buenos aires saindo de Curitiba e a sala de Embarque internacional é bem melhor que a de Guarulhos e o processo de imigração o mesmo nivel no AF . Bom como dizia acho sim que Curitiba tenha uma pista suficiente para este tipo de voo por que tem aeronaves carguriras lotadas bem mais pesadas do que aeronaves comercial do modelo 747 da cargolux e decola e pousa em curitiba com segurança e tambem ano passado um voo com cerca de 90% de lotação da Tap usou o AP para pousar e pousou e decolou normalmente então acho que o AP está apto a esses voos .

  • Welington Felipe

    Concordo com você não sei o por que isso acontece .

  • Michael

    CURITIBA é a melhor cidade do BRASIL!!! Temos que ter voos as EUA, Europa e Asia sempre!.