Como é voar com a Air France

Denis Carvalho 14 · novembro · 2012

A Air France é a principal companhia aérea francesa e uma das maiores empresas aéreas do mundo. Fundada em 1933, ela tem frota de 390 aeronaves e voa para 189 destinos em 91 países. No Brasil, a companhia tem dois voos diários de São Paulo e Rio de janeiro a Paris e foi este último a escolha do nosso leitor Victor Silva para seu intercâmbio em Londres, no meio do ano. Confira a avaliação que ele faz da companhia para o Melhores Destinos e veja os pontos fortes e fracos da Air France:

Bom, esta foi a minha primeira experiência com a Air France. Optei por voar por ela, por ser a opção mais em conta que havia no momento. Decidi ir a Londres para estudar inglês no período do recesso junino e como essa decisão estava um pouco em cima da hora para acertar tudo, passagem, o curso… Enfim, as passagens estavam com valores altíssimos! Dentre todas, a Air France era a que tinha o preço bem mais em conta, com uma diferença de até R$ 2 mil.

Voo de ida

AFR443 (Rio de Janeiro-Paris) – Aeronave B747-400, AFR1980 (Paris-Londres) – Aeronave A321

Compra
A compra foi realizada pela CI (Central de Intercâmbio) a empresa pela qual viajei, mas foi tudo feito sem problemas.

Check-in
Como minha partida era de Salvador, fui até o Rio de Janeiro pela GOL. Ainda em Salvador o check-in foi tranquilo, não havia filas. Porém, tivemos um problema com a minha reserva. O localizador da GOL deve ser diferente do localizador da Air France, devido a isso, eles não conseguiam encontrar meu nome na listagem de passageiros. Encontraram até voos que fiz no ano passado pela empresa, mas não encontravam as reservas para o atual.

Os funcionários da GOL foram bastante atenciosos comigo, entraram em contato com a Air France para resolver o problema em questão e finalmente resolveram. O voo de volta tinha o localizador separado, então eles registraram o voo de ida com o localizador igual ao da volta.

Já no Rio, esperei duas horas até o horário para fazer o check-in na Air France. A fila de passageiros estava enorme no balcão da companhia. Nos totens não havia fila alguma e como a mala despachada em Salvador seguiria direto para Londres, sem precisar retirá-la, fiz o check-in em um deles. Foi bastante tranquilo, havia uma funcionária da Air France muito simpática que estava auxiliando no check-in. Após a confirmação, fui colocar etiqueta na bagagem de mão e receber o selo de embarque internacional.
Nota: 10

Embarque
Embora o voo estivesse lotado, o embarque foi pontual, rápido e ágil. As filas eram mínimas para entrar na aeronave. Comissárias educadas e simpáticas auxiliando no embarque. Nos nossos assentos, havia um cobertor, travesseiro, fone de ouvido e um lenço umedecido. Ponto negativo: Estava calor na aeronave, e ouvi alguns comentários de passageiros a respeito, ainda no embarque.
Nota: 9

Avião / Serviço
Como dito acima, o avião foi um Boeing 747-400, prefixo F-GITD. Apesar de seus 20 anos de “carreira”, ele estava impecável! A aeronave estava bem conservada e limpa! Os assentos na classe econômica eram configurados por 3-4-3. O espaço para as pernas não era tão bom – como em qualquer classe econômica o espaço é pouco e as poltronas reclinam muito pouco.

Os comissários eram simpáticos, sorridentes e dispostos a ajudar desde o início. Todos os atendentes da classe econômica eram franceses, exceto a chefe de cabine, que era brasileira. Todos os avisos em português eram passados por ela, após as falas em francês e inglês. Ponto fraco: O áudio da aeronave estava muito baixo, às vezes não era possível ouvir o que dizia o comissário. O comandante de vez em quando passava informações sobre a viagem e a chegada (Paris) em inglês.
Nota: 9.5

Refeições
Logo após a decolagem foi servido um lanche que era um biscoito salgado francês e a bebida à escolha. Cerca de duas ou três horas depois foi servido o jantar. Havia duas opções, das quais não me recordo, mas lembro que o prato que escolhi não estava mais disponível. Me deram a segunda opção, da qual não gostei muito.

O prato acompanhava uma sobremesa, chocolate e queijo. Durante o voo, os comissários passavam às vezes oferecendo chá ou café. Na parte traseira da aeronave havia uma bandeja com sucos e refrigerante à sua disposição.

As opções de bebidas nas refeições eram sucos, refrigerantes, vinho tinto e branco e água. Após recolherem o jantar, as luzes da cabine eram reduzidas para quem quisesse ou conseguisse dormir.

 Após passarmos pela Espanha, foi servido o café da manhã. Diferente do jantar, este foi bom! Havia queijo, presunto, peito de peru defumado, frutas, iogurte, suco de laranja, pão, manteiga e leite. Depois serviram café e chá.
Nota: 9

Entretenimento

Em um voo de onze horas é preciso achar o que fazer para passar o tempo. O avião oferecia um sistema de entretenimento muito bom, com grande variedade de músicas, videoclipes, filmes, séries, documentários, jogos e informações sobre o voo. A programação era “on demand”, ou seja, você podia escolher o que queria ver. Havia apenas uma revista, eu optei por músicas no início do voo e filmes após o jantar.  Achei excelente a programação do entretenimento a bordo!
Nota: 10

Chegada
Chegamos! Sem atrasos e antes do horário previsto no aeroporto Charles de Gaulle (Paris). O desembarque não foi muito demorado, apenas para sair da aeronave. Antes de sair, pedi uma informação à chefe de cabine brasileira, que me respondeu com toda gentileza e bom humor.

O aeroporto de Paris é realmente IMENSO! Minha conexão era de duas horas, e como havíamos chegado antes do previsto, tinha tempo de sobra. Perdi-me por distração, pois havia placas em todos os lugares com informações. Voltei e pedi informação. Tive que ir de um terminal a outro. Neste processo tive que andar bastante e ainda pegar um trem.

Chegando ao outro terminal, encontrei com uma brasileira que estava sentada à minha frente no voo Rio-Paris. Ela estava em conexão para Dublin, então fomos passar pelo raio-x, a fila era grande. A conexão não sofreu atrasos. A aeronave era um A321 e o seu interior tinha um design antigo.

O lanche foi um biscoito salgado francês também e a bebida a escolha. Estava bom para um voo de 40 minutos aproximadamente. Chegamos a Londres sem atrasos e o desembarque foi tranquilo, porém a bagagem demorou tanto a sair, que cheguei a achar que havia sido extraviada. Mas depois de mais ou menos 30 minutos ela chegou.
Nota: 9

Volta
A volta não foi muito diferente da ida. Não houve atrasos, e o serviço foi parecido. A diferença foi que Londres-Paris foi feito em um A319, cujo design do interior era idêntico ao do A321. E, diferente da ida, quando cheguei à esteira de bagagens a minha mala já estava lá!

Conclusão
Voar na Air France foi uma experiência muito boa e única que não deixou a desejar em nenhum aspecto, pelo meu ponto de vista. Ponto forte: Bom humor, simpatia dos comissários, que estão sempre dispostos a lhe ajudar!

Agradecemos ao Victor pelo ótimo relato, que certamente será bastante útil aos demais leitores. Para ler a primeira avaliação da Air France aqui no Melhores Destinos clique aqui.  Já viajou com a Air France? Deixe sua impressão nos comentários abaixo e ajude outros leitores! Se fez ou vai fazer uma viagem com alguma empresa aérea que ainda não foi avaliada aqui no Melhores Destinos ficaremos felizes em publicar sua avaliação: entre em contato com a gente pelo e-mail dicas@melhoresdestinos.com.br Você também pode conferir todas as avaliações publicadas pelo MD neste post.

Publicado por

Denis Carvalho

Editor chefe

  • Ótima avaliação. Parabéns!

  • Bernardo Cretton

    Muito bom, Victor! Fiz em 2008 quase a mesma viagem com eles, mas sendo a aeronave a mesma. Não lembro a numeração do voo, mas peguei o que sai às 16:20h do Galeão. Chegando em CDG, fui pra Hannover num Embraer, esse sim foi complicado, pois sou alto e a configuração 2-1 não ajuda muito.

    • Valeu Bernardo Cretton!! Isso! O vôo foi este mesmo das 16:20. Entendo, é assim mesmo..

  • Guilherme Ortale

    Legal o relato. O CDG é realmente imenso com terminais ovais, com escadas rolantes que sobem e sobem, hehe. Duas dúvidas, não tinha opção de cerveja ? E os famosos Haagen Dazs, não tinham no vôo ?

    • Valeu Guilherme!! Não havia cerveja pelo que me lembro e os famosos Haagen Dazs não tinha mesmo! Abraço

      • Pedro H

        o hagen dazs ees tiraram no ultimo plano de contencao de despesa e cerveja tinha sim! de certeza!!

        alias bebida alcoolica eles dao uma mas se vc quiser mais eh so pedir

  • Carlos

    Já viajei com AIR FRANCE no último ano.Gostei AF,especila as refeições e o serviço dos commisários!Mas na verdade,os assentos da AF são pequininhos.

  • Leandro Santos

    Eu tive a oportunidade de voar com a Air France em um vôo do Brasil para Hong Kong e no trecho CDG-HKG-CDG, que foi operado com um excelente B777, foi liberado sorvete Häagen-Dazs durante todo o vôo! Inclusive para a classe econômica! Era só levantar e pegar na parte traseira do avião!! Uma maravilha!!

    • Isso mesmo Leandro, realmente uma maravilha hahaha. No voo que fiz não havia sorvete, mas como dito, tinha bebidas à sua disposição. Achei interessante!

  • Otimo relato!!! Amei

  • Vinicius

    Parabens, otimo relato

  • Ainda estarei num 747 rumo europa, ou de Air France, British ou Lufthansa.

  • Fábio Barboza

    Excelente avaliação, Victor. Depois de ler, fiquei mais ancioso para os vôos que farei com a Air France, nas minhas próximas férias. Estou pensando até em fazer um relato também.

    Obrigado, Victor.

    Obrigado, MD.

    • Opa, muito obrigado Fábio! Espero que você goste da viagem, assim como eu! Faça sim! Ajuda bastante a quem tem alguma dúvida!

      Abraço!

  • Pedro H

    "Chegamos a Londres sem atrasos e o desembarque foi tranquilo, porém a bagagem demorou tanto a sair, que cheguei a achar que havia sido extraviada. Mas depois de mais ou menos 30 minutos ela chegou."

    30 minutos seria tempo record no galeão! ja esperei 1:30 pela mala la!

    Gosto muito da AirFrance, mas prefiro pegar o voo com o A330, é muuuuuito mais confortável que o 747

    • THIAGO SSA

      1:30 pela mala no Galeão?

      Caramba, é o pecado por pregar o cristo na ponta de um penhasco. kkkkkkkkkkkkkkk.

      Mais semana passada fiz um conexão no Rio (sem bagagem despachada) e foi exatamente 1 hora desde a parada total da aeronave até entrar no terminal por desembarque remoto.

      Não tinha escada, não tinha ônibus, não tinha nada…

      É muito "mangue". E não foi a minha primeira experiência nesse caos.

    • Fábio Barboza

      Pedro, quais são as diferenças entre as mesmas classes nos 2 aviões (B747 e A33)? Seria o espaço entre as poltronas? Ou existem outras diferenças mais importantes?

      Abraço.

      • Pedro H

        eu acho o A330 mais espaçoso, alem da configuração 2-4-2

        menos vizinhos aos seu lado

        alem disso a menor capacidade do avião (uns 50% a menos) faz o embarque e desembarque mais rapido!

    • titobosco

      Mas diiiizem que o 747 é bem mais estavel em turbulências do que um A330.

      Vitor, o voo foi tranquilo, sem muitas turbulencias devido o porte do aviao e o bom tempo ou vc pegou alguns transtornos na travessia? valew!

  • Vitor J. Nunes

    A GOL (GOLL4) não conseguiu reverter os prejuízos e voltou a registrar perda de R$ 309,3 milhões no terceiro trimestre de 2012 (3T12)…

  • Grato Rodolpho!

  • Daniel Matos

    Parecido com o meu. Acabei nem mandando o review pro MD pq na época q eu viajei ainda nem acompanhava o site e nao fiz a viagem com esse "olhar de review" hehehe. Mas ainda me lembro dos detalhes. Só que eu fui no 777-300ER na ida e na volta. Mas parece q era provisório pro trecho. A AF costuma usar o 747-400 mesmo. Depois fiz conexão em Londres na ida e de Berlim na volta (com stopover de 1 dia em Paris pq ninguém é de ferro. hehehe)

    • Daniel Matos

      Em tempo: viajei em outubro/novembro do ano passado e paguei cerca de 2000 Reais todos os trechos incluindo as taxas e mais 180 de taxa pelo stopover.

      • Pedro H

        esquisito pq o stopover na airfrance eh gratuito sempre

        • Daniel Matos

          Eu não sabia como funcionava isso. Eu liguei pra lá poucas semanas antes da viagem pra perguntar se tinha como quebrar a minha passagem de volta Paris-Rio em um dia, ja q eu chegava de Berlim pra fazar conexão em Paris. Aí a atendente me ofereceu os voos disponíveis e disse que eu poderia alterar o trecho mas teria que pagar esse valor. Hoje em dia eu sei melhor como funciona isso e tal, talvez perguntaria no ato da reserva logo mas só decidi depois também. Comprei a passagem com uns 6 meses de antecedência e comprei pela internet. Teria que fazer pelo tel pra perguntar tudo de uma vez.

          Da próxima vez que eu for, se precisar fazer conexão com stopover eu me informo melhor.

    • Pedro H

      ele tinham o 747-400 e o A330, depois colocaram o 777-300ER no lugar do 747 pq tinha a nova 1 classe!

      depois q renovaram o 747(como por exemplo colocar as telas individuais) voltaram com ele. Ficaram mais de um ano com o 777

      eles ate voariam com o A380, mas nao ha aeroporto pra isso!

      • Na semana passada, a Airbus disse que Guarulhos e Galeão já tem condições de receber o A380. GRU, aliás, já tem autorização da Infraero, pedida pela Emirates. Em breve devemos ver esses gigantes por aqui!

        • Pedro H

          Se já demora uma vida pra pegar mala saindo de um 737 imagina na saida de um A380!

          Nao acredito tao cedo em um A380, sobretudo no galeao. Em GRU e outra coisa ate pq o outro terminal ja ta vindo e expurgaram a Infraero de lá!

      • Na semana passada a Airbus afirmou que GIG e GRU já tem condições de receber o A380. GRU, aliás, até já teve autorização da Infraero, a pedido da Emirates. Creio que logo veremos estes gigantes por aqui!

      • Daniel Matos

        Tenho curiosidade em voar num jumbo (e mais ainda no Superjumbo) mas achei excelente o 777-300ER. É o bimotor mais potente do mundo. E por dentro era muito bom também. O avião é pouco barulhento e sacode bem menos que um normal.

        Pelo que deu pra ver nas fotos que ele postou, a tela da poltrona não possui controle remoto. No 777 tinha. Bem melhor pra não precisar ficar esticando o dedo na tela pq a sensibilidade do touchscreen era meio ruim. A passageira da frente até reclamou comigo pq tava tentando dormir e eu tava dedando forte ela por trás (sem trocadilhos, por favor kkkkkkkkk)

        • Daniel Matos

          Fiz até videos do pouso e decolagem. Ta no Youtube. Depois se quiserem eu posto aqui. Adoro filmar pousos e decolagens dos voos que eu faço. hehehe. O pouso da ida foi lindo demais. Chegando em Paris com o sol nascendo ao fundo, atrás da asa do avião.

  • Victor N.

    É tudo muito parecido com a KLM, mas achei a comida da KLM melhor. As refeições que fiz no meu vôo GIG-AMS foram boas. Serviram um sorvete carioca horroroso, mas o resto foi ótimo. Acho que o serviço da AFKL já está bem padrão! Bom review, Chará 🙂

  • EDSON SIEG

    Ótimo Relato, e valeu por ter compartilhando conosco. Tem hora q o orgulho nacional fala um pouco alto, e eu achava que a Air France, a Lufthansa, a British eram muito superiores a TAM , a´té viajar com elas (aliás, Tam que já não é mais nossa, mas não há como não pensar em Brasil quando se fala nela). Mas sinceramente não vi diferença de serviço entre a Air France e a Tam tanto na presteza dos comissários quanto no serviço. Diferença mesmo só percebi quando voei pelas com as companhias americanas (aí sim, diferença p pior) e com a Qantas e a Virgin (muito melhores). É por isso isso q é legal a gente compartilhar experiências mesmo, pq já vai sabendo +- oq esperar. Por exemplo, iberia: alguém vai esperando algo a mais além do assento sem entretenimento e comissárias q nuunnnnca vão te atender?? Acho q não. De qualquer jeito valeu, amigo!

    • Pedro H

      Achei a tam pessima. o entretenimento pior, o servico de bordo nem se compara

  • daniele saboia

    Voei 2 vezes pela Air France e só tenho elogios a companhia. Nas minhas vigens logo após a decolagem serviram champanhe e tinha sorvete e sanduiches liberados durante todo o voo.Também era possivel pedir cerveja e vinho durante o voo. Já voei por outras companhias e acho a air france uma das melhores e a KLM que agora pertence a air france é tão boa quanto.

  • Ótimo relato – já voei Air France em 06 oportunidades – por opção – sem dúvida é a que oferece os melhores serviços – com excelente custoxbenefício. Faço o trecho GRU – MUC com conexão no CDG. Sempre que voei com menos de uma hora serviram pão francês além de bebidas (vinhos branco ou tinto) além do excelente serviço de lanches que estavam disponiveis para quem quisesse durante todo o voo. Com sorvetes Häagen-Dazs – a disposição. Em suma..pra mim é a melhor CIA.

  • Fernanda

    A minha experiência com a Air France não foi tão boa quanto eu esperava… recentemente fiz 2 trechos com ela. O primeiro, de Londres a Paris, atrasou uma hora e meia por algum problema na pista. E o segundo, de Paris ao Rio deu overbooking. Por a recompensa financeira ser boa eu me ofereci para ficar de fora caso fosse necessário e acabei ficando mesmo. Nesse ponto tenho que ser justa, pois me colocaram num ótimo hotel e em voo direto na volta, como seria o meu no dia anterior. Mas, no dia seguinte, o voo em que voltei estava com problemas no entretenimento ä bordo para alguns assentos… e adivinhem? O meu era um deles! Fiquei 4 horas vendo paisagem, espero a comissária "resetar" 7 vezes o sistema (já não aguentava mais) e ainda fui ignorada por uma delas, tive que ir na cola dela pra ela me ajudar. No fim das contas, depois das 4 horas, ela conseguiu me trocar de lugar com uma outra senhora que reclamava que não tinha apoio para colocar os pés, pois estava naqueles assentos do lado da saída de emergência. Resumo da história, a Air France não foi o que eu esperava e só voaria com ela novamente caso a diferença de preço fosse muito vantajosa!!!

  • Vanderlei PG

    Voei AF em Maio/12, no 777, foi excelente, espero em breve repetir…recomendo AF !!!

  • Paulo Poffo

    Colegas, a Air France tem um pequeno diferencial quando está utilizando o 747, existe uma classe de assentos PLUS na parte superior do avião, é um pouco mais de espaço por apenas U$70,00 – Vale a pena o upgrade ! Boa Viagem

  • Fernando Tenó

    Fiz o trecho CDG/GIG em junho passado com a Air France e achei excelente, muito superior à TAM tanto na aeronave(A330)quanto no entretetimento a bordo, refeições, Haagen Dazs à vontade, simpatia da tripulação e até nas milhas pois na ida pela TAM foram 40.000 e na volta pelo Smiles 35.000. Sempre que puder voarei pela Air France.

  • Luciano

    Valeu Victor, a última vez que voei com a Air France foi em 1992, em um 747 nessa rota Rio-Paris, mas "naquela época" fazia uma escala em Recife…Bem, pelo seu relato o comportamento da tripulação mudou, pois a característica deles era a total falta de paciência e educação :-). Depois de 20 anos resolvi "testar" novamente o serviço da Air France, em janeiro vou fazer a rota São Paulo – Paris e o seu relato me deixou mais tranquilo. Valeu.

  • Entendo, não me recordo mesmo, rs

  • IKE RIBEIRO

    a primeira vez que voei AIR FRANCE,PARIS/ SEOUL, foi fantastico em 2006, mas a segunda vez em 2008 , no mesmo trecho, foi terrivel, uma pessima tripulação, comida, num todo haja vista que avisei do incoveniente atodos as pessoas que conheço do meio corporativo, pois quem utiliza a aviaçao para longo percurso merece assim como os demais respeito e bom atendiemnto. AIR FRANCE, já foi uma boa empresa.

  • Sim, mas em termos de reglamentação, como o caso, as concessionárias têm que seguir o que a Infraero determina. Pelo que têm declarado as companhias, o A380 deve vir com certeza a té a Copa de 2014, mas a chance é grande já para o ano que vem.

  • Kkkk, entendo. Daniel, o vôo de ida realmente não havia controle remoto! Apesar de o touch não ser tão sensível era possível utilizar sem dores de cabeça… Já no vôo da volta, o monitor era menor, e havia o controle no braço da poltrona!

  • Esqueci de citar que os comissários não recolhem os travesseiros, cobertores, nem fones.. Diferente da TAP e outras, apesar de não recolherem, não significa que pode levar para casa… Mas… Rs

  • Bernardo Cretton

    Tito, quando fui, foi com o 747, de 4 motores, esse jumbo da Boeing não treme nunca, assim com o A380, os 4 motores estabilizam qualquer tremida.

  • Acabo de encontrar o cardápio! Havia cerveja sim, e na ida o jantar era: Salada ao estilo Nice, fricassê de frango com molho cremoso de mostarda e arroz com milho (Eu havia escolhido este) ou Salada ao estilo Nice, Ravioli de queijo com molho de tomate e manjerição. Ambas opções acompanhava: queijo, doces, bolo de limão, chá e/ou café.

  • Marcus

    Relato interessante, mas que apresenta algumas notas incompreensiveis. Não tinha o seu prato, o que veio estava ruim, e mesmo assim uma nota 9? Se fosse barrinha de cereal seria oito?

    Perdem sua reserva, não tinha ninguém no check in, e deste nota dez no item? Espaço apertado e áudio baixo (isso é sério) e ganha 9,5?

    Tiraram até o Hagen Daz, uma das poucas coisas boas da AF.

    Desculpe, amigo, mas voce misturou a aérea com Paris e Londres. Seu vôo apenas comprovou que a AF é uma companhia média, de nota oito pra baixo. Se tá dando essas notas para a AF, quando voar Emirates, Qatar, Asiana ou Singapore vai ter que dar nota 17 ou 18 pra esses itens.

    • Fabio

      Ja voei 4X na Emirates e eh realmente muito boa . Mas a AF nao cobra US$15 por 1/4 de garrafa de Champagne como a EK

  • luciene oliveira vie

    Ano passado a Air France fez uma excelente promoção, voei em março deste ano por 1400 reais São Paulo-Lyon. Ótimo atendimento para uma classe econômica. Pena que este ano não tive a mesma sorte e acabei aproveitando a promoção da Tam.

  • Pedro H

    todo voo intercontinental da air france tem isso

    o a330 e 777 tbm tem

  • Daniel Matos

    Pra aguentar o tranco devem colocar os voos pra chegar e partir daqui de madruga, quando o movimento de passageiros é menor. Assim facilita mais dar conta da quantidade de gente desembarcando, embarcando e de bagagens nas esteiras.

  • Érica

    Vitor,

    Reintero as suas palavras…viajei agora final de out GRU-CDG e tive as mesmas impressões…principalmemte da alimentação e carisma dos comissarios.Já na volta inicio de nov fiz AMS-GRU pela KLM e tb tive uma otima impressão em todos os aspectos.Não saberia dizer quem se saiu melhor AF ou KLM…Parabéns pelo relato!

  • Maria Florentina dos

    Olá,

    Voei com a Air France algumas vezes – 2005/2006/2007 e em setembro e outubro de 2012, sempre Rio/Paris/Rio. Tive experiências boas e ruins. Derramaram champanhe em mim, perderam minhas malas, comissários antipáticos. Mas os dois últimos voos foram ótimos. Check-in rápido, atendentes prestativos, embarque tranquilo, sem atraso, comissários simpáticos, inglês, espanhol, italiano e português, por um brasileiro, eram falads pelos comissários. Logo após a decolagem, foi servido um "aperitif" – amendoim e uma bebida – eu escolhi champanhe. Após umas 3 horas, o jantar. Não me lembro o que era, mas sei que gostei. No centro da aeronave havia bebida, sanduíche e picolé Hagen Daaz à vontade durante toda a noite. E o entretenimento é ótimo. Assisti a 3 filmes. E a volta foi igual. Adoro viajar com a Air France. Esta última vez, então, foi a melhor de todas, pois não gastei um tostão. Fui com as milhas do programa Smiles.

  • Fabio

    Ainda considero a AF o melhor jeito de ir para a Europa ( nunca fui de British nem Turkish )

    Sempre teve Haagen Dazs mas , o melhor nao falaram , que eh champagne Chales Heidsieck servido a volonte. Eh so pedir . Sem contar o open bar com sanduiches de salmao defumado.

    E optem sempre pelo A-330 , muito mais confortavel .

  • Nelson

    O A330 e o 777 não têm parte superior (upper deck), apenas o 747 e o A380 oferecem essa cabine.

  • Victor Silva

    Marcus, as notas foram dadas diante do meu ponto de vista. Algo que me chamou atenção no seu comentário foi: "Perdem sua reserva, não tinha ninguém no check in, e deste nota dez no item?" Então.. Segundo a GOL o problema foi decorrente da compra na CI. No horário do check-in, a central da CI não estava funcionando ainda, então eles entraram em contato com a Air France para resolver o problema. E que por sinal resolveu rapidamente e sem dores de cabeça. E por mais que o problema fosse no check-in da GOL, a avaliação aqui é da Air France, as notas foram dadas aos seu serviços, e como nada ficou a desejar, a nota 10. Quanto ao "não tinha ninguém no check-in" não entendi. Em qual parte eu citei que não havia ninguém no check-in? Espero que quando viaje em uma dessas citadas, eu possa sim dar nota 17 ou 18. Quanto melhor os serviço deles, melhor para nós não é mesmo?

  • Sergio Serra

    Peguei a AirFrance em fevereiro, de Paris a Moscou, depois de sair correndo pelo Charles De Gaulle para não perder a conexão. Os funcionários foram muito atenciosos, e o serviço de bordo excelente. Fui suprido de tantas garrafas de vinho quantas quis, e o almoço servido foi nota 10.

  • Ruan Fernando Cardos

    A minha bagagem de CDG-LHR foi extraviada. O funcionário ao invés de colocar no meu nome, colocou no nome do passageiro que estava abaixo do meu e eu nem vi. Quando cheguei em Londres e minha mala não, fui ao balcão e informei. No outro dia cedo (ou um dia depois) minha mala chegou ao albergue.

  • Victor Silva

    Que bom que foi útil, Luciano, boa viagem e aproveite! Dou 100% de certeza que vai ser totalmente diferente da sua primeira viagem pela AF! Abs

  • Raquel Miranda

    Oi Vitor!

    Estou indo pra Paris no dia 7 de maio, e volto por Londres, no dia 18.

    Meu voo saindo de Londres tem conexão em Paris, e só estou com um medo: quando desembarcar em Paris, o voo que tenho que pegar Paris-Rio só tem 1:10 de espera.

    Como o aeroporto é enorme, estou com medo de perder esse voo!!!

    o que você acha? tem alguma dica pra me ajudar?

    abs,

  • Paulo Henrique Cardo

    Alguem já voou na classe economica premium da air france? sabe me dizer se realmente é boa? Qual o diferencial entre a economica premium e economica? Sabem me dizer o valor de upgrade pra essa classe?

  • Raquel

    olá Jonas,

    Estarei viajando de paris Rio pela Air France, A330-200 escolhi o assento na fileira 36 D 36 E e 36 F,
    Raquel Soares

  • Raquel

    olá , Estarei viajando de paris Rio pela Air France, A330-200 escolhi o assento na fileira 36 D 36 E e 36 F,
    Raquel Soares

  • Raquel

    olá estarei viajando de paris para o Rio de janeiro pela Air France, Air Bus A330-200 escolhi os assentos na fileira 36 36 E e 36 F podeira me informar se fiz boa escolha ou deveria trocar ?
    Raquel Soares

  • Leonardo Carneiro

    Vou fazer esse vôo (GIG – CDG – LHR) agora em Janeiro. Pela minha reserva, o avião é um 777-300ER no primeiro trecho e um Airbus A320 no segundo. Alguém sabe confirmar se qualquer um deles tem tomada pra carregar notebook na poltrona?

  • Michel Lima Gonçalves

    Você fez a imigração em Paris ou em Londres. Isto é importante saber pela questão de calcular o tempo para conexão. Estou pensando em ir à Lisboa em Jan de 2016 e os preços Air France/KLM são os melhores.

  • Samuel Taveira Barbosa

    Eu tenho uma dúvida quanto à bagagem na airfrance: a medida max que eles colocam para a bagagem de porão é verificada? Seria muito arriscado ir com uma mala centímetros maior, no caso de multa?